Manias que eu tenho

Cerca de 184 frases e pensamentos: Manias que eu tenho

Complicada?

Sim, eu sou complicada em alguns aspectos, tenho minhas manias, meus puderes, meu recato, mas, se você não esta disposto a suportar minha complexidade, jamais vai conhecer meu lado magnificamente simples.
Quem não suporta os meus óbices, os meus pontos fracos, quem, enfim, não desvenda os meus mistérios não chega a conhecer o meu melhor, as minhas maiores virtudes, os meus maiores encantos.
Qualquer tipo de relacionamento é constituído de trocas, você só desvenda o melhor do outro quando cede, quando consegue ignorar o que ele não tem de “tão” bom ou, enfim, aquilo que não lhe parece “simples”.
Quando você supera aquilo que não é “fácil” você entra na vida do outro, todavia, quanto mais complicado um homem é, mais raro e belo é aquilo que sua “complicação” esconde, mas nem todos desvendam.

Claudia de Marchi

[...] Sempre tive essas manias de querer ver os outros melhores do que eu sei lá, talvez não seja tão ruim assim, é uma forma de me sentir bem ou quem sabe uma forma de amenizar os problemas. Tenho tantas vontades, desejos, sonhos, fantasias que não sei como e não sei quando irei realizar, mas mesmo assim é bom, é como se eu vivesse num labirinto escuro e que a minha única luz fosse essa, ver o teu sorriso, o teu olhar brilhando, te ver feliz assim e isso me deixa mais tranquilo e mesmo não querendo, eu sorrio também.

Pedro Hugo

CAFÉZINHO NA PADARIA E A LIÇÃO DE UMA VIDA!!


Bem, todos nós temos algumas manias, e entre as que eu cultivo, é fazer questão de todas as manhas, durante a semana, dar uma paradinha na padaria do seo Zé, no residencial Paiaguás em Cuiabá(eu moro em VG). Para mim é um momento especial, é onde tomo meu café da manhã, bato um bom papo com seo Zé, homem vivido (quase uma enciclopédia histórica dos bastidores da política cuiabana) pois teve a oportunidade de conviver com muitos daqueles, que de alguma forma, marcam ou marcaram a história política do estado e da capital. Se alguém se interessa em saber sobre o que não se encontra nas bibliotecas e quer tomar um café da manhã, num local humilde, mas muito agradável, este é o lugar!!

Dona Maria, esposa do seu zé, já é mais calada. Mulher pequena, miudinha, ela quase passa desapercebida por de trás do balcão (tirando uma com ela para não perder a oportunidade..rsrsr) e já explico porque..Não se enganem com dona maria, pq quando cisma em tirar com a cara da gente ela não tem dó!!! rsrsr

Tem o Luiz Martins também, um dos filhos, ah, antes que eu esqueça, é padaria de CORINTHIANO, outra razão de me sentir tão bem..rsrsrsr

Hoje pela manhã(14/01/13) é claro, bati ponto de novo por lá, café servido, sento a mesa para apreciar o tempo que agora pela manha, está muito agradável e logo seu Zé e o Luiz se aproximam para o nosso papo matinal, conversa vem conversa vai, o Luiz lembra de um fato que ficou em sua memória. Uma conversa rápida, porém muito marcante, que teve com o Sr. JOSÉ A. YEGROS, há muitos anos atrás. Ficou forte em sua lembrança uma frase dita pelo Sr. Yegros, que começou com uma pergunta:

- (Sr. Yegros) Luiz o que é a sorte pra vc?

- (Luiz) Ah, seo José, sorte pra mim é ganhar na mega sena!!!

- (Sr. Yegros) Pensativo, olhou demoradamente para o jovem rapaz a sua frente e soltou uma frase que Luiz nunca mais esqueceu e que garante vai levar para o resto de sua vida.

"SORTE LUIZ, É A GENTE ESTAR PREPARADO PARA APROVEITAR AS OPORTUNIDADES QUE A VIDA NOS APRESENTA"

Jacques Khalil

Um dia a gente cresce, cria gosto por outros gostos... Cria manias que deixam as manias de lado. Vive em silêncio todas as veze que sentimos vontade de gritar, aprendemos a observar, a cuidar do nosso e só do nosso. Um dia a gente cresce e cria o medo por coisas de gente grande, deixa os sonhos de lado, inventa novos sonhos... Um dia a gente aprende que nem todo verso vem em poesia e nem toda vida é historia da boa.

Camille Mamona Spinola

Acho engraçado como tudo combina com você.
Seu jeito, suas manias, suas bizarrices,
tudo cuidadosamente, ou nem tanto,
encaixa e me traz esse singelo encanto.

demétrio.MDS

Eu sou psicótica. Tenho manias estranhas. Choro por qualquer coisa. Rio de coisas bobas. Me encanto fácilmente. Não gosto de nada fácil. Tomo susto com tudo. Tenho sonhos além do que eu posso imaginar. Gosto das coisas naturais. Me irrito atoa. Faço tempestade em um copo d’água. Me importo com tudo, e até com coisas banais.

