Formatura Ensino Médio

Cerca de 67 frases e pensamentos: Formatura Ensino Médio

Fiquei sabendo que minha professora de sociologia do ensino médio se matou no começo do ano, daí acharam o corpo no apartamento depois de dois dias num estado horrível. Ela vivia dizendo nas aulas que havia uma resposta pra tudo, e que quando parecia não haver uma, apenas não sabíamos como interpretar o que estava bem na nossa frente. Ninguém quis encontrar uma resposta que justificasse esse final trágico, porque no fundo, as pessoas sabem o que causa o cansaço, e sabem também do caminho que leva uma pessoa à dizer que já basta. Você sai de casa pra tentar entender um pouco mais, e volta com outras vinte dúvidas. Algumas certezas apagam as luzes e te fazem bater a cara nos obstáculos, a verdade vicia, uma busca infinita por ideias descartáveis. Uma coleção de novos questionamentos. Por que não devo? por que não posso? por que comigo? A resposta está bem ali e você sabe, mas sua mente ignora as evidencias para manter-se intacta. Precisamos de uma nova dose que seja mais forte do que a anterior, uma verdade que nos obrigue a subir um monte até cairmos em um buraco negro de perguntas estupidas. Bom, ninguém sabe porque ela desistiu, mas ela sabia demais, e se pudesse escolheria não saber tudo, apenas o bastante pra não cair nas armadilhas da vida. Por hoje já chega de novas descobertas, ninguém foi bom o bastante para salvá-la das perguntas.

Sean Wilhelm

O Menino que não sabia ler


Estava no seu segundo ano do ensino médio, participava de um grupo de adolescentes que sonhavam em “fazer” teatro. De uma forma dinâmica. Sem um real conhecimento em teatro, “brincavam de fazer teatro”. João, um dos jovens, sentia uma paixão imensa por teatro. Porém não sabia ler. Conforme “brincavam de fazer teatro”, todos sentiam uma inadiável vontade de aprofundar seus conhecimentos e vivenciar o teatro. Certo dia, os jovens ouviram na rádio que no dia seguinte um diretor de teatro estaria indo aquela região propondo uma oficina de teatro. Todos ao saberem da noticia, planejaram em procurar o diretor assim que chegasse a região. João, por saber que tinha uma grande dificuldade em sua leitura, não estava tão entusiasmado como os outros jovens, sabendo ele que iria passar o maior transtorno de toda sua vida. No dia seguinte os jovens então se juntaram em uma pequena praça, em seguida foram procurar o diretor. Todos muito felizes por saberem que iriam participar de sua primeira oficina de teatro, foram correndo até o diretor. João, pelo fato de não saber ler, não estava tão entusiasmado. Ao chegar ao diretor, os jovens estavam interagiam entre se enquanto o diretor conversava com um senhor de idade. O diretor, ao ver toda aquela barulhada, foi até os jovens. - Com licença, que barulheira é essa? (Um dos jovens respondeu um pouco gaguejando e nervoso). – Olá senhor, ontem ouvimos na rádio que o senhor viria para cá com a proposta de uma oficina de teatro. – Sim, e percebo que vocês estão interessados. (Disse o diretor). – Sim senhor! O que fazemos pra participar dessa oficina? (Perguntou o jovem ao diretor). – Vocês tem que preencher esse papel. Por fim todos terminaram de preencher os papeis e entregaram ao diretor e de fato João foi o último a entregar. O diretor pediu que todos viessem no próximo dia para a primeira aula. (Passou-se um dia e todos estavam lá). – Bom dia! Vejo que todos vieram. Ainda hoje distribuirei as cenas de cada um. (Disse o diretor). João, por saber que teria a maior dificuldade em aprender o texto ficou ainda mais triste. (O professor fez algumas dinâmicas teatrais e logo em seguida entregou as cenas dizendo). – Peço que todos venham com o texto decorado amanhã e que tentem e que façam experimentações. (Passou-se mais um dia). O diretor fez um semicírculo e pediu que fossem de um em um e mostrasse a todos o que conseguiu. (Todos os Jovens foram faltando apenas o João). – Sua vez João. (Disse o diretor). (João levantou-se do chão e foi para o centro do circulo). – Pode começar João! (Indagou o diretor). João estava muito nervoso e ainda com o texto na mão. – João? Algum problema? (Perguntou o diretor enquanto João permanecia calado). O diretor chamou João até uma sala. João, conte-me o seu problema?! – João estava muito nervoso. – Eu não sei ler! (Disse João surrando). O professou não entendeu e pediu que João falasse mais alto. – Eu não sei ler! (Disse João). O diretor foi com João até o semicírculo e despencou todos exceto João. – João venha comigo. O diretor pegou um pequeno livro explicou a João algumas coisas sobre literatura e disse. – João, tente ler esse livro e traga-me amanhã. – Quanto ao texto? (Perguntou João). – Esqueça o texto. Apenas tente ler esse livro e conte-me sobre ele amanhã. (Disse o diretor). João foi para casa. Ao chegar a casa, a primeira coisa que João fez foi pegar o livro em sua mochila e com grande dificuldade leu o livro por completo com apenas algumas explicações que o diretor tinha lhe proposto. (Passou-se mais um dia). – Então João? O que achou do livro? (Perguntou o diretor a João). E então João o explicou detalhe por detalhe. Quando terminou a aula o diretor foi até uma sala e voltou com outro livro na mão. – Tome João, leia esse outro livro e explique-me sobre ele amanhã. (João pegou o livro e saiu). Passaram-se alguns dias e toda vez que terminava a aula o diretor entregava um livro a João. Num certo dia o diretor não entregou um livro a João, entregou a cena que tinha proposto a João na primeira aula e disse. – Tome João, dessa vez não lhe dou um livro. Dou-lhe essa cena a qual tinha lhe proposto antes. João pegou o texto e foi pra casa. (Passou-se mais um dia). João foi o primeiro a chegar à oficina, contente por ter aprendido ler e por ter decorado o texto que o diretor tinha proposto. A cena de João foi impecável. Nisso João tomou amor pela literatura e tornou-se um grande escritor.

