Desculpas para Namorado

Cerca de 1560 frases e pensamentos: Desculpas para Namorado

Desculpa


Desculpa se sou movida a sentimentos. Se só funciono com beijos, carinhos e palavras apaixonadas. Desculpa se preciso de dedicação especial, se sou insegura e não me garanto como você. Desculpa se exijo mais cuidados do que você pode me dar.

Desculpa se não olhei pros lados antes de atravessar a linha que leva ao amor. Desculpa se não pensei duas vezes antes de mergulhar de cabeça no nosso romance, se me entreguei sem titubear, incondicionalmente.

Desculpa se sou humana, se erro tentando acertar. Desculpa se fui sincera, se confiei e busquei em você a compreensão que você não pôde me oferecer. Desculpa se acreditei em nós dois mais do que deveria, se me apego fácil e não sei gostar só um pouquinho. Desculpa se não pude ser a namorada que você queria ter.

Todavia, não sei se devo me desculpar, já que nem ao menos estou certa de que consigo te absolver.

Não sei se te perdôo pelas coisas que você fez sem pensar, pelas suas palavras amargas ou seu silêncio indiferente. Não sei se te perdôo pelas noites que não dormi, pelas madrugadas que chamei e você não me atendeu. Não sei se te perdôo pelas lágrimas que derramei e pelas que ainda insistem em escorrer pelo meu rosto.

Não sei se te perdôo por me julgar e criticar sem ao menos me ouvir ou tentar entender. Não sei se te perdôo por brincar com meus sentimentos, por desprezar o que senti e sinto por você, por me humilhar quando o que eu mais queria era teu alento. Não sei se te perdôo por tudo o que sofri por você.

Sei que você não quer minhas desculpas, que tampouco busca meu perdão. No entanto, insisto: desculpa se quero te odiar mesmo te amando com todas as minhas forças.

Márcia Duarte

Eu nuca peço desculpas, Lisa. Sinto muito, mas é assim que eu sou...

Homer Simpson

Desculpas não justificam erros. Perdão não é amnésia. Não há borracha para palavras ditas. Não se passa corretivo em gestos. Amor não tem remetente. Não há correio para o ódio.

Jéssica F.

Nunca me peças perdão ou desculpas,pois não irei retribuir o favor, simplesmente pare de errar.

Ricardo Fernandez

Quem quer fazer algo encontra um meio, quem não quer fazer nada arranja desculpas.

Provérbio Árabe

Eu cuido, corro atrás, peço desculpas me importo mas quando eu desisto, pode crer, meu desapego é pra sempre!

Caio Fernando Abreu

A gente demora pra aceitar, arruma novecentas desculpas para a falta de jeito do outro. Ah, ele é confuso. Ah, ele está tenso. Ah, ele tem medo. Ah, ele é maluco. Ah, ele isso. Ah, ele aquilo. Desculpa, mas quem quer estar junto pensa ah, que saudade. Ah, que falta ela me faz. Quem gosta, gosta. Sem complicações. Sem armações e armaduras.

Clarissa Corrêa

Um mundo melhor

Hoje eu gostaria de um mundo mais fácil
Gostaria que desculpas fossem suficientes
Gostaria que estudar fosse mais divertido
Gostaria que namorar fosse mais romântico
Gostaria que não houvessem brigas

Hoje eu gostaria de um mundo mais fácil
Em que eu não precisasse mais chorar
Em que eu não tivesse medo do futuro
Em que eu não necessitasse tanto de alguém
Em que eu pudesse viver sempre feliz

Eu queria um mundo dos sonhos
E que todos pudessem viver lá
E que todos pudessem ser felizes
E que todos pudessem ter o que comer e onde morar
E que todos se amassem sem pedir nada em troca

Hoje eu queria um mundo melhor do que eu vivo

Germana Facundo

Desculpas à Nossa Amizade


Desculpa qualquer coisa, essa foi a forma mais sensata que encontrei pra te dizer, e pedir desculpas...
Nem ao menos sei por que!
É que você está diferente, quase não está falando comigo, mesmo assim irei guardar seu nome, sinônimo da palavra AMIGO.
Escrevo rapidamente, nas linhas da minha agenda e, logo vou te entregar, antes que ao rancor a gente se renda.
Não consigo falar pessoalmente, até consigo, mas vou chorar, não quero que isso aconteça, e essa lembrança irei guardar.
Pois amizade igual à nossa, nunca vi, nem tive pra mim, essas são raras, para sempre, e, nem a morte pode dar fim...
E mesmo na eternidade ela vai continuar, e diante dessa desigualdade irá perpetuar...

