Folha da Arvore

Cerca de 144 frases e pensamentos: Folha da Arvore

O desejo é uma árvore com folhas; a esperança, uma árvore com flores; o prazer, árvore com frutos.

Guilherme Massien

Se a poesia não surgir tão naturalmente como as folhas de uma árvore, é melhor que não surja mesmo.

John Keats

Um ancião é uma grande árvore que, já não tendo nem frutos nem folhas, ainda está presa á terra.

Voltaire

Há opiniões que nascem e morrem como as folhas das árvores, outras, porém, que têm a duração dos mármores e do mundo.

Marquês de Maricá

Árvore sem folha
em invernos rigorosos
parece que hiberna.

Leila Míccolis

O vento é sempre o mesmo, mas sua resposta é diferente em cada folha. Somente a árvore seca fica imóvel entre borboletas e pássaros

Cecília Meireles

Largue qualquer sombra do passado ao chão do tempo, qual a
árvore que lança de si as folhas mortas.

Chico Xavier

A felicidade esta nas folhas das árvores,cabe somente a você decedir se viverá um outono ou uma primavera

Matheus Urruth

"A natureza é sábia e justa. O vento sacode as árvores, move os galhos, para que todas as folhas tenham o seu momento de ver o sol."

Humberto de Campos

Porque me condenas?
Porque uso maconha?
Pense...
Maconha é folha...
Folha é da árvore...
Árvore é da natureza...
E quem criou a natureza?
-Deus!
Ele não faria nada paara nos prejudicar!

Robert Nesta Marley (Bob Maley)

O vento pediu licença a árvore e tirou a folha pra dançar.

Laryssa Trajano

Brotamos de Deus
como as flores, folhas e frutos
brotam da árvore.
Todos são e não são a árvore.
Todos somos e não somos Deus.
Somos Deus brotando
de Si mesmo.

Valter da Rosa Borges

Como as folhas de uma árvore voltam as raízes alimentando-lhe a seiva, minhas lembranças voltam ao passado alimentando minha alma, para que eu continue vivendo!

Odair Flores

"Lembre-se: As folhas às vezes caem, mas nem sempre a árvore morre."

Diêgo Lima

No outono as arvores deixam suas folhas cairem na dispidida da estação do sol, essas folhas que caem são como as lágrimas que deixo escapar dos meus olhos quando vejo que é hora de você partir.

Marcos welinton

As árvores são fáceis de achar
Ficam plantadas no chão
Mamam do sol pelas folhas
E pela terra
Também bebem água
Cantam no vento
E recebem a chuva de galhos abertos
Há as que dão frutas
E as que dão frutos
As de copa larga
E as que habitam esquilos
As que chovem depois da chuva
As cabeludas, as mais jovens mudas
As árvores ficam paradas
Uma a uma enfileiradas
Na alameda
Crescem pra cima como as pessoas
Mas nunca se deitam
O céu aceitam
Crescem como as pessoas
Mas não são soltas nos passos
São maiores, mas
Ocupam menos espaço
Árvore da vida
Árvore querida
Perdão pelo coração
Que eu desenhei em você
Com o nome do meu amor

Arnaldo Antunes

No quintal, árvores sem vida e folhas secas ao vento
A dança ruidosa dos galhos nus arranhando as paredes
É como um chamado para um passeio pela tarde de outono

E, de repente, de todas as fechaduras e frestas da parede
Brotam feixes de uma luz cristalizada
Que se crava bem no centro do nosso tédio
Nem toda dor tem remédio

Nosso destino é a nossa sorte
Nossa sorte é a nossa escolha
Nossa escolha é a nossa escrita
Nossa escrita é a nossa história

Vamos então! Vamos embora!
Façamos o melhor que pudermos em nome de tudo
E, ao abrir as portas,
Mergulhemos sem medo no lume de todos os dias
Ainda que o cinza se sobreponha a todos os tons
Mesmo aos tons que nos tragam mais alegria
Vivamos de esperanças e dos nossos sonhos
O restante a nossa luta providencia

Ainda que com frio e sede
Que nunca nos falte a justiça
E a coragem de brigar por um amanhã que nunca chega
E que as sobras dos nossos desperdícios
Não seja aquilo que falta a quem nada mais espera
Nem tudo na vida é paz
Nem tudo na morte é guerra

Porque é a fome do homem que o faz trabalhar
Porque é o sonho da criança que a faz crescer
Porque é o fogo da alma que nos faz amar
Porque é a nossa insistência que nos faz viver

Renée Venâncio

POEMINHA
As folhas despencam das árvores e se vão...
as arvores se sentem mutiladas e choram,
minha alma me arrebenta por dentro,
e, você me ingnora

Madalena Ferreira

Leve como o vento
Escrevo sinto-me leve e solta como uma folha que cai da árvore mas com tanta serenidade que ao cair fica intacta.
Leve a flutuante eu sou uma pequena folha de tília, que afaga e acalma...
De movimentos graciosos olhar estranho e que fascina eu seria um leopardo cruel mas belo, caminhar ondulante leveza de felino, com espinhos mas sedosa a ser for seria uma rosa, entre vasos e canteiros nos mais secretos jardins.

Filha de quatro elementos menina de pés descalços.... Terra pura magia coração da vida mãe fértil que dá estabilidade, corpo, Fogo, que aquece a alma no Ar a inspiração imaginação sonho paixão desejo de liberdade.

Na Água do mar há pura magia que acalma e seduz um lençol de luz espelho da alma purificação intuição mistério ,não vivo sem eles não vou escolher um...
Se eu fosse um sentimento seria a paixão uma emoção de puro fascínio que vence barreiras e tiras as peneiras apaga as diferenças géneros, idades , sociais.
Mas lembrei-me agora que eu não sou nada...
Sou ar sem asas, sou fogo sem brasas, sou fonte sem água, caminho sem terra, Afinal quem sou eu???
Apenas mulher...

Divine

O vento sopra impetuoso,
vergando a copa das árvores.

As folhas caem no chão:
folhas secas, folhas verdes.

Por que não somente as secas?

Valter da Rosa Borges