Mereço

Cerca de 198 frases e pensamentos: Mereço

Me ame quando eu menos merecer,pois e quando eu mais mereco

Ana Lucia

Se recebo tal tratamento, talvez o mereça.
Se mereço, recebo-o sem reclamar e com satisfação porque
recebi o que merecia com justiça.
Se não o mereço, recebo-o também e não lamento pois quem
deveria lamentar é quem comete a injustiça.
Amanhã receberei a reparação por merecimento e justiça.

Lapalce Rodrigues.

Viver sem saber quem eu sou, oque que quero, não faz sentido... viver será que mereço!.

eu

Não escolho pessoas. Só acredito que mereço o melhor e que não posso acordar todos os dias com um pé atrás.

Priscila Rôde

Existe grande diferença entre o que quero, o que preciso e o que mereço

Alessandra Souza

Tudo que faço é pra mim
Até a bondade que ofereço
Fui evoluindo assim
Pra conseguir o que mereço

Jay Vaquer

Será...

Será que te amo?
Será que te desejo?
Será que eu te quero?
Será que mereço?

Será que te sinto?
Será que te vejo?
Será que me afasto?
Será que te beijo?

Será que vale a pena lutar por você?
Ou será que eu luto, mais pra te esquecer?

São tantas perguntas, nem sei explicar;
Me diz, você me ama?

Será ?

André V. Silva Lucas

Mereço?

Mundo caindo,
Pedras rolando, e eu
Ouvindo um bom rock and roll...

Francismar Prestes Leal

Voce me diz que eu mereço alguém melhor que você. Mas, por mais nocivo que isso possa ser, eu não quero ninguém melhor. Você me basta. É você que eu quero, de uma maneira insana e intensa como eu nunca quis ninguém antes.

Kelli Kadanus

Saudade castigo ou solução
Se não te esqueço, enlouqueço
Se te esqueço, não te mereço
Se te recordo eu choro
E chorando, assim te esqueço.

Inoema Nunes Jahnke

Não peço mais do que mereço

Luciano D10

Eles dizem que sou mau vovó, dizem que eu sou mau vovó eles dizem que nao mereço o que tenho e que eu sou pobre de sentimentos.
Eles dizem que sou um menino malvado, dizem que mereço tudo o que passo eles nao sabem o que eu passo... Nao sabem.

Rafahel Ramos Pointer

“Se Deus não me deu, não é porque eu não mereço, e sim porque eu não preciso.” — Albert Matarazzo

Albert Matarazzo

Andei só

Preciso demonstrar pra ela que mereço seu tempo pra dizer
Um pouco das idéias novas e os lugares onde viajei
Se ela botar fé na minha história que é de rocha e vem do coração
Vou estender o pano mais bonito feito na ilha de Madagascar
Um Bob, um Djavan, um Jimmy na viola, humildade de quem sabe onde quer chegar
Reparei a flor no seu vestido só guerreiro de aura boa pode merecer
E ela parou, olhou, sorriu, me deu um beijo e foi embora
Não vi mais a gata mais tenho minha gaita pra me consolar

Andei só pela noite
Cantei um reggae pros cachorros na rua
Andei só pela noite
Cantei um verso daquele velho samba pra lua
Andei só pela noite

Preciso demonstrar pra ela que mereço seu tempo pra dizer
Um pouco das idéias novas e os lugares onde viajei
Se ela botar fé na minha história que é louca mas não é besteira não
Vou estender o pano mais bonito feito na ilha de Madagascar
Um Bob, um Djavan, um Jimmy na viola, humildade de quem sabe onde quer chegar
Reparei a flor no seu vestido só guerreiro de aura boa pode merecer
E ela parou, olhou, sorriu, me deu um beijo e foi embora
Não vi mais a gata mas tenho minha gaita pra me consolar

Andei só pela noite
Cantei um reggae pros cachorros na rua
Andei só pela noite
Cantei um verso daquele velho samba pra lua
Andei só pela noite
Tudo bem, a vida continua
Andei só pela noite

Natiruts

Hoje eu quero curtir meu som, ficar de bem com a vida e sorrir. Por que eu mereço!

Mário Pires

Sempre quando não consigo algo, paro e penso, "ou não mereço aquilo, ou mereço algo muito melhor".

