Justiça

Cerca de 1021 frases e pensamentos: Justiça

“Em oposição aos meus apaixonados sentimentos de justiça e deveres sociais, sempre experimentei a total ausência de me aproximar dos homens e das sociedades humanas. Apraz-me sentir-me só. Nunca me entreguei de corpo e alma a um círculo de amigos, ao Estado, nem à minha própria família. Pelo contrário, sempre senti nesses laços o indefinível sentimento de ser um estranho em seu desejo de solidão”

Albert Einstein

“DIZEM QUE O REINO ANDA MAL GOVERNADO, QUE NELE ESTÁ DE MENOS A JUSTIÇA, E Ñ REPARAM Q ELE ESTÁ COMO DEVE ESTAR, COM SUA VENDA NOS OLHOS, SUA BALANÇA E SUA ESPADA, que mais queríamos nós, era o que faltava, sermos os tecelões da faixa, os alferidores dos pesos e os alfagemes do cutelo, constantemente remendando os buracos, restituindo as quebras, amolando os fios, e enfim perguntando ao justiçado se vai contente com a justiça que se lhe faz, ganhado ou perdido o pleito. Dos julgamentos do Santo Ofício não se fala aqui, que esse tem bem aberto os olhos, em vez da balança um ramo de oliveira, e uma espada afiada onde á outra é romba e com bocas. Há quem julgue que o raminho é da paz, quando está muito patente que se trata do primeiro graveto da futura pilha de lenha, ou te corto, ou te queimo, por isso é havendo que faltar à lei, mais vale apunhalar a mulher, por suspeita de infidelidade, que não honrar os fiéis defuntos, A QUESTÃO É TER PADRINHOS QUE DESCULPEM O HOMICÍDIO E 1000CRUZADOS PARA POR NA BALANÇA, NEM É PARA OUTRA COISA QUE A JUSTIÇA A LEVA NA MÃO. CASTINGUEM-SE LÁ OS NEGROS E OS VILÕES PARA Q Ñ SE PERCA O VALOR DO EXEMPLO, MAS HONRE-SE A GENTE DE BEM E DE BENS, ñ çhe exigindo que pague as dívidas contraídas, que renuncie à vingança, que emende o ódio, e, correndo pleitos, por não se poderem evitar de todo, venham a rabulice, a trapaça, a apelação, a praxe, os ambages, PARA QUE VENÇA TARDE QUEM POR JUSTIÇA JUSTA DEVERIA VENCER CEDO, PARA TARDE PERCAQUEM DEVERIA PERDER LOGO. É que, entretanto, vão-se mungindo as tetas do bom leite que é o dinheiro, requeijão precioso, supremo queijo, manjar de meirinho e solicitador, de advogado e inquiridor, de testemunha e julgador, se falta algum é porque o esqueceu o Pe. Antonio Vieira e agora não lembra.”
Memorial do convento

José Saramago

A Justiça, ninguém ignora, tem a pressa de um cágado manco.

Honoré de Balzac

O rei que possuir a justiça não precisa de coragem.

Aristóteles

O verdadeiro homem de
bem é aquele que pratica a
lei de justiça,de amor e de
caridade na sua maior pureza.
Se ele interroga sua
consciencia sobre os atos
realizados,ele se pergunta se
não violou essa lei,se não
fez o mal,se fez todo o bem
que podia, se ninguém tem
nada a se lamentar dele,
enfim,se ele fez a outrem
tudo aquilo que queria que
os outros lhe fizessem.

Allan Kardec

Se agir contra a JUSTIÇA...
a INJUSTIÇA é minha.

Mahatma Gandhi

Grandes homens não vendem seus valores. Morrem por eles.

Bruno Justiça

A sabedoria é a bala de uma arma, que após disparada, nunca pará.

Bruno Justiça

Toda mentira é uma toalha de mesa, que um dia será lavada

Bruno Justiça

Vitorioso não é aquele que vence aos outros. Mas o que vence a si próprio.

Bruno Justiça

preceitos fundamentais do direito romano

Honeste vivere, neminem laedere, suum cuique tribuere

(Viver honestamente, não prejudicar ninguém atribuir a cada um o que lhe pertence)

Direito justiça harmonia

"O perdão vai além da justiça humana; é perdoar aquelas coisas que absolutamente não podem ser perdoadas."

C.S.Lewis

A justiça cobre a terra cm a
àgua cobre o mar.Eu ñ quero o sucesso,o
sucesso ñ me diz nd mts pessoas tem o
sucesso mais vivem cm mortos!

Bob Marley

Igualdade, justiça e liberdade são mais que palavras; são perspectivas!"

V de Vingança

Melhor é o pouco com justiça, do que a abundância de bens com injustiça.