Marcos Martins Senhor do Bonfim BA 26022015 03h48min

Certa vez, em uma dessas aulas de ensino médio, em plena segunda feira, a professora pediu para que colocássemos no papel o que sentimos ao ter a primeira impressão de algo ou alguém, e o que o tempo nos levou a acreditar sobre essa primeira impressão. Foi então que eu escrevi algo desse tipo...

"Ao ver pela primeira vez
Somente observei
Nada pude concluir
Nem tão pouco deduzir..
O tempo, após passar
A conclusão não foi de admirar
Pessoas?
São como as árvores
Algumas espinhosas
Outras, comparadas a rosas"

GabrielaOliveira

Quando se esta no ensino-médio tudo é novidade e diversão, muitas vezes parece que o mundo gira ao seu favor; grupos de amigos, paqueras e brigas. Cada dia com um tipo de roupa e conversa diferente, cada dia conhecendo e odiando varias pessoas. É ali onde tudo tem sentido no seu mundo. Mas terá um dia em que você acordará e perceberá que tudo aquilo hoje se resumi em fotos e videos guardadas em pastas perdidas em seu computador.

Fellipe Augusto

O Ensino Médio dura apenas três anos, mas os bons frutos nele colhidos durarão para o resto de nossas vidas.

Prof. Kilme Bezerra

Os alunos do ensino médio se surpreender com a passagem do mito grego para o conhecimento filosófico. Mas fico mais surpreso com a quantidade de mitos ainda hoje existentes.

Ricardo de Moura Borges

O professor de sociologia do Ensino Médio deve estar em constante ATUALIZAÇÃO dos conteúdos. O livro didático traz muito conhecimento teórico, se colocarmos essas teorias com a realidade de Geminiano isso pode causar dois impactos: POSITIVO, onde os alunos agora podem exercer a capacidade de relacionar o conteúdo estudado com a realidade vivida. NÃO POSITIVO, MAS INTERESSANTE: causar provocações na mentalidade politica da cidade.

