Delicada

Cerca de 261 frases e pensamentos: Delicada

A delicadeza em seus olhos...

“A delicadeza em seus olhos, não precisa ser descrita, mas sim apreciada; mas enquanto os meus olhos não podem olhar dentro dos teus, eu tento descreve-los, sem razões, apenas com emoções. Emoções que fazem o meu coração disparar e se alegrar como uma criança boba, que saí correndo atrás do sorveteiro, com intenção de se lambuzar com um delicioso sorvete, é assim que eu me sinto quando olho pra ti, sinto vontade de me lambuzar com a sua doçura e delicadeza. Nas suas palavras eu viajo e me perco, e tudo sai do contexto e quando me dou conta, viro personagem de suas fantasias e juntos, vamos construindo uma ficção, onde em sua história até peixe vive fora do aquário; olha que hilário o pobre do peixe viver fora do aquário, seria como não ter a tua presença em meus dias, colorindo-o com suas belas e engraçadas histórias. Sendo assim menina, coloca logo o peixe no aquário, cuida bem dele, não deixa morrer; falando nisso, vamos brincar de ser felizes, vem logo cuidar de mim, me deixa ser o seu peixinho para flutuar no brilho dos teus olhos e afogar-me nos teus calorosos beijos.”

Danilo Torres

O desejo de agradar produz o galanteio que não é o amor, mas a delicada, a leve, a permanente mentira do amor.

Montesquieu

Noite de paixão

Vendo apenas sombras
Nebulosidade, escuridão
O vento calmo
Agita suave os arbustos do labirinto,
Uma voz delicada ressona de cima
O coração apaixonado
Responde poético
Cantarolando lá de baixo.

Noite a dentro
Passam horas como minutos,
Os apaixonados se despedem
Dando boa noite
A noite inteira,sim
Nos tempos de Romeu e Julieta.

anônimo

Mulher é que nem uma rosa linda frágil e Delicada, porém tem espinhos que podem ferir um homem apaixonados

Johnny T.r

Quem é? É um Espelho?! Sou Eu?!

Sou linda, como uma rosa, delicada por natureza, gentil como a vida pede para ser,
Sou zangada e valente, ah, tenho espinhos, sou mandona, obediente, sou ciumenta,
Sou simples rosa, no meio de muitas orquídeas, sou rosa de muito valor, sou linda.
Sou margarida vermelha, sou girassol, sou flor de lis que encanta os céus e olhos que me vê.

Sou gentil, charmosa, meu perfume é inconfundível e único, sai de minhas pétalas.
Tenho um sorriso lindo, que o sol me inveja, que às até se fecha quando caminho sobre ele.
Tenho luz própria, não sou vaga-lume, mais a lua és tão bela quanto a mim.
As estrelas brilham para mim durante a noite, enquanto eu, brilho para elas durante o dia.

Sou linda, tenho brilho próprio, tenho lindo sorriso que derruba tropas e impede o sol nascer.
O timbre da minha voz é canção a bons ouvidos, minha pele, minhas pétalas são macias.
Ao me tocar, faço coração tremer, voz ficar trêmula, faço a respiração ficar profunda.
Ao sentir meu perfume, faço ir à via – láctea e ir a Veneza e voltar em segundos.

Sou natural, não sou artificial, sou meiga como toda flor da natureza, sou bem observada.
Sou mais que uma flor, sou mais que uma linda rosa, sou mulher.
Do meu modo de viver normal, encanto, sem enfeite e muitos arranjos,
Sou flor, e bons jardineiros reconhecem-me, sou única, especial! Sou Bela Flor.

Rafael Deleon

Alice! Recebe este conto de fadas
E guarda-o, com a mão delicada,
Como a um sonho de primavera...

