Depoimento de Despedida

Cerca de 607 depoimento de Despedida

Se viram rapidamente,trocaram 3 palavras,deram as costas.
Cada um pro seu lado...
Tudo que ela queria,era ir pro lado de lá!

Vida Única

Se tivéssemos noção da brevidade da vida todas as despedidas seriam apertadas e calorosas, todos os sorrisos se converteriam em gargalhadas e o "ter de partir" seria tratado com a dignidade merecida.

Rogério Medeiros

Não distante, lembrar-se-ão do verso contado e da palavra cantada, do sorriso solto e da vida dispensada. Não distante, vos restará o que, de vivido, á pena fora malmente salvo.

Rogério Medeiros

Esperança de reencontro

Você saiu sem se despedir
Fechou a porta sem permitir
Que eu te desse o beijo de toda manhã.
Foi tão rápido,
Foi tão prático,
Quando eu me dei conta estava sem ti
A minha alma querendo partir
E um vazio devastando meu coração
Parei pra pensar,
Pensar em você
Mas pensar o quê?
Se decidisse partir e me deixar
Deixar a sonhar com o dia da sua volta
Com o abrir daquela mesma porta
Que você saiu sem se quer me olhar
Hoje sigo sem “eira nem beira”
E o que me sustenta é a única certeza
De que um dia você voltará
De braços abertos querendo ficar
Porque um outro alguém não soube te amar
Espero esse dia com ansiedade
Pois sinto por ti uma grande saudade
E amor como o meu não vai encontrar.

Arally Pontes

E sabe de uma coisa, a única explicação que encontrei pra certas coisas que aconteceram de uns anos pra cá, é que certas pessoas são anjos que Deus nos dá e logo nos tira afim de ensinar a nós, meros humanos, coisas que realmente nos são importante.
E quando todos questionam o porquê, dizendo: -tão jovem-, -tão bonito-, -tão bom-, eu penso em o que essa vida foi capaz de nos ensinar, porque ninguém vem e ninguém vai em vão.

Paula Izidoro

...nunca diga "Nunca" exceto quando tiver certeza que o "Nunca Mais" é pra sempre

Adalto Mello

Nessa estrada versátil da vida diante de momentos solenes, pessoas entram e saem de nossas vidas, algumas ainda ficam por longos tempos e outras para sempre. Pessoas novas chegam e esse ciclo continua, mas para todas estas pessoas, o importante foi tê-las em nossos caminhos, marcando nossas vidas de uma maneira que nos deixam saudades, um aprendizado, uma lembrança, uma dica, um ensinamento, uma experiência.
O mais precioso presente é o damos uns aos outros: a amizade.

Samanta Bernardi

Tarde quente. Angústia no ar...
A janela aberta é um atrativo para se jogar.
Deitada na cama pensando na vida...
Lembrando e se depravando com o passado não vivido.
Desnorteio-me com o tempo atual.
Fecho os olhos. Tento dormir mais um pouco.
Dessa vez não quero acordar.
Meu sono é turbulento...
Mesmo assim, a realidade enquanto acordada é mais perniciosa.

Samanta Bernardi

O começo é o final de uma história.
No fim de um fato começa uma trajetória.
Como posso encetar? O que posso narrar?
Sentada de baixo de uma árvore pensando em alguém para me inspirar.
Aquela vontade de estar perto de quem está longe.
Ah!!! Isso é sempre, isso é constante...
Esse sentimento é uma iluminação.
Ao chegar em casa torna-se expiração.
A noite já faz presente.
A noite um compromisso.
A vontade é de não presenciar. Só que lastimavelmente não posso prevaricar.

Samanta Bernardi

Ah que dor pungente
Que afeta toda gente.
Que afeta minha alma.
Que tira minha calma.
Ah que nó na garganta...
A vontade de chorar é tanta.
A indisposição faz adentrar.
E nada, nada pode me animar.

Samanta Bernardi

Talvez eu deva ficar aqui
Isolada, trancada, amuada.

Talvez eu deva ser assim:
Ser o que eu nunca fui em mim.

Ou talvez eu deva fazer isto:
No meu viver dar um sumiço.

Samanta Bernardi

Ah... Por que essa carência?
Por que o tédio?
E a ausência?

Por que a melancolia?
Em mim, cai uma lágrima triste.
Logo penso que a felicidade não existe.

Ó que sufoco...
Que ausência de tranquilidade...
Esses sentimentos sempre levam a minha enfermidade.

Samanta Bernardi

A estrada da vida é uma paisagem interna como uma pintura de Van Gogh.

Samanta Bernardi

Não tem jeito
Todo dia se chora
Não me peça pra parar
Todo dia Te amo mais.
Não me peça pra esquecer
Pois o inesquecível marca.
Não me peça pra não chorar alto
Pois a minha dor é grande e choro.
Choro às vezes sorrindo...
Choro às vezes sonhando...
E às vezes sigo meus dias chorando.
Choro quando longe estava e comemorei
sua chegada...
Choro pique sempre pude lhe dar tudo
que uma Tia pode e quer dar...
Choro quando me lembro dos olhos
mais bonitos que já vi...
Choro quando lembro de poder ter
o privilegio de ter você comigo...
Choro porque não carrego peso
de culpa...
Choro porque sempre foi você a menina de meus olhos.
Choro ao lembrar dos banhos Baby...
Choro ao lembrar que pude fazer muitas coisas com você.
E eu as faria de novo.
Choro ao ver seus vídeos comigo,e nós duas grandes
palhaças...
Choro quando vejo nos duas dançando juntas...
Choro quando lembro que ouvi a sua voz naquele dia
de sua viagem...
Mas se tivesse me falado que queria viajar,haveria
dito:Não vi age não ...
Me espere eu diria:Já estou a ir a seu encontro
pra curtirmos juntas...
Mas você não me esperou e viajou...
Agora eu aguardo o dia de minha viagem...
Porém ainda não me deram o bilhete pra viagem.
É isso:
Hoje e sempre,sorrindo chorando por dentro
Mentindo a minha dor, é que sigo Sapeca...

