Mario Quintana: Bilhete Se tu me amas, ama-me...

Bilhete

Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres,
enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amada,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...

Mario Quintana QUINTANA, m. Poesia Completa. Rio de Janeiro: Nova Aguilar. 2005. p. 474.
Pensamento