Frases de Luto

Cerca de 4740 frases de Luto

Devemos chorar as pessoas à nascença, e não aquando da sua morte.

Barão de Montesquieu

A nossa natureza consiste em movimento; o repouso completo é a morte.

Blaise Pascal

Pessoas vivendo intensamente não têm medo da morte.

Anaïs Nin

Sabe-se que enquanto vivemos estamos mais ou menos expostos à inveja, mas depois da nossa morte os nossos inimigos deixam de nos odiar.

Demóstenes

Não é da morte que temos medo, mas de pensar nela.

Sêneca

Do viver que é uma corrida para a morte.

Dante Alighieri

Tão bom morrer de amor! e continuar vivendo...

Mario Quintana

O próprio viver é morrer, porque não temos um dia a mais na nossa vida que não tenhamos, nisso, um dia a menos nela.

Fernando Pessoa

Temos a arte para não morrer da verdade.

Friedrich Nietzsche

Temer o amor é temer a vida e os que temem a vida já estão meio mortos.

Bertrand Russell

Quando eu for, um dia desses,
Poeira ou folha levada
No vento da madrugada,
Serei um pouco do nada
Invisível, delicioso

Que faz com que o teu ar
Pareça mais um olhar,
Suave mistério amoroso,
Cidade de meu andar
(Deste já tão longo andar!)

E talvez de meu repouso...

Mario Quintana

A vida é como uma sala de espectáculos; entra-se, vê-se e sai-se.

Pitágoras

A vida sem luta é um mar morto no centro do organismo universal.

Machado de Assis

Nunca se é homem enquanto se não encontra alguma coisa pela qual se estaria disposto a morrer.

Jean-Paul Sartre

Está morto: podemos elogiá-lo à vontade.

Machado de Assis

Alguns têm na vida um grande sonho e faltam a esse sonho. Outros não têm na vida nenhum sonho, e faltam a esse também.

Fernando Pessoa

Quem de manhã compreendeu os ensinamentos da sabedoria, à noite pode morrer contente.

Confúcio

Trabalha como se vivesses para sempre. Ama como se fosses morrer hoje.

Sêneca

Há uns que morrem antes; outros depois. O que há de mais raro, em tal assunto, é o defunto certo na hora exata.

Mario Quintana

A condição dos homens seria lastimável se tivessem de ser domados pelo medo do castigo ou pela esperança de uma recompensa depois da morte.

Albert Einstein