Depoimentos para Colegas de Sala de Aula

Cerca de 966 depoimentos para Colegas de Sala de Aula

Eu tenho uma familia me esperando todos os dias depois da aula, eu tenho uma escola onde eu posso aprender, eu tenho ouvidos e escuto o que meus professores falam, tenho braço para recepcionar meus amigos, tenho pernas pra me locomover, tenho uma vida pra viver!

Gabriele Velho

Não sou uma pessoa de amigos, enquanto os outros vão para a escola no primeiro dia de aula pensando em ver os amigos, eu vou pensando em quem eu vou odiar pelo resto do ano. Eu sou assim, não consigo agradar, não consigo despertar desejo em ninguém, apenas vivo no meu mundo, sozinha, vou ficar sozinha pelo tempo que der, porque eu não sou muito de ver verdade nas palavras que me são ditas, pra mim tudo perdeu a cor, tudo é um poço de falsidades, eu apenas não consigo mais ver felicidade em nada.

Isadora Vasconcelos

Coisas que falo na escola: Que sono. Quero ir embora. Que horas são? Que fome. Qual a próxima aula?

Desconhecido

Bibliotecas é o inicio, o meio a progressão do ensino desde a sala de aula da escola infantil-fundamental-médio-técnico até o terceiro grau.

Bindes Fá - Biblioteca

''O menino mais bonito da escola estuda na minha sala *.*,ele é o mlk mais sinistro pela sua simplicidade e fodacidade''
Bruno sobre Manoel

Bruno Medeiros

(47)3644-7116 / (47)91446916 / (47)99932934

A arte da música, de como tocar ou de como apreciar, difere pessoas de pessoas.

Dominante Escola de Música

"A vida é composta como uma partitura musical. O ser humano, guiado pelo sentido da beleza, escolhe um tema que fará parte da partitura da sua vida. Voltará ao tema, repetindo-o, modificando-o, desenvolvendo-o, transpondo-o, como faz um compositor com os temas de uma sonata"

Rubem Alves (escola da ponte)

"Meu único desejo, meu tema musical, meu diamante é a educação".

Rubem Alves (escola da ponte)

Existe um colégio onde há vários mestres disponíveis para o seu aprendizado onde poderá escolher a matéria desejada sem custo algum, mas o certificado dependerá desta escolha, porque a escola da vida irá cobrar um dia pelo que aprendeu

Jader Amadi

As lembranças são como as mulheres, a gente não as escolhe, elas é que escolhem a gente...
Por um instante volto cinquenta anos em alguns segundos e me vejo sentado numa carteira de uma sala de aulas no colégio interno de Campinas, em costumeiro castigo pelo mau comportamento.
Esse castigo, que nem lembro, talvez tenha sido por uma briga no páteo ou alguma malcriação ao padre catequista, responsável pelo cumprimento das tarefas que todo carma tem que expiar.
Era nessa sala que aos domingos enquanto os demais assistiam a um filme bem antigo, no cinema, que comportava mais de mil alunos, nós, “no castigo” fazíamos alguma tarefa como decorar poemas ou copiar livros inteiros, o que demandava várias canetas esferográficas e muitos cadernos brochura.
Foi por causa do mau comportamento que eu fui interno, foi por causa dos castigos que eu li e copiei vários livros, por causa do padre catequista que eu expiei muitos dos meus pecados.
E hoje, depois de mais de cinquenta anos me veio essa lembrança nítida de que os caminhos estavam escritos, que o castigo merecido e bem aplicado teve resultados positivos e que são as mulheres escolhem a gente, mas somos nós que escolhemos os caminhos ...
Rsss..

Marinho Guzman

E quando a Marissa vai pro colégio público:
Seth: "E essa foi a ultima vez em que ela foi vista.

Seth Cohen

Eu vejo essas meninas indo pro colégio com uma calça apertada, a blusa bem aqui, vão fazer programa?

