Mais ou menos

Cerca de 504 frases e pensamentos: Mais ou menos

Errática

Queria amar menos,
sofrer menos,
ser mais coerente,
menos urgente.

Sou errática,
dramática,
sou metade,
sou intensa.

Quero chama,
brilho nos olhos,
brasa no peito,
um pouco de desespero.

Quero beijos intermináveis,
corpo arrepiado,
quero as estrelas,
quero ser inteira.

Autora: Aurilene Damaceno

Aurilene Damaceno

...em uma era de conversas cada vez mais virtuais,
menos ligações e menos contato pessoal,
em uma era em que sentimentos são demonstrados
e sabidos apenas por envio e rebebimento de emoticons,
é difícil encontrar alguém,
que olhe dentro dos seus olhos
e saiba sentir o que,
realmente, se passa ali,
dentro de você...

Ana Rottini

A Formiga, mais ou menos uns dez Pingos d'água e Eu


Num dia desses...
De previsão do tempo em desacordo
e céu azul e nuvens brancas,
dando formato a imagens de sonhos
e sol brilhante e sombra boa,
projetada em rumo de árvore grande
- [pé de um trem qualquer]-
plantada no asfalto da cidade
ou na terra do campo.

E de repente a chuva...
Que desaba sem aviso antecipado,
desabrigando os descuidados
tomando ligeiro os caminhos
e ocupando-se de preocupar
os videntes de desenhos em nuvens!

Tratando de por ritmo nos passos moles
escaldados e amolecidos pelo sol quente,
tratando de apressar as aves
em seus vôos solos pelas quinas do céu,
tratando de acordar os lagos e de viver os peixes
e tratando de matar a sede da terra - que agradecida -
empurra à superfície, as plantas...
Expondo suas folhagens verdes
seus frutos vistosos
e suas inspiradoras flores perfumadas.

Feito chefe em dia de súbito descontentamento,
ralha aos quatro ventos, a chuva que cai do céu.
Num protagonismo invejável!
Só as formigas se incomodam mais...
As gotas d'água,
feito flechas lançadas contra elas,
- do alto, sem escrúpulos ou piedade-
fazem pesar ainda mais o seu árduo trabalho diário.

Três estrelas ancoradas no céu
calçando a lua
em uma nuvem qualquer,
e uma rajada de vento soprada de lá para cá
na contramão da dança dançada a favor da chuva,
faz ir embora a nuvem escura carregada de raios
que entopem o céu de desespero.

Três dessabidos destinos,
encontram sentidos
em um sentido qualquer:
A Formiga...Desenrasca o pão do jeito que dá!
A Chuva... Se diverte com a farra toda!
E Eu...Transformo em tempestade - nem dez gotas d'água - caídas sobre mim!

J.W.Papa

Queria poder morrer, não uma morte infinita, mais pelo menos para obter uma noção de como seria um sono profundo

Jadson Winshester

Nunca ame mais ou menos o seu amado,Ame igual,Pois de outro modo sofrerá.

Bruno Barbosa

Não pensava em suicídio a mais ou menos um ano. Se sentia exausta, devido aos acontecimentos de uns meses atrás. Ela estava cansada de tudo, das pessoas, da rotina. Esse era o real motivo de sua tristeza. As pessoas á machucavam e muito, até as que ela amava e admirava, isso á deixava cansada. Cansada de ver pessoas indo e vindo de sua vida, e foram muitas. Então o suicídio vem á sua cabeça, ele parece ser o único amigo no momento, um amigo que está esperando de braços abertos.

Rafaela Nancy

Hoje de manhã percebi, faz mais ou menos 6 meses que nos conhecemos, finalmente sinto que estamos seguindo um caminho. Há 3 meses atrás não existia o tanto de amor como tem hoje, pelo menos da minha parte. Uma hora todos nós precisamos crescer, pode parecer bobagem, porém o "pouco" que experimentei de estar contigo foi algo muito bom, com absoluta certeza mudei meu jeito de agir com bastantes coisas em minha vida, obviamente não por ti. Chega a ser assustador o jeito como me dei tão bem com você, a forma qual apaixonei-me, pode soar clichê, mas é o jeito que tenho me sentido. Provavelmente, se tivéssemos adiantado isso que estamos vivendo agora não seria igual, nem chegaria perto. Toda vez que nos encontramos tem o mesmo efeito em mim, como se fosse sempre uma novidade, espero de verdade que tu possa tomar minhas palavras como tuas, esquecer teu orgulho e nunca negar teus sentimentos.
Com amor, Lívia.

