Estrada da Vida

Cerca de 394 frases e pensamentos: Estrada da Vida

POEMINHA SENTIMENTAL

O meu amor, o meu amor, Maria
É como um fio telegráfico da estrada
Aonde vêm pousar as andorinhas...
De vez em quando chega uma
E canta
(Não sei se as andorinhas cantam, mas vá lá!)
Canta e vai-se embora
Outra, nem isso,
Mal chega, vai-se embora.
A última que passou
Limitou-se a fazer cocô
No meu pobre fio de vida!
No entanto, Maria, o meu amor é sempre o mesmo:
As andorinhas é que mudam.

Mario Quintana

“Que merda. De que vale tudo isso? Quanto vale a minha vida? ‘Já conheço os passos dessa estrada e sei que não vai dar em nada.’ Rigel está de novo em prantos. E ele tem todo o direito de chorar. Ele tem todo o direito do mundo de bater com a cabeça na parede. Quanta do um homem suporta? Quanto um coração agüenta de sofrimento? Dá para morrer de amor? (...) Você sabe o que é perder? Sabe. Não há quem não saiba o que é perder. Depositar tanto sonho em algo. Sonhar é tão trabalhoso. Imaginar um mundo de felicidades sem fim. Lotado de paixão e sensualidade. Passear com seu grande amor. O amor de sua vida para sempre. E esse amor vai ser pra sempre lindo e charmoso. Irá dizer coisas espirituosas para você no balcão de um bar cool. E quando chover de repente, e você pensar em correr, o amor de sua vida – que é lindo, culto, corajoso – dirá que quem corre da chuva é rato e que nós somos homens, somos fortes e invencíveis. O amor entupindo as veias de fé e imortalidade. Nós já nos conhecemos desde outra encarnação e vamos nos amar para toda a vida celestial e eterna. Uma eternidade sem fim. Não, não há morte. Ficaremos paras sempre juntos. (...) E não há paisagem que seja mais linda do que o rosto do seu amor. Não há pôr-do-sol que valha desviar seu olhar do dela. Eu te amo. Eu também te amo. Eu te amo mais. Impossível. Eu te amo o mundo. Eu te amo o universo. Te amo tudo aquilo que não conhecemos. E eu te amo antes que tudo o que nós não conhecemos existisse. Eu te amo. Eu te amo. Eu te amo mais do que a mim.
‘Já conheço os passos dessa estrada’... E, mesmo assim, estarei sempre pronto para esquecer aqueles que me levaram a um abismo. E mais uma vez amarei. E mais uma vez direi que nunca amei tanto em toda a minha vida. Direi. ‘Vou colecionar mais um soneto, outro retrato em branco e preto a maltratar meu coração’.
Rigel chora. É um marmanjo chorando sozinho, sem conseguir tomar banho. Não! Preciso reagir. O que eu tenho, afinal? Saudades. Eu tenho saudades.”

Fernanda Young

Eu não quero mais amar
Para não sofrer
Para não chorar
Vida perdida
Estrada tão comprida
Melhor nem dizer, ai
Melhor nem pensar
Para não sofrer
Para não chorar
Velho riacho
Que vem lá da serra
Cantigas tão antigas
Me contou
Velho riacho
Então me conte agora
Como eu vou viver, ai
Sem o meu amor
Se eu vou viver
Sem o meu amor

Tom Jobim

É preciso força pra sonhar e perceber
Que a estrada vai além do que se vê.

Trecho de (Além do que se vê) - Marcelo Camelo

Quando, na estrada da vida, tropeçamos e caímos, temos duas escolhas:
1---> Criar coragem para nos erguer, chacoalhar a poeira da roupa e seguir adiante
2--->Aguardar que alguém, passando, nos dê a mão e nos ajude a levantar.
Esperar nos outros, é mais cômodo e muito confortavel, mas podemos nos decepcionar profundamente. O melhor
é depender de nós mesmos, e ainda que difícil, contar com nossa própria força.

