Não Guardo Rancor

Cerca de 29 frases e pensamentos: Não Guardo Rancor

Não guardo mágoas, nem rancor...só lembranças !

Leônia Teixeira

" Não sou vingativa, mas tenho orgulho próprio; Não guardo rancores, mas tenho boa memória; Não choro à toa, mas sou bem sensível; Não sou indiferente, mas respeito a vontade de cada um; Não sou deslumbrada, mas acredito no bom senso. Não sou apática, vivo intensamente cada momento; Não sou risonha, tenho espírito alegre; Sou seletiva, conservo verdadeiras amizades (poucas), procuro ser justa e luto por aquilo que acredito.
Respeito o próximo, desde que ele se dê ao respeito, mas também cobro respeito;
Me sinto querida, apenas sendo eu mesma.
Sei que nunca agradarei a gregos e troianos, mas me contento em agradar quem me cativa.
Ser feliz é uma escolha e eu escolhi ser feliz!
Essa sou eu !

Denise O Garcia

Eu não guardo mágoas nem raiva; nem o rancor e o ódio. Também não guardo palavras, sinceridade e a profundidade de minhas paixões. Eu não guardo, eu despejo tudo, sem controle, sem medo que transborde. Despejo tudo sem medo, alguns acham que para salvar outros, mas querem saber a verdade? Estou lutando para salvar a mim mesmo.

Felipe Sandrin

Não guardo rancor das pessoas que um dia me fizeram mal, mas já mas me esquecerei das dores que causaram.

Negrinho Real

Um TE AMO da boca pra fora, pode machucar o coração.
Nao guardo rancor, guardo nomes.

Almir Pedro meio k

Não guardo rancor, só costumo guardar coisas boas no meu coração.

Roney Raduã

Não guardo rancor, pois sei que não vai mudar o que aconteceu. Mas sei também que perdoar, não evita que aconteça de novo...'

Rafinha Alves

- E o dia que entenderes a beleza das coisas simples, te compreenderas.

Eu não guardo rancores, para eles não me causarem dor.
Eu não guardo tristezas...
Eu só guardo as mais puras belezas, das coisas mais simples e sinceras.
Eu amo tanto as belas como as feras.
Eu demoro a me apaixonar, custo a amar, mas quando me entrego, entrego minha alma, meu mais puro sentimento.
Me machuco, me perco em uma escuridão sem fim, mas logo percebo que a luz volta para mim. Por que? por que eu não guardo tristezas, eu não guardo rancores.
Eu só guardo o mais puro dos amores.
Eu sou as asas das borboletas em busca das mais belas flores, sentindo a brisa, as cores e em busca dos sabores.
Eu sou o que sou, um ser perdido nas lacunas que a alma não preenche que o corpo padece e a alma senti.
Eu sou tudo aquilo que eu quero ser, sem sair do lugar, assim como vou posso não mais voltar, eu sou a tristeza a angustia e a dor, e ao mesmo tempo sou a alegria, felicidade e fervor, sou o tudo completo do nada.
Sou o sereno que cai na madrugada, o orvalho ao amanhecer, sou tudo aquilo que você nunca vai compreender !

Ingrid Porto Labres

"Não guardo rancor de ninguem, pois sei que isso irá me fazer mal."

HGA