Frases de Esperança

Cerca de 13397 frases de Esperança

Em todas as lágrimas há uma esperança.

Simone de Beauvoir

Espera de teu filho o que fizeste com teu pai

Tales de Mileto

A esperança é a maior e a mais difícil vitória que um homem pode ter sobre a alma.

Georges Bernanos

Quando as palavras não são tão dignas quanto o silêncio, é melhor calar e esperar.

Eduardo Galeano

Todas as grandes esperanças são seguidas de tristeza.

P. Bourget

A esperança é o mais sórdido dos sentimentos.

Jorge Luis Borges

O Brasil é uma nação de espertos que reunidos, formam uma multidão de idiotas.

Gilberto Dimenstein

Espere com paciência, ataque com rapidez.

Provérbio Chinês

Consulte não a seus medos mas a suas esperanças e sonhos. Pense não sobre suas frustrações, mas sobre seu potencial não usado. Preocupe-se não com o que você tentou e falhou, mas com aquilo que ainda é possível a você fazer.

Papa João XXIII

Os desejos da vida formam uma corrente cujos elos são as esperanças.

Sêneca

A criança é alegria como o raio de sol e estímulo como a esperança.

Coelho Neto

Os que têm muito a esperar e nada a perder serão sempre perigosos.

Edmund Burke

Deixarás de temer quando deixares de ter esperança.

Sêneca

As esperanças são como as estrelas: brilham, mas não trazem luz; lindas, mas ninguém as alcança.

Coelho Neto

Teria maior confiança no desempenho de um homem que espera ter uma grande recompensa do que no daquele que já a recebeu.

Voltaire

A esperança de gozar cede apenas em prazer à esperança realizada.

William Shakespeare

A mulher mais honesta não resiste à tentação de parecer sedutora e, sem pensar em dar uma esperança, não desgosta de deixar um espinho.

Madame Émile Girardin

A recordação é a esperança do avesso. Olha-se para o fundo do poço como se olhou para o alto da torre.

Gustave Flaubert

A verdadeira esperança é uma qualidade, uma determinação heróica da alma. E a mais elevada forma de esperança é o desespero superado.

Georges Bernanos

Mas, conquanto não pode haver desgosto
Onde esperança falta, lá me esconde
Amor um mal, que mata e não se vê;
Que dias há que na alma me tem posto
Um não sei quê, que nasce não sei onde,
Vem não sei como, e dói não sei porquê.

Luís de Camões