Áurea

Pedir desculpas não muda o que aconteceu. E perdoar não evita que tudo possa acontecer de novo.

Suh

Atração física não quer dizer amor. Gostar não é o mesmo que amar. Colegas não são amigos. Desculpas não apagam o que foi dito ou feito. E tem gente que não entende isso.

Patrícia Wilker

Soneto de Despedida

Te peço desculpas por estar indo embora
Assim tão de repente, sem sequer avisar
É que meu coração cansou, e não é de agora
Vem de muito sofrer, vem de muito queixar

Sei bem querida que te jurei amor eterno
E prometi por nada no mundo te abandonar
Mas de repente o meu céu tornou-se inferno
Por minha vida te dar e mais nada ganhar

Pode até pensar que tenho outro alguém
Mas te juro querida, não tenho ninguém
Somente cansei desse seu desprezar

E este é tanto o motivo de meu desalento
E mesmo te amando, aqui neste momento
Estou indo embora pra não mais voltar

André Moraes

Nunca me diga desculpas pois essa palavra já está tão gasta que mágoas deixadas profundamentes em meu coração jamais vai ser apagadas com uma simples palavra.

Vanessaoh

-Sem Explicações-

Desculpas...
prometi a mim
que não ia mais te ver...
mas enfim
prometi tb não querer mais sofrer...

e aqui estou
como jamais o fiz
pois sou uma boba
se tratando de relações

para me sentir mais aliviada
e menos sufocada
não encontrava palavras
nem expressões
e do mais simples
se resume que
gosto de vc :P
sem explicações...

Nilya (28.01.2008)

Chega de velhas desculpas e velhas atitudes! Q o ano novo traga vida nova, como o rio que sai lavando e levando tudo por onde passa.

Wanderleia Isabel

Acordar assustado
é a mulher ainda roncando
falar no ex-namorado.

Simão Pessoa

TER OU NÃO TER NAMORADO

Quem não tem namorado é alguém que tirou férias não remuneradas de si mesmo.
Namorado é a mais difícil das conquistas.
Difícil porque namorado de verdade é muito raro. Necessita de adivinhação, de pele, saliva, lágrima, nuvem, quindim, brisa ou filosofia. Paquera, gabiru, flerte, caso, transa, envolvimento, até paixão, é fácil.
Mas namorado, mesmo, é muito difícil. Namorado não precisa ser o mais bonito, mas ser aquele a quem se quer proteger e quando se chega ao lado dele a gente treme, sua frio e quase desmaia pedindo proteção. A proteção não precisa ser parruda, decidida; ou bandoleira basta um olhar de compreensão ou mesmo de aflição.
Quem não tem namorado é quem não tem amor é quem não sabe o gosto de namorar. Há quem não sabe o gosto de namorar. Se você tem três pretendentes, dois paqueras, um envolvimento e dois amantes; mesmo assim pode não ter nenhum namorado.
Não tem namorado quem não sabe o gosto de chuva, cinema sessão das duas, medo do pai, sanduíche de padaria ou drible no trabalho.
Não tem namorado quem transa sem carinho, quem se acaricia sem vontade de virar sorvete ou lagartixa e quem ama sem alegria.
Não tem namorado quem faz pacto de amor apenas com a infelicidade. Namorar é fazer pactos com a felicidade ainda que rápida, escondida, fugidia ou impossível de durar.
Não tem namorado quem não sabe o valor de mãos dadas; de carinho escondido na hora em que passa o filme; de flor catada no muro e entregue de repente; de poesia de Fernando Pessoa, Vinícius de Moraes ou Chico Buarque lida bem devagar; de gargalhada quando fala junto ou descobre meia rasgada; de ânsia enorme de viajar junto para a Escócia ou mesmo de metrô, bonde, nuvem, cavalo alado, tapete mágico ou foguete interplanetário.
Não tem namorado quem não gosta de dormir agarrado, de fazer cesta abraçado, fazer compra junto.
Não tem namorado quem não gosta de falar do próprio amor, nem de ficar horas e horas olhando o mistério do outro dentro dos olhos dele, abobalhados de alegria pela lucidez do amor.
Não tem namorado quem não redescobre a criança própria e a do amado e sai com ela para parques, fliperamas, beira - d'água, show do Milton Nascimento, bosques enluarados, ruas de sonhos ou musical da Metro.
Não tem namorado quem não tem música secreta com ele, quem não dedica livros, quem não recorta artigos; quem gosta sem curtir; quem curte sem aprofundar.
Não tem namorado quem nunca sentiu o gosto de ser lembrado de repente no fim de semana, na madrugada, ou meio-dia do dia de sol em plena praia cheia de rivais.
Não tem namorado quem ama sem se dedicar; quem namora sem brincar; quem vive cheio de obrigações; quem faz sexo sem esperar o outro ir junto com ele.
Não tem namorado quem confunde solidão com ficar sozinho e em paz.
Não tem namorado quem não fala sozinho, não ri de si mesmo e quem tem medo de ser afetivo.
Se você não tem namorado porque não descobriu que o amor é alegre e você vive pesando duzentos quilos de grilos e medos, ponha a saia mais leve, aquela de chita e passeie de mãos dadas com o ar. Enfeite-se com margaridas e ternuras e escove a alma com leves fricções de esperança. De alma escovada e coração estouvado, saia do quintal de si mesmo e descubra o próprio jardim.
Acorde com gosto de caqui e sorria lírios para quem passe debaixo de sua janela. Ponha intenções de quermesse em seus olhos e beba licor de contos de fada. Ande como se o chão estivesse repleto de sons de flauta e do céu descesse uma névoa de borboletas, cada qual trazendo uma pérola falante a dizer frases sutis e palavras de galanteria.
Se você não tem namorado é porque ainda não enlouqueceu aquele pouquinho necessário a fazer a vida parar e de repente parecer que faz sentido. ENLOU-CRESÇA.

