Ops! O pensamento foi removido e não pode ser encontrado no Pensador.

Outros pensamentos que podem interessar:

"Não me importo em acordar cansada... Até gosto!
Desde que não me deixe dormir com Vontade!."

—By Coelhinha

(Abnizia) By Coelhinha

Triste fico quando estou longe de você, vem me abraçar, sorrir, esqueçer dos problemas diarios, tocar teu rosto é o meu desejo, olhar nos olhos e dizer: Te quero, sinto que essa chuva reflete meu sentimento, como as gotas caem no vidro da janela do quarto, na mente cria uma melodia insuportavel dizendo te amo, te amo e te amo, gotas caindo formando a melodia mais perfeita e sinistra, por me deixar feliz e triste por não ter voce aqui em meus braços, para poder te abraçar

Bruno Willian Pequeno Vale

AO SOM DA BANDOLA

Como é fácil sorrir quando se esta bem,
Escuto um instrumento musical diferente,
Ao som da bandola minha alma acende,
Tendo descobrir o instrumento diferente.
Até parece um bandolim grande
Mas como o seu som é todo diferente,
A amada não compartilha o meu interesse,
Mas não importa somos mesmo diferentes,
Queria ser musico para compor uma musica
Ao som de tal instrumento diferente
Queria ver a cara de minha negra
Que depois de horas fazendo amor
Eu saísse do nada levando uma bandola
E tocasse para ela um musica romântica
Ao som de tal instrumento tão diferente,
Com certeza ela iria se apaixonar
E ser minha para o resto da vida,
Afinal que a ama de modo tão diferente?

André Zanarella 28-01-2013
http://www.recantodasletras.com.br/poesias/4730571

André Zanarella