Dia do Estudante

Cerca de 74 frases e pensamentos: Dia do Estudante

Seja um estudante, não um seguidor. Não vá simplesmente fazer o que alguém diz. Tenha interesse pelo que alguém diz, então debata, pondere e considere de todos os ângulos.

Jim Rohn

É fundamental que o estudante adquira uma compreensão e uma percepção nítida dos valores. Tem de aprender a ter um sentido bem definido do belo e do moralmente bom.

Albert Einstein

"Numa sociedade com base no conhecimento, por definição é necessário que você seja estudante a vida toda".

Tom Peters

O Valor do Tempo

Para entender o valor de um ano:
Pergunte a um estudante que não passou nos exames finais;

Para entender o valor de um mês:
Pergunte a mãe que teve um filho prematuro;

Para entender o valor de uma semana:
Pergunte ao editor de uma revista semanal;

Para entender o valor de uma hora:
Pergunte aos apaixonados que estão esperando o momento do encontro;

Para entender o valor do minuto:
Pergunte a uma pessoa que perdeu o avião, o trem, ou o ônibus;

Para entender o valor de um segundo:
Pergunte a uma pessoa que sobreviveu a um acidente;

Para entender o valor de um milisegundo:
Pergunte a uma pessoa que ganhou a medalha de prata nas olimpiadas;

O tempo não espera por ninguém.
Valorize cada momento de sua vida.

Desconhecido

Te amar
é como sempre ver o mar
e consegui escutar
oq ele quer dizer
e o q tem a te oferecer

Te Amo e vc nem sabe

estudante

Um bom professor percebe que ele também é um estudante e cujo objetivo não é impor respostas, mas estimular a criatividade.

Herbie Hancock

Eu sou apenas um estudante da vida que eu quero levar, viver é não ter a vergonha de ser feliz e eterno aprendiz,acho que por isto que comecei minha vida mais tarde, sempre com estas frases musicais de Belchior e Gonzaguinha , mas acabei fazendo destas frases musicais, lema principais de minha vida “. Passei por tantas experiências boas e ruins, que se tornaram lema, por isto acredito que o homem tem ter um olhar de águia sempre olhando de cima, as novas fronteiras, e só conquista estas fronteiras, quando se tem coragem de buscar o conhecimento da vida, afinal a vida só é como ela é, se de fato buscarmos novas fronteiras, sempre estaremos a caminho, porque quem não sonha não conquista, talvez por isto que ó maior mistério da vida é justamente entender a vida”

wilson de Oliveira Vieira

Nunca vi um cristão útil que não seja estudante da Bíblia. Não existem atalhos para a santidade.

A. W. Tozer

"Quem quer estudar o amor nunca deixará de ser estudante."

Bernhardt

Ser estudante é compreender o que se ensina e além de compreender, pôr em prática sendo capaz de opnar criticamente diante da realidade social

Ana Paula Acioli

O estudante de Direito
Em muito me entristece a constância com que ouço de nossos jovens aspirantes a juristas: - Faço Direito porque os salários são altos, há muitas vagas em concursos e conseguirei status social!
Não pretendo usar de demagogia para inflamar os corações da juventude, tampouco convencê-los de que o Curso de Direito não se resume a salários altos, vagas ou status.
Atenho-me a dizer apenas qual o fundamento de minha escolha pelo curso, quando adentrei a faculdade em meu primeiro dia como universitária: conhecer bem para criticar.
É fácil esbravejar que a justiça no Brasil é morosa, não funciona, está empregnada de burocracias demasiadas, cercada pela corrupção, mentiras e descrédito. Qual seria o único meio viável para que se consiga alterar o mínimo que seja dessa realidade? Sair às ruas em manifestações despropositadas, produzir monólogos interiores, permitir que suas idéias se limitem a mesa do jantar? O estudante de direito, antes mesmo de assentar-se em uma cadeira de universidade e permitir-se ser bombardeado por leis, doutrinas e jurisprudências, tem de possuir o senso de justiça. Não o senso comum utilizado por diversas vezes erroneamente e de forma banalizada, mas o senso que timidamente balbucia: justiça implica trazer esperança para esse povo. A esperança de que o criminoso não ficará impune pelo mal que causou, de que as leis serão cumpridas e os direitos serão efetivamente garantidos. A esperança de que se entenda que qualquer preço é menor do que a vida de qualquer pessoa e discursos punitivistas e carregados de ódio não são bonitos nem em papéis. Embora seja difícil lutar pelos direitos dos outros, tentar proporcionar àquele que procurar a ‘justiça’ um pouco de brilho nos olhos, vale sim o esforço. Ninguém disse que seria fácil. O estudante de direito que repudia dificuldade e se refestela ao ócio é semente daquele jurista responsável pelo país que temos hoje: desigual, injusto e legalista. Um olhar crítico sobre a situação só é digno de apreço quando se conhece o problema, e, ao conhecê-lo tenta apontar soluções e fazer parte de sua efetivação.
Os salários altos são tentadores, as vagas prometem um futuro animador e o status proporciona certa zona de conforto, todavia, nenhuma dessas opções caracteriza o ‘legítimo’ estudante direito que faz dos estudos sua sombra, da justiça seu ar e exsuda vontade de mudança. Bons salários, preenchimento de vagas e status não são seus principais sonhos porque ele sabe que serão apenas conseqüências inevitáveis e secundárias de um feito muito maior que se conquistou: o reascender da esperança em quem não mais acreditava no Brasil.

gabrielle xavier ribeiro

" E porque me sinto como um estudante num domingo? Já é quase de manhã e não quero ir."

