Não Importa a Idade

Cerca de 7690 frases e pensamentos: Não Importa a Idade

Os anos que uma mulher subtrai à sua idade não são perdidos - acrescenta-os à idade de outras mulheres.

Diane Poitiers

Eu tinha 20 anos. Não consentirei que ninguém diga que é a idade mais bela da vida.

Paul Nizan

As vozes não têm idade
quando falam de terremotos
à luz das lareiras.

Kyoroku

sonho ou meta ?



Uma meta é um sonho com prazo.

Dar um prazo ao seu sonho tira você do vago “algum dia”.

Com uma meta, o sonho adquire vida própria e cria um limite de tempo dentro do qual poderá ser realizado.

O simples ato de criar uma meta começa a liberar o poder e o impulso que o ajudarão a alcançá-la. Mas para chegar a isso é necessário planejar todas as etapas que terá de vencer para chegar lá.

Não tenha medo do poder que existe em planejar. Uma das maiores razões que geralmente impede as pessoas de planejarem é o medo do compromisso e de seu primo em primeiro grau: o medo do fracasso. Não há problema quando se trata de pensar no que precisamos fazer para realizar alguma coisa, mas se traçamos planos bem definidos e o colocamos no papel, podemos fracassar.

Por isso, faça um planejamento realista e deixe-o ser a força motivadora que o levará até o fim. E lembre-se: a diferença entre um sonho e uma meta está no ato de planejar. Se você não o planejar, sua meta permanecerá apenas um sonho de “algum dia”.

(texto de Hyrum W. Smith do livro O que mais importa

Que importam os anos? O que importa mesmo é comprovar que afinal de contas a melhor idade da vida é estar vivo.

Quino

Quilômetros importam na matemática. Idade só importa pra dirigir. E peso, é coisa de nutricionista. No amor, só importam os sentimentos.

A Pequena Sereia

Ñ importa idade ou raça ,oq impota é o AMOR.
Pq o AMOR e pra sentir, ñ p entender!

Tereza

LIBERE A CRIANÇA QUE EXISTE EM VOCÊ!


NÃO IMPORTA A IDADE, MANTENHA A CRIANÇA QUE EXISTE EM VOCÊ LIVRE.
SÓ ELA TE LEVARÁ A CAMINHOS ESQUECIDOS NO TEMPO, LUGARES ONDE AINDA EXISTE ALEGRIA.
LIBERE A CRIANÇA QUE EXISTE EM VOCÊ!

Vamos comparar a diferença das atitudes entre crianças e adultos?
O adulto diz: - Não coma chocolate na cama, você vai acabar dormindo sem escovar os dentes!

Você já experimentou, sem sentir culpa, comer uma barra do seu chocolate ou doce preferido na cama e dormir em seguida? Porque será que vem um soninho tão bom?

O adulto diz: - Entre em casa! Está começando a chover, você vai ficar resfriado e depois eu é que vou passar a noite cuidando de você!

PRIMEIRO: Você já tomou um banho de chuva inesperado?
Sabe aquela pancada que vem de surpresa e você não chega a um lugar coberto a tempo?
Percebeu que depois de alguns segundos vem uma sensação que lava não só o corpo, mas a alma também? E você se entrega...
Nunca???? EXPERIMENTE! É indescritível...

SEGUNDO: Ao dizer ao seu filho “a chantagem”, se é assim que podemos chamar, de que vai ter que passar a noite acordada cuidando dele se ele se resfriar... Peraí!!! Percebeu que além de transformar algo prazeroso em culposo, você ainda acrescentou até um certo remorso nele? Tudo bem que tem horas, momentos, etc... que um banho de chuva seria fora de propósito, mas generalizar, fazer de tudo que foge dos padrões uma neura, transformar as belas e gratuitas sensações que a vida nos presenteia em temores, medos e culpas. Peraí!!!

A criança, sorri de uma bola de chiclete que estoura e gruda no rosto, cabelo, etc...
Sorri ao ver seu cãozinho arrastar e esconder o sapato preferido de sua mãe.
Sorri livre e espontaneamente ao encontrar seus amiguinhos ou até para um estranho que o olhe com bondade e faça uma graça. Sabe por quê? Porque ser criança é enxergar com olhos de amor, de bondade, inocência, de vontade de estar alegre.

A gente sorri assim ao encontrar as pessoas?
Ou primeiro observa rapidamente como se videntes fossemos e nos seguramos para soltar aquele “OLÁ! COMO VAI VOCÊ, A FAMÍLIA, O CACHORRO?”
E o receio de receber um:
“-Bem." meio sem graça e indiferente...

Sabe, eu já me peguei em situações assim, e afirmo que minha consciência do momento e das pessoas, me fez enxergar que arriscar um “OLÁ! COMO VAI? ou um “BOM DIA! BOA TARDE! UMA ÓTIMA NOITE PARA VOCÊ! É muito compensador.

Quebra o “clima”, abre portas e janelas de comunicação e na pior das hipóteses, você vai perceber que o receptor não está em sintonia com a vida naquele dia, se mostrando indiferente, mas aí, isso já não é problema seu.
Nós podemos influenciar as pessoas, não determinar que elas sintam o que sentimos.
Podemos e devemos determinar que as pessoas não nos façam sentir o mal que elas sentem, isso sim! Só depende de nós.