Talita S. Santos.

Você tem noção do quanto sou vulnerável a essas suas manias? Manias tão fictícias, que chegam a soar verdadeiras

Anna Marques

Ame quem curta e ame o seu jeito, suas manias, suas vicissitudes Ame quem ama o jeito com que você a toda hora mexa no cabelo, que ache tão gostoso o seu modo de vestir, ame quem ama estar com você e não trocaria aquilo por nada. Ame quem se importa e sobretudo, quem demostra. Ame quem reconheça seus erros mas acima de tudo não desiste nem em pensamento de você, ame quem lhe ceda a mão e seja seu amparo mais seguro. Ame quem faz seu coração palpitar quando está perto. Ame quem é seu aconchego, casa de vó aos domingos, cafuné de mãe e conversa de pai. Ame quem te tira do sério mas que você não seria capaz de largar por nada. Ame quem fica. Ame quem te ama, e acima de tudo, ame-se primeiro.

Amanda Lemos

Trocando as coisas antigas da minha rotina pelas coisas novas da sua vida. Suas manias novinhas pra mim. Pensando bem, eu andava precisando de emoções diferentes, dias diferentes, de alguém meio esportista disposta a correr uma maratona, diferente de mim que ando caindo por ai, cansada de correr em vão por alguém que nunca valeu um passo que eu dava. E eu só queria chegar no final sem precisar me mover dessa vez... E você me apareceu meio de repente, quando eu menos esperava que algo diferente fosse cair do céu agora. Você tem um metro e setenta e eu não passo de um metro e cinquenta e cinco. Você me abraça e eu me perco entre os seus beijos. Você joga futebol de salão e eu me sento no meio da arquibancada procurando sensações que me inspirem a escrever mais. E você olha pra mim, sorrindo porque deixou a bola passar pelo meio de suas pernas grossas e por me achar meio lunática perto de todo mundo, mas eu sei que não vamos deixar escapar nossos momentos na cozinha, quando você me aperta por trás e me faz sentir segura. E tem também aquelas horas em que você me liga deitada em seu quarto com aquela camisa de baseball que eu acho linda e me diz pra te esperar acordar amanhã cedinho. E então, eu imagino que nunca mais quero sair do lugar onde você me encontrou... só se for pra deitar com você na sua cama e acordar com a cabeça no meio da sua barriga malhada. Você gosta do campo e eu sou apaixonada pela praia. Você passa seis horas treinando com a sua bola e eu não largo a minha prancha do braço. Você me diz baixinho que eu sou a sua pequena e eu me encolho feito uma boba entre os seus braços fortinhos. E você me aperta até meus ossos doerem, logo entendo tudo o que você quer me dizer. E você me diz que demorou pra perceber que eu sou uma menininha com histórias psicodélicas gigantes, precisando ser protegida dos meus próprios pensamentos loucos. E eu acho mesmo que você foi feita pra mim em todos os pedacinhos do seu corpo e por cada cantinho do seu sorriso aberto com os dentes certinhos. Porque os teus abraços são confortáveis o suficiente pra me acalmar, e a tua voz rouca e mansa me deixa em choque quando chego ao meu limite. Porque você é a coisa mais bonita em que os meus lábios já encostaram e eu poderia te beijar o dia inteiro sem enjoar. Porque você anda em minha frente sem olhar atrás, com uma moral e a cabeça levantada, mas segura a minha mão com uma certa delicadeza que me deixa apaixonada. Porque você é a preferida do seu campeonato e me deixa babando admirada com tudo o que você faz. Fazia tempo que eu não me sentia assim e você me faz arrepiar da pontinha do nariz até os dedinhos dos pés quando aproxima o rosto do meu pescoço. Sensação que eu não quero dividir com ninguém, só com você. Só você pode olhar o que é tudo seu pelo decote da minha camisa. Só você pode encostar a sua cabeça na minha e me ver suspirar de vontade. Só você pode piscar os olhos do outro lado da cozinha, enquanto disfarço a minha sexualidade com os meus pais. Só você precisa entender que tudo o que eu preciso é você. Só você.

