Faxina

Cerca de 88 frases e pensamentos: Faxina

É hoje, o dia da minha faxina mental!
O velho e grande baú, estava mesmo precisando de cuidados.

Angelica - adaptações Kléber Novartes

Hoje...
Acordei pensando em fazer uma faxina;
Limpar os armários, doar rapas, tudo que não uso.
Além disso.
Dei-me conta de que primeiro devo fazer,
Uma faxina na alma tirar velhos pensamentos;
Atitudes..
.Fatos passados que já não tem o mesmo;
Valor vultos de pessoas, que me parecia impossível...
Esquecer, só agora me dei conta que já tinha esquecido.
É a vida se renovando a cada dia das tristezas, magoas,
Lagrimas, de todas as dores impossíveis de explicação,
Fui pondo dentro de uma caixa quando dei uma,
Olhadinha dentro da caixa não tinha nada, para.
jogar fora.
Com tudo isso, aprendi que tiramos grande ,
aprendizado da vida, que tudo tem seus dois lados,
Para ser visto e vivido, basta saber escolher.

Vania Assunção

Não é hora de fazer uma faxina?
Estava precisando fazer uma faxina em mim...Jogar alguns pensamentos indesejados fora, lavar alguns tesouros que andavam meio que enferrujados...Então tirei do fundo das gavetas lembranças que não uso e não quero mais!
Joguei fora alguns sonhos, algumas ilusões... Papéis de presente que nunca usei, sorrisos que nunca dei; joguei fora a raiva e o rancor das flores murchas que estavam dentro de um livro que nunca li.
Olhei para os meus sorrisos futuros e minhas alegrias pretendidas.. e as coloquei num cantinho, bem arrumadinhas.Fiquei sem paciência!...Tirei tudo de dentro do armário e fui jogando no chão: paixões escondidas, desejos reprimidos, palavras horríveis que nunca queria ter dito, mágoas de um amigo, lembranças de um dia triste...Mas lá também havia outras coisas... e belas!!! Fui me encantando e me distraindo, olhando para cada uma daquelas lembranças. Um passarinho cantando na minha janela...aquela lua cor de prata, o pôr do sol ...Sentei no chão, para poder fazer minhas escolhas. Joguei direto no saco de lixo os restos de um amor que me magoou. Outras coisas que ainda me magoam, coloquei num canto para depois ver o que farei com elas, se as esqueço lá mesmo ou se as envio para o lixão. Peguei as palavras de raiva e de dor que estavam na prateleira de cima, pois quase não as uso, e também joguei fora no mesmo instante! Aí, fui naquele cantinho, naquela gaveta que a gente guarda tudo o que é mais importante: o amor, a alegria, os sorrisos, um dedinho de fé para os momentos que mais precisamos... Como foi bom relembrar tudo aquilo!!! Recolhi com carinho o amor encontrado, dobrei direitinho os desejos, coloquei perfume na esperança, passei um paninho na prateleira das minhas metas, deixei-as à mostra, para não perdê-las de vista. Coloquei nas prateleiras de baixo algumas lembranças da infância, na gaveta de cima as da minha juventude e, pendurado bem à minha frente, coloquei a minha capacidade de amar... e principalmente de RECOMEÇAR...

Priscila Laene

Vassoura, balde e aspirador de pó. Hoje é dia de faxina na minha Casa Coração.
De hoje em diante não meço mais as palavras...

Escancaro as portas do meu íntimo e varro para fora tudo aquilo e aqueles que me consomem...

Dentro dessa minha casa chamada Coração, arrasto todos meus amores de lugar ... Precisam mudar de posição...

Tiro o pó das minhas amizades e algumas delas ainda deixo sobre a estante... Outras vão pra caixa e serão cuidadosamente e carinhosamente guardadas no armário do meu porão...

Tiro as cortinas das janelas do meu olhar... Quero ondas de luz inundando meu ambiente pensador dia e noite...

E o tapete vermelho que havia na entrada vai permanecer por lá... Mas pela porta da frente só entram dois seres: Deus e eu.

