Minha Tia Querida

Cerca de 24 frases e pensamentos: Minha Tia Querida

A coisa mais linda..
minha família!
minha vó, minha prima.
até minha tia que irrita…

barracos inesquecíveis!
abraços hereditários.
primos incríveis…
heróis imaginários.

programas de índio,
até sessão da tarde.
banho de rio…
e buteco da esquina.
pra pouca verba…
e muito verbo.

tudo combina..
e vira tinta..
na cara de quem não se cansa,
nem descansa.

Só de pirraça.
pra quem tem a raça…
de ser do carvalho!

Ana Carvalho

QUERO UM AMOR QUE SE PERDEU NO PASSADO.
QUERO VIVER JUNTO. JUNTO COMO DOIS OLHOS QUE JUNTOS SABEM CHORAR OU COMO DOIS LÁBIOS QUE JUNTOS É QUE PODEM BEIJAR.

ISAURA ( MINHA TIA )

Saudade não existe dor maior do que saudades a minha é por ti TIA querida nunca irei te esquecer

Emiliana

Minha querida Tia...
Me lembro bem de quando você prendia o seu filho de dois anos numa cadeira de alimentação. Enquanto você sorria e achava graça no que via, ele chorava e eu gritava por dentro. Eu me perguntava se aquilo era real. Você podia ter despertado o meu lado animal, mas você só conseguiu lhe fazer mal porque agora eu te escrevo pra que todos possam entender o que até agora eu não entendo. Hoje eu te prendo numa jaula em pensamento e te machuco todos os dias com palavras do meu arrependimento por não ter empurrado você. Você gosta disso? Você gosta de deixar alguém sofrendo em suas mãos? Eu era uma criança e você me fazia dormir chorando. Agora me viro de madrugada estudando pra cuidar de todas as crianças que eu conheço. É pra isso que eu levanto todos os dias e dou duro. É pra nunca alguém me confundir com alguém como você. É pra que alguém possa enxergar em mim tudo o que você deveria ser e nunca foi. Você nunca vai conhecer o verdadeiro prazer que é cuidar de alguém. Você é um monstro, mas em vez de acordar assustada na madrugada, agora eu acordo e estudo. Eu não tenho mais medo de você e nem do que você vai fazer com o seu filho. Afinal, ele cresceu, né? Grande demais pra você prender numa cadeira pequena de alimentação. Talvez você precise de algo maior. Quem sabe uma jaula. Você pode até achar engraçado, mas um dia você aprende, não é mesmo? Um dia você vai cansar de rir do que deveria ser sério.
(De qualquer maneira, obrigada por me deixar pensando melhor do que eu pensava. Eu cresci antes do que deveria e vou ser a melhor professora que eu puder ser. É pra isso que eu acordo cedo. É pra cuidar de alguém que talvez se sinta preso também e não tenha pra onde correr. Agora o seu filho sabe pra onde correr. Agora todos sabem a maneira que enxergo você: animal.)

KarolAmorim

A minha crença é desconexa e sem tradição. O catolicismo foi expulso de mim quando eu ainda habitava a infância, ainda que resquícios de uma ideologia cristã tenham ficado por aqui e surjam vez ou outra. Por isso acredito na lei do retorno, talvez em uma tentativa quase que desesperada de ter algo a acreditar.

Divã da Tia eni

Tia minha
Irmã de minha mãe
Se torna especial entre inumeras mães

Saudade já sinto
Em seus braços quero estar
Não vejo a hora de te encontrar

Obrigado por mim amar
Obrigado por estar aqui
Obrigado por mim ensinar
Eu sempre vou te amar.

Natanael Victor Tia

A Regina tá com cara da minha tia.

Magogago

'Oh, que saudade que eu tenho / Da Aurora da minha vida'... Se bem que Guiomar era também outra tia muito boazinha, quando eu tinha lá meus oito anos!

Horlando Halergia

Doce Amargura

A Tia Fia, (ou Graça, Gracinha e agora Vó) sempre foi minha paixão e inspiração. Porque será que vc não foi minha mãe? Se fosse não daria tão certo. Eu a sigo em quase tudo. Torcemos pro mesmo time (Cruzeiro o glorioso). Minha primeira profissão foi a mesma dela. Amamos animais e outras coisitas mais. Quando era criança me alegria era ir para sua casa. Chorava inclusive quando me enganavam. Se hoje sou tudo isso que ela acha que sou, saiba que contribuiu muito pra isso, pelo seu exemplo, sempre forte, ativa, corajosa. Admirava vê-la sempre trabalhando. Mulher independente. Te admiro e te amo muito. E claro ela é isso tudo e ainda minha madrinha.