Nossos sentimentos e emoções regem nossa vida e nós temos que comandá-los, não nos deixar dominar pelo meio em que estamos ou passamos.
Quando o meio é favorável, ótimo! Mas se não, você comanda sua vida, você decide o que quer sentir e como.

Por isso muitas vezes eu insisto em ser criança, não quero dizer com isso que sou irresponsável ou inconseqüente.
Mas como é bom enxergar com olhos de inocência. Mesmo sendo adulta, não absorver certas coisas que prejudicam minha visão interior, que embotam as avenidas da minha alma, que eu tanto luto para preservar belas.

INOCÊNCIA, palavra linda!
A vida nos tira a inocência a cada ano de nossa existência. Mas a generosidade, a bondade, o amor, o acreditar que todo ser humano tem seu lado bom, a vida não tira.
Nós é que deixamos de lado, substituindo por sentimentos que nos levam a ser descrentes da vida e a acordar acreditando que temos que “MATAR UM LOBO POR DIA”, sendo que os lobos e monstros, são na maioria das vezes nós mesmos quem criamos, alimentamos e os deixamos do tamanho que queremos!

Eu convido você a rever quais são as coisas que realmente fazem VALER À PENA nosso estresse, nossa saúde prejudicada, enfim, nossa falta de "Qualidade de Vida, cada dia e momento!"

“ADULTOS / CRIANÇAS”
Responsáveis! A mistura perfeita!
Não ansiosos ou estressados.

Encontrar esse equilíbrio, perceber os movimentos da natureza.
O correr das águas, a paisagem das nuvens e ainda sentir vontade de comer algodão doce.
Observar o brincar das crianças reaprendendo como se brinca.
ESSA É A MUSICA DE DEUS.

Jesus disse: Deixai vir a mim os pequeninos, não os embaraceis de vir a mim, porque dos tais é o Reino dos Céus... (Mateus 19:13-14)


Não importa tamanho ou idade.
LIBERE A CRIANÇA QUE EXISTE EM VOCÊ!

Feliz é aquele que consegue manter a alegria e a pureza da alma, mesmo em um mundo tão impuro.
Pule, brinque e cante uma canção com o coração!

DESEJO VER VOCÊ SORRIR SEMPRE, DE CARA LIMPA E CORAÇÃO ABERTO.

JUSSARA BARBOSA

NÃO EXISTE DIFERENÇA

QUANDO AMAMOS
NÃO IMPORTA A COR A IDADE
SE É SURDO,MUDO OU CEGO
O QUE IMPORTA É O QUE SENTIMOS

HANNY

O segredo da juventude é viver honestamente, comer
devagar e mentir sobre a idade.

Lucille Ball

DIZERES ÍNTIMOS

É tão triste morrer na minha idade!
E vou ver os meus olhos, penitentes
Vestidinhos de roxo, como crentes
Do soturno convento da Saudade!

E logo vou olhar (com que ansiedade! ... )
As minhas mãos esguias, languescentes,
De brancos dedos, uns bebés doentes
Que hão-de morrer em plena mocidade!

E ser-se novo é ter-se o Paraíso,
É ter-se a estrada larga, ao sol, florida,
Aonde tudo é luz e graça e riso!

E os meus vinte e três anos... (Sou tão nova! )
Dizem baixinho a rir: “Que linda a vida! ... ”
Responde a minha Dor: “Que linda a cova! ... ”

Florbela Espanca

Quem conheceu a mais exigente das paixões, aquela cuja duração é cada dia abreviada pela idade, pelo tempo, por uma doença mortal, por algumas das fatalidades humanas, compreenderá os tormentos de Eugênia.

Honoré de Balzac

Nesta idade, os rostos dizem tudo. A palavra é inútil. Há jovens cuja fisionomia diz mais do que a boca. Olha-se para eles e fica-se a conhecê-los.

Victor Hugo

Quilometros importam na matématica,idade so para dirigir,e peso pra nutricionista.Mas no amor so importa os sentimentos.

Pequena Sereia

Não tem idade. Não tem tamanho. Não tem peso. Não tem cor. Não tem pessoa certo. Tem o momento certo, o resto é detalhe.

Pequena Sereia

Eu tento, juro que tento. Mas a droga do romance não me deixa em paz. Eu não tenho mais idade para ficar morrendo de vontade de dar para um cara e ficar enrolando até ouvir juras de amor eterno, francamente isso não é coisa de mulher! Mas depois passo anos pensando se não fui muito fácil. Eu vou lá, mato minha vontade, tomo um belo banho, volto independente e resolvida pra casa e acordo no dia seguinte morrendo de vontade de ganhar flores, receber ligações românticas e promessas eternas. É uma praga.

Tati Bernardi

Entender a IDADE MÉDIA não quer dizer que está é inferior a IDADE MODERNA. Mas é perceber que a classificação dada foi feita pelos modernos, que tinham por objetivo inferioriza-la, contudo muitos ainda vivem com rotulações e classificações absurdas.

Idade Média - Idade moderna - rotulos

Quem sou?!
Eu sou para cada pessoa aquilo que ela acha que eu sou, mas o que para mim importa é o que eu estou a procura de ser e isso eu ainda não sou.

Angela Delphim