Stephanie Schmidt: Saudade Que bom seria se não existisse...

Saudade
Que bom seria se não existisse a distância, não pelo fato dela ser grande, mais por ela separar grandes amizades. Verdadeiras amizades..



Quando tu se muda de um lugar, muitas vezes tu se vira contra tudo, e contra a maioria das pessoas.. Tentando não culpalas, mas sim talvez achando que se você se aprocimar delas, seria mais um desapego em relação aos outros.


Quando tu se muda, tu fica revoltada, tu te fecha, e acaba por perder pequenos momentos, mais que podem ser os únicos lembrados de uma vida, que passou tão rápido.


Quando tu se muda, aprende e sente o quão grande é o tamanho da palavra saudade, e pensa que não vai mais achar pessoas tão maravilhosas quanto as que tu conheceu.


Já me mudei duas vezes, de cidades diferentes. Não digo que eu to craque, nos sentimentos que sobrecarregam essa palavra. E sim que a cada uma delas, eu deixo uma pequena parte de mim, talvez dentro de alguem ou até alguens.


A distância, podia não existir, a saudade é um sentimento ruin, traz sofrimento, dor, angustia. Mais a saudade é a maior prova de que tudo que tu fez, sendo um simples abraço de todas as manhãs, significar muito mais que muitas palavras ditas em um dia. De todos os lugares que eu passei, aprendi muito, e levo alem de tudo muitas experiencias. Além das minhas, a de muitas pessoas, que por sinal eu levarei pra sempre comigo. E que mesmo que esse pra sempre, um dia acabe, que quando eu pensar em desistir, pensar que de tudo que eu já passei, nada foi em vão.


Me mudar.. São duas palavras, que pra mim tem um sentido tão grande que não da pra descrever. Eu só quero escrever aqui, que a quem eu deixo, na cidade, eu levo comigo.. no coração, que ninguem e nada, vai me tirar! Só tenho a agradecer a vocês os tantos momentos que me aguentaram, mesmo que falando trinta vezes a mesma coisa, aos conselhos que me deram, e dão.. Acho que a única coisa que eu posso deixar pra vocês, além de lembranças, e um sentimento enorme que compartilho com vocês.. É o meu muito obrigada!

Stephanie Schmidt