Wally Osvanilda Iost Wenzel Martins elsissy

Cansei de dificuldades.
Quero estradas me mostrando o caminho.
Quero pessoas transparentes, cansei de tentar decifrá-las
De achar desculpas por suas ações.
Só me interessa ser feliz.
Não importa o quanto demore!!!

Vida Única

Na estrada da vida, uns passam deixando saudades, outros trazendo alívio.

antonio gomes lacerda

" Ter amigos"


É caminhar pela estrada da vida sem olhar para o destino.

É algo profundo, divino!

É oferecer tudo e não esperar nada.

É esperar o inesperado.

É vencer o invencível.



Sentimento puro, incontestável, sublime!!!

Amigos?! Anjos abençoados.

Anjos que iluminam.

Fazem florescer luz sobre a rocha da vida.



Ter amigos é uma dádiva.

É ver no semblante um sorriso!

É com uma simples carícia instalar o melhor.

É auxiliar, torcer, vibrar!!!

Também é sentir saudades...

Assim são os amigos.

Assim sentem os amigos.

Fabiano B.S

Permita-me

Permita-me pegar na sua mão e carinhosamente te conduzir pela estrada da vida, mostrando aqui e ali pedaços de sua própria existência.

Lembra-se do seu nascimento? Possivelmente não. Quando você nasceu, milhares de anjos acompanharam seu parto e seguiram com você pelos primeiros anos de sua vida, sendo guiados por Deus para que não te faltasse proteção nos momentos de maior risco, e assim, você superou doenças como a catapora, a rubéola, diversas gripes e inflamações de nariz, garganta, ouvido, febre dores diversas, mas sempre assistido pelos anjos.

Lembra-se do seu primeiro dia na escola? Você se sentiu sozinho? abandonado? Nesse dia, todos os anjos que te acompanharam desde o nascimento estavam ali, firmes, felizes e fazendo festinha com você, te apoiando nesse passo tão importante, por isso você ficou na escola, por isso foi descobrindo coisas agradáveis naquele lugar que a cada dia se parecia mais com a sua própria casa.

Lembra do primeiro amor? Você se lembra de ter sentido aquele calorzinho gostoso ao olhar para alguém e que seu olhar parecia só querer olhar para aquela pessoa? Ah! que momento maravilhoso, que os anjos assistiam maravilhados e tocados pela energia desse amor puro e doce.

Venha agora ver o seu primeiro beijo, meio desajeitado é claro, mas quantas energias, quantas surpresas nesse encontro de milhares de emoções, lembra do seu coração disparado? Nesse momento, os anjos fecharam os olhos para te deixar mais a vontade, mas mesmo assim, estavam presentes e felizes com sua emoção.

Um dia, a decepção bateu na sua porta, a dor, essa "instrutora dura" te mostrou de maneira muito marcante que sofremos, que nosso coração sofre com desenganos, com ciúme, com traições e até com sonhos desfeitos. Nesse dia, os anjos se reuniram e fizeram um pacto, resolveram te cercar ainda mais com carinho e atenção, pois a partir dessa primeira experiência com a dor, eles sabiam que você iria sentir mais vezes essa emoção que apesar de dura e difícil, é necessária para a correção de caminhos, de atitudes, e é puro ensinamento.

Nesse dia, em que a dor te visitou pela primeira vez, você não viu, mas os anjos que te acompanham viram que do céu desceu uma luz muito suave, que banhou todo o seu ser, que tentou de todas as maneiras tocar seu coração, tentou por muitas vezes acalmar seu desespero, e mesmo sem você perceber, essa luz foi te consolando, foi te amparando, foi te trazendo de volta para a realidade, foi te mostrando que após a dor pode existir um caminho florido, um caminho mais fácil de seguir, pois com a dor que você sentiu, você acabou descobrindo o que fazer para não sofrer mais com aquela situação. Essa é a missão da dor, ensinar onde o amor não conseguiu mostrar a verdade.