Lewis Carroll

A delicada música embala. O frio aquece. Quando dei por mim estava assim. Sem tempestades. Sem ventanias. Sem furacões em copos de papel.
Antes. Tomada pela Paz. Embriagada pelo Amor. Pois descobri o sentido de mim em Você. Descobri em Você o meu rumo. O meu norte. A minha Paz. O meu Amor.
Há tempos andava assim. Correndo de um lado para outro. Freneticamente. Por vezes, na contramão. Sem ter para onde ir. Corria.
Ah. Mas, aí. Aí, Você apareceu. E, me envolveu preencheu completou norteou.
Tomada pela Paz. Embriagada pelo Amor. Eu vou. Sigo. Ando. Canto. Vivo.
Tudo faz sentido. As notas. Os compassos. As folhas.
Tudo expressa a Sua essência. Tudo aponta que sou foco do Seu amor.
E eu ando. E eu vivo. E eu sou. Tomada pela paz. Embriagada pelo Amor. A delicada música embala. O frio aquece. E, em Você, eu vivo.
***
Só queria ser mais profunda. Queria deixar que em meus dedos escorresse aquilo que dança aqui dentro. Aquilo que me inunda de tal forma, que…

rust Sixpence None the Richer The Best Of Sixpence None the Richer

Sonhar... é uma flor delicada que nasce nos corações das alucinadas"

Carolina Campos

Você conhece alguma forma delicada de tirar o chão de uma pessoa?

O CLONE

Joaninha encarnada
Mil mulheres numa só;
Pequenina e delicada,
Mas firme como Jó!


Joaninha enamorada,
Faz poesias de flor
Carrega nas patinhas,
Mil palavras de amor


Joaninha imaculada
De alma pura e inocente,
Mas quando ama,
Vira o capeta
Sem nenhuma etiqueta

Lina Marano

O romantismo é a forma delicada de dizer te amo

Ismael Santana Bastos

Moça misteriosa. Que gosta de surpreender. Pose delicada e um ar de ousada. Menininha com postura de mulher. Quietinha mas corajosa. Aparência enganam, lembra? Então meu bem. Posso te surpreender. Fica esperto.

Amanda Drielly

Agora que a bosta é séria,
Já posso-me por para fora,
E espatifar-me ao chão,
Assim delicada e recatada!
Eu, mestruação de jovem arrependida
Que vai ficando mais velha, feia e cansada.
Que cultiva um fantasma
No lugar do coração.
Como atraso de vida.
Meu freio poético anda cansado.
Ando mais perdida que a Alice
Agora são meus cães contra o mundo.
Deixe-me pelo menos ser seu atraso de vida
Pois agora são meus cães contra o mundo.

RebecaMelo.

De tão delicada, sente-se flor...

Laura Méllo

Minha flor
Ela como uma flor é.
Tão delicada..
Tão pequena
Tão intensa
Tão carinhosa
Seus espinhos são como delitos
Machucam-me..
Mais sua sentença e tão grande
Com seus espinhos com veneno de amor
Nos gritos da dor
Sinto minha mão tocar - lá
Entre seus espinhos..
Meu viver faz morada
Oh minha flor
Você ser o meu encanto
De canto a canto’

Thais Farías

Delicada como a flor naturalmente sexy.

Day Anne

"O sentimento é uma flor delicada..."

Mestre Arievlis

Ressurgir das trevas

Sou uma semente
Semente delicada e de boa têmpera
Capaz de brotar das entranhas
do solo mais rude
Terreno já tomado pelos fetos
tapetes verdejantes das florestas
E entre as ervas daninhas
Ressurgirei lentamente da terra
Desabrocharei cálida e tenra
Florirei colorindo a selva
Divina como são as cores
das flores da camélia.

Maria da Penha Boina

Uma menina tímida, delicada e sonhadora...
Uma mulher decidida, forte e real.
Foi o tempo que passou, modificou e aperfeiçoou.

Célia Cristina Prado

Célia Cristina Prado

“A arte de viver está na delicada mistura entre desistir e insistir.

Henry Ellis