Vivian Pomeranzi

Um Dia Me Dei Conta De Que, Para Continuar Crescendo, Era Urgente Iniciar Uma Faxina Dentro De Mim.
Eu Precisava De Mais Espaço Aqui Dentro E, No Entanto, Havia Muitas Lembranças Inúteis E Indesejáveis Ocupando O Lugar Da Alegria E Dos Sonhos.
Um Canto Estava Abarrotado De Ilusões, Papéis De Presente Que Nunca Usei, Algumas Mágoas, Risos Contidos E Livros Que Nunca Li.
Espalhados Por Todos Os Lados Haviam Projetos De Vida Abortados E Decepções.
Abri O Armário E Joguei Tudo No Chão.
Foram Caindo: Desejos Reprimidos, Olhares De Crítica, Palavras Arrependidas, Restos De Paixão E Ressentimentos Estúpidos.
Mas Haviam Coisas Importantes No Meio De Tudo: Um Brilho De Esperança, O Amor Maduro, Algumas Boas Gargalhadas, Momentos De Ternura E Paz, Desafios E Bastante Amizade.
Não Havia Dúvida, Bastava Jogar No Lixo Tudo Que Não Servia Mais Para Que Eu Continuasse Crescendo.
E Depois, Tratei De Varrer Todas As Recordações Empoeiradas, Passei Um Pano Nos Ideais, Pendurei Os Sentimentos Nobres Na Paredes Mais Claras,
Guardei Nas Gavetas Todas As Boas Lembranças, Perfumei A Criatividade E Abri A Porta Para Que O Meu Espaço Fosse Invadido Por Algo Que Estava Faltando Para O Meu Crescimento Pessoal:
"……A CAPACIDADE DE RECOMEÇAR……"

Autoria Luciano Luppi

FAXINA NO FIM DO LIVRO

Uma faxina na casa alivia a alma

Que dorme na inconsciência do medo.

Quão suja está esta ideia

Murmurando silogismos tristes

De heróis mortos.

Ainda escuto estórias de um poeta

Lutando na guerra de canudos.

Seus papiros estraçalhados

Comandando as tropas

No cair da noite,

No regar do vinho.

Nenhuma verdade será dita

Na poesia.

Poesia é mentira escatológica

Murmurada na caverna

Da alma.

Onde maravilhosas

Sementes de plágio

Naufragam na contaminação

Vermelha do sangue.

Tem que ter cor!

Letras pálidas

Não trafegam pela multidão.

Afirmem o sim,

Neguem o não,

Poesia boa é a que causa explosão.

A que mata gente,

Sem compromisso com a verdade.

Um turbilhão de insetos

Procura entrar por teus olhos,

A paisagem noturna

Parece a imensidão de águas

No centro do mar.

Deixa sair os bichos da carne!

Um velho aposentado,

Apodrecendo no sofá da sala,

Se prepara para ser poeta.

Poeta é o que já foi

E será,

Como as águas evaporadas

E condensadas em chuva

Do mar.

Tamanha dor do mundo

No coração do vagabundo

Crucificado do lado de cristo.

Sem palavra,

Solto ao horror esferoide

Do grito sempre vivo no seu ouvido.

E o que lhe dizem os anjos?

Seus arranjos têm lógica?

Não é fácil suportar as letras nos olhos

Quando a grama verde

Se comunica com os pés.

Abre-se branco um horizonte esparramado

Onde cavalos coloridos

Estudam lições do marxismo.

Neste miolo de algazarra, meu pai,

Senhor e menino,

Em sua carroça de bois,

Busca areia no riacho

Enquanto pajeio os sapos

Nas margens plácidas.

O que me contam eles

É digno de respeito:

A verdade dos reis

Aberta como conceito.

São descendência da nobreza,

Voltarão como voltou Cleópatra

Postos a mesa.

Não importa,

Meu pai não percebeu a importância

Daqueles seres.

Nem dos poetas,

Notáveis reis do insignificante.

Uma áurea de insônia

Acompanha cada um desde que nasce.

Faz uma faxina,

Lata de goiabada não entra no museu.

Guerra de almofadas e pesadelos,

Faz os melhores textos

Quem não tem zelo.

Sidiney Breguêdo

A nossa mente é como nossa casa... de vez em quando é bom dar uma boa faxina... rever alguns conceitos... reorganizar as idéias... enfim, impulsividade tende ao fracasso!!!

