Dedicatórias para Professor

Cerca de 10 dedicatorias Dedicatórias para Professor

A vida homenageia a todo professor, a cada dia, uma nova página. É nossa cotidiana responsabilidade o que nela se escrever.

celso antunes

HOMENAGEM AOS MEUS QUERIDOS COLEGAS PROFESSORES PELO NOSSO DIA.
Profª Lourdes Duarte
Em nome das minhas filhas que são professoras competentes e dedicadas, quero homenagear todos os meus colegas de profissão de onde trabalho e de todo Brasil.
O Professor É parte integrante De nossas vitórias, Mas nem sempre recebe mérito justo.
Se parássemos pra pensar o quanto vale um professor daríamos bem mais valor á essa profissão de ensinar. Pois independente de seu salário procuram ensinar com muita dedicação ajudando pessoas a enxergar o mundo letrado com clareza decifrando letras, palavras frases e números...com esse seu trabalho diário e muitas vezes árduo. E não haveria nenhum doutor se no início de sua carreira não tivesse tido um professor.
Que bom que escolhi essa missão e dou graças a Deus que por minhas mãos foram plantadas muitas sementes e que hoje dão bons frutos. Doutores, engenheiros, professores, e tantas outras profissões são exercidas por ex alunos e para mim não tem recompensa maior.
Aos meus ex professores e aos colegas de profissão meus agradecimentos e PARABÉNS pelo nosso dia!

Prof Lourdes Duarte

* HOMENAGEM AO PROFESSOR*

PROFESSORES AMIGOS, DECIDIDOS, CAMARADAS,
COMPANHEIROS DE AVENTURAS, ENTRE SALAS SUFOCADAS.
QUANDO ESTAMOS UNIDOS, SOMOS FILHOS PROTEGIDOS
SOMOS NÓS BEBÊS PERDIDOS EM MATÉRIAS DIFICULTADAS
PRIMEIRO PORTUGUÊS, MATEM[ATICA, INGLÊS.
EM NOSSAS CABEÇAS CRIANÇAS
NÃO ENTENDE NEM UMA DAS TRÊS.
HISTÓRIA, GEOGRAFIA, MEU DEUS QUE CONFUSÃO.
ARTES, O.S.P.B.,É DEMAIS PRA O CORAÇÃO.
CIÊNCIA, GEOMETRIA, TODAS PRA NÓS ENROLA
AGORA NA HORA DA FÍSICA,GOSTAMOS É DE JOGAR BOLA.
MAS DE REPENTE, A GENTE, FAZ ALGUMA TRAVESSURA
QUANDO SENTE QUE AMARGURA, APARECE O DIRETOR,
E A GENTE SE SENTE INFANTIL, MAS TUDO É BRASIL
OBRIGADO ....*PROFESSOR***


CANÇÃO QUE FIZ PARA MINHA FILHA QUE PRECISAVA UMA NOTA MAIOR NO COLÉGIO, CLAUDIA CRISTINA, , DEU ME INSPIRAÇÃO. *MINHA FILHA.

COMPOSIÇÃO DE DIVANIL GARCIA.

divanilgarcia

Está Tudo Errado, Mas Eu Faço Direito - Homenagem aos Professores , Alunos e Operadores do Direito.

Gil Nunes

Hoje é o Dia do Professor


Homenagens na verdade,
o professor bem merece.
Jorrando criatividade
ele também se entristece.
É o drama do educador
onde a família se alheia.
Dando instruções e amor,
incentiva-o no que anseia:
A escola valorizada,
de fé e colaboradores,
o sucesso na empreitada,
por vencimentos melhores.
Resta ao mestre o brilhantismo,
o que o tem iluminado,
fazendo-o achar mecanismo,
equilíbrios desejados.
SALVE ESTE EDUCADOR!
Sua ação com maestria,
o espírito criador
resultando em harmonia.

Antonia Neusa de Oliveira (aneusapoesias)

São professores que ora se orgulham, quando são elogiados, homenageados, mas que destratam seus alunos quando impelem em suas mentes que ser professor não é bom.
Ser professor é mágico, é tão brilhante quanto ser pai, é tão fascinante quanto ser médico ou bombeiro este último sim, desvalorizado.

