Fria

Cerca de 1105 frases e pensamentos: Fria

Tal dia , numa manhã fria e sombria algo de estranho me acontecia. Me deparei com um sábio que dizia :
siga sem olhar para traz , siga o que vem do fundo do seu coração .
Então naquele exato momento algo de muito bom me aconteu .
naquela manhã fria e sombria , você me apareceu , e aquele dia que parecia todo apagado que apenas bastou você chegar para a luz reinar em meu passado .

Deco Oliveira

Queria ter a capacidade de ser fria, como a pior das vilãs.

Débora Comis

O fim de um Amor
O fim de um Amor é como um dia em que sol está coberto,uma noite fria, o desejo congelado, sentimentos feridos, paixões quebrados.
Voltamos a sentir-nos com o coração descoberto,a muralha que nos protegia partiu-se em milhões, biliões de bocados invisíveis, agora só resta a poeira que paira, aparece uma sombra uma mancha que invade o coração. His so empety!!!
É como se estivéssemos dragados ou bêbados e no outro dia não existe a sensação de magia, de espontaneidade apenas dor de cabeça...
Derepente ficamos nós e nós mesmos...
E damos por nós a pensar será que todo esse tempo estivemos drogados, e sem sentir nos tornamos dependentes, mas como curar dessa droga que até hoje não se descobriu como defini-lo...

katia

VESTES DA PAIXÃO


Com audácia e sem contestação
a alma que um dia fez-se fria
em noites insones e sombrias
desperta agora com voraz exatidão

Nada promete além da fantasia
e é assim que quer meu coração
nunca mais ter o engano na emoção
destruindo a calmaria dos meus dias

Das promessas, lanças vis de ilusão
prefiro a doçura das palavras;
marca inconteste, das vestes da paixão

Apenas divaga imaginário, aquece e lavra
enriquece o que restava desta imensidão
tece a vida colorida que a fabula narrava

Siomara Reis Teixeira

A saudade

Em todo coração existe um conto
Onde se esconde uma saudade fria
Saudade que possui meigo encanto
Daquele bem que foi amado um dia
E assim que há noite e o sono principia ao poder do seu mágico quebranto
Esta saudade que se transforma tanto
Em sonhos que são lúbricos desejos
Beijando a boca dos antigos beijos
Beijo também os lábios de ironia
Mais, no esplendor fugas dos pensamentos
Antegozando o amor de iguais momentos
Volto a este bem que foi amado um dia

Jéssica R.

Melhor é a noite fria e escura que nos faz usar o pensamento que o dia visível e dogmático que nos faz transbordar pelas manipulações dos sentimentos.

Willian Richard

E a chuva fria cai, cai longamente,
Cheia de perfume das folhas lustrosas,
Cheia de éter, vaporosa,
Cheia de céu...
E a chuva fria cai,
cai docemente.

Carlos Alberto de Araújo

À diferença do Sol, que é brilhante e quente, a Lua que é pálida, inconstante e fria. No entanto, pela sua iluminação podemos ver sombras até então desconhecidas.
Ao passo que à luz do Sol, tudo se destaca, sob o brilho pálido da Lua, tudo se dissolve, oferecendo-nos uma nova experiência de nós mesmos e do nosso mundo.

Sallie Nichols

"Por mais que eu goste não demonstro
me chama de fria, me chama de monstro.
Mas a verdade é que eu me escondo.
E te coloco no meu jogo doentio de amar
Sei e você sabe que vai gostar"

Guilherme dos Santos inspirado por Angélica Tavares

Tudo começou naquela tarde fria, onde a chuva batia fortemente na janela. Eu ficava observando atentamente a dança sombria dos galhos das árvores, o desespero das nuvens cinzentas, o berrar dos raios...
Sozinha fiquei naquele quarto escuro, acompanhada somente dos meus pensamentos pessimistas e sarcásticos... Ouvi uma voz. Quando me dei conta, estava conversando com o meu inconsciente.

- Onde estão todos os outros? - perguntou-me.
- Outros? Não há outros nesse mundo, apenas eu. - respondi.

Aquela voz perturbou-me durante toda à noite, fazendo-me perguntas nas quais nunca parei de fato para pensar.


- Em que mundo é esse onde tu vives?
- Vivo em um mundo onde só eu tenho acesso, onde só eu possuo as chaves de todas as portas.
- Por qual razão revolveu isolar-se dos demais?
- Por qual razão eu viveria junto aos demais? - retruquei.
- Há pessoas lá fora que se preocupam contigo.
- Não, não há. Todas aquelas pessoas estranhas que habitam aquele outro mundo querem apenas iludir-me com palavras já antes ensaiadas.
- Não deixe o pessimismo abalar-te.
- Está querendo iludir-me também com esse discurso positivista?
- Quero apenas ajudar-te a ver o mundo de uma outra maneira.
- Acho melhor eu tentar te ajudar a abrir os olhos para a realidade e parar de fantasiar as coisas, achar que tudo e que todos são seres decentes e humanos.
- Mas todos são humanos como você.
- NÃO! Jamais volte a dizer isso. Odeio ser comparada aos demais. Se todos aqueles seres estranhos forem realmente humanos, considero-me desde já uma "coisa" perdida na imensidão.
- Mas você também pisa no mesmo chão que eles.
- Não piso! Pare de uma vez por todas com isso! Pare de comparar-me àqueles seres anormais, nos quais são movidos através de máquinas e de uma inteligência artificial, que não têm coração e não sabem o significado dos sentimentos!
- Realmente você é uma pessoa diferente e enxerga o mundo de outra forma...
- Foi tão difícil assim chegar nessa conclusão totalmente previsível?

