Manha

Cerca de 2767 frases e pensamentos: Manha

Já fingi que estava doente para faltar à aula e assistir televisão durante a manhã inteira, pixei muros, quebrei janelas de vizinhos e corri pra de baixo da cama. Dancei em aniversários de 15 anos e curti à beça. Tive várias crises de bronquite na infância, com a mesma freqüência com que amei e "desamei" meus amores imaginários. Fugi de casa e voltei antes do meu programa favorito começar. Dei os nomes para os oito cachorros e os dois papagaios que tive e que ficaram comigo menos de um mês cada. Cantei durante tardes inteiras as mesmas músicas. E senti uma felicidade intensa quando ouvi minha sobrinha pronunciar meu nome pela primeira vez. Já fui mandado para fora da sala sem ter culpa de nada e tendo culpa também (e essas foram muitas). Tirei nota baixa e levei "bomba". Discuti com minha professora de matemática porque achava ela uma chata, mas hoje percebo que eu não fui tão legal quanto pensei que tivesse sido. Eu falei: "tipo assim", "então" e "né" em cada frase pronunciada. Me apaixonei por minha melhor amiga do parquinho e acho que ela também se apaixonou por mim e ambos nos apaixonamos pelos personagens do filme Um amor para recordar (foi um barato!). Curti "pakas" Legião urbana, chorei com minha turma ouvindo Vento no litoral, Giz e Hoje a noite não tem luar e pulei ao som de Vamos fazer um filme, Faroeste caboclo e Eduardo e Mônica. Já quis aprender a tocar violão, piano, sax e bateria. Já quis aprender a falar inglês, espanhol e alemão e essa fase ainda não passou, mas decidi primeiro rodar um pião, soltar uma pipa e encher um pote de bolinhas de gude. Vivi a emoção de passar no vestibular e a frustração de não conseguir enfrentar até o fim a facu. Senti falta da velha escola. Fiz a lista do primeiro dia do ano, aquela das cem coisas que você não pode deixar de fazer, refleti sobre a vida em meus aniversários. Já decidi meu futuro pelo menos umas mil vezes. Tentei mudar, acho até que melhorei, mas eu sou assim. Escrevi um livro. Plantei uma árvore. Perdi a chave de casa, perdi amigos, oportunidades, perdi a vontade de tudo! Mas logo em seguida dormi e quando acordei quase tudo pareceu estar no mesmo lugar. Passei noites inteiras navegando na internet e assistindo filmes sem graça, daqueles que quando terminam você diz: - Não acredito! Decidi conquistar a garota dos meus sonhos, eram quase quatro da manhã, liguei para dizer que te amo - eu disse - mas acho que ela não me ouviu. Já quis fazer uma tatuagem e já morei sozinho. Já senti aquele frio na barriga. Esperei o telefone tocar. Caí na gargalhada no ônibus, em reuniões e em outros lugares muito impróprios lembrando de situações vividas. Já passei pelo mico de estar no cinema com duas amigas e ouvir um monte de "psiu" e "silêncio, por favor," eram para elas chorarem mais baixo. Ganhei uma farda, parei com a bola. Ouvi uma música e li uma frase e pensei em alguém. Já tive um grande amor, e por amor eu sorri, chorei, zanguei, dei o meu melhor, por amor eu abri mão. E depois tive que começar tudo do zero, de novo. Virei um dia no bar, chega fiquei mole, era bebida pra lá e pra cá, mas esse bico de garçom definitivamente não era pra mim. Fiz melhores amigos. Conheci novos lugares, novos estilos musicais, novas maneiras de ver a vida. Arrumei um emprego, abri minha própria empresa e decidi ganhar menos para dar mais as pessoas que estão ao meu lado. Fiquei triste por descobrir que uma pessoa não acreditou em mim, mas tudo bem, eu também não acredito em todo mundo. Tentei aprender a cozinhar e é claro minhas visitas adoram quando eu ligo para pedir pizza ou qualquer coisa que já venha pronta. Tentei ler um jornal inteiro, mas fiquei entediado. Fui acampar em turma, viajei só, vi o pôr-do-sol e percebi quanto tempo perdi apenas admirando a lua. Vi uma estrela cadente e consegui fazer um pedido. Já apostei a última ficha e perdi e isso aconteceu mais de uma vez. Me arrependi de coisas que fiz e de tantas outras que eu devia ter feito. Estive em situações nas quais agi e me senti um idiota, um burro. Um dia acordei me achando o homem mais lindo do mundo, mas ai olhei no espelho e percebi, que bobagem! Não tentei muitas coisas por medo de não conseguir e já tentei outras até demais. A razão sempre foi minha única esposa até eu descobrir que a vida é curta demais para casar-se com uma só. E quase sempre quando vou fazer a limpeza do meu quarto, coisa que eu quase nunca faço encontro rascunhos de sonhos e projetos que por um ou outro motivo foram deixados pra trás, então com coragem e entusiasmo os levo para minha oficina da realidade. E quando me perguntam se eu passaria por tudo isso de novo, respondo: - Não desistiria da casa na árvore.