Karol Amorim

Você me diz que tem medo do que sou capaz de te fazer. Você me fala que sou esquisita e tenho manias imprevisíveis. E mesmo sendo assim, você me pega a noite na estação e faz as coisas mudarem quando deito com você naquela cama. Sinto vontade de te perguntar se é gostoso ter uma estranha em cima de você. Gostaria de decorar todas as coisas que você me fala, mas no fundo eu só acho graça. Queria saber se você consegue desfazer o nó da linha que eu pendurei em seu pescoço pra te ver voltar pra mim toda vez em que você pensar em sair. Você é meu e ainda nem percebeu que além de estranha posso ser feiticeira e colocar sobre você todos os meus poderes. Tenho você em minhas mãos e em cada espaço dentro de mim. Tenho você apertando o meu coração e o meu pulmão. Tenho você invadindo os meus horários com os meus livros e o meu sono da tarde. Tenho você dentro da minha cabeça e descansando sobre o meu seio esquerdo. Você nem deve imaginar, mas você acaba de se prender a alguém que é maluca e nem sabe o que fazer com ela mesma. O que eu vou fazer com você? eu também não sei.

Karol Amorim

Todo mundo tem suas manias, eu tenho as minhas. Mania de mexer no cabelo de 5 em 5 minutos, falar alto, encarar quem me olha demais. Mania de pensar demais em você, de acreditar em horas iguais, mania de ficar imaginando coisas antes de dormir, mania de rir por bobeira e de chorar de nervoso, aliás, mania de chorar por tudo, mania de escutar uma música e ficar me imaginando nela, mania de mudar de humor constantemente, mania de ver minha vida como se fosse um filme, na maioria das vezes um conto de fadas que ainda vai ter um final feliz, mania de ter medo de tudo, de falar o que eu sinto e de te perder. Mania de pensar no que já fiz, mania de repeti-las mesmo que me arrependa. Mania de precisar ter você do meu lado.

Bruna Valente.

Sabe o que eu mais gosto? Esse jeito idiota que tratamos um ao outro, esses apelidos, manias, brincadeiras. Na verdade, amo tudo que vem de você, eu amo você.

Yasmin Costa

Suas manias eu sei que vou lembrar. Seus defeitos vou reiventar só pra te esquecer por pelo menos uma noite. Pra te esquecer por uma noite quente, ou por uma noite fria, vazia, esperando por um abraço, por o seu abraço quente e envolvente. Seu abraço que levava embora cada dor minha, cada angustia minha, cada solidão minha, cada ilusão minha. Sei que vou rezar pra não me mentir, pra não te sentir, pra não te pensar, pra não me perder, pra não me prender em seu abraço outra vez, como todos aqueles dias.

Karol Amorim

Eu estou aqui parada e patética, relembrando outra vez as tuas manias feias que tanto me agradavam sem eu mesma notar. Eu estou aqui descontrolada e um pouco alcoolizada, querendo te ligar pra dizer que a vida nunca é a mesma quando você não está.

Karol Amorim

Sou alguém cheio de sonhos, vontades, manias, ideias, ideais, confusões, ambições... Mas sou alguém que não tem ninguém.

Aline Pinheiro

Tudo que eu queria era você, com defeitos e qualidades, com suas brincadeiras, com suas manias… Não importa se lá fora existem garotos mais bonitos, eu não os quero, eu preciso é de você, tudo que sempre procurei em uma pessoa eu encontrei em ti, o amor não escolhe a beleza ou a inteligência e sim o coração.

Izye

Eu quero sempre estar com vc.....
sinto uma paixão imensa,intensa por vc
conheço suas manias..meu amor preciso de vc!!!!
vivo analisando todos os detalhes de sua vida,equilibrando meus pensamentos quando estou com vc,te desejando cada dia ao meu lado.
vou te amar para sempre,posso até trilhar outros caminhos,mas sei que sempre encontrarei seu coração,e compreendo que você é o que preciso para ser feliz!

Julia Ferreira de souza

E eu com minhas manias de optar sempre para o certo, o melhor...Só falta agora entender que certas coisas sequer necessitam de prioridade...

Igor Diego

Acredite, estou com muito medo. Medo de perder manias conjuntas, hábitos diários. Acima de tudo, medo de que desapareça a simplicidade da nossa amizade. Sim, simplicidade, intimidade, códigos e falta de palavras. Quando estivermos preocupados com a falta de assunto, terá acabado tudo. Quando não houver espaço para dias ruins, favoráveis a chatice aguda, ou mesmo semanas assim, esqueça. Ou começamos de novo, ou não haverá mais caminho. Receio mesmo é me perder em você. Quero dizer, não existir mais aí, perder o caminho da ida, da volta, perder o jogo. Caso ocorra, infelizmente eu nunca fiz o tipo de torcedora que se contenta com empates e encontra explicações para as derrotas. Faço o tipo que chora como bebê com fome, que não tem outra forma de se comunicar. Choro escondida, em publico, com lágrimas e principalmente sem. Estou com medo de que existam circunstâncias que me façam chorar pelo leite derramado, pelo aniquilamento do nosso castelo.

Julianna Galvão

Aceito promessas e mentiras, aceito vícios, manias. Felicidade de curto prazo, calotes e intrigas. Estou aceitando viver qualquer vida. Me diz onde você comprou a sua, me indica?

Julianna Galvão