Silêncio...

Marcella Nicolini Furtado

Realidade que tanto me tortura
na madrugada mais fria e solitária
a tormenta se manisfeta como uma ditadura

Quem há de aguentar tanto sofrimento
haverá o messias suportado tanta angústia
até a consequência do último apedrejamento.

Flábio Fagundes

Segunda feira.
15 de setembro de 2009.
Uma manhã fria, nevava. O vento batia contra as janelas das muitas casas daquela rua vazia. As aulas começavam e um ou outro corria pelas ruas, para alcançar o ônibus. E ali estava ela, não necessáriamente a espera do escolar. Estava apenas saindo de casa, com as chaves em mãos. Iria de carro. Usava vestes apropriadas para o dia. Uma calça de couro preta e botas. Usava também uma camiseta deuma banda de rock dos anos 80 e um sobretudo preto por cima. Os seus cabelos escuros estavam soltos e os olhos num verde esmeralda destacavam-se devido ao lápis escuro.
- Volta pra casa depois?- O homem perguntou, parado na porta, com um sorriso no rosto. Uma garrafa de cerveja em mãos. A menina revirou os olhos ao vê-lo levá-la aos lábios. Como fora parar ali?
- Sim, vou voltar para a minha casa.- Enfatizou, abrindo um sorriso lateral, que logo sumiu de sua face. Derick não era uma garoto feio, mas também não era uma beleza rara. Tinha cabelos escuros e a pele clara, os seus olhos eram num cinza claro e o seu corpo era ideal, talvez fora muito bonito no colegial, mas não agora. Agora era só um bêbado viciado, que vendia drogas para sobreviver.- Até mais, Derick.- Acrescentou e seguiu até o velho impala, estacionado em frente à velha casa.
- Espera, você me liga, Myv?- Derick perguntou, jogando a garrafa agora vazia na lata de lixo enferrujada.
- Derick, você está parecendo uma garota.- Myv riu e abriu a porta do carro.- Não, eu não vou ligar. Apareço quando sentir necessidade.- Piscou marota e entrou no automóvel, fechou a porta e deu a partida, acelerando com tudo rumo ao colégio em que estudava.

B. Martins

As luzes me cegam na escuridão sem fim em meio a noite fria e solitária. Ao fundo uma música me traz boas lembranças, logo penso em te ligar, mas já são 4 horas da manhã. Me bate uma tristeza por saber que poderia estar com você agora. E tudo que tenho são latas e garrafas vazias ao redor. Os amigos não virão ao meu encontro, você se manterá longe de mim, não tenho como sair de onde me encontro, estou preso em uma situação que a cada dia me surpreende mais, de todas as formas possíveis. Muda a música, uma batida maneira eleva o astral, mas logo me lembro que você não está aqui comigo. Estou só me afundando em minhas memórias, pensamento perdido, assim como o olhar. Já ouvi coisas que não pretendia, já fiz coisas que não pretendo dizer. Nas sombras da noite levo a vida em silencio e só, tinha tanto pra fazer e pra falar, mas a vida me restringe muitas coisas boas, a vida que eu escolhi sem saber, anos atrás!

Gustavo Baraúna

Nessa noite fria pus-me a sonhar com você: MEU AMOR. Fiquei sofrendo, chorando, mas sempre te amando, e nesse sonho eu lhe pedia uma chance só para tentar te fazer feliz: Por favor, fica comigo! Eu te amo, te adoro, te quero, te preciso – a saudade dói, o desejo dói.
Deixe-me desvendar seus medos e sem receios te dar amor, e num desejo louco te envolver com meu corpo e de pouco a pouco sentir teu calor. É ruim eu não te ter perto de mim, é ruim eu te ter tão longe assim. Fantasia!

Jailson Freitas de Oliveira

Não quero ser desiludida, fria, distante e inalcançável. Eu sempre tive escolhas, sempre. Poderia ir para um lado, mas poderia ir para o outro. E no nosso caso, no meu caso, não foi diferente. Tive a chance de te querer, de amar, e de sofrer por você, mas acredito tanto no que eu sinto que eu escolhi, te querer, te amar e sofrer. Tive a escolha, poderia ter te deixado, quando comecei a namorar, mas não, eu comecei a te ver aonde não existia, comecei a ver o seu jeito aonde não tinha. Comecei a te ver no lugar dele. Te vi em todos os lugares que eu ia com ele, segurava a mão dele pensando que era sua mão. Olhei várias vezes desejando que ao menos uma vez, no lugar dele fosse aparecer você. Eu queria que ele fosse você. Eu queria que você fosse ele.

Layla Péres

Eu não sou tão fria .
Apenas guardo meus sentimentos para mim mesmo .
E não sou tão fragil .
Pois as vezes choro do nada , porque quardo tantos os meus sentimentos tentando escondelos que quando eles escapam , eles se desabam em mim , me fazendo expessar tudo o que deveria ter expressado e não expressei por orgulho .

Amanda Emília

Muitos dizem que sou fria , mas discordo . Pra amar não é necessário ser totalmente tola e retardada .

Natália Vieira

Não é questão de ser fria nem má, é mais auto-defesa mesmo, porque se você deixa as pessoas perceberem as suas fraquezas, elas te tocam bem no seu ponto fraco só para tentar te derrubar.

Paolla Cristiny