Ricardo de Moura Borges

So tenho a agradecer cada um que esteve comigo nesta noite, eu nao imaginava como iria ser incrivel tudo isso, obrigado amor e amigos, voces sao uma parte muito importante de mim

formatura, despedida

Ser conduzida, toda orgulhosa, por meu amado pai no dia da minha formatura; uma maneira de recompensá-lo por todo o incentivo, por todo o sacrifício legado em prol da minha vida profissional.

Servamara

Um talvez Discurso de Formatura
em meio a varias formas de trabalho e a busca de se sentir bem pelo que faz, escrevi um pouco sobre elas..
Gostaria de cursar Medicina, para com sabedoria e remédios curar o corpo, carinho e sorrisos para a alma e coração.
Poderia também virar Militar, combater os crimes e deixar em segurança todos que estiverem sob minha guarda.
talvez em Astrologia, ver o futuro das pessoas nas estrelas.
Quem sabe Gastronomia, preparar comidas de todos os sabores para todos os gostos, as vezes até fisgar um marido pela boca.
Escritora, transmitir todos os sentimentos e pensamentos para uma folha de papel como esta.
Psicologa, ajudar com os problemas e dificuldades alheias.. mas para isso minha fé acredita que ainda exista a amizade, concelheira e verdadeira.
Advogada, para processar todas as propagandas enganosas e defender os direitos do consumidor.
Juíza, para fazer justiça e não para aceitar suborno dos mais remunerados.
Professora, levar conhecimento para os jovens tão desmiolados de hoje em dia.
Engenheira civil, Arquiteta e Decoradora, só para entregar um lar totalmente pronto para uma família.
Cantora, mas minha voz desafinada e minha timidez não me deixariam subir aos palcos.
Modelo, meu nervosismo me faria cair do salto..
Fotografa, registrar os momentos mais belos, desde o sol se pondo até o sorriso de uma criança.
Diretora de Videos, criar os clips mais loucos da musica pop.
Administração, organizar todos os números de uma grande empresa e a fazer crescer cada vez mais.
Sapateira, Estilista ou Costureira, com criatividade inovar os guarda-roupas.
Cursar Turismo, conhecer diversos lugares, pessoas e culturas diferentes.
Bióloga, para conhecer todos os tipos de plantas e tomar apenas remédios naturais.
Talvez Revendedora AVON, para ter todos os perfumes e maquiagens, o mesmo motivo se aplica para Vendedora de Lingerie.
Enfim, com tantas profissões, gostaria mesmo de ter nascido rica, não precisaria trabalhar e poderia fazer de todas apenas Hobbies, mas nem por isso me descontento, acredito que com Força de Vontade, Fé em Deus, e Foco nos objetivos conseguimos ir longe.
A sabedoria é rara, e só se adquire com o tempo..
A nós desejo toda Sorte, Paz e Amor do Mundo !

Francisca Carolini Pereira

Formatura, momento de festejar a vitória alcançada, momento de despedidas, momento de agradecimentos,momento de parar no tempo e relembrar o filme construído durante o caminho percorrido e refletir que alcançamos apenas um degrau dentre várias outras vitórias que virão no porvir que irão somar para formar os degraus que nos levarão ao alcance dos nossos objetivos, refletir que precisamos manter a fé, conserva-nos firmes, sempre embasados na humildade, no amor e respeito ao próximo.

Lindomar Batista

O que eu puder fazer para que realize seus sonhos.. eu vou fazer!. Quero esta na sua formatura aplaudindo seus esforços, olhando no seus olhos e segurando sua mão... Amor nós conseguimos!.

Kely

Qualquer formatura de colégio, hoje, é mais produzida do que os shows que os Beatles fizeram.

Humberto Gessinger

Eu não quero uma formatura.
Não quero me lembrem pela vida que salvei, pela empresa que chefiei, pelo assassino que julguei ou pelo prédio que ergui. O que eu quero é simples. Que me lembrem ao ler. Me lembrem pela capa, pela frase de um status, pelo texto na página de pesquisa ou pelo cheiro de folha nova. Me lembrem pelo susto e pelo suspiro. Pelas linhas e pelo desfecho. Por um verso. Uma palavra. Por um livro inteiro.

