Ecc Encontro de Casais com Cristo

Cerca de 4762 frases e pensamentos: Ecc Encontro de Casais com Cristo

As cabeças jovens foram feitas para bater de encontro a paredes. Quase todas conseguem sobreviver.

Carlos Heitor Cony

Tudo o que é belo é uma alegria para sempre
O seu encontro cresce; e não cairá no nada.
Mas guardará continuamente para nós
Um sossegado abrigo, e um sonho todo cheio
De doces sonhos de saúde e calmo alento.

John Keats

Chego em casa
Encontro apenas seu perfume
Alimento certo, nutritivo pro ciúme
Um bilhete escrito com batom me diz assim:
"Entre um take e outro eu telefono pense em mim"
Pra me relaxar ligo a televisão
Mas que tolice a minha
Triste tentativa em vão
Ela me aparece com alguém que não sou eu
Vejo noutros braços tudo aquilo que é meu.

Vejam só vocês que foi que eu fiz
Fui me apaixonar por uma atriz.

Outra vez eu tento controlar meu coração
Mas meu controle é mais remoto
Que o que eu tenho em minha mão
Fecho os olhos, tento não pensar
Mas não consigo
Com ou sem controle
É sempre nela que eu me ligo.
Vejam só vocês que foi que eu fiz
Fui me apaixonar por uma atriz.

O telefone toca, ela me chama
Me lembra que me ama
Aquela voz macia
Diz que tem ciúme e quer saber
Se nela eu pensei
Durante todo o dia.

Roberto Carlos

Encontros e Desencontros do Amor
Cada encontro está carregado de perda. Ou de perdas. As vezes duas pessoas
que se amam (amigos, casados, solteiros, amantes, namorados) se encontram e são felizes. Ao fim da felicidade, um deles chora. Ou fica triste. Ou bai- xa os olhos. Ou é invadido por uma inexplicável melancolia. É a perda que está escondida no deslumbramento de cada encontro. O encontro humano é tão raro que mesmo quando ocorre, vem carregado de todas as experiências de desencontros anteriores. Quando você está perto de alguém e não consegue expressar tudo o que está claro e simples na sua cabeça, você está tendo um desencontro. Aquela pessoa que lhe dá um extremo cansaço de explicar as coisas é al- guém com quem você se desencontra. Aquela a quem você admira tanto, que lhe impede de falar, também é um agente de desencontro, por mais encontros que você tenha com as causas da sua admiração por ele. A pessoa que só pensa naquilo em que vai falar e não naquilo que você está dizendo para ela é alguém com quem você se desencontra. Alguém que o ama ou o detesta, sem nunca ter sofrido a seu lado, é al- guém desencontrado de você. Cada desencontro é perda porque é a irrealização do que teria sido uma possibilidade de afeto. É a experiência de desencontros que ensina o va- lor dos raros encontros que a vida permite. A própria vida é uma espécie de ante-sala do grande encontro(com o to- do? o nada?). Por isso talvez ele nada mais seja do que uma provocação de desencontros preparatórios da penetração na essência DO SER. Mas por isso ou por aquilo, cada encontro está carregado de perda. E no ato

de sentir-se feliz associa-se a idéia do passageiro que é tudo, do ama- nhã cheio de interrogaçãoes, da exceção que aquilo significa. A partir daí, uma tristeza muito particular se instala. A tristeza feliz. Tristeza feliz é a que só surge depois dos encontros verdadeiros, tão raros. Encontros verdadeiros são os que se realizam de ser para ser e não

de inteligência para inteligência ou de interesse para interesse. Os encontros verdadeiros prescindem de palavras, eles realizam em cada pessoa, a parte delas que se sublimou, ficou pura, melhor, louca, mas a parte que responde a carências e às certezas anteriores aos fatos. É mais fácil, para quem tem um encontro verdadeiro, acabar triste pela certeza da fluidez da felicidade vivida do que sair cantando a alegria da felicidade vivida ou trocada. Quem se alegra demais se distancia da felicidade. Felicidade está mais próxima da paz que da alegria, do silêncio do que da festa. Felicidade está perto da tristeza, porque a certeza da perda se instala a cada vez que estamos felizes. É esta certeza - a da perda - que provoca aquela lágrima ou aquela an- gústia que se instala após os verdadeiros encontros. Há sempre uma despedida em cada alegria. Há sempre um "E depois? após cada felicidade. Há sempre uma saudade na hora de cada encontro. Antecipada. Disso só se salva quem se cura, ou seja, quem deixa de estar feliz para ser

feliz, quem passa do estar para o ser.

