Depoimentos para Colegas de Sala de Aula

Cerca de 901 depoimentos para Colegas de Sala de Aula

27-10-08

Hoje eu fui pro colégio como sempre... Não teve nada muito importante, a unica coisa boa era que eu vi a vanessa que tinha casado e ão aparecia no colégio a 1 semana ai conversamos um pouco, foi bom. ")
Mas tarde eu fui pra minha aula de violão com a carol ela ta me passando uma musica do Jota Quest (só hoje)
legalzinha até to pegando bem, ela até fico brava pq eu tava conseguindo faze a pestana melhr que ela tipo não com muita velocidade lógico mais o som melhor, hahahaha, mais lógico el num fco brava msmo só brincadeira, hehe, ai eu cheguei em casa jantei, tomei banho e to aqui esperando meus pais irem dormir pra mim gravar uma musica no computador, haha. Amanha eu tenho treino i tem que acorda cedo, faze o que neh ai depois colégio e aula de violão de novo, haha, ai amanha eu vo te pegado melhor a musica. ")

Janaina de Moraes

Meu maior sonho? É colocar meus filhos num colégio público bem legal!

Diogo Uzêda

Não sou adepta ao senso comum. O carinha popular do colégio nunca encheu meus olhos. Pode chamar de gosto singular ou mau gosto, fica a seu critério. Mas eu nunca entendi qual a graça de experimentar tudo aquilo que eu já ouvia boca-a-boca. Aliás, quanto mais bocas, menor minha atração. Gosto do novo. O certinho também não entra na lista vip. Na verdade, homem pronto pra me atender a todo momento, deveria vir com manual de instruções, não sei lidar. Simplesmente estrago o relacionamento. E no fim das contas, o perfeitinho acaba perdendo o encanto. Rápido demais, por sinal. O que também não quer dizer que eu tenha paciência pra bancar a mãe, tentando colocar homem na linha. Me surpreenda, dá pra ser? E que fique claro, homem em cima do muro pelo amor de Deus, não! O fato de ser impulsiva, não quer dizer que eu queira tomar todas as decisões sozinha. E de indecisão já basta a minha, pra escolher sapatos, óbvio. Que não seja ogro, mas romântico. Ah, o romântico! Nerd não, (nada contra) mas prefiro o intelectual que diga besteira e me faça rir. Quanto mais melhor. Quero beijo na chuva, sem pensar no quanto meu cabelo ficará horrível minutos depois. Um homem vaidoso, mas que não se preocupe mais com o seu cabelo, do que eu com o meu. Sentir frio juntos, por que não? E ao contrário do príncipe que tira o casaco para aquecer a mocinha, eu sempre preferi aquele que continua com a blusa de couro e me beija quente. Afinal, quem disse que eu nasci pra ser mocinha? Como diz a Tati, aquela porra não é pra mim.

Impulsiva - Jéssica Moreira

''COLÉGIO'', uma palavra, 7 letras, e um só significado fica para sempre cada momento que passamos nele.

Deborah Rossony

Tudo começou quando uma aluna do terceiro ano no meu colégio estava de aniversário, nesse sábado. Não pude ir, eu apenas fiquei sabendo sobre o que aconteceu na festa.

"Ai, fulano ficou com fulana, beltrano ficou beltrana, acredita que ciclana agarrou o ciclano no meio da festa e a festa toda parou só pra ver eles??? Por essa, eu não esperava! Aí a tia Claudia (mãe da aniversariante) adorou eu a beltrana porque não ficamos com ninguém na festa!"

Ué, não fez mais do que ter bom senso. Os jovens, hoje em dia, consideram o fato de 'pegar' alguém como uma conquista, uma façanha, e que deve ser exibida para todos em redes sociais. Eles fazem isso apenas por diversão, mas não por se amarem de verdade. É só aquela coisa 'do momento' e já acabam (aquilo que nunca começou de verdade) e continuam a 'pegar' mais gente. Isso não leva ninguém a lugar algum. Só fica famosinho entre os jovens babacas por ter ficado com um monte de gente, mas e pra vida, você vai levar algo bom disso? Vai te tornar uma boa pessoa? Vai fazer com que você seja bom naquilo que você faz ou trabalha? Vai te tornar mais inteligente? A resposta é mais do que óbvia, mas essa juventude se deixa levar pelos prazeres e não pensa nisso. Isso tudo é muito banal. Se algum dia eu 'ficar' com alguém, é porque eu realmente amo essa pessoa. E por isso, eu gostaria que ela lesse esse texto.

cyclonesword

QUEM SOU EU...