MariahOl

Vá, siga seu caminho e não olhe para trás.
Pegue todos os seus sorrisos forçados, seus sentimentos inventados e não volte nunca mais.
Encene a sua peça tão bem criada.Finja que é feliz.
Olhe nos olhos dela e diga que você a ama.
Vá, Jure de pé junto a si mesmo que não sentirá minha falta quando estiver na cama, quando ouvir nossa música, ou quando a lua aparecer.
Diga que não sentirá falta das nossas conversas, das brincadeiras infantis e até das brigas sem razão...
E sinceramente, não sinta.
Por que não estarei mais aqui quando você decidir voltar
Não vou viver implorando por seus beijos e carinhos enquanto você os dá sem pensar a um outro alguém.
Não implorarei mais os seus minutos, nem direi a você que meus sentimentos são reais.
Porque você consegue saber quando olha para mim.
Não passarei noites em claro ou dias chorando, esperando que meu telefone toque ou que você me mande uma mensagem
Não, não farei mais
Não implorarei por um amor que deveria ser dado.
Porque não quero viver um sonho que não é dividido.
E não me venha com medos, inseguranças e crises porque o amor é muito mais do que isso.
E eu não quero um amor inventado ou um amor controlado
Não quero um amor dividido ou um amor medido.
Quero um amor esteja disposto a qualquer situação
Um amor que esteja além da razão
Não me sujeitarei a amar pela metade,
O que eu quero é amor de verdade.
E se não é esse amor que você pode me dá, então apenas vá
Vá, siga seu caminho e não olhe para trás.
Pegue todos os seus sorrisos forçados, seus sentimentos inventados e não volte nunca mais.

(texto:despedida / autoria: Gabriela Noel)

Gabriela Noel

Quanto mais tempo convivemos com uma pessoa, mais descobrimos como machucá-la da maneira mais dolorosa possível. Isso não depende da nossa vontade, simplesmente faz parte do processo de aprendizagem de nossa condição como seres humanos e nossas experiências interpessoais. Ninguém nos obriga a falar o que falamos, a sentir o que sentimos ou a fazer ou deixar de fazer o que escolhemos, afinal, escolhemos. Inevitavelmente haverá brigas em algum momento dos nossos relacionamentos e precisamos estar preparados para tomar decisões. Quanto mais conhecemos alguém, mais frágil e difícil de ter suas feridas curada tal pessoa se torna. Descobrimos com os dias qual o teto de vidro que cada um carrega sobre suas cabeças e em que ponto quebrá-lo. Percebemos o poder do "e se eu for e não mais voltar". Sabemos o que dizer, por qual assunto começar ou o que deixar de falar para atingir o ponto onde a nossa fraqueza se torna a força que provoca a mágoano outro, pois somos intrinsecamente egoístas, não importa o quanto fujamos, quando magoados, tal sentimento nos inunda assim como a frustração e a falsa sensação de que tudo perdeu seu valor. Como mantemos um relacionamento quando se chega a esse ponto, mesmo que saibamos que essa pessoa foi feita para nós? Aprendemos a ver que os momentos bons não deixam de existir ou se tornam menos especiais quando os ruins ocorrem; Que muitas vezes em que fomos magoados, magoamos; Ensinamos e aprendemos a viver sob o mesmo teto com quem nos faz bem; Ou deixamos aquela casa e fechamos a porta ao sair. Por mais que o amor faça parte da nossa despedida, um dia, sempre encontramos outra morada onde todas as nossas bagagens são acomodadas e outra pessoa abrirá aquela porta e preencherá a nossa ausência.

Diego de Miranda

Na prateleira daqueles poucos, mas ainda sim alguns anos, não tardou em se planejar. O único erro foi não ter partido.

Alessandro Lo-Bianco

Sentia meu coração batendo forte e lentamente, latejava a cada passo que eu dava em sua direção: Era um cataclismo interno. Cada passo em sua direção significava você recuando dois. Mas que diabos de amor é esse? Eu parei, paralisei e apenas fiquei a te observar. Você recuou mais dois passos e percebeu minha indiferença ao não me aproximar nenhum. Estranho que eu não dedique mais o meu tempo à você, não é mesmo? Recuou mais um: nada fiz. Você aproximou-se um passo, dois passos: Eu permaneci paralisada. Por um súbito impacto me notei a um centímetro de você, podia sentir a respiração quente esvaindo-se dos teus lábios gelados - você tremia e seu coração acelerava mais e mais a cada instante: eu estava ali apenas olhando em seus olhos como um gesto de despedida: Eu te amo, mas eu não te quero mais. Eu me amo: eu mereço mais do que esse efêmero sentimento que você tem à me oferecer. Passar bem, meu amor.

Jéssica Calaça Lima

Nos bares, nos hotéis,
nas camas, nossas chamas.
Nossos planos, nossos danos.
Tudo foi... efêmero?
Você nem disse adeus,
simplesmente foi embora
levando meu sentimento,
saiu porta afora.
Meu diga, meu bem,
me explica por favor:
Qual foi o meu defeito,
não tenho mais valor?

Jéssica Calaça Lima

Ou vai, ou fica. Sem meios termos, sem meios-sentimentos: De inconstante já me basta!

Jéssica Calaça Lima