Mensagens de Morte de um Irmão

Cerca de 4688 mensagens de Morte de um Irmão

"Ah! querida esposa, por que ainda és tão formosa? Pensar devo que a morte insubstancial se apaixonasse de ti e que esse monstro magro e horrível para amante nas trevas te conserve? Com medo disso, ficarei contigo, sem nunca mais deixar os aposentos da tenebrosa noite; aqui desejo permanecer, com os vermes, teus serventes. Aqui, sim, aqui mesmo fixar quero meu eterno repouso, e desta carne lassa do mundo sacudir o jugo das estrelas funestas. Olhos, vede mais uma vez; é a última. Um abraço permiti-vos também, ó braços! Lábios, que sois a porta do hálito, com um beijo legítimo selai este contrato sempiterno com a morte exorbitante. Vem, condutor amargo! Vem, meu guia de gosto repugnante! Ó tu, piloto desesperado! lança de um só golpe contra a rocha escarpada teu barquinho tão cansado da viagem trabalhosa. Eis para meu amor. Ó boticário veraz e honesto! tua droga é rápida. Deste modo, com um beijo, deixo a vida.”

William Shakespeare

O ser humano tem medo da morte porque tem medo da dor.
Não creio que uma pessoa em sã consciência
possa mesmo desejar que exista vida após a morte.

Augusto Branco

Vida e morte foram minhas, e eu fui monstruosa. Minha coragem foi a de um sonâmbulo que simplesmente vai. Durante as horas de perdição tive a coragem de não compor nem organizar. E sobretudo a de não prever. Até então eu não tivera a coragem de me deixar guiar pelo que não conheço e em direção ao que eu não conheço: minhas previsões condicionavam de antemão o que eu veria. Não eram as antevisões da visão: já tinham o tamanho de meus cuidados. Minhas previsões me fechavam o mundo.

Clarice Lispector

Morri de muitas mortes e mantê-las-ei em segredo até que a morte do meu corpo venha, e alguém, adivinhando, diga: esta, esta viveu.

Clarice Lispector

Eu trocaria uma eternidade de depois da morte pela eternidade equanto estou viva.

Clarice Lispector

A vida é tão contínua que nós a dividimos em etapas, e a uma delas chamamos de morte. Eu sempre estivera em vida, pouco importa que não eu propriamente dita, não isso a que convencionei chamar de eu. Sempre estive em vida.

Clarice Lispector

Enquanto somos, a morte não existe, e quando ela passa a existir, nós deixamos de ser.
Somos deixados num mundo maravilhoso, encontramo-nos aqui com outras pessoas, somos apresentados uns aos outros e caminhamos juntos durante algum tempo. Depois nos separamos tão rápido e inexplicávelmente quanto surgimos.

Jostein Gaarder

Todos somos completos chapados. Se não de drogas, somos de tristeza ou, talvez, até de amor.

Anna Morte

“Eu só preciso de alguém que me entenda, que sente comigo e converse sobre tudo. Sabe, esses dias ando me sufocando com a pressão de ser alguém, de buscar minha felicidade e de achar que talvez nunca viverei o que quero.”

Anna Morte

“Sou como um pássaro dentro de uma gaiola, querendo voar com minhas próprias asas, querendo a liberdade.”

Anna Morte

A cada dia sem sentir a brisa tocar meu rosto, a cada dia sem sentir o cheiro de terra molhada, a cada dia aqui trancada, me mata aos poucos.

Anna Morte

Sinto que estou desperdiçando minha vida esperando por algo que nem tenho a certeza se irá acontecer. Vivendo sem saber pelo o quê. Sinto que estou deixando tudo para última hora. E talvez, em algum dia, essa última hora nem chegue.

Anna Morte

Um dia ainda estarei andando em minha moto tão rápido, que ouvirei o barulho do vento soando em meus ouvidos, andando numa estrada qualquer com uma mochila nas costas e uns trocados no bolso. Pensarei: ” Sou como um pássaro livre agora”. E nesse tempo serei extremamente feliz, pois a liberdade é a necessidade de nossas almas.

Anna Morte

E apesar desses dias insuportáveis, continuarei seguindo em frente com um sorriso no rosto, mesmo que minha alma esteja chorando, pra que irei perder tempo chorando? A vida é isso mesmo, rir, chorar, talvez mais chorar do que rir, mas mesmo que o dia esteja pra choro eu continuarei caminhando esse caminho sem destino, porque a minha felicidade é o que importa agora.

Anna Morte

Em mim, existem dois grandes abismos, e o enorme buraco que os separa é o meu nada, o meu vazio, a ausência de sentimentos para designar: família, deus e amigos.

Anna Morte

Eu não chorei por descobrir aquilo. Eu chorei por ser sempre a decepção o fim de todas as minhas histórias que mal começaram.

Anna Morte

Talvez eu não saiba o que é mais ridículo;
Garotas correndo atrás de garotos que não as querem ou garotos correndo atrás de garotas que só os esnobam.
O mais ridículo pode ser o rastejar, o implorar por amor.
Assim como não se deve prometer sentimentos, também não se deve cobrá-los. Pois o simples ato de sentir, não pode ser controlado.

Anna Morte

Sou uma eterna pensadora sobre o resto do passado que ainda vive em mim…
Sou uma eterna sonhadora sobre o futuro incerto que espera cada um de nós…
Sou uma eterna aprendiz em quanto minha existência durar.

Anna Morte

Meu presente ajaulado
Meu passado amargurado
Meu futuro inacabado
Meu eu cotejado.

Meus músculos contraídos
Meus sentimentos controlados
Meus pensamentos afortunados
Meus direitos desprovidos.

Minha mão segurada
Minha alma nevoeirada
Minha nacionalidade nortista
Minha fala lavrada.

O eu grita
O eu berra
O eu admira
O eu vivencia.

O eu surdo
O eu mudo
O eu cego
O eu morto.

Anna Morte

Foi encontrada em sua cama
Declarada morta
Morreu afogada
Lágrimas a consumiu.

Desejou, nunca teve
Buscou, nunca conseguiu
Amou, nunca correspondido
Sobreviveu, nunca viveu

Mas queria
Mas buscava
Mas amou
Mas viveu em seus sonhos

Oh! Destino tão cruel
Deu apenas escuridão
Sua alma tão inocente
Se deu aos vermes

Ela? Agora esta a sete palmos de terra
Não houve cerimônia
Não havia família
Foi enterrada no canto com caixão velho

Deve esta vagando por ai
Assombrando quem a fez sofrer.
Vida?
Patética.

Anna Morte