Weslon Santos Teixeira

Eu conversava com uma senhora que passou toda sua vida fazendo faxina nas casas dos outros e com o dinheiro que conseguia ganhar, resolveu bancar os estudos do seu filho até ao nível superior, o esforço valeu, hoje ela dá palestras sobre criação de filhos, tem tudo do bom e do melhor, pois seu filho tem um excelente emprego e não deixa que nada falte à sua mãe.

Gil Nunes

Decidi fazer uma faxina no coração todos os dias. Estou cheia de disposição. E Deus está comigo.

Jussara Devita

Encontrei um pedacinho do passado em meu baú.
Encontrei por acaso,no meio da faxina semanal.
Encontrei um resquício de infância,um lápso de juventude...
Agora estou procurando um pedaço do meu presente,quem o vir me avise.
Tem características intempestivas,uns autos e baixos sem nenhuma importância,alguns risos e por que não,lágrimas.
Hora florido,hora negro mas acima de tudo vivo!!

Alessandra Tavares Ribeiro

Preciso de uma faxina urgente na minha vida, e vou começar pelo meu CORAÇÃO.

Ninah Alves

Hoje é dia de faxina, pegue todos os seus medos , problemas, ansiedade, sofrimentos, tudo aquilo que te impede de ser FELIZ e jogue na lata de lixo.

Vanessa Pimentel

Tô mandando tudo pro inferno, tô fazendo faxina na casa, e vou deixar o cadeado em falso. Daquele jeito que só engana os ladrões com menos ensaio, estou de saco cheio desses, no máximo só conseguiram roubar minha paciência, e permitir que os bons ladrões, aqueles mais audaciosos, roubem minhas preciosidades; O carinho, a atenção, o cuidado, a vontade, a esperança, e também alguns defeitos embutido nisso tudo.

Ismael Azevedo

Não arrume sua casa, seu armário e sua aparência, sem antes dar uma faxina geral em sua vida.

Cristina Deutsch

Fiz uma faxina no meu interior e joguei fora todo mal acumulado, para dar espaço à felicidade que eu tanto almejo.

Cristina Deutsch

TIRE O PÓ SE PRECISAR

Não deixe suas panelas brilharem mais do que você!!!!

Não leve a faxina ou o trabalho tão a sério!

Pense que a camada de pó vai proteger a madeira que está por baixo dela!

Uma casa só vai virar um lar quando você for capaz de escrever "Eu te amo" sobre os móveis!

Antigamente eu gastava no mínimo 8 horas por semana para manter tudo bem limpo, caso "alguém aparecesse para visitar" - mas depois descobri que ninguém passa "por acaso" para visitar - todos estão muito ocupados passeando, se divertindo e aproveitando a vida!

E agora, se alguém aparecer de repente?
Não tenho que explicar a situação da minha casa a ninguém...
...as pessoas não estão interessadas em saber o que eu fiquei fazendo o dia todo enquanto elas passeavam, se divertiam e aproveitavam a vida...

Caso você ainda não tenha percebido: A VIDA É CURTA... APROVEITE-A!!!

Tire o pó... se precisar...
Mas não seria melhor pintar um quadro ou escrever uma carta, dar um passeio ou visitar um amigo,
assar um bolo e lamber a colher suja de massa, plantar e regar umas sementinhas?
Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !
Tire o pó... se precisar...

Mas você não terá muito tempo livre...

Para beber champanhe, nadar na praia (ou na piscina), escalar montanhas, brincar com os cachorros,
ouvir música e ler livros, cultivar os amigos e aproveitar a vida!!!

Tire o pó... se precisar...

Mas a vida continua lá fora, o sol iluminando os olhos, o vento agitando os cabelos, um floco de neve, as gotas da chuva caindo mansamente....

- Pense bem, este dia não voltará jamais!!!

Tire o pó... se precisar...
mas não se esqueça que você vai envelhecer e muita coisa não será mais tão fácil de fazer como agora...

E quando você partir, como todos nós partiremos um dia, também vai virar pó!!!

Ninguém vai se lembrar de quantas contas você pagou, nem de sua casa tão limpinha, mas vão se lembrar de sua amizade, de sua alegria e do que você ensinou.

AFINAL:

"Não é o que você juntou, e sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida."

Desconheço o autor...

*** Dia de Faxina ***

Estava precisando fazer uma faxina em mim...
e fiz: abrindo o armário.
Assim como jogar alguns pensamentos
indesejados fora, lavar algumas essências
que andam meio que enferrujadas,
pois já não brilhavam.



