Frases de Dança de Rua

Cerca de 1261 frases de Dança de Rua

Eu só quero saber em qual rua minha vida vai encostar na tua "

Ana Carolina

De tudo ficaram três coisas...
A certeza de que estamos começando...
A certeza de que é preciso continuar...
A certeza de que podemos ser interrompidos
antes de terminar...
Façamos da interrupção um caminho novo...
Da queda, um passo de dança...
Do medo, uma escada...
Do sonho, uma ponte...
Da procura, um encontro!

Fernando Sabino

Uma festa

Uma alegria contagiante no ar
As luzes coloridas, a brilhar
Uma música da moda a tocar
Todos animados, a dançar
Pelo jeito ninguém quer parar
Esse momento mágico, querem aproveitar
Ruim é saber que isso uma hora vai acabar
A magia vai cessar
A música vai se calar
A luz vai desligar
O sol vai raiar
Um dia normal vai começar!

Clarice Pacheco

Meu coração pulsa e dança. Porque não sei sentir sem ritmo.

Anna Paulla

Teus olhos insistem em me chamar para essa eterna dança de olhares... Eu só espero que a música não pare...

Niquemsn

Quando você dança com o diabo, você não muda o diabo, o diabo muda você.

Andrew Kevin Walker

"Quando você dança, seu propósito não é chegar a determinado lugar. É aproveitar cada passo do caminho."

Wayne Dyer

Felizes daqueles que podem dançar. A dança é a forma de expressão sentimental mais sincera que existe.

Stefhanie Figueirêdo

“A Filosofia pensa,a literatura escreve e a dança pensa e escreve com o corpo.”

Maykira

"A dança é a linguagem escondida da alma."

Martha Graham

"Dança é a única arte na qual nós mesmos somos o material de que ela é feita."

Ted Shawn

minha cabeça em seu peito
seus dedos em meus cabelos
- dança de leito

Eugénia Tabosa

Dança da mulher molhada
Ao vento o galho
Orvalho nas pétalas.

Silvia Mera

A cigarra canta
o anúncio de sua morte -
formigas na contra-dança.

Anibal Beça

Se não puder aceitar nada pela fé, então será condenada a levar uma vida dominada pela dúvida.

Um Milagre na Rua 34

A flor e a náusea

Uma flor nasceu na rua!
Passem de longe, bondes, ônibus, rio de aço do tráfego.
Uma flor ainda desbotada
ilude a polícia, rompe o asfalto.
Façam completo silêncio, paralisem os negócios,
garanto que uma flor nasceu.
É feia. Mas é flor. Furou o asfalto, o tédio, o nojo e o ódio.

Carlos Drummond de Andrade

Se eu tivesse tomado um atalho, uma rua estreita qualquer, que tipo de pessoa eu teria me tornado? Não sei. Mas gostaria muito de saber. Pelo retrovisor, vejo todas as pessoas que eu poderia ter sido e não fui.

O Teatro Mágico

Menina linda eu quero morar na sua rua,
Você, deixou saudade...

Chorão