Tamy Henrique Reis Gomes

Dia 24/01/2010
Ontem minha noite foi perfeito eu minha tia minha irma dani e tuco ai a gente foi a festa chegamos la 00;00 hras ai chegando la não tinha muitas pessoas ,mais tinha um garoto muito gato ele fikava me olhando e eu olha para ele ai fikamos quase a festa toda assim ele me olhando e eu olhava para ele ,hummm ele e muito gatinho ele e moreno alto forte humm uma delicia ,ai quase no finalzinho da festa ele parou do outro lado da pista e eue esta no outro ai ele fikava me olhando e eu olhava ele ai depois minha tia chegou nele e perguntou se ele queria me conheçer ,ai ele falou que queria sim me conheçer ,ai quando minha tia estava chegando perto de mim com o menino ,eu acho que fikei vermelha ,ai minha tia foi e falo com assim’’essa daki e minha sobrinha ‘’ ai a gente fiko conversando ai eu beijei ele fikamos mo tempao depois ai depois a gente paro fiko conversando ,depois a gente de conversa e ele me beijo ,ai minha tia me cutuco pq tinha um carro igual do meu pai la fora ai ela me aviso ,ai eu fui e falei com ele assim’’aki minha tia esta achando que e meu pai ali fora entao daki a pouko a gente encontra ‘’ ai ta eu fui e fikei sentada conversando com minha irma ai passo um tempo ai a gente foi ve que não era meu pai que era um cara que tava de olho na minha irma ,ai eu tava mo distraida conversando com minha irma contando ele o que eu e ele estava conversando aia derepente minha irma levantou a sambrancelha fazendo sinal para mim olhar pra traz,ai quando eu olhei para traz ele estava sentado na cadeira que estava do meu lado,ai ele começo a conversa comigo ai ele foi e começo a acariciar o meu rosto começo a beijar minha bochecha ,ai nisso minha irma me chamo pra ir la pra fora pq o carinha que queria pegar, ele chamo ela pra conversar com elaa ,ai foi eu o todinho e minha irma , ai minha irma fiko conversando com o rapaz la eu eu fikei conversando com meu todinho ,ai eu tinha dito com o todinho que eu odiava que me chamava de ailla,ai eu e ele paramos perto do portao ai ele começo a me chama de ailla ai fikava falando ailla bem baixinho no meu ovido ai isso me deixava doidinha,ai teuma hora que jessica me pediu para pidir minha tia chiclete, ai eu fui e dei o chiclete a jhe ,qi eu fui e sai pra rua ai ele foi e fiko no portao ai eu fui e falei assim’’me deixa entrar ‘’ ai ele foi e fallo assim’’ eu não deixo ‘’ ai eu fui e disse assim’’entao ta eu vou embora’’ ai eu fui e dei ass coosta para ele ai ele foi e me puxo e me abraço por traz e me deu um bjo no pescoso ,ai eu fui e encostei na parede ai ele foi e fiko me beijando,ai minah tia foi e me chamo pra ir embora ai ele não queria deixar ai eu fui e falei com ele assim ‘’vc não vai despedir de mim não ‘’ ai ele nen falo nda so me agaro ele e me beijo,ai eu fui e falei assim ‘’deixa eu ir’’ ai eu dei um selinho nele e fui embora

Fim..

Ayla

Por um mundo onde minha tia não pergunte se to namorando!

Rafael Di Souza

***Em continuidade à Suspiro D'Alma !
Em segundo momento de minha vida !

Minha Tia Cicinha ; que me deu seu Afeto , Colo e me Amparou no seu Lar !
Em alguns momentos por imaturidade possa tê-la ferido !
Mas...
Jamais... Esquecerei suas lições...
Que sempre escutei com atenção !
Ela ; acordava cedinho : às 4:00 AM
Hoje eu a imito.
À Ela ; Minha Eterna Gratidão...
Meu Pai ; José Mendes Neto !
Meu Querido ; meu Velho ; meu Amigo
Minha irmã de sangue paterno : Uldime de Lira Mendes !
Que me acolheu no seu Lar !
Quando em São Paulo fui morar !
Jamais ! Esqueço !
Marcos Santtini [ Marcão ] !
Namorado da minha irnmâ ; Uldime
Que me deu sua mão amiga ; me empregou na sua loja-fábrica Verssati !
Em Santanna ! Bairro São Paulo !
À todos que D'us...Maria Santíssima e sua Falange Divina sempre os acompanhe !