Kléber Novartes

Era uma vez os seguintes sentimentos:AMOR,TRISTEZA,RIQUEZA E A PAIXÃO....
De manhã o avisou a todos moradores que a ilha ia afundar.Todos foram de barco para a cidade,O amor foi se despedir,ficou sem barco e acabou se afgando,bem longe avistou um arco..Era a tristeza e ele perguntou:
-Tem algum lugar ai p/ mim?
-Não quero que vc se contamine com tanta tristesa...
Veio mais um barco era a riquesa e o amor perguntou novamente:
-Tem algum lugar ai p/ mim?
-Não..Ja estou com ouro e prata...
E bem longe avistou um barco q/ havia um velhinho muito bondoso que disse:
-Sobe amor..Te levo até a cidade!
Chegando a cidade o amor perguntou para a paixão:
-Quem era aquele velhinho bondoso?
-Tempo..
-Tempo?Por que tempo?
-Sabe por que?
POR QUE SÓ O TEMPO
É CAPAZ DE ENTENDER UM
GRANDE AMOR.!

Janiffer

Apaixone-se pela manhã que em todos os dias te levanta com os pés firmes no chão.
Apaixone-se pelas canções que mesmo quando todos se calam elas ainda sussurram o refrão em seus ouvidos.
Apaixone por vc pois não existirá ninguém melhor para se amar do que a si mesmo pois só descobrimos o que é amor quando nos apaixonamos, primeiramente por nós mesmos.
Apaixone-se pela vida, ela é o único presente que vc diz que não pediu mas que jamais deseja perder.
Apaixone-se mil vezes pela mesma coisa se esse sentimento te faz crescer
apaixone-se cada dia mais e mais
O tempo vai passar e com ele você irá envelhecer.
E nessa rotina da vida nunca se esqueça: apaixone-se mil vezes por vc, seja em qual época ou lugar

Desconhecido

e manhã, antes de vestir-se, acenda incenso e medite.
Coma a intervalos regulares e deite-se a uma hora regular.
Coma sempre com moderação e nunca até ficar plenamente satisfeito.
Receba as suas visitas com a mesma atitude que tem quando está só.
E, quando só, mantenha a mesma atitude que tem quando recebe visitas.
Preste atenção ao que diz e, o que quer que diga, pratique-o.
Quando uma oportunidade chegar, não a deixe passar,
mas pense sempre duas vezes antes de agir.
Não se deixe perturbar pelo passado. Olhe para o futuro.

A sua atitude deve ser a de um herói sem medo,
mas o coração deve ser como o de uma criança, cheio de amor.
Ao retirar-se, ao fim do dia, durma como se tivesse entrado no seu último sono.
E, ao acordar, deixe a cama para trás,
instantaneamente,
como se tivesse deitado fora um par de sapatos velhos.

Soyen Shaku

Abraça-me como uma concha...
Fresca da manhã.....
Entre os meus devaneios....
Quero sentir o vento que traz o aroma da tua pele....
Despir-te com o orvalho.....da manhã....
Entre o céu.....os mares e ondas....
Paixão feita em explosão ..
Devaneios.....
De loucos medos....
Veste o meu corpo de ti......
Sentido dos sentidos...
Dos teus braços....
Que desamarraram em mim ate a eternidade....
Onde leio-te....leio-te
E volto a ler...
Sem cansar-me.....em silêncio.!

Isabel Morais Ribeiro Fonseca.