Lívian Magalhães

Já que a gente é patrão, a gente podia fazer viagem de formatura todo ano

Gustavo Tonin

Por toda a minha vida

Parte 2:

Era o dia da formatura. Passei a última semana estressada com preparativos e provando vestidos e sapatos. Até que em fim, estava tudo pronto. Essa noite seria a última. A última em que eu estaria com ele. Então ela tinha que valer a pena. Eu ia fazer com que valesse.
A noite chegou, a formatura também. Eu vestia um vestido bem curto. Era lindo. Era um verde bem vivo, da cor da natureza. Cheio de brilhantes. Minha maquiagem e meu esmalta também eram verdes. O sapato, também.
Estávamos todos lá. Meus amigos e eu. Estava tudo muito bom, até eu perceber a ausência dele. Não o encontrava em nenhum dos lados. Já estava ficando com medo. Beber seria uma boa solução. Peguei um copo, dois copos, três copos, e perdi a conta. Todos estavam bebendo e dançando. Eu estava fazendo o mesmo.

Sabrina Niehues

Se minha vida fosse um filme, depois da formatura os créditos subiriam na tela. Era mesmo um futuro bem incerto, mas eu não tava a fim de pensar naquilo. Uma das poucas coisas que ouvi meu pai dizer foi que a nossa geração nunca pensa muito longe, só na semana que vem, no amanhã, na festa do sábado. Talvez ele estivesse certo, mas quem se importa?

PQOGSPN!

Baile de formatura

Hoje foi o teu dia, não tinha o direito de tira-lo para mim,
Amigos, alguns foram a ultima vez que os viu, outros continuaram contigo,
Família reunida a fim de te prestigiar,
Hoje foi o teu dia,
Baile para iniciar uma nova fase da tua vida,
Valsa, dançamos ou apenas tentamos levar no ritmo,
Juntos, rindo, entrelaçando os olhares,
Hoje foi o teu dia,
Danças, vestidos quase que arruinados, copos quebrados,
Todos entusiasmados, merecedora tu és de todos os sorrisos,
Sorrisos forçados, naturais, sem graças, tímidos, sorrisos,
Cada minuto ficará para sempre nas tuas lembranças, e na minha também,
O de mais valia, foi saber que se divertiu como deveria ser,
Não poderia ficar de forma alguma cabisbaixo. Pois..
Cada instante vendo sua grande noite, aplaudindo sua passagem,
observando a sincera felicidade, foi o que alegrou o meu dia,
Obrigado por fazer com que eu participasse da sua grande noite de formatura.

Pedro Mercaldi

E se ele fosse mal como eu
Teria entregado uma rosa pra mãe na sua formatura
Teria pescado com o pai de madrugada no São Francisco
E aprendido tocar violão
E ninguém iria chorar quando ele tocasse “menino da porteira”
Por ele estaria ali… o tempo todo…

Josane Hodniki

Dialogo em uma terrinha diferente


- Dr. Hamondo, espero ver você em minha festa de formatura, Eu estarei lá com Busffa e nós estaremos concretizando dezoito anos inteiros de muito estudo - Falei alegremente já sabendo da resposta - Estamos ansiosos para começar os trabalhos.

- Sim! Eu imagino dezoito anos estudando Ciências Psiquiátricas gramaticais do desenvolvimento Socio-econome-cológico não é para qualquer um, creio que você será um Pes-sótimo profissional. Mas não sei se devo aparecer em sua formatura meu caro jovem, ultimamente tenho estado muito ocupado com o caso de Milar, aquela cega que não ouve, é bem complicado.

- Nossa ainda? Achei que já havia resolvido esta enxaqueca.

- Não, não, o caso é bem grave, e além do mais, Milar é uma doçura, sinto-me feliz em ajudá-la. Creio que no sol quente do próximo inverno ela voltará a ouvir bem e será capaz de enxergar. Eu só preciso desenvolver mais um xarope com uvas passas e tudo estará prontinho.

- Que assim seja então, boa sorte Dr. Hamondo!

- Até mais jovem, mande um peteleco na orelha de Busffa. E olha vê se sai de regata em, com esse friozinho de verão, não quero ninguém doente em meu consultório.

- Claro! Farei isso, e tomarei suco de carambola bem gelado para complementar.

- To certo! Até mais!

Biel Rocha