Frases do Ventania

Cerca de 114 frases do Ventania

Sim, minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem das grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite.

Clarice Lispector

Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar.

Clarice Lispector

Paixão é uma infinidade de ilusões que serve de analgésico para a alma. As paixões são como ventanias que enfurnam as velas dos navios, fazendo-os navegar; outras vezes podem fazê-los naufragar, mas se não fossem elas, não haveriam viagens nem aventuras nem novas descobertas.

Voltaire

Cada maluco com sua mania
Uns com stress e outros com poesia

Ventania

Quase novembro, a ventania de primavera levando para longe os últimos maus espíritos do inverno.

Caio Fernando Abreu

Ando amando, durmo amando. Canto, espero, supero. Depois de uma ventania a paz volta ao coração.

Caio Fernando Abreu

Quantas noites sem dormir olhando da minha janela
Luzes da cidade, viajo o pensamento
Madrugada adentro enquanto muitos dormem.

Ventania

Calmaria (Walmir Palma)

Pouco de céu
Quase de sol
Pouco de ventania
Quase de dor
Pouco de mar
Quase que nasce o dia

Meio você
Meio verão
Meio minha cantiga
Pouco de mim
Meio você
Quase de calmaria

Walmir Palma

Não sei de onde vem a minha inspiração, só sei que ela é semelhante a uma ventania: A mesma intesidade que chega é a mesma na qual some.

Ygor Gardel

Em seus braços

Há sempre um caminho
que encontro na procura do meu rumo.
Quando dou por mim,estou em seus braços.
Neste momento percebo que sempre te amarei...

Airton Ventania

Vai Chover...

Ventania, fria...
Ondas verdes, copas.
Cheiro de vida...

Francismar Prestes Leal

Apenas espero que a ventania passe, para que chegue a brisa.
Ou que o tempo passe, e eu veja você chegar.
Ou que tente espaço, diminuir o que há entre nós dois.
Ou que em um outro abraço, revele o outrora, o agora e o depois...

Tom Lima

Cartas Sem Destino...

No baralho cigano...
Cartomante verá meu futuro.
Súbito, uma ventania...

Francismar Prestes Leal