Essa luz que te ajudou nesse momento de maior dor, essa luz, é claro que é Jesus, que no seu infinito amor por você, está sempre presente em sua vida para te dizer o quanto te ama, o quanto te quer bem e acredita em você. Que essa luz te banhe hoje e sempre com o infinito amor e paz!

Paulo Roberto Gaefke

Ele vinha, ela ia. Eram opostos que se esbarraram na estrada da vida, e sonharam, planejaram. Ela buscava sempre de forma fria ser realista, e ele lindamente sonhava. Eram bons um com o outro, e sabiam andar de mãos dadas, mesmo que os caminhos nem sempre fossem os mesmo. Ele calmaria, ela furacão. Louca, paciente. Ela era noite, ele dia. Eram sorrisos, noites sem fim, depois calmaria. Eram danças e deitar na grama, sorvete e azul do céu. Ela sempre amarga, ele mel. Ele beijo molhado ela abraço apertado, ela escandalosa ele calado. Eram amigos e confidente, mas nem sempre viviam contentes. Tinham problemas, mas quem não tem, até que num desses chega o desdém. Ela vinha, ele ia. Não mais juntos, porém mais unidos. Eram cúmplices e muito amigos. Existia amor, e devoção, e a inexperiência os deixava no chão. E assim seguiram, pelo caminho. Mas jamais soltaram as mãos.

Andressa Cunha

Vai em frente sem parar, que a parada é suicida, porque a vida é muito curta e a estrada é comprida.

Gabriel Pensador

Duas estradas se bifurcaram no meio da minha vida,
Ouvi um sábio dizer.
Peguei a estrada menos usada.
E isso fez toda a diferença cada noite e cada dia.

LARRY NORMAN

Sair da vida de alguém
não é um caminho que segue
e sim uma estrada de volta:
desmanchar só um lado da cama, um prato
sozinho sobre a mesa, nenhum recado
colado na geladeira, a casa intacta, a louça
se acumulando na pia, madrugadas mais
frias.


Voltar,
até as esperanças ficam
nos retratos que serão recolhidos.
Voltar,
ter a mala vazia e estranhamente
mais pesada.

Cáh Morandi

Uma pipa no céu...
A vida exige leveza, assim como a viagem. A estrada fica mais bonita quando podemos olhá-la sem o peso de malas nas mãos.

Seguir leve é desafio. Há paradas que nos motivam compras, suplementos que julgamos precisar num tempo que ainda não nos pertence, e que nem sabemos se o teremos.

Temos a pretensão de preparar o futuro. Eu tenho. Talvez você tenha também. É bom que a gente se ocupe de coisas futuras, mas tenho receio que a ocupação seja demasiada. Temo que na honesta tentativa de me projetar, eu me esqueça de ficar no hoje da vida.

Os pesos nascem desta articulação. Coisas do passado, do presente e do futuro. Tudo num tempo só.

Há uma cena que me ensina sobre tudo isso. Vejo o menino e sua pipa que não sobe ao céu. Eu o observo de longe. Ele faz de tudo. Mexe na estrutura, diminui o tamanho da rabiola, e nada. O pequeno recorte de papel colorido, preso na estrutura de alguns feixes de bambú retorcidos se recusa a conhecer as alturas.

O menino se empenha. Sabe muito bem que uma pipa só tem sentido se for feita para voar. Ele acredita no que ouviu. Alguém o ensinou o que é uma pipa, e para que serve. Ele acredita no que viu. Alguém já empinou uma pipa ao seu lado. O que ele agora precisa é repetir o gesto. Ele tenta, mas a pipa está momentaneamente impossibilitada de cumprir a função que possui.

Sem desistir do projeto, o menino continua o seu empenho. Busca soluções. Olha para os amigos que estão ao lado e pede ajuda. Aos poucos eles se juntam e realizam gestos de intervenção...