Arnaldo Leite Neto

Tia.minha madrinha
Veio por este sentimento
Abrir o meu coração
Perante esta folha e este lapis.

Estes são sagrados pois,
Nesta folha esta o meu coração
E neste lapis o meu sentimento
Tudo só para minha a
Tia, minha madrinha.

Isto para possuir duas rosas
Em beleza dos seus
Filhos, meus primos.

Beleza que se verá ao mundo
Ilustrando a felecidade e a alegria
Cujas subiram ao palco...
Aqui termino minha
Tia,minha madrinha.

Daniel Felipe Lopes Moita

Apesar de tia amar ficarei em silencio e sucumbirei com minha dor.

Fabio Borges

Minha tia Iris tem um hábito que só há pouco tempo descobri. Todo dia pela manha ela vai até o quintal da nossa casa e sobre um tronco de um velho pé de jambo ela coloca restos de comida ou pão para os bem-te-vis que costumam visitar nosso quintal. Mas como nesses dias ela tem sentido muitas dores e não está andando direito, no sábado pela manha, acordei cedo para fazer o café e ouvi alguns passarinhos na porta da nossa cozinha gritando ...Eu, fazendo o café, nem dei muita atenção, mas, ela lá da sala falou: Já vou !! E veio andando no seu passinho lento, e eles ficaram ali olhando, até ela aparecer e colocar a comida naquele lugar combinado.
E nesta cena comum do nosso dia-a-dia eu pude enxergar lealdade,liberdade, respeito, cumplicidade, carinho, cuidado.
Acredito que liberdade não é agir desta ou daquela forma, é como nossa amiga Cecília Meireles diz, "é uma palavra que o sonho humano alimenta, não há ninguém que a explique e ninguém que não a entenda".
Acho que estamos precisando mesmo ouvir os bem-te.vis e aprender que mesmo livres precisamos do outro, e que liberdade é a possibilidade que temos, mesmo depois de se desapegar de tudo e sermos dono de nós mesmos, escolher sempre seguir pelo caminho do bem !!

Mara Simone da Silva

Vi-te tão pequena
O tempo passou
É minha cria
E, me ensinou.
É mãe, é tia.
Sempre com alegria
Mulher de batalha
Pra mim muralha
A deter o dia-a-dia
Mereces margaridas
Pelas horas sofridas.
Minha menina
Cuidei de você
Cuidou das minhas
Amor sem obrigação
Tenho enorme gratidão.
A construção de um lar
É dom de Deus
O casamento o registro.
Que não seja o evento
Sim, o amor, o respeito.
Lealdade e o compromisso
O elo dessa uma união.
Que Deus lhe dê sabedoria
Nos momentos difíceis.
O amor e paciência
Será a fonte da convivência.

Quívia Bispo

Dia 24.07.2009 às 19:06 hs

Pai -> me levou para cortar o cabelo.
nao me levou para minha tia rita.
quase me bateu,pq minha mae tava reclamando de mim.
ficou me chamando de chato!

Mãe -> fico reclamando de mim !!
me bateu pq nao queria ir comprar pao.

Vó -> contou algumas coisas para minha mae, de eu bater nela !!

Luane -> agente brincou um pouco, mais logo minha tava gritando ..
fico me irritando,me chamando de obeso.

Luan -> ta muito gostosinho !

Lucas H.