TEMORES DA NOITE

É uma hora da manhã, cheguei a pouco e me sinto suja, não tenho coragem de conversar com Deus e todo o meu esforço foi jogado no lixo.
É sempre assim, eu fecho os olhos e não vejo.
Não vejo uma saída, não vejo uma solução.
Mais uma vez eu quero acabar com minha vida, sozinha, perdida... Mas também me falta coragem.
Todos os meus sonhos e planos se perdem, de novo, não há nada que eu possa fazer.
É sempre a mesma coisa, a história se repete, não há nada de novo, só os mesmos erros medíocres.
Eu ouço uma canção que me faz querer sumir, não há ninguém pra conversar, nem um amigo, e mais uma noite longa pra sobreviver.
Na minha boca tem o gosto dos meus pecados, e sinto todo o inferno rindo de mim, dizendo que mais uma vez ele me venceu e me fez tropeçar, no mesmo lugar...
Minha alma sangra pelos meus olhos, eu queria fugir, mas pra qualquer lugar que eu vou eu os sinto perto de mim, e tenho medo.
E eu quase me rendo aos seus encantos, quase me jogo nesse abismo pra não ouvi mais, pra não sentir esse desespero me convencendo.
Mas algo me agarra e não sei o que é...
Ah! Como eu queria que isso me deixasse cair de vez, pra nunca mais sentir, no meio da noite escura.
Quando olho para um canto e sei que ele está lá, mesmo não vendo, eu posso sentir seu hálito gelado e sua gargalhada fétida, zombando de mim e me dizendo que mais uma vez eu perdi meu tempo,
Não consegui...
Eu não consegui e não vou consegui nunca.
Quem eu penso que sou pra ousar sonhar desse jeito, quem sou eu pra imaginar que eu poderia conseguir, não, eu não posso!
E não adianta me iludir, não adianta ter esperança porque a esperança é ingrata e só faz a perda ser ainda maior, pra que tentar... Pra que?
O cheiro da mentira exala da minha pele e as horas passam.
Cada segundo o medo se entranha em mim, e não adianta fechar os olhos, não adianta acender as luzes, a escuridão vem de dento pra fora.
Vem na letra desta canção idiota, trazendo lembranças que eu prefiro esquecer.
E eles continuam aqui incitando minha covardia, ocultos pela sua capa de veludo cinzento,
Se aproximando cada segundo, dominado todos os pensamentos, e agora, já não é a dor, mas o medo que me impede de fechar os olhos,
O medo e a vergonha que me domina, que me consome e me sustenta!

Escrito em 08/04/2009

Marcela Melo

Lucifer

Quem és tu? Serás eu ou nós?
Flho da Alva, Estrela da Manhã
Centelha de Luz, que do Criador surgiu...
Mais amado e mais belo,
a nós deixou-nos as árvores...
a Gabriel, deixou o incompreensível e,
a ti mesmo, deixaste a dúvida...
Por que perguntastes? Por que questionastes?
Ilusão da vida, dúvida da humanidade,
incerteza do nascer,
És tu realmente, o que dizem?
És realmente, a existência da maldade?
Pensei, que fôssemos nós, humanos, os destruidores do que foi criado...
Lux veritas, lux liberabiti,
deixe-nos a compreensão, já que incompreendido fostes...
Dê-nos a tranquilidade, já que nela não pode viver...
Lux, Lux, Lux,,,,,
Addo mihi beatitas....

João Francisco da Costa

A cada manhã mire-se no espelho e dê um sorriso.
Ame-se! Ninguém fará isso se você não der o primeiro passo.
Procure a felicidade no seu interior e não nos outros.
Mergulhe no seu íntimo e reconheça seus erros.
Peça perdão a você e depois aos outros.
Aproveite o presente, um dia de cada vez.
Valorize os momentos. Eles não se repetem.
Perdoe sempre. Antes de qualquer pessoa, isso fará bem a você.
Refaça seu acervo de lembranças e guarde as boas.
Algum dia, elas fizeram você crescer.
Busque na memória tudo o que ajudou você a ser melhor.
Se necessário, exercite-o mais vezes.
Agredir-se é uma das piores violências.
Persista em corrigir seus defeitos. Você merece!
Esqueça o que magoou. Já passou.
Repense e repita suas melhores atitudes.
Armazene bons sentimentos.
Relegue as más experiências ao esquecimento.
Às boas, dê ainda mais brilho e destaque.
Rascunhe planos mas não os passe a limpo.
Deus muda tudo para melhor, mesmo que você não compreenda.
Faça muitos agradecimentos ao final de cada dia.
Mesmo que não perceba, você tem vários motivos pra isso.

Rosane Fortes

Ondas só quebram bonitas na manhã se a noite a lua encantar o mar.

Heron Estevam

Você é o raio de sol que me acorda de manhã, e aquece meu coração por todo o dia. E, ao final da tarde, se transforma em lua, e zela todos os meus sonhos.

Natalia Ramos Silva

Eu não tenho medo da verdade. Eu bebo a verdade no café da manhã e como a verdade no jantar.