O meu nome e Wesley, tenho 14 anos, estudo no colégio João Caminha de Oliveira na minha vida eu passei por várias dificuldades depois da separação dos meu pais ao os três anos de vida minha mãe arranjou uma pessoa ele começou ser meu pai eu mim perguntava porque os meus pais si acebaram chegou um dia minha mãe falou por que ela sobe que estava sento traída ;o meu pai não mim dava de comer eu i minha fomo para casa do meu avo chegou um dia que ele ficou doente levaram ele para o hospital posso um dia ele morreu; a minha mãe estava gravida do Gabriel, eu sentia soe-me do meu irmão por que ela cuidava mais deli menos de mim etc .

Wesley Amaral

Qualquer formatura de colégio, hoje, é mais produzida do que os shows que os Beatles fizeram.

Humberto Gessinger

Continuem no colégio aprendendo a teoria que eu vou dando umas aulinhas práticas por onde vou passando...

Nilson Queiroz

Sai correndo do colégio, cansei de estudar, vou embora daqui, para nunca mais voltar, isso falei á alguns anos: pensei que iria trabalhar... fiquei 5 anos parado mentindo pra mim mesmo, voltei ha aula, estou aqui tentando rebuscar os ensinamentos.

GyanMc

Propaganda de colégio é mt swag mesmo.

Giuliano Gabardo

Bom Mesmo são aqueles amigos que te aturam no colégio a semana toda , e ainda fazem questão de ficar junto contigo no fim de semana -

NilzaB

Meu fiho vai se chamar Maomé. Quero ver quem vai mexer com ele no colégio!

Pedro A. Rodrigues

Eu heeim, sabe aquela saudade? Pois é, não aquela que eu tenho dois amigos de infância, do colégio, das risadas com pessoas que já me esqueceu...
Mas sim aquela saudade? Sebe aquela saudade? Não ha que eu tenho de comer pizza, tomar sorvete, correr em direção ao mar, rolar na grama e sair me cosano toda, de ver o por do sol, apostar corrida, jogar traque de massa nos amigos, pedir penico, brincar de pique esconde, chutar a latinha, fazer melança na cozinha...
Sabe? Assistir aquele filme de terro no cinema e só você gritar e todo mundo te olhar, é se lambuzar com comendo cachorro - quente, e rir lembrando da vida da gente...
Sabe agora? A MINHA SAUDADE É JUSTAMENTE DE TODOS ESSES
MOMENTOS AO TEU LADO... NAMORADO!

Barbara Cleide

Eu nunca tinha sido o garoto mais popular do colégio , até que mudei de turma ...

Roger Lopes

Observe a conversa entre duas amigas.

Maria : oi, vocë é novata aqui no colégio ?
Alice : sou sim, prazer, meu nome é alice e o seu ?
Maria : meu nome é maria , muito prazer.
Alice : bom sou novata aqui, cheguei hoje, nao conheco ninguém, mais tenho certeza que vou me dá bem.
Maria : nao acredite na sua palavra ! voce nao tem certeza disso e tals ! nao precisa ficar falando coisa com coisa.
Alice : eu confio que pelo menos uma pessoa vai ser minha amiga ou amigo, nao importa se as outras pessoas pensam errado de mim, o que eu estou fazendo é vim para essa escola e receber uma boa educacao.
Maria : tá bom.

Passaram alguns dias , elas viraram inimigas.


Maria : garota, voce disse que é novata, e que acredita que vai ter amigos, vocë tá tendo inimigos, por que mexeu nas minhas coisas , aqui na sala, sem me pedir ?
Alice : mais eu nao mexi em nada, como pode me acusar de uma barbaridade dessas ?
Maria : eu sei que foi vocë, eu nao confio em vocë.
Alice : voce nao é obrigada a confiar em mim, se nao acredita, pergunte a professora, por que ela estava aqui na sala, e eu também estava aqui, mais fazendo meu dever.
Maria : nao preciso perguntar nada a professora ! eu ja entendi tudo o bastante.

Tempo depois, olha o que acontece.