Artur da Távola

Amor Epidérmico

Seus pais foram jantar fora e deixaram o apartamento só para você, seu namorado e a tevê a cabo. Que inconseqüentes! Em menos de um minuto vocês deixam a televisão falando sozinha e vão ensaiar umas cenas de amor no quartinho dos fundos. De repente, escutam o barulho da fechadura. Seu pai esqueceu o talão de cheques. Passos no corredor. Antes que você localize sua camiseta, sua mãe se materializa na porta. Parece que ela está brincando de estátua, mas não resta dúvida que entrou em estado de choque. Você diz o quê? Mãe, a carne é fraca.

A desculpa é esfarrapada mas é legítima. Nada é mais vulnerável que nosso desejo. Na luta entre o cérebro e a pele, nunca dá empate. A pele sempre ganha de W.O.

Você planeja terminar um relacionamento. Chegou à conclusão que não quer mais ter a seu lado uma pessoa distante, que não leva nada à sério, que vive contando piadinhas preconceituosas e que não parece estar muito apaixonado. Por que levar a história adiante? Melhor terminar tudo hoje mesmo. Marca um encontro. Ele chega no horário, você também. Começam a conversar. Você engata o assunto. Para sua surpresa, ele ficou triste. Não quer se separar de você. E para provar, segura seu rosto com as duas mãos e tasca-lhe um beijo. Danou-se.

Onde foram parar as teorias, os diálogos que você planejou, a decisão que parecia irrevogável? Tomaram Doril. Você agora está sob os efeitos do cheiro dele, está rendida ao gosto dele, está ligada a ele pela derme e epiderme. A gravação do seu celular informa: seus neurônios estão fora da área de cobertura ou desligados.

Isso nunca aconteceu com você? Reluto entre dar-lhe os parabéns ou os pêsames. Por um lado, é ótimo ter controle absoluto de todas as suas ações e reações, ter força suficiente para resistir ao próprio desejo. Por outro lado, como é bom dar folga ao nosso raciocínio e deixar-se seduzir, sem ficar calculando perdas e danos, apenas dando-se ao luxo de viver o seu dia de Pigmaleão.

A carne é fraca, mas você tem que ser forte, é o que recomendam todos. Tente, ao menos de vez em quando, ser sexualmente vegetariano e não ceder às tentações. Se conseguir, bravo: terá as rédeas de seu destino na mão. Mas se não der certo, console-se. Criaturas que derretem-se, entregam-se, consomem-se e não sabem negar-se costumam trazer um sorriso enigmático nos lábios. Alguma recompensa há de ter.

Martha Medeiros

NÃO BASTA SER NAMORADO!!!

Era uma vez um homem que tinha uma floricultura, e alguém que viva por entre flores, só podia entender muito de amor.

Verdade, ele entendia!

Tinha histórias muito interessantes para contar.

Mas de todas as histórias que ele contava, tinha uma especial, que nós nunca nos esquecemos...

Vou contá-la para vocês exatamente como ele contava!

-“O amor não precisa ser dito, ele é sentido; e quando sentido, é possível vê-lo; ele toma formas reais, deixa de ser abstrato.”