Douglas Melo

HOMENAGEM AO PROFESSOR:A ORIGEM DOS DIAMANTES

Professores são arautos. Portadores que se ocupam em levar mensagens diversas aos receptores que, ao fim, simbolizam a esperança que depositamos em novos e melhores tempos. Movidos por um altruísmo comum aos grandes personagens da História - que comumente mesclam em sua jornada um misto de idealismo e capacidade de realização -, nosso exército de mestres desbrava fronteiras e adentra aldeias indígenas, comunidades quilombolas, bairros movimentados das metrópoles. Seja nos cursos mais elementares de alfabetização, seja nas universidades mais renomadas do País, sempre há a figura desse lapidador. Desses homens e mulheres que, cuidadosamente, permitem que pedras brutas se transformem em jóias cujo brilho é capaz de iluminar o futuro. Hoje é Dia do Professor. Data que demanda reflexões sobre o que é realmente essencial no vaivém contínuo do processo ensino-aprendizagem. Momento de observar que, nas últimas décadas, o papel da escola foi ganhando novos contornos. Novas alterações provenientes de métodos educacionais mais modernos. Resultantes tanto da troca ininterrupta de experiências no setor quanto da consciência social em torno da importância da educação. Do ensino de excelência nesta que é a Era da Informação e do Conhecimento. São mudanças que ampliaram sobremaneira os horizontes. Renovações que tiveram início com passos importantes rumo à democratização da aquisição de conhecimento. Hoje, muitas escolas já estão informatizadas e, portanto, conectadas ao mundo. Exigência de uma época que requer habilidades e talentos cada vez mais diversos, como a fluência em mais de um idioma. É fato que o mercado de trabalho não tolera amadores. E também é fato que a cobrança sobre a capacidade dos aprendizes recai sobre o professor. Profissional de quem a sociedade exige aprimoramento ininterrupto. Por esse motivo, é importante que os educadores relembrem os modelos referenciais do ensino de qualidade muitas vezes empregado ao longo da História. É o caso do método utilizado por Aristóteles em seu desejo de formar uma geração de jovens éticos e, portanto, felizes. O liceu do estagirita era um espaço privilegiado em que a virtude e a busca pelo meio termo permeavam as discussões filosóficas entre o educador e seus jovens aprendizes. No mesmo diapasão, o filósofo Pedro Abelardo, nas escolas francesas, desafiava os estudantes a colocar em prática o potencial gigante, mas ainda adormecido, que habitava em cada um. Mais recentemente, temos o modelo de Dom Bosco, mestre dos salesianos. Verdadeiro professor que exaltava o amor como o único caminho para a educação verdadeiramente completa. Mário Quintana, em outra seara, poetizava: "E no dia em que tratardes um dragão por Joli, ele te seguirá por toda a parte como se fosse um cachorrinho". Por meio dessa metáfora tão bela quanto inusitada, o poeta nos ensina que é possível modificar para melhor os seres considerados mais amedrontadores. Para isso, basta que recebam carinho e atenção como tratamento. Em outros termos: se até um dragão pode ficar dócil, carinhoso, o que dizer de um aluno? Já Paulo Bonfim, outro artesão da palavra - considerado o príncipe dos poetas brasileiros - diz que a juventude precisa de um tema. Um tema que a torne protagonista. Um tema que a instigue a viver. É como na arte: uma vez sem bons temas, as peças ficam sem sentido, os textos empobrecem, as danças perdem a magia. Eis aqui nossa homenagem àqueles que são leais à missão de educar. Sábios que não servem a um partido ou a um governo, mas sim à causa nobre da educação. Servem a um sonho. Talvez o mesmo vivenciado por Aristóteles, Abelardo, Dom Bosco: o sonho de lapidar diamantes. Mestres que neste, e em todos os outros dias, acreditam que o esforço do trabalho será recompensado pela magnitude do resultado. Pela beleza rara da jóia que começa a tomar forma, sempre, em suas mãos.


Publicado nos jornais Jornal da Tarde Tarde, Diário do Grande ABC, A Tribuna, Correio Popular e Vale Paraibano

Gabriel Chalita

PROFESSOR(A)

[...]
Extintos não foram todos!
Restam poucos.
Ainda heroicos,
Ainda desbravadores.
Com raça rompem o silêncio,
superam as intempéries,
produzem matéria prima
de boa qualidade.
Rompem com o tradicional sistema,
subvertem-no.
Aprendem, ensinam, superam...
Adversidades.
Mestres sem pleito ou coroa,
ofício sem holofotes ou fama.
Glórias, injúrias, infâmias...
Perfeito contexto de infinitas possibilidades.
E vitórias e derrotas contínuas
no ato diário de moldar diamantes brutos
para o exercício da cidadania
no seio da sociedade.

J.W.Papa

Srº Doutor Professor


Extintos não foram todos!
Restam poucos.
Ainda heroicos,
Ainda desbravadores.

Com raça rompem o silêncio,
superam as intempéries,
produzem matéria prima
de boa qualidade.

Rompem com o tradicional sistema,
subvertem-no.
Aprendem, ensinam, superam...
Adversidades.

Mestres sem pleito ou coroa,
ofício sem holofotes ou fama.
Glórias, injúrias, infâmias...
Perfeito contexto de infinitas possibilidades.

E vitórias e derrotas contínuas
no ato diário de moldar diamantes brutos
para o exercício da cidadania
no seio da sociedade.

J.W.Papa

Ele é sujeito e o verbo de uma grande obra na busca do saber. Na matemática de vida, nos ensina a somar com os outros, multiplicar o conhecimento e mostrar que as vezes dividir também é uma ótima solução. Que é preciso misturar as fórmulas e combinar tudo.

Ser professor não é só dar aulas, mas ensinar a procurar respostas. É pelas mãos desse profissional é que se forma bons cidadãos, desenvolve uma cidade, um estado e um pais.

Uma homenagem aos todos profissionais de educação, em especial você, professor!

Célio Magrini