Foi embora

Cerca de 323 frases e pensamentos: Foi embora

Melhor uma lágrima...de um falso amor...que foi embora...do que lágrimas vividas em cativeiro...por um falso amor...que nunca lhe trouxe o verdadeiro sentido de ser...''o amor''

Rosângela Aparecida Ribeiro

Você foi embora sem ao menos se despedir, e agora volta achando que vai encontrar aquela mesma menina doce, sai pra lá, que de mel virei abelha e tô ferroando que uma beleza.

Gabriela Stacul

"Se o que parecia estar nas nossas mãos escorreu e foi embora, é porque algo melhor lá na frente fará valer a pena todas as perdas."

-Aline Lopes

Aline Lopes - Pensamentos (Aline Lopes)

Eu te amei, mas errei em reprimir tudo aqui, agora você foi embora, fechou a porta e não vai voltar. Como posso continuar se tudo que consigo fazer é chorar?

Lorena Pedrosa

A felicidade foi embora para muito longe, foi muito rápido
poderia ter ficado um pouco mais, poderia ter sido mais profunda, ter durado mais, ter esperado mais... Mas descobri que na vida nao existe felicidade total e sim momentos felizes!!!!!

José Fábio Torres Pereira

Sem você nada mais importa, Não me importo de morrer, pois minha vida e você e você foi embora para sempre, agora sou apenas um corpo sem alma ambulante…

Diego P. Santos

Chega de se adequar a tudo! me surpreenda... CONQUISTE
O instinto sofredor se foi embora de minha vida; agora é tudo ou é nada!

NÃO TENHO MAIS NADA A PERDER! MUITO MENOS MEU TEMPO!

Faalss

Sem você

Você disse que sempre me amaria
Porque você foi embora?
Deixando-me aqui de lado
Eu me sinto tão sozinha
Lembra daquele dia
Em que estávamos em sua sala
Vendo filme no sofá
Você disse: eu te amo
Nosso amor nunca vai acabar
Porque você mentiu?
Porque você foi embora?
Eu te amo tanto
Como acha que viverei agora?
Sem seu cheiro para me acalmar
Toda vez que estou nervosa
Sem você para me consolar
Quando não tenho ninguém para me amparar
Porque você foi embora?
Será que um dia irá votar?
Estou aqui a lhe esperar!

21/ 06/ 2009

Adssa BR

Quem não quiser alegria,
que fique longe de mim.
A tristeza que eu tinha foi embora.
A alegria é de sobra, e dou sim.

Gustavo Proença

Só.


Sabe, quando você foi embora, um buraco se abriu no meu peito. E era tão grande, que parecia não ter fim... tão grande, que parecia que nunca iria fechar. Esse buraco era o meu coração, que machucado, chorava. Chorava de raiva por – enfim – perceber sua imensa burrice, chorava porque doía... chorava porque amava o que tanto quis amar.

Eu parava pra pensar, e a única coisa que me vinha à cabeça era como tudo isso iria, um dia, ter fim. E o fim que eu imaginava, era como estava... Nada ia mudar, o buraco não ia fechar, e ia ser assim mesmo. Ia acabar sem beijo de despedida, sem ‘happy end’, sem escolha, sem um final de verdade, sem você... nem eu.

Mas eis que o tempo, por mais devagar que tenha passado, passou; e um dia, percebi que o buraco já não existia mais... Meu coração havia sido restaurado, por alguém que tinha acabado de chegar, da forma mais inesperada.

Esse alguém me encantou, sabe? Ele me fazia rir, e me completava, de alguma forma. Todo mundo me dizia que ele era perfeito para mim... e era. Só que eu não queria ver isso, porque embora ele tivesse - de uma certa forma - me consertado, eu ainda estava cansada de ter amado aquele você, que fez cada palavra minha ter um coração chorando; e por isso, eu tive que deixar esse tal alguém ir, por mais que eu não quisesse.

Eu o deixei ir, e mais uma vez, a solidão se chegou e me abraçou; me encheu de dengos e me fez tanto carinho, que acabou me cativando. Só que agora, nem a solidão cobre a falta que esse alguém me faz... Só de lembrar uma só palavra dita, já morro de saudades. Como eu poderia esquecer de cada detalhe?! Nossos nomes têm o ‘N’ como um elo... eu lembro. Lembro tanto, que ontem, você foi lembrado de novo. E com você, mais uma música. E com ela, uma dúvida: “Será que você ainda pensa em mim? Será que você ainda pensa?”

Bem... eu ainda penso. Mas sabe? Pode ser da vida acostumar, afinal, eu já me acostumei a ter que doer vez ou outra... Eu já me acostumei a ter que me sentir só. Mas não digo só de ninguém... digo só, mas só de mim mesma, porque eu já aprendi que para poder me fazer inteira novamente, tenho que perder pedaços.

