Frases de Augusto Cury

Cerca de 499 frases de Augusto Cury

"Os sonhos trazem saúde para a emoção, equipam o frágil para ser autor da sua história, renovam as forças do ansioso, animam os deprimidos."

Augusto Cury

Descobrimos nossa espiritualidade quando despertamos para a finitude da vida. Por isso velórios nos fazem tombar no silencio

Augusto Cury

Os aventureiros realizam suas conquistas e as demais pessoas os aplaudem. Saia sempre do lugar-comum.

Augusto Cury

Se você não brincar com a vida, a vida brigará com você. (O Futuro da Humanidade)

Augusto Cury

Não vela a pena pressionar quem não está disposto ao diálogo. (O Futuro da Humanidade)

Augusto Cury

Frágeis usam a violência e os fortes as idéias.

Augusto Cury

Chorar e abraçar são mais importantes do que dar-lhes fortunas ou faze-lhe montanhas de críticas.

Augusto Cury

Uma existência sem sonhos é como uma semente sem solo...

Augusto Cury

Temos programas de humor, mas onde estão os sorrisos que duram até a manhã seguinte?

Augusto Cury

As sociedades modernas se tornaram grandes hospitais psiquiátricos onde o normal é ser doente.

Augusto Cury

Defender excessivamente nossas opiniões reflete fragilidade.

Augusto Cury

Os piores estranhos são aqueles que vivem na mesma casa e fingem que se conhecem. Conversam banalidades, mas nunca o essencial.

Augusto Cury

Quem vence sem risco, triunfa sem glória... Não tenha medo da vida, não tenha medo de vivê-la...

Augusto Cury

Sonhos não são desejos, desejos são intenções superficiais. enquanto sonhos são projetos de vida. Desejos morrem diante das perdas e contrariedades, sonhos criam raízes nas dificuldades.

Augusto Cury

Os jovens conhecem cada vez mais o mundo em que estão, mas quase nada sobre o mundo que são..."

Augusto Cury

Nossa memória virou um depósito de informações inúteis.

Augusto Cury

Cada doença pertence a um doente.
Cada doente tem uma mente.
Cada mente é um universo infinito.

do livro "O Vendedor de Sonhos"

Augusto Cury

Sem filosofar a vida, viverão na superfície.
Não perceberão que a existência é como
os raios solares que despontam solenemente
na mais bela aurora e se despedem
fatalmente no acaso.

do livro "O Vendedor de Sonhos"

Augusto Cury