Folhas

Cerca de 710 frases e pensamentos: Folhas

Eu escrevo em tudo, em qualquer lugar. Cadernos velhos,folhas soltas, janelas e principalmente na minha mente. São poucas as vezes em que escrevo para valer, que guardo minhas palavras e minhas frases perdidas. A maioria delas, nem sequer faz sentido,e nem quero. Meu objetivo é me fazer entender minha própria confusão e não colocar outros nela. Mas mesmo assim,escrevo. Escrevo para mim, e não para você. Escrevo sobre mim e daqui a algum tempo, não mais sobre você.

Marília Daniel

A sua semente plantada, hoje já é uma árvore enorme, onde se sustentam apenas as folhas verdes e bonitas, as folhas secas do acaso se foram com o vento.

Jorge Cavalcante

Passagem
A fala voará/seus passos ir-se-ão/a vela ficará sem folhas./O medo cantará/a mala voará/para que o tudo/fique como está./Seus passos voarão/seu pranto ficará/incólume no ar./O ar respirará/o ventre ficará/ditando o seu lugar/ ao sol./Tão próximo daqui/as asas morrerão/e tudo o que existiu/voou em vão...
Postado por milton trindade às 04:18

Milton Rivaldo

Logo pela manhã não vi o sol, um cinza quase negro me cobria, haviam folhas secas na varanda que foram destroçadas quando andei, um forte vento me deixou em estado de surdez e um assovio longe me convidava a guiá-lo, corri pra ver o que me esperava atrás dos pés de amora do Senhor Cazé, fui ficando com medo da intensidade de uma quase canção cantada aos lábios de alguém, posicionei minha cabeça a frente e os pés recuados e trêmulos, porém, não desisti como sempre fazia nos dias ensolarados. Começam a cair verdades do céu em diferentes formatos, depois, caíram estrelas cor de gelo, até então não entendia o que se passara ali, a cidade parecia que estava morta, nada se movia além de mim, gritei o mais alto que pude fazer para te avisar que era hora de despedir, senti algo despreender de minhas costas, como se descolassem os ossos, era uma dor insuportável. Derrepente, um clarão amarelo foi surgindo àquela paisagem triste e me senti flutuar, dando até frio na barriga continuei subindo lentamente na linha do tempo que sempre desprezava, eu era eterno aos meus hábitos. Vi retratos antigos, amigos chorando e erros omitidos, mas, o que mais me assustou, foi ver minha própria imagem lá de cima, como se fosse um espelho que não me respondia com movimentos sinceros de perdão, fui desaparecendo entre silêncio e frustração. Mandarei cartas, postais e sinais para os que amei, brotarei rosas no seu jardim querido, te molharei com chuvas de saudade, gritarei pelos trovões a minha vontade de te abraçar e te beijarei suavemente no pouso das borboletas. Continue comigo, pois, jamais te deixarei sozinho nas lembranças, segurarei firme suas mãos até o nosso reencontro nas nuvens ao norte, onde a lua permite sonhar.

Pietro Kallef

Com o tempo voce conhece muitas pessoas. Umas ficam, outras se vão como folhas que o vento leva. Mas, sempre têm aquela pessoa que te toca justamente no coração, e te ganha para sempre.

Pâmella Ferracini

"Tenho todos os amigos que almejei ter, nas folhas dos cadernos e nos versos que criei."

Érwelley C. de Andrade

"Quando eu morrer estará chovendo folhas em branco e dentro do meu caixão estarei rodeada de papel, lápis e tinta."

Érwelley C. de Andrade

“O que sei é que no final do livro só restarão folhas, as terminadas e as manchadas pelas palavras não escritas, os gestos não vistos, as lágrimas escondidas, os sonhos engasgados e o amor não vivido”.
E tudo terá sido realmente aproveitado do modo amado e realmente sentido?!