Maria : me desculpe alice ! eu fui injusta com vocë, te acusar daquele jeito, é por que outra pessoa mexeu nas minhas coisas, e eu nao gosto, e eu desconfiei que foi vocë.
Alice : mais desconfiou errado, eu nunca fui de mexer nas coisas de ninguém, se eu quero algo emprestado, primeiro eu pergunto, pois nao sou ladrona aqui na sala de aula.
Maria : me desculpe, eu estou mesmo arrependida, eu nao queria ter feito isso, por favor.
Alice : tudo bem , eu vou te dá a segunda chance, mais por favor, a próxima, vocë tem que ter provas, e nao acusar as pessoas.
Maria : está bem.

E as duas se tornaram muito amigas, aa alice perdoou a maria, e a historia acaba feliz.

Cassiane De Souza Monteiro

Sinto falta das coisas que perdi. Do lugar onde eu nasci, do colégio em que estudei, amigos vão sem se despedir.
Sinta falta dos bons momentos que não poderei reviver. Sinto saudade do tempo que passou e que não voltará mais.
Das pessoas que o tempo me levou, das amizades que foram desfeitas,das risadas que foram dadas.
Sinto falta dos sonhos sonhados que hoje em dia se tornaram desilusões. Sinto falta inclusive de quem eu era, contraditório ou não, é como se hoje em dia eu não fosse a mesma pessoa daquele tempo.

Sinto saudades de tudo que marcou a minha vida!
Quando vejo retratos, quando sinto cheiros, quando escuto uma voz, quando me lembro do passado, eu simplesmente sinto saudades.
Sinto saudades de coisas que tive e de outras que não tive mas quis muito ter!
Sinto saudades do presente,que não aproveitei de todo, lembrando do passado e apostando no futuro.
De repente a gente vê que perdeu ou está, perdendo alguma coisa.Morna e ingênua que vai ficando no caminho...'

Rafael Di Souza

Nossa juventude foi linda
os melhores momentos de nossas vidas foi o colégio
os micos, os trabalhos, as pesquisas, as brigas, as intrigas, as paixões vividas e não sentidas,
as recuperações e aprovações
a cada instante podemos estar longe, mais ligados na saudade
desses velhos presentes tempos
não vivemos mais desse lindo passado, se foi , já passou
mais lembraremos de cada um com carinho e afeto
dos íntimos e tímidos
dos simpáticos aos antipáticos
até das outras turmas que nos acompanhavam em nossas divertidas bagunças..
como já falei, ninguém vai entender
não é frescura , é amor
não é passageiro, é eterno
É REAL !

Rauny Joe

Se colei ou se estudei o importante é que o colégio eu terminei e na faculdade eu não entrei, e o cursinho pagarei :(

Everton Oliveira

Quem nunca comeu bolacha no refeitório do colégio e saiu falando "farofa" perto dos amigos não sabe o que é felicidade.

VitorCurioso

Ainda me lembro do dia que o vi.....

Eram 10 horas, na quadra do colégio onde eu estudo, estava chovendo, não muito forte mas a calçada estava escorregadia, era um domingo e eu estava vindo da casa de uma amiga. A rua estava deserta, até que quando eu atravessei a rua e comecei a andar pela calçada do colégio vi ele virando a esquina e começando a andar na minha mesma calçada, só que no sentido oposto.

Nossos olhos se encontraram no mesmo momento, e enquanto nós caminhávamos eles não se desgrudavam, íamos chegando mais perto um do outro, e mais perto, até que bem em frente ao portão do colégio, quando ele ia passar do meu lado, eu escorreguei na calçada. Mas no mesmo instante ele soltou seu guarda chuva e pegou no meu braço antes que eu cai-se no chão, e me levantou.

-Obrigada. Foi o que eu consegui dizer olhando aqueles lindos olhos castanhos escuros. Ele sorriu, soltou meu braço, pegou seu guarda chuva no chão e seguiu andando...

No decorrer da semana quando eu ia a escola, torcia para velo de novo, toda vez que eu chegava ou saia da aula... até que no sábado eu fui ao super mercado, e quando estava na sessão de frutas eu o vi. Tinha uma mulher do lado dele, aparentava ter a idade da minha mãe, ela se virou para nós e veio em nossa direção junto com ele, nosso olhos se encontraram novamente, meu rosto ficou vermelho. A mulher era a mãe dele, e por incrível que pareça uma antiga amiga da minha mãe. Elas começaram a conversar, e nós dois não para não ficarmos de fora resolvemos entrar na conversa, mas sem contar que já nos conhecíamos.

A conversa foi rápida, mas minha mãe os convidou para almoçar no outro dia la em casa, e além se serem velhas amigas, meu pai e o pai dele já se conheciam...

blog Quarto Roxo