Lívia Loback

Por vezes a falta desta aceitação não quer dizer que você ame mais ou menos, mas perdemos a vontade de conviver, de estar próximos, aprendemos a conviver com a saudade e aprendemos que para amar não se precisa estar perto, aprendemos que às vezes a presença e o contato doem muito mais que a distância

Paula Eicke

É mais ou menos assim: no início o coração dói, dói mesmo! É como se o sentimento respondesse no corpo, e responde. É um nó na garganta, a dor transborda pelos olhos, a gente não consegue se conter. Depois de um tempo vai ficando menos forte. A dor permanece, só que mais fraca; não transborda.
O tempo vai passando e o aperto diminui, o coração vai ficando mais folgado, menos sufocado, já se consegue respirar com mais calma. Esta fase é como uma cólica que vai e volta... vai e volta... Só que o espaço de tempo entre uma dor e outra vai aumentando e cada vez ela volta menor. O tempo vai passando... passando... passando... A dor já não existe mais. As lembranças sim, mas agora sem dor e com o passar do tempo sem importância. É por isso que dizem: o tempo cura !

Camilla Felix Cavalcanti

O encontro com a verdade é mais ou menos assim: você está dormindo profundamente e aí vem alguém e lhe joga um balde de água gelada. Não dói, não mata, mas desperta e deixa você alerta para o resto da vida.

Mário Franco

Algumas pessoas tem de mim exatamente o que me dão ou me pedem na dose certa: nem mais, nem menos, para evitar efeitos colaterais.

Leônia Teixeira

Em um país onde não existe perigo de guerra, ser militar é mais ou menos como brincar de escoteiro com salário.

Swami Paatra Shankara

So I more or less; any breeze walks erasing my fire!
Então, eu mais ou menos; qualquer brisa anda apagando meu fogo!
Así que más o menos; cualquier brisa camina borrar mi fuego!

..

sonia solange da silveira ssolsevilha poetisa do cerrado

Quanto mais conhecemos, menos confiamos.
Quanto menos se conhece, mais se confia.

Francis Iacona

Equacionemos a vida!
Mais amor,
menos rancor.
Multiplica se leveza
Divide se tristeza
Resultado....felicidade!
Sergio Fornasari

Sergio Fornasari

Não lembro se li em algum lugar ou se ouvi de alguém algo mais ou menos assim: "Quando duas pessoas nascem pra ficar juntas, elas ficarão juntas. É o destino".

O destino...

Isso de acreditar no destino é ao mesmo tempo cômodo e desesperador. Acreditar ou não, eis a questão?

Cômodo: toda a responsabilidade sai de suas costas, você anda leve... só segue o roteiro (não consegue ser sorrateiro, nem tente)... acreditar no destino é uma verdadeira acomodação - sem incomodação, você segue o prescrito e vive o escrito com a pessoa que tem na sua história você escrito. Sem incomodação... nem pra um, nem pro outro... pois foram feitos um pro outro... Beleza! Beleza pura... e quando você ama de verdade a pessoa que lhe foi destinada então, meu... você deve supersuperesesuper agradecer quem sua história escreveu.

Desesperador: Não adianta você fazer mil malabarismos quem não nasceu pra ser seu não será e pronto. Mas 'eu te amo'.... 'e eu com isso... não estou em sua vida escrito'.

Ou... pode ser assim: 'não te amo mais, na verdade nunca te amei... ao ficar com você só errei'. Mas você está destinado a ficar do lado - de quem não ama, de quem não quer... de quem só lhe faz mal... você está destinado a essa vida afinal... até o final. Dios mio!! não, não... não há Deus pra lhe ajudar.

Melhor mesmo é não acreditar... você tem esperança de que amanhã o que você realmente QUER é o que VOCÊ vai encontrar....

E quando o amanhã chegar e o que você quer não conseguir encontrar nada de se desesperar: tudo acontece na hora certa... você só tem mesmo é que esperar...

Que destino que nada?

E eu... se eu acredito no destino? Se eu acredito que traço meu próprio caminho ou se sou arrastada numa estrada já preparada?

Eu, bem... às vezes amo a comodidade da irresponsabilidade... já em outras vezes acho desesperador ser um mero ator.

Rosangela Calza

Quem muito fala pouco faz, quero mais atitudes menos promessas...

Andrielly