Salomão

Nós somos apenas simples pessoas movidas pela vingança em nome da justiça. Mas se a vingança é chamada de justiça, então dessa justiça irá nascer ainda mais vingança... E então se torna uma corrente de ódio. Viver com isso, ciente do passado, predizando o futuro, isso que significa conhecer a história. Não podemos evitar, mas sim entender, que as pessoas nunca entenderão uma as outras.

Pain - Nagato

O sucesso reside em três coisas: decisão, justiça e tolerância.

Goethe

A justiça de Deus, é tão divina que ensina a cada um de acordo com seus atos.

Zíbia Gasparetto

A Força de um Guerreiro não está em sua Espada e sim no desejo de cumprir a justiça.

Gabriel Rehme

O Homem de Bem
O verdadeiro homem de bem é o que cumpre a lei de justiça, de amor e de caridade, na sua maior pureza. Se ele interroga a consciência sobre seus próprios atos, a si mesmo perguntará se violou essa lei, se não praticou o mal, se fez todo o bem que podia, se desprezou voluntariamente alguma ocasião de ser útil, se ninguém tem qualquer queixa dele; enfim, se fez a outrem tudo o que desejara lhe fizessem.
Deposita fé em Deus, na Sua bondade, na Sua justiça e na Sua sabedoria. Sabe que sem a Sua permissão nada acontece e se Lhe submete à vontade em todas as coisas.
Tem fé no futuro, razão por que coloca os bens espirituais acima dos bens temporais.
Sabe que todas as vicissitudes da vida, todas as dores, todas as decepções são provas ou expiações e as aceita sem murmurar.
Possuído do sentimento de caridade e de amor ao próximo, faz o bem pelo bem, sem esperar paga alguma; retribui o mal com o bem, toma a defesa do fraco contra o forte, e sacrifica sempre seus interesses à justiça.
Encontra satisfação nos benefícios que espalha, nos serviços que presta, no fazer ditosos os outros, nas lágrimas que enxuga, nas consolações que prodigaliza aos aflitos. Seu primeiro impulso é para pensar nos outros, antes de pensar em si, é para cuidar dos interesses dos outros antes do seu próprio interesse. O egoísta, ao contrário, calcula os proventos e as perdas decorrentes de toda ação generosa.
O homem de bem é bom, humano e benevolente para com todos, sem distinção de raças, nem de crenças, porque em todos os homens vê irmãos seus.
Respeita nos outros todas as convicções sinceras e não lança anátema aos que como ele não pensam.
Em todas as circunstâncias, toma por guia a caridade, tendo como certo que aquele que prejudica a outrem com palavras malévolas, que fere com o seu orgulho e o seu desprezo a suscetibilidade de alguém, que não recua à idéia de causar um sofrimento, uma contrariedade, ainda que ligeira, quando a pode evitar, falta ao dever de amar o próximo e não merece a clemência do Senhor.
Não alimenta ódio, nem rancor, nem desejo de vingança; a exemplo de Jesus, perdoa e esquece as ofensas e só dos benefícios se lembra, por saber que perdoado lhe será conforme houver perdoado.
É indulgente para as fraquezas alheias, porque sabe que também necessita de indulgência e tem presente esta sentença do Cristo: "Atire-lhe a primeira pedra aquele que se achar sem pecado."
Nunca se compraz em rebuscar os defeitos alheios, nem, ainda, em evidenciá-los. Se a isso se vê obrigado, procura sempre o bem que possa atenuar o mal.
Estuda suas próprias imperfeições e trabalha incessantemente em combatê-las. Todos os esforços emprega para poder dizer, no dia seguinte, que alguma coisa traz em si de melhor do que na véspera.
Não procura dar valor ao seu espírito, nem aos seus talentos, a expensas de outrem; aproveita, ao revés, todas as ocasiões para fazer ressaltar o que seja proveitoso aos outros.
Não se envaidece da sua riqueza, nem de suas vantagens pessoais, por saber que tudo o que lhe foi dado pode ser-lhe tirado.
Usa, mas não abusa dos bens que lhe são concedidos, porque sabe que é um depósito de que terá de prestar contas e que o mais prejudicial emprego que lhe pode dar é o de aplicá-lo à satisfação de suas paixões.
Se a ordem social colocou sob o seu mando outros homens, trata-os com bondade e benevolência, porque são seus iguais perante Deus; usa da sua autoridade para lhes levantar o moral e não para os esmagar com o seu orgulho. Evita tudo quanto lhes possa tornar mais penosa a posição subalterna em que se encontram.
O subordinado, de sua parte, compreende os deveres da posição que ocupa e se empenha em cumpri-los conscienciosamente.
Finalmente, o homem de bem respeita todos os direitos que aos seus semelhantes dão as leis da Natureza, como quer que sejam respeitados os seus.
Não ficam assim enumeradas todas as qualidades que distinguem o homem de bem; mas, aquele que se esforce por possuir as que acabamos de mencionar, no caminho se acha que a todas as demais conduz.
* * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Allan Kardec. Da obra O Evangelho Segundo o Espiritismo.