Escrevi seu nome na Areia

Cerca de 13 frases e pensamentos: Escrevi seu nome na Areia

Quero

Quero falar de amor
Do mar da lua cheia
Escrever na areia teu nome pra mim
E declamar o verso de uma poesia
Que escrevi um dia quando disse sim
Pra esse amor intenso, breve, forte
O vento sopra minha vida
Me faz ser feliz
Eu quero tocar rock cantando MPB
Eu quero ter você
Eu quero tocar rock cantando MPB
Quero falar de Deus de maneira sincera
Da forma mais singela que eu possa ter
Que corra em minhas veias a verdade plena
A fonte inspiradora do meu bem querer
Que então não seja apenas um sujeito
E sim um predicado do teu parecer
Eu quero tocar rock cantando MPB
Eu quero ter você
Eu quero tocar rock cantando MPB
Quero falar de vida
E da vida que eu vivo
Sem rótulos, sem regras para se viver
Quero falar de filhos, de amor infinito
Daquilo que é o mais bonito que se possa ter
Então fechar meus olhos e pensar em nada
Nada mais importa só agradecer
Eu quero tocar rock cantando MPB
Eu quero ter você
Eu quero tocar rock cantando MPB.

Kim (Bnda Catedral)

Eu escrevi seu nome na areia, na areia do mar, por que mar e terra se completam assim como nós, mesmos com as ondas que se parecem revoltas de cada um, eles se completam, por que foram feitos um para o outro, como nós dois, como nossas brigas, como nosso jeito de amar, meu amor .

Paulo Henrique Santtos

Se soubesse escrever na água como sei escrever na areia,escreveria o teu nome no sangue da minha veia.

Bruna de Cássia Falcão

Escrevi

Escrevi seu nome na areia
Porém a onda levou
Escrevi seu nome na arvore
Porém o fogo queimou
Escrevi seu nome no meu pensamento
Porém o tempo levou
Escrevi seu nome no meu coração
Porém ate hoje ficou

Natasha Secioso

Já escrevi meu nome na areia, o vento e o mar apagaram,
Já escrevi meu nome na arvore e jurei amor eterno, machuquei a arvore e depois percebi que tinha machucado também o meu coração,
Me apaixonei diversas vezes por pessoas que eu não deveria, mas mesmo sabendo que iria me magoar eu tentei,
Achei que minha vida iria acabar a cada AMOR QUE SE FOI embora, mas eu continuei viva sempre procurando um novo amor,
Já feri diversas vezes meu coração, mas também já deixei muitas vezes outros corações magoados,
Prometi que iria embora, mas fiquei,
Prometi que iria ficar, mas fui embora,
Já fiquei tão feliz por uma pessoa, mas a mesma pessoa foi o motivo de minhas grandes lagrimas,
Prometi que nunca mais iria me apaixonar, logo depois eu vi que e impossível ser feliz sozinha,
Já perdi meu tempo julgando pessoas que eu nem conhecia, enquanto pessoas que eu amava implorava por atenção,
Chorei ao ver pessoas que eu tanto amava "irem embora", sem ao menos eu dizer o quanto eu as amava e queria por perto,
Já dei Valor depois que perdi, como também fui valorizada depois que me perderam,
Já resolvi muitos problemas , como ja também causei muitos,
Já sorri muitas vezes por educação, mas nunca dei um abraço de falsidade,
Enfim eu percebi, que muitas vezes eu corri atrás da felicidade, quando na verdade, era pra eu esta correndo ao seu lado...

Giulli Campos

Escrevo teu nome na areia
a onda vem e leva...
escrevo a tua frase preferida
a sua música
o seu desenho
a onda vem e leva...
entro no mar, mergulho
canto para você
penso em você
limpo a minha alma
te sinto perto de mim
aqui; me sinto realizada
estou com você agora
não estarei por todo tempo
mas momentos felizes
guardamos para toda vida
e não tem onda
que possa levar

Neidinha Borges

Escrevi seu nome na areia e pedi pra Deus te proteger aonde quer que você esteja. As ondas vieram e apagaram você de mim. Ondas bobas, mau sabem que para lhe esquecer será preciso muito mais do que alguns litros de água e sal. Alguns anos talvez. Ou mais uma namorada.
Grãos de areia, pedras, mar e um céu estranhamente azul. Tudo parecia muito perfeito pra mim e realmente foi.
Eu tenho uma vontade louca de roubar você; pra poder dizer que você é MEU e de mais ninguém.
E eu não sei até que ponto tudo isso é real pra mim, seria só mais uma semana carente? Eu não sei.
Alias, eu também não sei amar.