Sergio Fajardo

Lembro que naquela manhã abri os olhos de repente para um teto claro e minha mão tocou um espaço vazio a meu lado sobre a cama, e não encontrando procurou um cigarro no maço sobre a mesa e virou o despertador de frente para a parede e depois buscou um fósforo e uma chama e fumei fumei fumei: os olhos fixos naquele teto claro. Chovia e os jornais alardeavam enchentes. Os carros eram carregados pelas águas, os ônibus caíam das pontes e nas praias o mar explodia alto respingando pessoas amedrontadas. A minha mão direita conduzia espaçadamente um cigarro até minha boca: minha boca sugava uma fumaça áspera para dentro dos pulmões escurecidos: meus pulmões escurecidos lançavam pela boca e pelas narinas um fio de fumaça em direção ao teto claro onde meus olhos permaneciam fixos. E minha mão esquerda tocava uma ausência sobre a cama.

Caio Fernando Abreu

Ainda não é noite o dia todo, ainda há uma manhã para cada noite.

Ernst Bloch

Seja o tipo de mulher que, quando seus pés tocam o chão a cada manhã, o diabo fala:
"Droga, ela acordou!”
A vida é muito curta pra empurrar o dia com a barriga...
Não acorde com arrependimentos ou mágoas...
Ame àqueles que te querem bem, que te fazem feliz
Se perdeu uma oportunidade não se lamente. Apenas siga porque outras virão
Acredite que tudo acontece por uma razão.
Se tiver uma segunda chance, agarre firme com as duas mãos.
Se isso mudar sua vida, deixe acontecer.
Ande depressa mas não perca a paisagem que o cerca
Perdoe rápido
decida
aja
Deus nunca disse que a vida seria fácil. Ele simplesmente prometeu que valeria a pena.
Por isso, quando for para amar que seja com calma
Beije devagar
E viva intensamente o melhor dos sentimentos.

Desconhecido

Não importa o quanto você sonhe à noite; a manhã insiste em chegar . E com ela você acorda .

Evelyn Bianchi

Hoje o dia amanheceu frio, cinzento e silencioso. Acordei coberto de folhas secas. Junto com a manhã, amanheceu dentro de mim uma tristeza molhada por lágrimas de orvalho. Hoje eu descobri que a tristeza fica mais marcante quando há um clima propício, um cenário que combine ou algo que realce esses momentos tão sofridos, tão solitários, mas que fazem parte da vida de todo mundo. Mas, quando a tristeza passar, eu quero que a luz do sol ilumine a minha vida novamente. Eu sou feito de brilho, de cores e adoro o barulho de amigos a minha volta. E, por mais que este dia seja perfeito para se viver uma tristeza, cheguei a conclusão que só a alegria de um belo dia de sol combina com meu jeito de ser. Quero pra mim a alegria dos reencontros. A tristeza é um quarto escuro que não cabe na minha casa”.

Renée Venâncio

Você é como a brisa de uma manhã que me toca o rosto. Você é como a gota da chuva fina na minha janela. É um sentimento confuso, minha inspiração mais bela.

Erika Auger

Primeiros Erros (Chove)
Simony

Composição: Kiko Zambianchi
Meu caminho é cada manhã,
Não procure saber onde vou,
Meu destino não é de ninguém
Eu não deixo os meus passos no chão.
Se você não entende, não vê,
Se não me vê, não entende,
Não procure saber onde estou
Se o meu jeito te surpreende.
Se o meu corpo virasse sol,
Minha mente virasse sol,
Mas só chove e chove,
Mas só chove e chove.

Se um dia eu pudesse ver
Meu passado inteiro
E fizesse parar de chover
Nos primeiros erros só,
O meu corpo viraria sol,
Minha mente viraria,
Mas só chove e chove,
Mas só chove e chove.
O meu corpo viraria sol,
Minha mente viraria,
Mas só chove e chove,
Mas só chove e chove.

Se um dia eu pudesse ver
Meu passado inteiro
E fizesse parar de chover
Nos primeiros erros só,
O meu corpo viraria sol,
Minha mente viraria,
Mas só chove e chove,
Mas só chove e chove.
O meu corpo viraria sol,
Minha mente viraria,
Mas só chove e chove,
Mas só chove e chove.

fabiojrvenceslau

Hoje, logo pela manha me deu vontade de dizer o quanto te amo, fiquei pensando e percebi que eu não sabia dizer exatamente o tamanho do meu amor por ti.

Amandha Mendes

Ela é preguiçosa como toda manhã de segunda-feira

Emicida