Dedicatorias para Jovens

Cerca de 549 dedicatorias para Jovens

Na juventude a maioria dos jovens se insubordina no contraditório de que os adultos não possuem outras formas de ajuizar entendimentos.

Erasmo Shallkytton

Os desígnios vinculados nas idéias dos jovens são os mesmos atribuídos aos adultos quando interpretados à base da ignorância.

Erasmo Shallkytton

Muitos jovens não conhecem que a web é a jaula impetuosa na sua formação quando desrespeitados as fronteiras. E, este se torna vicioso, insuportável e dominado, E a navegação poderá ancorar num oceano antecedendo o seu futuro na imaturidade.

Erasmo Shallkytton

Os adultos pouco dão importância às conversas dos jovens, entendem que os jovens no amanhã estarão aptos a absorver os ciclos da vida.

Erasmo Shallkytton

Que filosofia incutimos nos nossos jovens ou que educação eles recebem? Que futuro lhes esta reservado? Quando os deixamos caminhar às escuras, sem um propósito ou pré-projeto estabelecido, sem meta ou objetivo.

miguel westerberg

Jovens não tem mais fé,nem idealismo,nem posição política.
Adultos perdem o senso em busca da juventude fabricada.
Que pessoas discutam o assunto.
Que alguem acorde.
Que o mundo mude.
Que eu me acalme.
Que o amor sobreviva.

Raphinha

Os velhos sabem, querem mas não podem, os jovens podem querem mas não sabem.

Lenildo Silva

".... tenho, amigos bem jovens que eu, que na verdade os quero muito bem as vezes chamo até de meus filhos... mas uma coisa é certa "ESCUTEM OS MAIS VELHOS", pois estes ja viveram inúmeras situações cujas as quais vocês talvez nem chegaram a passar, uma pessoa de sucesso não é aquela que está rica ( financeiramente falando) pois para mim uma pessoa de sucesso é aquela que sabe sair de situações que nem mesmo você acredita que poderia sair.... ter respostas para todas indagações não quer dizer que você seja uma pessoa inteligente, ou seja muito pelo contrário isto é um refúgio para não ter mais preocupações com os conselhos recebidos....

Adriano Ferreira.

Adriano Ferreira

Os mais velhos reclamam que Nós os Jovens temos sempre pressa de tudo...Nós temos sempre Pressa para tudo pois já descobrimos atráves da experiência de vida deles que a Vida é Muito Curta

Eugenio Leandro Pascoal Salvador

Nós jovens só damos valor à nossos amigos de quê nossa própria mãe.

Fernanda Dinizz

O Brasil seria um País muito melhor se, ao invés de saber fazer o lê lê lê, nossos jovens soubessem LER

Guinna Mayhew

Muitos de nossos jovens têm sido consolidados pela “geração Eros”, pela era do amor lúbrico, lascivo. Estão “aprendendo” tudo sobre sexo na TV, nas revistas, na internet,...
Estamos vivendo uma era deplorável do estropício moral e ético familiar. Enaltecemos involuntariamente esse “deus” da promiscuidade devido essa lacuna que temos deixado.

Jackson da Mata

A dualidade nada mais é que dois jovens querendo se entender.

Clenir Terezinha Corá

Esses jovens de hoje estão arriscando demais. Qualquer 'rostinho bonito' provoca um tipo de sentimento. Vejo moças dizendo: ai, acho que to sentindo isso. Ah, mas ele é tão bonitinho...
Isso vai se tornando uma 'paixonite' sem nem sequer um período de oração. Levando tudo no próprio peito. Aí Deus vai permitindo certas situações... a diferença é que esses jovens se esquecem que o Deus vivo é um Deus justo. E suponhamos que isso se torne um namoro... um namoro totalmente frágil e sem nenhum alicerce. Logo, o namoro chega ao fim, e quem é o culpado? Deus! Se o namoro persiste e chega ao casamento, claramnte já abalado e sem nenhuma estrutura, sem um hábito de leitura biblica e oração. E então, se inicia mais um casamento conturbado. E advinha quem se torna o culpado? Deus!
Um Deus que oferece caminhos estreitos mas que levam a um lindo paraíso e nos permite crescer em graça, em sabedoria e em fé sai como culpado por uma atitude tomada por um ser humano totalmente falho e pecador. Antes de tomar qualquer atitude, ore! Não só uma vez, durante 5 minutos ou menos. A oração tem que ser constante, diária e de entrega.

"Alegre-se, jovem, na sua mocidade! Seja feliz o seu coração nos dias da sua juventude! Siga por onde seu coração mandar, até onde a sua vista alcançar; mas saiba que por todas essas coisas Deus o trará a julgamento." (Eclesiastes 11:9)

"Lembra-te também do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos em que dirás: Não tenho prazer neles;" ( Eclesiastes 12:1)

Clinton Ramachotte

É tão estranho
Os bons morrem jovens
Assim parece ser, quando me lembro de você
Que acabou indo embora, cedo demais
Quando eu lhe dizia, me apaixono todo dia
É sempre a pessoa errada
Você sorriu e disse: eu gosto de você também
Só que você foi embora cedo demais
Eu continuo aqui
Meu trabalho e meus amigos
E me lembro de você
Dias assim, dias de chuva, dia de sol
E o que sinto não sei dizer
Vai com os anjos, vai em paz
Era assim todo dia de tarde
A descoberta da amizade, até a próxima vez
É tão estranho
Os bons morrem antes
E lembro de você e de tanta gente que se foi cedo demais
E cedo demais,eu aprendi a ter tudo que sempre quis
Só não aprendi a perder
E eu que tive um começo feliz
Do resto não sei dizer
Lembro das tardes que passamos juntos
Não é sempre mas eu sei
Que você está bem agora
Só que neste ano eu sei que o verão acabou
Cedo demais.

anonimus (pesq)

Ouço os pobres e os ricos, os brancos e os negros, os roceiros e doutores, os jovens e os idosos, os macumbeiros e os cristãos: é importante ouvir, principalmente ajudar cada um para Deus.