Arthur da Távola.

Artur da Távola

* Senhor, Neste Dia em que Me Encontro... Venho te Peir-te a PAZ , o AMOR , a Sabedoria e a Força...Quero Olhar o Mundo com os Olhos do Amor,Quero Ser Paciente , Compreensivo, Manso e Prudente,Quero Ver Além das Aparências Humanas, Teus Filhos assim como o Senhor os Vêe e Assim ExaltarSenão o Bem , O Amor e a Paz a Cada Um! Pai Proteje Meus Ouvidos de Toda a Maldade,Firma Meus Passos no Caminho da Verdade... Que só de Bençãos se Encha Meu Espirito e Meu Coração...Que Seja tão Bondoso e Alegre ! Que Quando Todos Quantos Se Chegarem a Mim ... Sintam Tua Afável e Doce Presença . . . Reveste- me De Tua Graça ! E que No Discurso deste Dia eu Não te Ofenda e Sim Te Revele á Todos! * * * o/ * * *

Deus

(...) e vou definitivamente ao encontro de um mundo
que está dentro de mim, eu que escrevo para me livrar da carga difícil de uma pessoa ser ela mesma.
Em cada palavra pulsa um coração. Escrever é tal procura de íntima veracidade de vida. Vida que me perturba e deixa o meu próprio coração trêmulo sofrendo a incalculável, dor que parece ser necessária ao
meu amadurecimento —amadurecimento? Até agora vivi sem ele!
É. Mas parece que chegou o instante de aceitar em cheio a
misteriosa vida dos que um dia vão morrer. Tenho que começar por
aceitar-me e não sentir o horror punitivo de cada vez que eu caio, pois quando eu caio a raça humana em mim também cai. Aceitar-me plenamente? é uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda a minha palavra tem um coração onde circula sangue.
Tudo o que aqui escrevo é forjado no meu silêncio e na penumbra.
Vejo pouco, ouço quase nada. Mergulho enfim em mim até o nascedouro
do espírito que me habita. Minha nascente é obscura. Estou escrevendo
porque não sei o que fazer de mim. Quer dizer: não sei o que fazer com meu espírito. O corpo informa muito. Mas eu desconheço as leis do espírito: ele vagueia. Meu pensamento, com a enunciação das palavras mentalmente brotando, sem depois eu falar ou escrever — esse meu pensamento de palavras é precedido por uma instantânea visão, sem palavras, do pensamento — palavra que se seguirá, quase imediatamente — diferença espacial de menos de um milímetro.

in UM SOPRO DE VIDA

Clarice Lispector

Amar não acaba. É como se o mundo estivesse a minha espera. E eu vou ao encontro do que me espera.

Clarice Lispector

A oração é o encontro da sede de Deus e da sede do homem.

Santo Agostinho

Mulher projeta o futuro no primeiro encontro, o depois vem antes. A realidade disputa corrida com sua idealização. Quando namora já pensa se ele serve para casar. Quando casa já pensa se ele serve para cuidar dos filhos. Por sua vez, homem é de alma retroativa; quando namora e casa, só lembra a sua mãe

Fabrício Carpinejar

A melhor maneira de servir a Deus é indo ao encontro de seus próprios sonhos. Só quem é feliz pode espalhar felicidade.

Paulo Coelho

Amar é o combustível da vida. O problema é que eu só encontro posto adulterado.

Tati Bernardi

E o leão se apaixonou pelo cordeiro __ EU TE AMO!!! Amor, essa frase marca nosso primeiro encontro... MS2E ETERNIDADE...

Stephenie Meyer

O trem que chega
É o mesmo trem da partida
A hora do encontro é também despedida
A plataforma dessa estação
É a vida desse meu lugar

Milton Nascimento

"As sair para o encontro com uma mulher. Não se esqueça de levar o chicote"

