Dezembro

Cerca de 252 frases e pensamentos: Dezembro

No sonho
o mundo se amplia...
O Divino se faz presente
e, nessa amplidão,
melhor se compreende
o mistério de "Ser" !
‪Cika Parolin‬

Cika Parolin 23 de dezembro de 2014

Devo partir...
Nada levo de ti
mas,deixo o afeto
que está eternizado em mim.
Cika Parolin

Cika Parolin 11 de dezembro de 2014

Parecia um dia como outro qualquer,
sem grandes expectativas ...
no entanto, tornou-se o melhor dos dias,
o que jamais será esquecido,
o que alimentou de alegria
todos os outros que ainda virão...
Cika Parolin

Cika Parolin 10 de dezembro de 2011

Para esquecer as indelicadezas,
as pequenas ninharias,
os pequenos egoísmos...
basta que apenas que um(a) amigo(a) diga:
"Como é bom gostar de você"......

Cika Parolin 05 de dezembro de 2015

A velha canção "Le coline Sono in Fiore",
trilha sonora da infância distante...
veio-me à memória...
Papai a colocava para tocar, na velha vitrola,
e tirava mamãe para dançar!
ela, fazia-se de zangada,
mas se percebia, pela troca de olhares,
que adorava aquela doce brincadeira...
Terminada a canção, mamãe escapava para
seus afazeres, não sem que, ele, lhe aplicasse
um tapa no bumbum...
ao que ríamos até não mais poder...
Há muito eles se foram
mas, o seu amor deixou tanto encantamento!
e ensinamentos de como viver a dois...
Amavam-se sem complicações... podia-se
ouvir suas longas conversas, recheadas de
gargalhadas...Quanto a nós, seus filhos,
herdamos deles, a leveza, o bom humor
e a certeza de que é possível viver feliz a dois,
se houver um real desejo de bem viver.

Cika Parolin 07 de dezembro de 2015

Vou vivendo, respeitando o meu tempo.
Cada etapa do viver tem sua beleza...
Tempo de fazer carreira,
você precisa vencer
de toda maneira;
Amor, paixão...
Casamento,
filhos , netos...
então, você torce
para que eles se saiam bem...
E vem a mal fadada velhice...
que no fim das contas,
nem é tão ruim assim...
Como "Cora" fazer doces, feliz...
Esperar pelo fim?
fim não!!!
apenas o começo.

Cika Parolin 10 de dezembro de 2015

Alguém disse: "Olho por olho, dente por dente...
e terminaremos cegos e banguelas..."
A partir desse Natal, que tal declarar
trégua e esquecer velhos rancores que
levam a lugar nenhum?
Basta tomar a iniciativa...
É fácil: Eu te olho nos olhos e
você retribui o olhar, eu estendo os braços,
você me abraça e se deixa abraçar...
Uma recusa é o que de pior
pode acontecer mas,
mesmo assim, relaxe...
Você terá feito o seu melhor
para que a Paz passe a reinar!

Cika Parolin 16 de dezembro de 2015

O tempo é implacável
mas, nada a reclamar...
Vivo cada dia como se fosse o único,
não conto anos, dias, horas...
até aboli o relógio! Vantagens da maturidade!
Também não confiro as rugas,
prefiro observar o sorriso, o brilho no olhar.
Enquanto estiver sorrindo de dentro para fora,
enxergando beleza na vida e amando
serei feliz e grata pelo precioso dom de viver!

Cika Parolin 26 de dezembro de 2015

O mar não a deixa mentir...
Nela ainda está
aquele estúpido querer...
As ondas num contante ir e vir
imitam a vida ou a vida as imita...
A cada vez trazem consigo
a esperança de recomeço
que sempre acaba em espuma...
Cika Parolin

Cika Parolin 11 de dezembro de 2015

Na disposição de reconhecer os próprios erros
e corrigi-los está a melhor prova de humildade.
Cika Parolin

Cika Parolin 19 de dezembro de 2013

Amores “Perdido”

Solidão
Mais que paixão,
Que domava todo meu coração.

Amor não correspondido
Mas não me indigno,
Quem sabes um dia
Sereis
Retribuído!

Olhares trocados
Beijos roubados,
Amor incondicional
Que fará nenhum mal.

Lembro-me daquele dia , mais
Que feliz dia.
Que a gente se amou,
Como mais ninguém fazia.

Tu sabes amor,
Que a Paixão acabou,
Dos beijos perdidos,
Restou minha dor!

Sales, Anderson MarinhoGrajaú-Ma,21.Dezembro.2013

“Se pudéssemos escolher entre ser sentimental ou frio, eu escolheria não ter te conhecido.”

Sales, Anderson Marinho. Grajaú-ma Dezembro de 2014

“No início tudo são flores todos suportam, mas só quem ama de verdade aceita os espinhos hão de vir.”

Sales, Anderson Marinho. Grajaú-ma Dezembro de 2014

“Eu que tanto amei, tanto gostei, tanto esperei. Eu que um dia tive medo de te perder, de te querer, de te esquecer. Eu que tive tudo, senti muito, fiz de tudo pra te ter. Eu que acabei me pegando aqui novamente, sem você.”

Sales, Anderson Marinho. Grajaú Ma. 22 de Dezembro de 2014

“É difícil você desistir daquilo que tanto pedias em oração. Mas é preciso, pois a vida não te dar outra opção.”

Sales, Anderson Marinho. Grajaú Ma. 23 Dezembro de 2014

“Nunca deixarei de amar de verdade por causa de relacionamentos em que fui o único a amar. Mas foi preciso passar por esses sofrimentos, pois com eles aprendi que devo conhecer verdadeiramente a quem direciono tanto Amor.”

Sales, Anderson Marinho. Grajaú Ma. 25 de Dezembro de 2014

“Meu maior medo é de amar novamente, querer extremamente, demonstrar que tenho sentimentos verdadeiros, e depois ser trocado, ser abandonado como antigamente.”

Sales, Anderson Marinho. Grajaú Ma. 27 Dezembro de 2014

"Meu erro foi pensar que todos iriam me amar como eu os amo, mas não, uns amaram, outros fingiram, e o resto? O resto ficaram para trás, quem não esteve comigo na luta, não merecerá quando estiver na glória."

Sales, Anderson Marinho. Grajaú-ma 12 de Dezembro de 2014

“Às vezes a vida nos tira quem nós mais amamos, para possamos aprender a dar mais valor a quem nos ama.”

Sales, Anderson Marinho. Grajaú-ma 16 de Dezembro de 2014