Tirei do fundo das gavetas lembranças
que não uso e não quero mais.
Joguei fora alguns sonhos, algumas ilusões.
Papéis de presente que nunca usei,
sorrisos que nunca darei,
joguei fora a raiva e o rancor
das flores murchas que estavam
dentro de um livro que não li.

Olhei para meus sorrisos futuros
e minhas alegrias pretendidas,
e as coloquei num cantinho ,
bem arrumadinhas.
Fiquei sem paciência,
tirei tudo de dentro do armário
e fui jogando no chão:
paixões escondidas,
desejos reprimidos,
palavras horríveis que nunca queria ter dito,
mágoas de um amigo,
lembranças de um dia triste,
mas havia lá, outras coisas e belas!!!
Um passarinho cantando na minha janela...
aquela lua cor de prata que vi na praia,
o por do sol nas montanhas...
Fui me encantando e me distraindo;
olhando para cada uma daquelas lembranças.
Sentei no chão, para poder fazer minhas escolhas.
Joguei direto no saco de lixo
os restos de um amor que me magoou.
Peguei as palavras de raiva e de dor
que estavam na prateleira de cima,
pois quase não as uso,
também joguei fora no mesmo instante!
Outras coisas que ainda me magoam,
coloquei num canto para depois
ver o que faria com elas.
Se as esquecia lá mesmo
ou se mandava para o lixão.

Rosy Beltrão

E quando você achar que a sua bagagem esta pesada, livre-se dela! Comece fazendo uma faxina no seu interior, abra as janelas da sua alma e livre-se de tudo o que não te faz bem e não te traz paz e aspectos positivos. Depois, mentalize apenas coisas boas, positividade atrai sempre coisas positivas. Respire fundo e abra o braços, agora receba o dia de hoje com uma dádiva que Deus te deu e lembre-se que se ontem as coisas não foram la grande coisa, hoje você tem a oportunidade de tentar de novo, então? O que esta esperando? "Bora" ser feliz? Eu fui!
(Priscilla Rodighiero)

Priscilla Rodighiero

Não deixe suas panelas brilharem mais do que você!!!!
Não leve a faxina ou o trabalho tão a sério!
Pense que a camada de pó vai proteger a madeira que está por baixo dela!
Uma casa só vai virar um lar quando você for capaz de escrever “Eu te amo” sobre os móveis!
Antigamente eu gastava no mínimo 8 horas por semana para manter tudo bem limpo, caso “alguém aparecesse para visitar” – mas depois descobri que ninguém passa “por acaso” para visitar – todos estão muito ocupados passeando, se divertindo e aproveitando a vida!
E agora, se alguém aparecer de repente?
Não tenho que explicar a situação da minha casa a ninguém…
…as pessoas não estão interessadas em saber o que eu fiquei fazendo o dia todo enquanto elas passeavam, se divertiam e aproveitavam a vida…
Caso você ainda não tenha percebido: A VIDA É CURTA… APROVEITE-A!!!

Tire o pó… se precisar…

Mas não seria melhor pintar um quadro ou escrever uma carta, dar um passeio ou visitar um amigo, assar um bolo e lamber a colher suja de massa, plantar e regar umas sementinhas?
Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !

Tire o pó… se precisar…

Mas você não terá muito tempo livre…
Para beber champanhe, nadar na praia (ou na piscina), escalar montanhas, brincar com os cachorros, ouvir música e ler livros, cultivar os amigos e aproveitar a vida!!!

Tire o pó… se precisar…

Mas a vida continua lá fora, o sol iluminando os olhos, o vento agitando os cabelos, um floco de neve, as gotas da chuva caindo mansamente….
- Pense bem, este dia não voltará jamais!!!

Tire o pó… se precisar…

mas não se esqueça que você vai envelhecer e muita coisa não será mais tão fácil de fazer como agora…
E quando você partir, como todos nós partiremos um dia, também vai virar pó!!!
Ninguém vai se lembrar de quantas contas você pagou, nem de sua casa tão limpinha, mas vão se lembrar de sua amizade, de sua alegria e do que você ensinou.

AFINAL:

“Não é o que você juntou, e sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida.”

Autor desconhecido