Aline Mariz

SONETO V

O frio que um dia sentia
Foi embora quando voçe chegou
E tudo na qual entendia
Era que tinha chegado o amor
Quando se surpriendia
Quando te causava dor
Voçe se entristecia
Chorava por que amou
Este pobre coraçao não entendia
Tudo o que o outro falou
As palavras que ele dizia
Chegou o fim do amor

Elto Santos

Você foi embora por não me amar mais ou por amar mais do que achou que deveria?

Isabella Blanco

Lembro-me do dia que você foi embora. Eu chorei que nem criança. Eu senti que ia morrer! Doeu como uma facada no peito, despedaçando o meu coração em mil pedaços. Aquele dia foi como o fim do mundo para mim...
Hoje, passado acho que dois meses desde o dia que você partira, posso dizer que sobrevivi. A tua lembrança o tempo foi levando embora, aos poucos. Não totalmente, pois, vez ou outra, como hoje, vem-me-ei à memória você. A dor cessou, não dói mais como antes. Talvez a ferida tenha cicatrizado um pouco, ou talvez eu só tenha acabado por me conformar com a tua partida...

Gabriele Fernandes

1 milhão de luzes se apagaram quando tu foi embora.A minha também,então venha logo acender!

tana B.G.

Ela não foi embora por falta de aviso. E sim por excesso.

Brunno Leal

Passa Tempo
Passa tempo, passa tempo... passa...
Você não vai voltar
Você foi embora, olha o céu azul...
Ele logo muda a cor,
Fica diferente
Você ainda não entende,
você sabe?
Sim e gosto de ferro.
Você está sentindo?
você está?
Não tenho mais você.
Todo se transformando em sangue,
Aquele lindo céu azul,
Passa tempo, passa tempo... passa
Você ainda não quer voltar
você foi embora
Olhei pro céu, manchado com sangue
(Tic tac, tic tac... tic... tac)
Mais agora você quer voltar?
Sinto muito...
Não sei transforma sangue em azul,
Não quero mais sofrer.
Agora você tem que aprender o que é dor,
Agora você tem que aprender o que é tristeza,
Agora você tem que aprender o que é amar,
Agora você que saber, não te amo
Passa tempo, passa tempo... passa...
Agora seu coração fica fazendo tic tac,
cobrando o tempo para não sofrer.
Assim que acorda desse sonho louco
Saberá que foi tudo apenas um sonho...
Nada real, esse sonho te libertar!
(Tic tac, tic, tac... tic)

Terry Marquis Gomez

Passa tempo
Passa tempo, passa tempo... passa...
Você não quer voltar
Você foi embora, olha o céu azul...
Ele logo muda de cor,
Fica diferente
Você ainda não entendeu?
E seu sangue
Eu sei o gosto do sangue,
Você sabe?
Sim é gosto de ferro.
Você está sentindo?
Você está?
Não tenho mais você
Tudo se transformando em sangue
Aquele lindo céu azul,
Passa tempo, passa tempo... passa...
Você ainda não quer voltar,
Voce foi embora
Olhei pro céu, manchado com sangue
(Tic Tac, Tic Tac... Tic...)

Mais agora você quer voltar?
Sinto muito...
Não sei transforma sangue em azul,
Não quero mais sofrer.
Agora você tem que aprender o que é dor,
Agora você tem que aprender o que é tristeza,
Agora vvocê tem que aprender o que é amar,
Agora você tem que saber. Não te amo
Passa tempo, passa tempo... passa...
Agora seu coração fica batendo ( Tic Tac )
Cobrando o tempo para não sofrer.
Assim que acorda desse sonho louco,
Saberá que tudo foi falso...
Nada real, esse sonho desconhecido
Continua tentando se libertar!
( Tic Tac, Tic Tac, Tic... Tac... )

Terry Marquis Gomez

Ela foi embora e você nem ao menos percebeu! Achou melhor não levar nada, tomou quase todo o ultimo gole de café frio e sem olhar para trás, foi seguindo o vento! Ela já não se faz mais perguntas, prefere permanecer quieta, prefere observar. Observar cada erro cometido novamente!E andando só, se dá conta que está imune de qualquer sentimento.
Mas não se desespere, ainda resta um gole de café!

Ellen Lima

Segure minhas maos. Apenas faça isso e verá que a tristeza foi embora e o que voce estava sentindo de ruim simplesmente desapareceu!

MONICA HOLST JACKSON

A paixão chegou, parecia que não ia ter fim, mas como um furacão deichou marcas e depois foi embora, e como esquecer? e como se eu estivesse em um quarto onde as paredes tem sua cor, e no ar o seu perfume soa, e pra onde olho vejo você, tento fechar os olhos mas nos meus sonhos você também está, e quando consigo não te ver, não te sentir eu ouço tua voz dizendo que me ama, é como se o furacão estivesse voltando, mas agora aprendi, ele vem e depois vai embora, vou me esconder, assim ele vem, volta mas não deicha marcas!!!

Melzinha Souza