Deserto

Cerca de 866 frases e pensamentos: Deserto

Olho pela janela, imagino...

Ao chorar em silêncio,
desejo ver a chuva
Imagino que cada uma de suas gotas
possa ser uma de minhas lágrimas.
Muitos irão ver, mas não irão saber.
Desejo que caiam gotas delicadas.
Desse modo, penso ter alguém
a chorar junto comigo, fazendo-me companhia
Em algum lugar desse vasto mundo de chuvas.
E se forem torrenciais,
Talvez consiga purificar minha alma,
Eliminar o que nela há de triste
E preenche-la do que de alegre vive.

Mas sei que o sol existe e vem comigo
Devolve-me o sorriso,
Renova-me as esperanças,
Contamina-me com sua energia,
Preenche minha alma
Aquece meu corpo,
Faz renascer meu espírito.
Pois a Vida brilha nos corações de todos.
E o sol surge como um amigo
que aquece o amor do outro
Com apoio, carinho e consolo,
Preenchendo-o com puros raios de sol.

E a suave brisa a beijar nossos rostos.

Marcia Bandeira

Na escuridão do quarto ela se encontra
Da escuridão do mundo ela se esconde
Protege seu coração ressequido
Das frustrações amargas da vida
Oculta sentimentos há tempos esquecidos
Sufoca memórias há tempos não sentidas.

Se andas ao Sol
Esbanja luz em sorrisos
Se andas sob a lua
Diamantes em seus olhos
Se dança pela chuva
Lágrimas lhe fogem
Em meio à multidão
Sozinha agoniza
Em meio ao deserto
Se sente preenchida
Pelo vento
Pelo silêncio
Pelo tempo.

Marcia Bandeira

Na solidão do meu deserto ouvi gritar o meu silêncio.

Ket Antonio

O domingo é uma grande travessia pelo deserto

Douglas G. Cunha

Estou vivendo acredito que, como alguém que caminha em meio a um deserto...
Não vejo nada, não escuto nada e não sinto nada!

Gerlany Oliveira

A essa tal de inspiração, nada mais é que um caos no deserto longínquo do supremo sabor da transpiração.

Randerson Figueiredo.

Fazer um "deserto" significa priorizar um tempo para si mesmo(a), saindo do seu cotidiano e buscando novas energias que iluminem a sua vida neste "plano".

Delva Brito

Quando se faz um "deserto", ou seja, um tempo forte dedicado a Deus (em silêncio, solidão), pode-se sentir como na fé Jesus toca as nossas feridas, especialmente aquelas que nos machucam muito.

Delva Brito

Quando estou entrando em processo de estresse, faço uma “faxina” no “canto” onde vivo, ou melhor, cuido do meu jardim: rego o que preciso manter, “replanto” em outro lugar o que já está me cansando, desprezo o que já contém ervas daninhas, distribuo o que pode ser útil para outras pessoas, pois aprendi muito cedo que o que não é mais necessário pra mim pode ser importante para outras pessoas. Quando isto não resolve, porque o “fardo” está muito “pesado, faço um “deserto”, recolho-me no silêncio possível.

Delva Brito

Se lêssemos a bíblia com a mesma constância que assistimos TV e atualizamos o Facebook, as nações ouviriam a voz que clama no deserto.

lucas santos

"Em certas circunstancias ou dias, estamos tão cansados ou desanimados que pensamos em desistir, mas, contudo, entretanto, todavia, quando paramos e analisamos com calma conseguimos retomar o foco, encontrar uma luz onde aparentemente só existia trevas, tirar um aprendisado de onde só existia dor, desgosto e decepção.
Portanto pare e pense com calma, tudo pode aparentemente está perdido, mas não perca a esperança.
Continue a caminhar, você pode está passando por um grande deserto, mas confie, pois em breve chegaras a um oasis.
A perseverança é uma virtude, alias tenho uma grande admiração por quem tem a mesma."

Autor: Eliseu Fernandes Laurindo
25/05/2013 - 00:12

Eliseu Fernandes Laurindo

A pressa anda rápida, a perfeição


É a sua inimiga. Miragens um


Caminho próximo, um disfarce,


Para tapear o ócio.


O cenário é uma matéria morta, vida


Sórdida em pele e osso. É essa


Desgraça seca de um pobre povo, que


Possue esperanças e clamam por


Justiça, pois nela ainda acreditam.


E as serpentes fazem suas respctivas


Funções. Os seus venenos atraen a


Morte! Pois a saída é o reflexo da


Entrada.


O caminho é dado à sorte; o grito é


Um tiro seco.


O eco é uma esperança viva, a


Desidratação é consequência, mas


Irônico é este final de vida.