Naquela ocasião, pouco podíamos entender tais palavras, mas mesmo assim, dava vontade de ver o amor com nossos próprios olhos... E uma curiosidade de saber se ele era perfeito, se era bonito, se irradiava luminosidade...

Bem... Mas vamos á história.

Era um dia dos namorados, quando um rapaz entrou correndo em sua loja e disse-lhe:

-Por favor, senhor, providencie-me um buquê de flores.

-E que tipo de flores você quer?

Qualquer tipo. Só quero que seja algo que faça vista; pode ser o mais caro que o senhor tiver aí.

-Está certo. Então tome o cartãozinho para você escrever.

-Não tem necessidade, é para minha namorada e como hoje é o dia dos namorados, ela saberá que é meu.

-Você que sabe, mas no seu lugar, eu escreveria.

-Não posso, estou com muita pressa!

-Vou levar meu caro para lavar.

Depois que o rapaz se foi, o senhor ficou ali a pensar como alguém poderia enviar flores sem as escolher, sem escrever um cartão com uma bonita dedicatória... Mas, enfim preparou um bonito buquê e mandou para o tal endereço pensando...

“Coitada dessa moça!”

Algumas horas depois, um outro rapaz entrou em sua loja.

-Senhor, por favor, eu quero mandar uma flor para alguém.

-Ela é muito especial, mas não tenho dinheiro suficiente para um buquê requintado; sendo assim, terá que ser somente uma rosa, mas faço questão que seja a mais linda que exista em sua floricultura.

-Pois bem, você quer escolhê-la ou prefere que eu escolha?

-Gostaria de escolher, mas aceito a sua sugestão, porque tenho certeza que o senhor entender bem disso.

-Será um prazer! É sua namorada, não?

-Não senhor... ainda não... mas isso não e importante; o importante é que eu a amo e acho que hoje é um bom dia para dizer isso a ela.

-Muito bem, concordo com você.

-Talvez eu devesse escolher um botão de rosa, não acha? Afinal, nosso amor ainda não floresceu.

-Muito bem pensado!

Naquele instante o senhor percebeu que o rapaz, assim como ele, entendia de amor e com certeza estava vivendo um doce amor...

-Por favor, faça o invólucro mais bonito que o senhor puder fazer enquanto eu escrevo o cartão:

-Meu amor, estou lhe mandando esse botão de rosa juntamente com meu carinho. A mim, não importa que você não me ame, porque apesar do meu amor ser solitário ele é verdadeiro e sendo verdadeiro, confio que um dia poderá viver acompanhado do seu.

Não tenho pressa, amor de verdade não tem pressa, amor de verdade não escraviza, nem exige, apenas se importa em doar. Um feliz dia dos namorados ao lado de quem você amar. Um beijo!

-Depois que escreveu o cartão, o rapaz entregou ao senhor e disse-lhe:

-Leia por favor e me dê a sua opinião.

-Perfeito, gostei muito; só faltou um pequeno detalhe, você esqueceu de assiná-lo.

-Não esqueci, não... È que não é importante, por enquanto, que ela saiba quem sou eu. Nesse momento eu só pretendo que ela sinta que eu existo.

O senhor sorriu e disse-lhe:

-Muito bem, meu filho, torço por você!

Passaram-se os dias, meses e um novo dia dos namorados chegou...

Por aquelas coincidências da vida, novamente o primeiro rapaz voltou a loja, e disse:

-Bom dia, senhor, lembra de mim?

-Lembro, sim, e então, como vai o namoro?

-Ih... o senhor nem imagina!

-Depois daquele dia dos namorados do ano passado, ela terminou comigo e eu nunca entendi a razão; agora já estou namorando outra.

-Mas ela não lhe deu nenhuma explicação?

-Ah! deu sim... uma explicação que não entendi. Ela me disse que eu a estava perdendo por causa de um botão de rosa. O senhor entende, não é?Bobagens de mulher.

Entendo sim... Quem não entendeu foi você!


MORAL DA HISTÓRIA

Não adianta um casal apenas sorrir juntos;

Eles precisam sorrir das mesmas coisas.

Não adianta apenas caminhar juntos;

Tem que ser na mesma direção.

Não adianta apenas mandar flores;

È crucial que elas cheguem ao seu destino com perfume.

Não adianta se fazer presente apenas de corpo;

É de suma importância que a alma e o coração estejam presentes também.



NÃO BASTA SER NAMORADO É PRECISO ESTAR ENAMORADO!!!

Desconhecido