Lugar onde eu Moro

Cerca de 127 frases e pensamentos: Lugar onde eu Moro

Moro em Curitiba. Uma Cidade diferente.
O que todos tem atrás..... Ela tem na frente!

Yndia

Me julga pela cor de minha pele e me define por onde moro, mas no reflexo do seu espelho imagina a xinga que tenho;
Portanto A cor da minha pele e a localidade de onde me encontro não corresponde o meu caráter ou da educação que tive;

Julio Aukay

Se tu não ta ligado, se liga, e preste atenção, moro? sangue bão!

FernandoCarvalho

O Sertão é minha terra,
Onde moro e vivo nela,
Se um dia eu sair daqui,
Um pedaço eu levo dela.

Ciro Lopes

Lembro-me de quem me esqueceu, lembro-me de quem eu havia esquecido, lembro-me onde moro, mas não me lembro quem sou, estou perdido em uma ilusão sem fim. Lembro-me de tudo, menos de ti, quem és tu que anda entre a gente? Quem és tu que vem de tão longe? Quem és tu que não se importa mais comigo? Quem somos nós que não nos importamos mais com a gente?

Otaminona

Nem sempre sou tão esquisita assim... No mundo onde moro a minha confusão me entende e vivo perdendo coisas que nunca tive.
Sou um tipo estranho que sai às ruas rindo sozinha e cantando umas musiquinhas mais estranhas ainda que eu acho que foram feitas pra mim.
Vivo à base de coração disparado e à espera de um amor que me salve da boca do dragão!
Aliás, no meu mundo tem um ET que diz ser EU!

Mell Glitter

Eu moro num quase, naquele cantinho no infinito que ninguém parece ver.
E é ali que me embriago de incertezas e rodopio numa valsa enquanto o último acorde da música exige o teu nome. Sentia-me perversa por cerrar os olhos ao mundo real, sentia-me uma causa perdida dentre tantas outras, talvez comum demais, sonhadora na mesma proporção. Gostava de ligar os pontos brilhantes das estrelas esperando que a esperança se formasse e despencasse feito chuva de fim de tarde. E era num desses devaneios que eu desejava a gente numa dessas passagens de estrelas cadentes. Elas eram tão rápidas quanto as tuas vindas e tão passageiras quanto a tua presença. Talvez eu tenha te perdido num desses horizontes de céu rosa, ou quem sabe você apenas não pertencia ao meu céu, não sei. Talvez eu tenha até te perdido para a tempestade, porque além do meu porto seguro, você era a minha calmaria. Acho te dedicaria uma orquestra de trovoadas se você quisesse. Eu sempre me desacelerei por sua causa, sempre quis que os relógios congelassem, o tempo parasse, queria guardar para mim um sorriso que só cumprimento por fotografia. E nas somas de tudo que é finito, o resultado para nós nunca será positivo, meu bem. Improvisei a vida inteira esperando pelo momento certo de te encontrar e perceber que era você o tempo todo. Mas não é você, não é? E não importam quantos muros eu piche, quantos outdoors eu espalhe pela cidade ou quantos porta-retratos comprimam o teu sorriso. Eu te perdi para um tempo que nunca tivemos. Era como se todas as belezas do mundo me traíssem e se transformassem no mundinho que nunca conhecemos. Acho que as covinhas das suas bochechas são os meus maiores traumas. E no meio da procura interminável e preguiçosa por tua loucura em outras pessoas, eu me perdia num mundo desconfortável e vazio. Lembrava então que sentia tristeza bonita ao teu lado, pelo menos eu sentia. Prometi então que você seria o meu vício só até o sol se pôr e aqui estou esperando por um solstício de carinhos teu. Enquanto me envergonho de preferir os teus cheiros aos meus perfumes, aperto os olhos com toda força como se fosse capaz de fazer as coisas voltarem para os seus respectivos lugares. A desordem é confortável no entrelaçar dos nossos sorrisos. Você dizia que tudo estava bem e, por um segundo, realmente tudo estava. Não queria ser tão clichê ao ponto de dizer que “o que é pra ser, tem que ser”, até porque essa não sou eu, este é você e nós não somos nada. E quando eu não dormia cedo para evitar a ressaca de uma noite sem tuas reclamações, eu ria sozinha lembrando o colorido da tua alma, no brilho do teu rosto, das estrelas orbitando o teu mundo de fantasia que eu mesma criei. Percebi então que jamais voltaria a ver o brilho dessas estrelas, eu nunca mais seria o motivo do brilho delas. Depois de duas puxadas de ar constatei que não esperava que a esperança despencasse do céu, eu ligava os pontinhos brilhantes justamente pra decorar o mapa do teu sorriso. Você sempre vai ser o meu “quase”, o meu cantinho do infinito que ninguém conhece. Vai ser sempre você.
Hoje não tinha estrela do céu.
E nada pareceu mudar.