"Deserto", poesia origianalmente criada em 28 de novembro de 2003

Graone de Matoz

Luz que me faz sua, pedaço de um oásis criado em minha mente. Alucinação que percorre meu corpo em busca do seu calor. Me faço a água mais doce só para ficar ao seu lado, deserto, oásis.

(Flávia Abib)

Flávia Abib

Meus Jardins e Meus Desertos

E foram tantas
as flores que eu colhi,
ao longo da vida!
Plantei em terra firme.
Reguei com meu amor.
Suores e sonhos.
Floresceram.
Sorrimos.
Cada amor foi um
jardim de flores encantadas.
Enamorados!
Vivemos momentos só nossos.
Mas tudo tem um tempo!
Jardins desfeitos!!
Hoje vejo a terra fértil.
Porém seca!!
Sem flores.
Sem sementes.
Quase sem sonhos.
Desejos permanecem…
Mas o deserto de mim
seca a minha pele.
Racha o meu chão…
E sozinha!
Escuto apenas
ventos que passam
arando os meus desertos.

Dayse Sene

Padres do deserto

Tudo começou então
Com São Nicolau e São Antão
Frei Mácario e aba Poemem com razão
A fundarem uma nova religião

Santos mártires que morreram no deserto
Lutaram pela Igreja de Cristo no passado
Cumpriram um destino incerto
Pela palavra do santo sem pecado

Coragem ,renuncia e fé
Oração e meditação
Acompanhado de Jesus de Nazaré
Enfrentaram toda perseguição

Com carinho de todos os que querem bem
Receberam-nos em sua morada
A cidade Sagrada de Jerusalém
Com Sacra luz iluminada!

Samuel Ranner

DESERTO

Poeira por todos os lados.
A estrada parece uma miragem,
Um ser perdido no nada,
Em busca de compreensão.
Uma bagagem feita de historias,
Como tatuagens na pele curtida,
Rugas na face do idoso caduco.
Tenho o vento como companheiro,
Escorpiões e cascavéis me observam.
No céu o azul e o sol esperam minha queda,
Lembro uma canção de um momento feliz,
O momento feliz existiu ou seria alucinação?
A sede de receber sentimentos me mata,
Desidratada a alma,
Racha os lábios,
Irrita os olhos...
Cactos e espinheiras machucam o corpo...
Dentro do calor que faz alucinar O procuro,
Sou Ele, sou eu, sou a centelha de vida que pulsa,
Caminha, luta, aprende e cresce.
Nasci único Dele, mas preciso dela.
Estou num deserto de vida
Mas estou seco, pois não aprendi a lição maior.
A me amar.

André Zanarella 08-10-2012
http://www.recantodasletras.com.br/poesias/4487407

André Zanarella

Lilás

Tem que ser espetacular para ser verdadeiro?
Tem que ser famoso para ser de Deus?
Tem que ser BONITO, ENGRAÇADO ou LILÁS?
Quando lembro daquela multidão indo até o deserto ouvir a pregação de João Batista, concluo: As necessidades das pessoas de hoje são as mesmas daquelas, mas a sede não.

José Barbosa

Flor no Deserto!

Entre jardins multicores
Voo de borboletas
Beijos e beija flores
Perfume de jasmim
Asas de querubim
Um amor só pra mim
Na vastidão do horizonte
Pedras de diamante
O desejado amante
Nas ondas do mar
Barcos a velejar
Anseio te encontrar
Na alegria perdida
Nos olhos, enigma
Sentimento destruído
Procura encerrada
Animo derrotado
Coração lacrado
Lugar improvável
Encontro inevitável
Surpresa agradável
O deserto floriu
Flor se abriu
O coração sorriu.


Luzia Ditzz,
Campinas, 29 de agosto de 2012.

Luzia Ditzz.

As tempestades do deserto de minha alma trouxeram-me até você. Da grande massa de poeira da areia, formou-se um sentimento dourado, que deixei deslocar-se através dos ventos de meu ego, para o solo de meu coração. Tudo resultou numa única palavra: VOCÊ.

(Flávia Abib)

Flávia Abib

TUDO FAZ PARTE DA VIDA
Autor: Antônio Ademir Fernandes
(Nenê)
Alegria e tristeza
Tudo faz parte da vida
Não é moleza
Às vezes a alma ferida
Por uma desilusão
Faz-se loucuras sem motivo
Perde-se a razão
Num ato explosivo
Não desanime a vida é assim
Tudo passa, renasce a esperança.
Tudo se renova enfim
O amor é lindo
Se não deu certo
Outro amor é bem-vindo
Não fique deserto
Sempre há outro caminho
Um novo começo
Com mais amor, mais carinho.
Ser feliz não tem preço
A vida é um imenso jardim
Sempre surge uma nova flor
Pra enfeitar a vida, enfim
Somos a semente do amor.

Antonio Ademir Fernandes