Remexendo o baú de lembranças, me lembrei de mais uma estada na casa da minha tia avó, Joaninha...Certo dia, enquanto eu estava hospedada na casa da minha tia, ela foi me mostrar o jardim dela, com todo os tipos de roseiras, e plantas..., Sabe aqueles jardins que tem desde a hortelã até a margarida...Nesse dia, minha tia me disse, olha Lú, sei que ama plantas, e da próxima vez que voltar, vou te dar um presente!!! E assim, na próxima visita, minha tia me chamou e me disse, veja o que preparei para você! Lá estava um litro ( vasilhame de óleo de soja) com terra. Eu disse, o que é isso tia? Ela me disse, leva e enterra! Quando eu estiver enterrada minha filha, você se lembrará de mim, pois eu estarei viva na sua lembrança, a cada fruto que essa semente irá lhe dar!
Bem, minha tia avó morreu aos 103 anos de idade há alguns anos, mas até hoje, a mangueira que nasceu daquela lata furtada de óleo, cai em meu quintal, me fazendo lembrar desse dia, dessa doce lembrança que tenho da minha adolescência na casa de tia Joaninha e tio Pretin!
Hoje não só eu, mas meus filhos, comem do fruto e tomam do suco, fruto do amor de alguém que aqui já não está, mas semeou um tesouro que ninguém pode roubar, o amor!

Luciana Ramos de Oliveira

Estava pensando na minha tia, ela é empregada doméstica, está sempre rindo e feliz. Sua casa é muito, mas muito humilde, mas muito ,mas muito limpa. E disse a ela que isso é o reflexo de sua alma.. E ela para me agradar fez um arrozinho com feijão e carne muída que sinceramente comeria todos os dia de tão bom. As vezes procuramos conquistas esquecendo do tempo da vida, das pessoas que nos circundam e que nos amam.Mas é errado. Vivam o hoje, o agora, sempre é possível conquistar os objetivos não esquecendo de sua vida e aqueles que te amam.. Norberto Bobbio foi um grande Jurista, filósofo e escritor italiano, pra mim o melhor da história. Ele fala que a maior coisa da vida em que teve, foi a relação entre as pessoas, quantas você amou, quantas te amaram, o amor pelos filhos, pela esposa , pela família. Deixou suas conquistas materiais de lado e alicerciou as conquistas sentimentais e espirituais. Isto que é mágico, isto que é divino, Isto que é a Vida.

Kepler Machado

Bom não está, mas está razoável...
Tive problemas com minha mãe, minha tia ligando altas horas da noite pra me passar sermão sobre convivência na família. (Se tem uma coisa que eu odeio é pessoas me passando sermão)
Mas ainda tem o meu pai, que me faz me sentir melhor. Não, ele não faz sermão comigo. Ele faz o melhor e mais delicioso café da manhã, mesmo sendo o velho cuzcuz com ovo e uma xícara de café de todos os outros dias. E aquela velha conversa: "Como vai no trabalho? Estão lhe puxando muito o saco? Lembre-se de mais tarde guardar metade do seu salário no banco... é importante pros seus projetos futuros. Não esqueça de escovar os dentes antes de sair. "

Ele faz eu sentir fome. Ele sabe o que eu sempre precisei...

No caminho do trabalho encontro uma mulher andando apressada com uma sacola na mão.Ela olhou para mim e perguntou: " Está indo ao trabalho?", eu respondi que sim, e ela continuou: "Isso é bom, quando nós temos um trabalho passamos a ser reconhecida pela sociedade, pela família e pelo marido". (Acho que ela não tinha um trabalho) Depois ela começou a falar sobre seu sobrinho, que estava indo na casa dele levar a sacola, ela contava lembranças desse sobrinho com tanto amor... de quando ele era bem pequeno. E me fazia rir. Ela era muito engraçada, era apressada, era ex-esposa do meu tio. Que eu não reconhecera.

Chegando na esquina do trabalho, a garota que trabalhava no escritório vizinho, me esperava pra abrir a porta porque a porta do dela era muito mais emperrada que a minha, mas quase não consegui porque estava de havaianas. Ela segurou minhas coisas. Um livro,um carregador de celular e minha garrafinha d'água.
"Que livro é esse?"
"É um que eu comprei faz uns dias... "
"Você já começou a ler?"
"Só li três páginas"

Ela ficou olhando fixamente meu livro.
"Se você quiser posso te emprestar... "
"Não, pode ler primeiro, quando terminar você me empresta."
"Pode ler Jéssica, eu tenho outros em casa que ainda não li, fique tranquila. Pode levar."
"Está bem!"
"Ah, eu terminei de ler o Pequeno Príncipe, já ouviu falar?"
"Já, eu quero ler todos Lívia."

Me virei para a porta de onde trabalhava e tirei a chave do bolso. Abri, sentei na minha cadeira e liguei o computador.

Lívia Samara