Mil Razoes para Viver

Cerca de 18999 frases e pensamentos: Mil Razoes para Viver

Para fazer uma obra de arte não basta ter talento, não basta ter força, é preciso também viver um grande amor.

Wolfgang Amadeus Mozart

Dedica-se a esperar o futuro apenas quem não sabe viver o presente.

Sêneca

Se alguém varre as ruas para viver, deve varrê-las como Michelângelo pintava, como Beethoven compunha, como Shakespeare escrevia.

Martin Luther King

Encontra-se sempre, aqui e ali, algum semi-deus que consegue viver em condições terríveis, e viver vencedor! Quereis ouvir os seus cantos solitários? Escutai a música de Beethoven.

Friedrich Nietzsche

Dizeis: darei só aos que precisam. Mas os vossos pomares não dizem assim; dão para continuar a viver, pois reter é perecer.

Khalil Gibran

Não abandones as tuas ilusões. Sem elas podes continuar a existir, mas deixas de viver.

Mark Twain

Viver significa lutar.

Sêneca

Aprende a viver bem, e bem saberás morrer.

Confúcio

O amor faz-nos viver no futuro quando se é novo, no passado quando se é velho; e no céu durante um dia.

Condessa Diane

Enquanto tiveres um desejo, terás uma razão para viver. A satisfação é a morte.

George Bernard Shaw

É mais fácil morrer por uma mulher do que viver com ela.

George Lord Byron

Na vida só há um modo de ser feliz. Viver para os outros.

Leon Tolstoi

É melhor morre de pé do que viver de joelhos.

Franklin Roosevelt

Deus concedeu-nos o dom de viver; compete-nos a nós viver bem.

Voltaire

Aprenda com os erros dos outros. Você não consegue viver tempo suficiente para cometer todos por si mesmo.

Eleanor Roosevelt

Queres viver alegremente? Caminha com dois sacos, um para dares, outro para receberes.

Johann Goethe

Mulheres - com elas uma encrenca, mas sem elas não se pode viver.

Ayrton Senna

Ninguém é assim tão velho que não acredite que poderá viver por mais um ano.

Marcus Cícero

São poucos os que vivem o presente; a maioria aguarda para viver mais tarde.

Jonathan Swift

Os avarentos amealham como se fossem viver para sempre, os pródigos dissipam,como se fossem morrer.

Aristóteles