Érwelley C. de Andrade

"Tudo ao redor virou câmera lenta, o sol da tarde brilhando entre as folhas das árvores, e um cara de pé que olha nos meus olhos e me deixa sem reação. Primeiro que, só pra te avisar, sou eu quem faz esse lance de olhar fundo nos olhos, então senti minha arma virada contra mim."

Clarissa M. Lamega

O tempo passa,o mundo gira ,
as folhas caem,os passaros cantam !
tudo é perfeito e sincronizado ,
tudo tem seu sentido,
nada é por acaso ,
por isso ,nao pense que está a sós,
porque alem disso tudo ,
foi criado o sentido de amar
o amor não é sincronizado,
mas é o sentido inexplicavel!

Roger Danni

As arvores cobrem o céu nublado
Folhas caiem sobre o chão molhado
Eu sou como uma sombra que caminha pela rua
E se penso, logo escrevo, na noite escura

Marcus Patrick Pens

Olha como o dia é cinza, e as folhas estão secas
Olha como a grama é molhada, e o sol nem aparece
Olha como o vento é gelado, e a melancolia mora ao lado
Olha como o poema é triste, mas compartilhado
Uma xicara café, na companhia de um coração solitário
E depois do ultimo gole, é outro sonho que se foi mal explicado

Marcus Patrick Pens

Lute para conquistar tudo que mais deseja, não se esqueça que bens materiais são como as folhas das árvores, que na primavera caem e nascem outras no lugar. Lute para conquistar tudo que mais deseja, não se esqueça, que o amor tem limites e que tolera poucas brincadeiras e que nem todos os motivos do mundo serão suficientes para consertar um coração partido. Trate as coisas com bom humor e carisma. Acima de tudo isso, independente dos tempos difíceis que passares, eu quero que você lute sempre, para ao menos tentar deixar um pouco do seu carisma e bom humor no coração de cada ser humano que passar em seu caminho. E no fim de sua vida, terá pouco a se arrepender e muito do que se orgulhar.

Claudiney Ribeiro

E a chuva fria cai, cai longamente,
Cheia de perfume das folhas lustrosas,
Cheia de éter, vaporosa,
Cheia de céu...
E a chuva fria cai,
cai docemente.

Carlos Alberto de Araújo

Acumulo saudade
Num curto espaço de tempo.
Sou terra escondida embaixo
das folhas de outono - úmida.

sandra coelho

Abre a janela
Puxe a cortina
Contemple a noite
Lembre de mim.

Olhe no vento
As folhas secas
É primavera
Chegando ao fim.

Abre a janela
Ninguém nos vê
Minha saudade
Vai te beijar.

Puxe a cortina
do pensamento
Deixa a esperança
te abraçar.

Veja vagando
Beirando a rua
Um fragmento
na luz da lua.

Sou eu sofrendo
Dentro da noite
Qual sentinela
da imagem tua.

Sou eu morrendo
Ardendo em fogo
É fim de jogo
É fim de tudo.

Abre a janela
Ninguém nos vê
Minha saudade
Vai te beijar.

Puxe a cortina
do pensamento
Deixa a esperança
te abraçar.

Veja vagando
Beirando a rua
Um fragmento
na luz da lua.

Sou eu sofrendo
Dentro da noite
Qual sentinela
da imagem tua.

Sou eu morrendo
Ardendo em fogo
É fim de jogo
É fim de tudo.

Abre a janela...
Abre a janela...
Abre a janela...

Eunice Barbosa - Mário Marcos

Manhã dos cânticos de pássaros, do vento acolhedor da louca saudade, em folhas de balanço ardor em essência do café aromatizado.

Caio Crepaldi

As palavras boas precisam ser ditas.
encher o coração de folhas escritas,
lavando das veias o sangue venoso.
Exprimindo o mais belo sentimento e
formando um grande lago afetuoso.

auzair leite

Tal como a violeta é o amor:não se rega as folhas, molha-se a raiz

Paulo de Araújo