Caroline S.

Na Praia

Escrevi teu nome na areia,
Sentei e fiquei a observá-lo.
De repente, do infinito mundo do peito
Veio uma vontade louca de te ter por perto.
Mal pude perceber que havia desenhado
Em volta do teu nome, um coração.
Fiz isso, tal como fazem os adolescentes apaixonados,
Que se entregam ao que sentem sem considerações,
Numa atitude bonitinha, ainda que incauta.
É tão fácil perder-se num momento
Pensando em você!
E são os mais valiosos esses instantes.
Nem as ondas que brincavam ininterruptas,
E que persistiam em tocar meus pés,
- Como que tentando uma comunicação qualquer -
Foram capazes de me acordar daquele momento
De profundo e sublime amor.
Tuas lembranças foram mais fortes!
E ali fiquei, olhando cada vez mais teu nome,
E cada vez mais me atirando em um mundo louco
E maravilhoso, de possibilidades, de carinhos e de olhares.
As ondas, então, numa insistência demasiadamente aborrecedora,
Quebravam nas poucas rochas do lugar,
Produzindo um som forte de lamento e de pena;
Mas era tua voz que eu escutava.
A paisagem toda parecia aborrecida comigo,
Pois, embora cercado de exuberante beleza,
Era na lembrança simples do teu sorriso que eu me regozijava.
“Será mesmo que eu te amo tanto?”
Era o que eu pensava
Quando, ao dar-me conta tarde demais,
As ondas apagavam o teu nome e o meu coração da areia,
Como que me lembrando o fato
De que estás longe, em todos os sentidos,
E de que me és quase impossível,
Tal como quase impossível
É preservar um nome e um coração
Escrito na areia.
E minha última lembrança antes de ir-me
Foi de tua lágrima durante aquela inadequada despedida.
Levantei-me, encarei as ondas
Como encaro a vida,
E segui adiante com a mesma confiança
De que tudo o que nos separa
São tão somente as mutáveis e imprevisíveis circunstâncias da vida,
Que se alternam muitas vezes,
Abrindo horizontes e esperanças,
E me dando a certeza de que tão grande amor
Poderá um dia, quem sabe, encontrar um meio,
E voar sobre as ondas em tua direção.
E foi com tal confiança que ao ter dado os primeiros passos,
Voltei-me para o mesmo local onde estive sentado
Admirando teu nome e desenhando um coração.
E como abrupta e violentamente fizeram as ondas comigo,
E numa vingança doce por terem elas apagado teu nome,
Eu disse, não somente a elas,
Mas a areia, ao vento, ao sol, ao mundo e a mim mesmo:
“Sim, eu te amo!”
E não será tão fácil, amor, apagar-te de mim...

Gooldemberg Saraiva

Queria escrever na agua como escreveu na areia mais Não deu então escrevi seu nome no sangue da minha Aveia

Cah Tavares

Escrevi o teu nome na areia para que você pudesse encontrar as vertigens que deixei pensando em você;
Sua relevância é referência à postura de anjos perdidos no amor, querendo se encontrar;

Julio Aukay

"se eu podesse escrever na agua como escrevo na areia, escreveria o seu nome no sangue da minha veia"

Alisson Porto

Escrevi o teu nome na areia
o vento desmanchou
Pedi a tua mão
você escorregou
Quis voar com você
pra juntos conhecer o infinito
foi aí que vi o paraíso
foi aí que te notei;
que você era não só minha melhor companhia, como era quem fez de mim só, um só-contigo.

Stéfano Avelino

Escrevi na areia naquela bela tarde de domingo, o seu nome verdadeiro, pois eu tinha certeza que passarias mais tarde por ali, atraída pelo cheiro do meu corpo, logo após de termos feito amor, tive que partir seguir meu destino, mas foi tão bom te-la em meus braços,naquela bela tarde de domingo, em que deixas-te marcas profundas e inesquecíveis, pela maneira com que pra mim te entregaste...

Sérgio o Cancioneiro