Favela

Cerca de 114 frases e pensamentos: Favela

Meu sonho é vencer na vida,
Mas da vida já sou um nato vencedor.
Poeta da favela, de viela, e que retrata também o amor.
Pois só quero trabalhar,
Quero tentar, bater a cabeça e me quebrar,
E nunca precisar de roubar.
E pra quem ta nessa vida só desejo a proteção,
E que logo consiga sair e limpar o seu coração,
De toda maldade e descrença,
Que faça jus a sua presença.
Pois em meu sonho, quem um dia se corrompeu,
Hoje é talentoso e tem o que é seu.
Me sonho se realizou,
E assim se fez meu desejo mais profundo,
Hoje procuro a sombra,
Procuro abrigo no Mundo.
E sei que pelo azul do mar,
Meu sonho estava certo,
E tudo mudará,
Basta ter fé e nisso acreditar.

BrunoCassiano_

Gueto,Preto,Pedra.Morre ou vai Para cela,realidade dura da favela.

Franklin Nunes

Eu detesto gente metida e fútil, prefiro mil vezes uma roda de samba na favela do que uma balada “top” em que você tem que se entupir de entorpecentes para aturar o povo montado e escroto que a frequenta; Não gosto de algumas letras de funk, mas acho que a batida contagia. Amo RAP e o Mano Brown pra mim é o maior poeta desde Shakespeare. Nunca suportei injustiças, racismo e preconceitos. Tenho nojo de quem se acha mais do que outra pessoa por causa de dinheiro ou status social e tenho vergonha de gente que vem da humildade e quando sobe na vida esquece das suas origens. Sou Corinthiana fanática, sócio fundadora de torcida organizada, maloqueira e sofredora! Adoro capoeira, sou do axé e do pagode, minha cor preferida é preta e meu tipo preferido é simplesmente “moreno”. Um dos meus maiores desejos é adotar um pretinho de cabelo pixaim. Enfim.. até hoje não entendo como nasci com a pele clara e os olhos verdes! Acho que foi um erro de percurso... ou eu sou apenas mais uma pessoa que veio ao mundo pra mostrar que a cor da alma é muito mais importante do que a cor da pele! Por isso, em momento algum eu tive vergonha quando eu era chamada de “defensora dos pobres e oprimidos” na Escola Particular e de vários outros apelidos como este que recebi durante toda a minha vida. Podem falar o que quiserem... pra mim isso não é ofensa, É ORGULHO!

Letícia Beppler

Complexo de favela

Sou ágil igual a um gato,
da água fria me esquivo.
Não sou do mato, mas na cidade sobrevivo.
Tenho sete vidas. Se estou no morro,
sou alvo para a polícia. Complexo de Rocinha,
quem anda na linha?

Nelson Mendes de Souza

Há mais perigos na terra de ninguém
em que a web se transformou do que numa esquina
de favela depois da meia noite

Jovol

Só existe drogas na favela, porque os playboys sobem o morro para comprar, enquanto a classe desfavorável se marginaliza nos jardins supensos da babilônia criminal, os ricos se escondem através de leis que favorecem quem tem dinheiro. A marginalização é um fator histórico, cuja mentira da abolição é distorcida pela história, a escravidão social ainda impera em nosso país de maravilhas.

Karina Nogueira

Ser pobre não ser miserável, assim como quem mora em favela não é bandido...

Julio Aukay

um mc bom e do naipe boldo de favela, pode ta longe que mesmo assim nego vai da um jeito de ir conferir.

Insanidade Lírica

No cômodo de um Castelo , ao barraco de uma favela , no coração do Comunista ou Republicano ,de General á um simples sentinela, guardara a mensagem que com a ``PAZ´´ a vida é Bela , Obrigado saudoso amigo ! Obrigado Nelson Mandela !

Gerson Basilio da Silva Hum Humilde Poeta

O passado condena ?
Tente dar compreenção disso ao um pobre franzino menino da favela que ja nasce com a vida condenada a uma luta chamda sobreviver.

Keller Viera

A cidade não esconde mais sua miséria
O sol que esquenta o centro também está na favela
Há muitos sonhos e alguns perdidos nesse momento
O povo grita, chora ou apenas fica em silêncio

Mauro Rocha

Esses cabelos ridículos de uns jogadores de futebol aí é pra não esquecer as raízes da favela que nasceram? Eu hein...

Viviane S. Jorge

O unico pobre que sairá rico de uma favela, e aquele que todos chamam de otario.
Felizes serão aqueles em que o mundo dá as costas. Graças as simpatias de pessoas recalcadas que fará de você um gigante, que achará esperança através do conhecimento, que fará que você dê a mão aqueles que os ignorantes derrubaram.

Leonidaz Miguel-Luno guimaraes

Aqui Na Favela As Prinsesas Não Usam Coroa Elas Usam Aba Reta

Mc prinseso

Bandido Bom é Bandido morto, Mais só um funciona com a favela e não com aquele que sonega imposto!

Du-Rock

Vida na favela

Minha casa na favela
É pequena e confortável
Sua fachada é notável
Não existe outra mais bela

Não tem jardim nem cancela
Tem pouca água potável
O seu clima é favorável
Entra o ar pela janela

Vivo na favela e digo
Não tenho um só inimigo
Não maldigo, não reclamo

Porém para o meu castigo
Ao lado do meu abrigo
Mora a mulher que eu amo!

Edilson Alves

Viver na favela é um verdadeiro exercício Práxis-Dialético, porém não ocorre a superação da contradição para uma síntese, já que a superação faz parte do cotidiano, esta introjetado no inconsciente, aceitamos como normal. A contradição se naturalizou. E continuarmos no estado que estamos. Continuamos no morro da "favela".

Leonardo Silva

Viver na favela é um verdadeiro exercício Práxis-Dialético, porém não ocorre superação da contradição para uma síntese, já que a superação faz parte do cotidiano, esta introjetado no inconsciente, aceitamos como normal. A contradição se naturalizou. E continuarmos no estado que estamos. Continuamos na favela.

Leonardo Silva

Favela ooooo.... favela que (NÃO) me viu nascer... ♪

Viviane S. Jorge

Tem poesia na moça da cidade e na moça da favela
Num clássico de Beethoven e num samba da Portela
No sangue que corre pelas veias dos valentes generais
E no sangue que escorre das tão cheias notícias de jornais
Tem poesia em uma criança que nasce e em seu comemorativo porre
Em uma pessoa que esvai-se e lentamente morre
No operário que luta pelo seu pão
No pobre salafrário que acaba na prisão
Nas águas que inundam o sul e se esquecem do sertão
Nos batuques, nas cachaças que rolam pelos botequins
Nos preconceitos sem graça dos cabelos pixains
É poeta quem aprecia e solta
Não fica mudo
Quem vê a poesia
Em todos e em tudo

Frederico Amitrano