Frases para Conquistar uma Garota

Cerca de 15900 frases para Conquistar uma Garota

Os homens têm menos escrúpulos em ofender quem se faz amar do que quem se faz temer, pois o amor é mantido por vínculos de gratidão que se rompem quando deixam de ser necessários, já que os homens são egoístas; mas o temor é mantido pelo medo do castigo, que nunca falha.

Maquiavel

Quem disser que pode amar alguém durante a vida inteira é porque mente.

Florbela Espanca

Há sempre algo de ridículo nas emoções da pessoa que se deixou de amar.

Oscar Wilde

O prazer do amor é amar e sentirmo-nos mais felizes pela paixão que sentimos do que pela que inspiramos.

François La Rochefoucauld

As mulheres amam muito tempo antes de confessá-lo; os homens têm já deixado, há muito, de amar, quando continuam a confessá-lo ainda.

Emanuel Wertheimer

O erro que cometemos é quando procuramos ser amados, em vez de amar.

John Dryden

Amar? Para quê? Por um tempo, não vale a pena. / E, para sempre, é impossível.

Alexander Puschkine

O homem ama, porque o amor é a essência da sua alma. Por isso não pode deixar de amar.

Leon Tolstoi

O amor eterno é de muito breve duração; podemos odiar eternamente, porém, amar eternamente, não.

Emanuel Wertheimer

Sabe o que é melhor que ser bandalho ou galinha? Amar. O amor é a verdadeira sacanagem.

Tom Jobim

O homem que vive na indiferença, é aquele que ainda não viu a mulher que deve amar.

Jean de la Bruyere

Sentir, amar, sofrer, devotar-se, será sempre o texto da vida das mulheres.

Honoré de Balzac

É difícil amar aqueles que não estimamos, mas é mais difícil ainda amar aqueles que estimamos mais do que a nós mesmos.

François La Rochefoucauld

O seu trabalho não é a pena que paga por ser homem, mas um modo de amar e de ajudar o mundo a ser melhor.

Thiago de Mello

Passamos a amar não quando encontramos a pessoa perfeita, mas quando aprendemos ver perfeitamente uma pessoa imperfeita.

San Kenn

Antes de se amar profundamente, não se viveu ainda; e, depois, começa-se a morrer.

Júlio Dantas

Pois se o eu é odioso, amar ao próximo como a si mesmo torna-se uma atroz ironia.

Paul Valéry