Cartas para Julieta

Para os adolescentes, tudo é para ontem, tudo é para sempre, e o mundo vai acabar amanhã.

Giovana Medeiros Rosa estudante do Centro Educacional Cozzolino em Raiz da Serra - Magé - RJ.

O estudantes tem chances infinitas de conseguir o sucesso,com a internet ele tem ainda mais.

Coração de Estudante

Amor
Vivo pensando em você
penso pois não dá para esquecer...
as simples palavras que disse,
sem querer.

Meu amor não se explica,
meu amor só se sente,
pois lhe digo...
meu amor aconteceu tão de repente.

O brilho dos meus olhos,
só uma pessoa pode ter.
De súbito lhe digo...
ela e simplesmente você.

Amanda Ketlyn Alves Freitas, 12 anos, estudante

JOGO È JOGO!

Quando estudante de Medicina, costumávamos jogar pôquer nos intervalos de estudos aos sábados. As apostas eram feitas em centavos e um grande perdedor chegava a perder numa tarde, cerca de cinco cruzeiros.
Certa feita, depois de uma jornada de ‘sorte’ eu já ganhara algumas partidas e acumulava a ‘riqueza’ de vinte cruzeiros, quando saio com jogada pronta de um street-flush até rei ( 9, 10, valete, dama e rei - de paus). Disfarcei, fingi ter dúvidas se trocava uma carta e uma alegria imensa, muito bem contida, se apossou de mim.
Ao iniciar as apostas, lancei vinte centavos na mesa, dois jogadores pagaram e o terceiro dobrou minha aposta, fazendo fugir os dois ‘blefadores’. Fomos dobrando as apostas, até que eu paguei uma aposta de dez cruzeiros, que me sobravam.
Ao abrir o jogo, meu oponente viu meu street e completou: “Ganhei!”, exibindo um Royal-street-flush de ouros (até ás).
Desde este dia passei a ter mais firmeza numa crença que já professava: “Não existe sorte em jogo, existe habilidade ou coincidências”.
Hoje, 02/07/2010, fomos desclassificados da Copa. Ainda bem que a nossa copa não foi inundada por uma enchente! Mas, senão vejamos: Tomamos um gol por mera casualidade: homens escolhidos, defendendo a área, no lugar errado e um mergulho bem intencionado produz um erro, que não queríamos que acontecesse, pois a partida fica empatada.
Desesperados, com raiva, ‘ultrajados’ pela Holanda, o nosso time se descontrola e numa série de atitudes impróprias, perde a habilidade e voltamos para casa.
Já ouvi uma série de justificativas e acusações, que de nada valem, pois perdemos a chance de vitória nesta Copa.
Creio que o erro nos destrona por algum tempo, mas começamos a amadurecer a seguir:
- Dunga protegeu a seleção de exposições que a prejudicassem, fazendo com que o ‘já ganhou’ atrapalhasse a concentração;
- As escalações das equipes, sempre favorecem a alguns patrocinadores e patrocinoraptores,
- A imprensa tem idéias díspares, favorecendo aos que as acertam e calando aos que as erram;
- As ‘bumbunzelas’ não foram bem o que eu esperava: sem um pingo de ‘sex-apeal’, só emitiam sons horríveis, que devem ter perturbado vários jogadores de muitas seleções;
- As Jabulanis pulavam mais que periquitos no cio, muitas vezes atingindo o terceiro andar do gol, ou as laterais de escanteio, ao contrário de serem encaminhadas para o gol, levando os torcedores ao ‘clímax’, como estavam acostumados a proporcionar os periquitos, digo, os jogadores. Fica aqui uma pergunta? Quem se beneficiou com a contratação desta ‘pelota’? Garanto que não fui eu nem a população da África, nossos ancestrais;
- Nossa seleção e a da Holanda deram um show em civilidade, demonstrando pejo ao racismo;
- Talvez o Dunga consiga ter como prêmio a melhora de seu pai doente;
- Talvez na próxima Copa, no Brasil, tenhamos um técnico com o apelido de Dengoso, que não irrite a imprensa, mesmo se não levarmos o título. Aliás, o apelido do nosso técnico é impróprio pois o Dunga era mudo. Acho que poderíamos dispensar algum Zangado, para evitar prejuízos à Seleção Canarinho, que intentava tomar ‘laranjada’ e acabou chorando, como todo ser humano de caráter é capaz de fazer, ao perceber suas falhas;
- Por último, mas muito importante, é preciso ressaltar que a única seleção candidata ao hexa-campeonato e capaz de sambar com desenvoltura é a nossa.
Viva o Brasil!
Viva a Seleção!
Vamos escolher com consciência nossos próximos dirigentes, pois a ‘LISTA SUJA’, parece que está sendo burlada!
E viva Zambi!
_________________________
pinfo@drmarcioconsigo.com

Marcio Funghi de Salles Barbosa

A maior dádiva para o estudante é o saber adquirido, nenhum outro dom faria valer a pena tanto esforço e dedicação.

Jéni Quintal

Um teólogo que não é ateu, não é um teólogo, é um mau estudante.

Fernando Risch

A ruina do estudante comeca quando a negativa do outro serve de consolo para ele

Hermógenes Constantino

Essa vida de estudante não é fácil.

Danielle Senna