Friedrich Nietzsche

Não mais me deitar no feno perfumado ou deslizar na neve deserta.
Onde eu exatamente me encontro?
O que me surpreende é a impressão de não ter envelhecido, embora eu esteja instalada na velhice.
O tempo é irrealizável.
Provisoriamente o tempo parou para mim.
Provisoriamente.
Mas eu não ignoro as ameaças que o futuro encerra, como também não ignoro que é o meu passado que define a minha abertura para o futuro.
O meu passado é a referência que me projeta e que eu devo ultrapassar.
Portanto, ao meu passado, eu devo o meu saber e a minha ignorância, as minha necessidades, as minhas relações, a minha cultura e o meu corpo.
Hoje, que espaço o meu passado deixa para a minha liberdade hoje? Não sou escrava dele. Não sou escrava dele.
O que eu sempre quis foi comunicar unicamente da maneira mais direta o sabor da minha vida. Unicamente o sabor da minha vida.
Acredito que eu consegui fazê-lo.
Vivi num mundo de homens, guardando em mim o melhor da minha feminilidade.
Não desejei e nem desejo nada mais do que viver sem tempos mortos.

Simone de Beauvoir

O encontro inesperado, as situações inusitadas, o que não foi combinado, mas tinha que acontecer.

Rubem Alves

Insensatos, quem fez o exterior não é o mesmo que fez o interior?

Cristo

Dia dos namorados se aproximando.... é beijo de lá, declarações de cá, casais felizes contando suas lindas histórias de amor. E quem tá sozinho, faz o que? Apela pra Santo Antônio? Pode ser.
Tenho notado que o fato de estar sem namorado vem encomodando cada vez mais as pessoas, não entendo qual o problema em uma mulher de 24 anos estar sozinha?
Sempre que encontro alguma amiga de escola, que não vejo há algum tempo, elas sempre vem com a mesma pergunta: E ai, tá namorando? Já casou? E eu, metida e insuportável retruco: Não! E você, já se formou? Tá fazendo faculdade de que mesmo? E elas, como era de se esperar, ficam sem fala.
Não é que eu ache que estar sozinha seja uma maravilha, mas também não é o fim do mundo. É claro que as vezes eu sinto falta de ter um homem legal ao meu lado, em que eu possa confiar, e que esquente os meus pés nas noites frias do ano, mas o que atrapalha nessa história é o ‘legal’, hoje em dia as pessoas só pensam no próprio umbigo, querem simplesmente tirar proveito das situações e no final da noite, te levar pra cama. Onde estão os homens sensíveis, educados, cavalheiros e fieis? Será que viraram todos gays? Tenho a esperança que não!
Não sei se o problema sou eu, mas sempre que encontro o meu príncipe, rapidinho ele se transforma em sapo, por mais que eu me esforce, eu só atraio cretinos, insensíveis , grossos e machistas, daqueles que só pensam em cerveja, futebol e mulher dos outros. Assim fica difícil!
Veja bem, não estou generalizando a classe masculina, eu sei que existem caras legais, que querem se envolver e levar um relacionamento a sério, só que eu fico boquiaberta com a imaturidade dos homens, será que eles não percebem que com a idade o cabelo cai, a barriga cresce e nem tudo funciona? Quando sacarem, pode ser tarde demais.
Apesar de todo o desencanto eu ainda não desisti, sabe? Ainda acredito que vai aparecer em minha vida um homem de verdade, daqueles que sabem tratar um mulher, que saibam o valor do respeito, da sinceridade e cumplicidade num relacionamento. E se não for querer demais, que ele queira aprender e me ensinar, que me abrace quando eu chorar e me faça rir das piores situações. E se possível, que ele tenha as mãos grandes e um sorriso mágico... ah, não custa nada sonhar! Quem sabe acontece....
P.S: Se você conhece algum homem assim, por favor, encaminhe essa mensagem, quem sabe ele não se interessa por mim. Agora, se você só conhece estúpidos, mande também! A esperança é a ultima que morre, talvez eles se tornem um pouco mais civilizados e humanos.

Fabiana Gonçalves

É engraçado, né? Quando você está solteiro, você vê casais sendo felizes. Quando você está comprometido, você vê solteiros sendo felizes.

Mallu Moraes

VOCÊ acredita em Deus? Não sabia por que, sentia que deveria decidir- se, era uma pergunta que ficara sem resposta, queria sempre poder responder a tudo, estar pronto a ser interrogado, fugir às respostas dúbias, hesitantes, que nada diziam. Olhou pela janela o céu estrelado, a imensidão infinita do céu... Não foi preciso muito para concluir que, sem Deus, jamais chegaria a entender onde o universo começava e onde acabava, de onde vinha ele, para onde iria. Concentrou-se, respirou fundo, e declarou com firmeza:
— Acredito.

O encontro marcado - Fernando Sabino