Por fim, ele tenta mais uma vez. O milagre acontece. Obedecendo ao destino dos ventos, a pipa vai se desprendendo das mãos do menino. A linha que até então estava solta vai se esticando. O que antes estava preso ao chão, aos poucos, bem aos poucos, vai ganhando a imensidão do céu.

O rosto do menino se desprende no mesmo momento em que a pipa inicia a sua subida. O sorriso nasceu, floresceu leve, sem querer futuro, sem querer passado. Sorriso de querer só o presente. As linhas nas mãos. A pipa no céu...fabiodemelo.com.br - © 2003/2008 - todos os direitos reservados

Pe. Favio de Melo

Ao andar pelas estradas da
vida percebi que o mais
belo prazer da vida , esta no pensar,
pensar nos amigos, pensar na Familia e em
um dos mais e importante, VOCÊ.

Ladson Santos Lima

A estrada

Muitas vezes a estrada de nossa vida parece sem fim, caminhamos querendo chegar até onde desejamos, mas as barreira são impecilos que tentam barrar a nossa caminhada
Temos que ser firmes, ter garra, ser fortes e insistentes, com fé naquilo que queremos buscar.Com passos firmes e pensamentos em Deus.
Deus é o nosso maior aliado na busca do que queremos.
Deus é a nossa força, com ele atingiremos o nosso objetivo. Deus quer que sejamos felizes, mas a decisão é nossa.Deus está sempre nos iluminando, e nos orientando, atravéz do seu santo espirito.
peçamos ao senhor Deus, para que tenhamos forças e assim atingir a nossa meta.
Jesus manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao vosso.

Devanir v silva

A felicidade é uma moça cega, que corre em ziguezague por uma longa estrada chamada vida.

Matheus Chaves

FILHAS

Três estrelas, três estradas
Minha vida se espalha
Três fragrâncias, minha essência
Minha trilha não me cala

Três cantigas, três amigas
Sempre, sempre em minha fala
As meninas dos meus olhos
Minha vida não me cala

Rayme Soares

A vida é difícil ou é apenas você que a vê sendo difícil?
Chegando a uma parte da estrada que se abria em dois caminhos, o jovem parou. O da esquerda era liso e plano e descia, um caminho fácil, aparentemente. Mas algo nele parecia ruim. O da direita era irregular e subia, era um caminho difícil, mas que parecia melhor. O jovem escolheu o último, e depois de uma longa e exaustiva caminhada se viu no topo de uma montanha. Embaixo, podia ver o fim da outra estrada, um lugar escuro e frio. O caminho até o alto foi mais desgastante e árduo, mas a conquista valeu a pena. Seus olhos viam o mundo com alegria e satisfação, diferente dos que escolhem descer e andar aos passos confortáveis da facilidade. A visão vai além do que está em frente. Ela vê aquilo que está dentro e reflete em tudo que está fora. O caminho certo pode render uma vista melhor.

Rodolfo Mair Coelho

Por caminhos e estradas, seguimos sempre peregrinado, não sabemos nosso destino e vivemos sem conhecer o que haverá em nossos próximos passos.
Por caminhos e estradas, encontramos o imprevisível, pode-se ser algo ofensivo, mas também algo maravilhoso.
Por caminhos e estradas, buscamos nossos sonhos, sempre com a esperança e contando com nossa garra de lutar pelo que eis tanto sonhado.
Mas é pelos caminhos e estradas que conhecemos o amor, expresso por diversas formas, que nos marca de diversas maneiras, nos trazendo o verdadeiro sentindo de continuar a nossa caminhada.
Foi entre caminhos e estradas que encontrei uma pedra valiosa, uma rosa bela, um tesouro incomparável, poderia haver muitos mais outras definições, mas foi exatamente peregrinado pelo caminhos e estradas da vida que te encontrei e hoje aqui estou a te declarar todo o meu amor!

Fágner Adalgiso Morais dos Santos