sonhei contigo noite passada

Amanda Seguezzi

Eu não preciso de grandes espaços.
Um pouquinho de conforto já basta,
afinal, eu não moro em nenhum lugar.
Eu moro em mim.
E isso já está de bom tamanho.

Augusto Branco

Moro em mim mesma.
O que me dá segurança de nunca ser despejada.
Fazer morada em alguém é perigoso.
Um dia você pra ela é tudo,
em outro pode ser nada.

Laura Méllo

Estou num estado tao grave de extres ... que se alguém perguntar minha idade ou onde moro, ja penso que querem pagar as minhas contas! o.O

Rejane Dantas

Ai, sabedoria garotinho e garotinha...tá entendendo?! Conhecimento e sabedoria, morô?! Humildade e respeito também. Vai lá agora, SER FELIZ!

Guilherme Silva Rocha

'''AVISO IMPORTANTE ESTOU VENDENDO UMA ESTEIRA SEMI NOVA ......MORO EM ÁGUAS LINDAS DE GOIAS O PREÇO SERA JUSTO PRO DONO E PRA QUEM COMPRAR''' VOU COLOCAR AS FOTOS....TO PRECISANDO FAZER UM GANHO O BAGULHO É SERIO QUEM SE INTERESSAR NUM SE AVEXE NÃO....... DEIXAREI MEU TELEFONE E TAUS...NUM TENHA VERGONHA NOS MORAMOS NUM PAIS LIVRE......TRÉS CHIPS....0216191900099 CLARO______________________________TIM 0416181404798____________________________________________VIVO 0156196060490

fideldoandel13

Chamo-me tristeza nasci na provincia de amor aos 14 de fevereiro no jardim dos namorados moro no bairro dos apaixonados avenida de alegria ando sempre triste como uma manhå de cacimba por quantidade escrevi ate no arco iris a minha tristeza pra todo mundo ver k eu tiamo.feliz o dia dos namorado.

chuma

Esta saudade...
Eu moro,
bem pertinho
do caminho da saudade
e quando atravesso a rua,
ela está sempre lá,
quietinha,
olhando para mim.
Faço de conta
que não percebi,
mas ela vem,
me abraça
e pede para eu não ir.
Tento convencê-la
e digo
que estou com pressa,
mas acabamos sempre
de mãos dadas,
passeando por ai.

erotildes vittoria

Ainda ontem no condominio que moro
Uma senhora quando me avistou
Apertou a bolsa ela escondeu sua bolsa
Apertou a bolsa a velha segurou logo a bolsa
São cenas da minha cidade uma doença da sociadede
Cenas da minha cidade uma doença talvez incuravel e
Você ai como passa você ai o que acha e
Você ai como passa você ai o que acha disso.

Edson Gomes

Sou de todos os lugares,
moro em todos eles,
mas não pertenço a nenhum deles.
do meu poema - Moro em minha liberdade

erotildes vittoria

Moro num bairro da periferia de Belém e estou utilizando este meio para divulgar meus pensamentos sobre nobres sentimentos (MEUS), sendo essencialmente sinceros, pois não tenho "diário" ou amigos com quem posso compartilhar em muitos momentos, tão pouco, gostaria de obscurecer minha razão com falso julgamentos ou mero moralismo explícito. Falo especialmente de amor, família, amigos, "amada", e algum resto...

IntraL

Eu moro em um lugar , onde as pessoas optam pelas falsas ao invez de descobrir quão maravilhosas podem ser as pessoas verdadeiras.

Ana Victoria Jabour