Mac Dowell

Colégio Público
O cotidiano de um colégio público
É sempre igual
Repetitivo, monótono
Paradoxal

Aquela briga logo após o último sinal
Sempre se inicia por um motivo banal
A cobiça do namoradinho alheio
Ou uma desavença no futsal

É intervalo, e no sanguão,
A galera se senta
É hora da refeição
Arroz com ovo ou polenta
O bom mesmo é mingau
Mas aí a fila é bem lenta

A cancha, pequena e ensolarada
É o palco do Show da mulecada
Dribles, gols, arremessos e saques
É no esporte que surgem os destaques

Algumas meninas, ainda menores de idade
Logo cedo se deparam com a maternidade

Muitos, mal concluem o ensino médio
Saem por aí, pixando a parede dos prédios

Poucos sabem o nome da bibliotecária
Poucos pensam em seguir carreira universitária

O que fica é amizade
Aqueles que a gente nunca esquece
Algum ainda se vê, outro desaparece

O cotidiano de um colégio público
É sempre igual
Repetitivo, monótono, e,
Paradoxal.

Guilherme Serafim

As vezes penso que não sou nada. Não sou popular no colégio e nunca fui a melhor aluna da turma, não tenho uma beleza que chame a atenção das pessoas, e nem tenho nada que me destaque dos outros em uma multidão. As vezes me sinto invisível e sozinha, mesmo tendo várias pessoas ao meu redor. As vezes me pergunto se vai ser sempre assim, se talvez o meu papel seja só ajudar as pessoas com as suas vidas e assim ver a vida passar, talvez meu papel seja ser espectador da minha própria vida. As vezes me dá vontade de acabar com tudo isso e sumir, uma última opção. Mas é aí que eu lembro que fazendo isso estaria jogando fora tudo o que uma pessoa um dia fez por mim, que sofreu e deu sua própria vida para que eu tivesse uma vida, e vejo que de alguma forma eu sou especial e se não estou satisfeita com minha vida é por minha culpa.

Rhayane Bastos

E o tênis que tinha luizinha no colégio geral tinha
Você prometeu comprar trabalhando numa cozinha
Meu coroa com um fusquinha, Mc Donald's só casquinha
Nunca fui de panelinha, mas pegava as patricinha

Cone Crew Diretoria

Como...
Garotinha inocente de
colégio ainda sinto Borboletinhas
se agitando no meu estômago
cada vez que tu me olha

Menina dos Olhos

No meu colégio São Bento
Tudo quero aprender.
Quero ter amizade
Amor e verdade para crescer
Quero ter amizade
Amor e verdade para crescer

Começo pequeninho
E vou de mansinho
Sem perceber.
E com carinho da titia
Vou estudando com alegria.

Pulo e grito olá. olá!
Como o São Bento
Melhor não há. Não há!
Pulo e grito olá. olá!
Como o São Bento
Melhor não há. Não há!"

Betânia Palmeira

27-10-08

Hoje eu fui pro colégio como sempre... Não teve nada muito importante, a unica coisa boa era que eu vi a vanessa que tinha casado e ão aparecia no colégio a 1 semana ai conversamos um pouco, foi bom. ")
Mas tarde eu fui pra minha aula de violão com a carol ela ta me passando uma musica do Jota Quest (só hoje)
legalzinha até to pegando bem, ela até fico brava pq eu tava conseguindo faze a pestana melhr que ela tipo não com muita velocidade lógico mais o som melhor, hahahaha, mais lógico el num fco brava msmo só brincadeira, hehe, ai eu cheguei em casa jantei, tomei banho e to aqui esperando meus pais irem dormir pra mim gravar uma musica no computador, haha. Amanha eu tenho treino i tem que acorda cedo, faze o que neh ai depois colégio e aula de violão de novo, haha, ai amanha eu vo te pegado melhor a musica. ")

Janaina de Moraes

Meu maior sonho? É colocar meus filhos num colégio público bem legal!

Diogo Uzêda