Raylander Portes

Amar você é bom demais
Sei que vivo porque não te esqueço

e o carinho que me dás eu mereço!

Mereço porque sempre foste para mim

o eterno, o primeiro, o maior, o sem fim...

YAMVIDA

Não creio no tempo. Tenho o tempo que preciso; e a idade que mereço.

Ediel

Tenho fãs melhores e em maior número do que mereço. Não entendo como nem porque, mas agradeço a Deus. Quem começa a trabalhar comigo sempre se surpreende. Acho sintomática esta surpresa e cumprimento todos os "de fé" com um piscar de olhos imaginário: nós conhecemos a força da teia que tecemos. Silenciosamente.


Azar teve Eddie Van Halen. Nunca fez minha cabeça o som dele (pelo contrário, foi um dos motivos que me fizeram achar o baixo um instrumento mais interessante do que a guitarra em 87), mas reconheço sua maestria. Um gênio. Foi um cara seminal na revolução que colocou uma guitarra no quarto de cada adolescente americano nos anos 80 (ok, depois as guitarras viraram computadores, mas isso é outro papo, outra década).

Aquele roquenrrou pirotécnico ficou espremido entre o nervo exposto do grunge e o atleticismo musical de caras como Joe Satriani e Steve Vai. Sufocado entre uma postura mais visceral e outra mais cerebral. É assim na vida e na arte: ciclos, movimentos pendulares, ondas que vêm e vão. Injustificável é que os fãs do Eddie tenham se calado. É raríssimo, hoje em dia, alguém dar crédito ao cara pela influência que teve.

faça uma prece pra Freud Flintstone
acenda uma vela pra Freud Flintstone
sacrifique o bom senso no seu altar
...
esqueça a prece pra Freud Flintstone
acenda a fogueira pra Freud Flintstone
vamos queimá-lo vivo, enterrá-lo vivo
(*) Cazuza cantou que seus heróis morreram de overdose. Imagino que se referisse a Jimi, Jim, Janis... Atemporal, a canção fala das meninas Amy e Cássia, dos bateristas Boham e Moon, dos baixistas Pastorius e Lynnot. Metafórica, ela fala dos carros de James Dean e Albert Camus, dos voos de Steve Ray Vaughan e Buddy Holly, dos mistérios de Robert Johnson e Jeff Buckley, dos absurdos disparos-para-o-coração de Lennon e Cobain. Prematuras, estas mortes condenam os mitos à vida eterna. Todas têm um pouco de encenação da Paixão de Cristo. Adorados, os posters ficarão para sempre imitando crucifixos na "parede da memória".

Há heróis que continuam por aí, fazendo de conta que o tempo não passa (Jagger/Richards e McCartney, por exemplo). E há aqueles que, de uma forma ou outra, em um momento ou outro, saltaram do bonde (o bonde chamado desejo?). É pensando nestes que escrevo: os caras que me ensinaram a ser jovem e estão me ensinando a envelhecer.

Joni Mitchell encheu o saco da forma como as mulheres são vistas na indústria cultural e foi pintar. Bjorn Borg achou que era muita pressão ter que acertar todas as bolas e foi errar um pouco na vida. Leonard Cohen raspou o cabelo e foi ver de perto qualé a do budismo. Roger Waters ergueu, demoliu e cantou (não necessariamente nesta ordem) seu próprio muro. Dylan por várias vezes saltou do bonde (a primeira: depois do acidente de moto em 66; a mais recente: o mergulho no trabalho, na Never Ending Tour).

O que há de comum nestes exemplos? Eles acharam que o solo estava muito duro, seco demais para receber sementes? Acharam que a esponja não absorveria mais nada por estar molhada demais? Pode não haver nada em comum, eu posso estar forçando a barra... mas realmente acho que estes caras assumiram as rédeas, traçaram os próprios rumos. Parece pouca coisa? Só para quem nunca fez isso.

09ago2011

Humberto Gessinger

Tenho fãs melhores e em maior número do que mereço. Não entendo como nem porque, mas agradeço a Deus. Quem começa a trabalhar comigo sempre se surpreende. Acho sintomática esta surpresa e cumprimento todos os "de fé" com um piscar de olhos imaginário: nós conhecemos a força da teia que tecemos. Silenciosamente.

Humberto Gessinger