Paulo Laet: A morte é uma passagem e o amor uma...

A morte é uma passagem e o amor uma eternidade
Minhas palavras não dizem nada
Pois meu coração não fala
Minhas palavras não dizem nada
Pois meus pensamentos não dizem nada
Não olhe pra mim
Pois meus olhos dizem tudo
Não olhe pra mim
Pois meu rosto diz tudo
Não queria demonstrar tanta saudade
Sei que tudo tem de seguir
Mais é tão difícil
Deixar tudo prá lá
Só quero deitar e sonhar
Lembrar, lembrar, lembrar
Talvez chorar, chorar e chorar
Mais minha promessa foi ser forte e não parar
Seguir, seguir e te honrar
Certo mamãe, certo mamãe
Mais é tão difícil
E quando bater a saudade
Será que vou conseguir segurar?
Certo, minha promessa
Obrigado por tudo,
Obrigado por ter sido minha mãe
Obrigado pelo seu carinho
Obrigado mamãe
Obrigado por dizer que me ama e pelo beijo de despedida em meu sonho
A morte é uma passagem e o amor uma eternidade
Minhas palavras não dizem nada
Pois meu coração não fala
Minhas palavras não dizem nada
Pois meus pensamentos não dizem nada
Não olhe pra mim
Pois meus olhos dizem tudo
Não olhe pra mim
Pois meu rosto diz tudo
Não queria demonstrar tanta saudade
Sei que tudo tem de seguir
Mais é tão difícil
Deixar tudo prá lá
Só quero deitar e sonhar
Lembrar, lembrar, lembrar
Talvez chorar, chorar e chorar
Mais minha promessa foi ser forte e não parar
Seguir, seguir e te honrar
Certo mamãe, certo mamãe
Mais é tão difícil
E quando bater a saudade
Será que vou conseguir segurar?
Certo, minha promessa
Obrigado por tudo,
Obrigado por ter sido minha mãe
Obrigado pelo seu carinho
Obrigado mamãe
Obrigado por dizer que me ama
E pelo beijo de despedida em meu sonho

Paulo Laet