Helgir Girodo

A Mídia e sua Corresponsabilidade na Sociedade.

A mente das crianças e dos jovens é uma página quase em branco, esperando para ser escrita. Por isso somos todos responsáveis pelo que estamos escrevendo nessas mentes. O que estamos escrevendo nas mentes de nossos jovens? O que podemos esperar enquanto resultado no futuro daquilo que estamos escrevendo?
A programação da mídia nacional como formadora de opinião, não está contribuindo como deveria na formação de identidade, na orientação da construção educacional, moral, ética e social das nossas crianças e dos Jovens.
Estamos sendo bombardeados por uma enxurrada de musicas de ritmos que se chamam “Sertanejo Universitário” e “Funk”? Há quem defenda que isso é cultura, e sendo uma “cultura”, que cultura é essa que incentiva, evidencia e fomenta a bebedeira, malandragem, promiscuidade e o desrespeito às nossas mulheres?
Muitas letras de musicas de Sertanejo Universitário incentivam a promiscuidade e a bebedeira. A sociedade paga e pagará caríssimo com as consequências e os efeitos do álcool. São muitos os prejuízos decorrentes das bebedeiras, tais como:
• Prejuízos no bolso de quem bebe, pois custa caro sustentar financeiramente uma festa regada a bebedeira, por outro lado enriquece cada vez mais, tornando cada vez mais poderosas as fabricantes dessas bebidas.
• Prejuízos na saúde de quem bebe, ocasionando morte prematura, e graves lesões fisiológicas e neurológicas nos acidentes envolvendo consumo de álcool, sem falar na dependência etílica.
• Prejuízos na moral de quem bebe, pois a pessoa fica desacreditada perante familiares, colegas de trabalho e no meio onde vive.
• Prejuízos na família de quem bebe, também na família dos outros por conta dos que bebem colocando em risco todos os que o cercam.
• Prejuízos no SUS e no Estado, que arca com os altos custos com o socorro das vitimas de acidentes de transito e o posterior tratamento de traumas, aumentando cada vez mais nossa carga tributária, e de carona, aumentando as apólices de seguros.
• Outro prejuízo importante é o social, visto que muitas famílias estão sendo destroçadas, em consequência do descontrole do álcool, filhos sendo abandonados, filhos sendo concebidos em estado etílico, vitimando toda uma coletividade com imensuráveis prejuízos humanos.
Outras musicas deste gênero dão ênfase à malandragem, ah essa malandragem!!! Prega-se que o ideal é ser malandro, esperto, sendo este um comportamento nada solidário, sem a menor partícula de fineza e sem gentileza alguma, que atropela e se sobrepõe invadindo os direitos do próximo, desrespeita e desconsidera a necessidade imediata e legitima do próximo, na medida em que os “espertos” sempre são beneficiados em detrimento de quem realmente cumpre seu papel com ética, zelo e responsabilidade aguardando sua vez.
Como será o retrato de muitos de nossos futuros governantes, políticos e servidores públicos, sendo orientados por esse formato na programação dos meios de comunicação? Um jovem que aprende e incorpora a malandragem como filosofia de vida não fica difícil prever o resultado enquanto pessoa, caráter e virtude. Que cidadão, que político, que servidor público e que empresário será este?
As letras de muitas musicas “Sertanejas Universitárias” e de “funks”, retratam com certa autenticidade a moral e uma mentalidade medíocre descompromissada que está sendo construída na mente nossos jovens e adolescentes. Muitas Jovens mulheres alienadas por essa programação da mídia e acabam se sujeitando, incapazes de perceber sua própria desvalorização.

As Mulheres estão sendo retratadas e solicitadas nestas letras, feito um mero “A-BUNDA-NTE” objeto descartável, insinuantes, sequer ou muito pouco mostram a face na Televisão, nas fotos e vídeos postados nas redes sociais e sites do gênero, portanto sem identidade nem origem, vemos apenas um corpo desprovido de emoção, coração, sentimento nem família, nenhum valor HUMANO, sem nenhum outro órgão a não ser DOTES GINECOLÓGICOS e HABILIDADES GENITAIS.

Sabemos que “mulher” não é apenas parte de um corpo, é muito mais que isso, nascemos de uma mulher, no mínimo deveríamos respeitar nossas mulheres enquanto filhas, sobrinhas, enteadas, mães, tias, avós, profissionais, enaltecendo mais os valores sociais e humanos.
Que tipo de pessoas e que sociedade esse modelo está produzindo?
Será que a evidente alta lucratividade justifica esse custo social? O que pretendem os meios de comunicação de massa promovendo com tanta evidencia e ênfase esse formato desprezível de programação? Qual é o compromisso da mídia com o futuro dos espectadores e suas famílias? Notadamente os meios de comunicação tem um colossal poder de formação de opinião, daí decorre sua grande responsabilidade.
Teria tantos outros questionamentos, advindos de minha preocupação com a atual conjuntura midiática que incentiva e fomenta entretenimento cuja apelação já está absurdamente, na minha visão, muito longe do que se pode ser considerada de bom gosto e boa moral, no discurso audiovisual.
Nossos jovens poderão pagar muito caro, no futuro, por tamanho descompromisso da mídia aberta que massifica tanto conteúdo pobre e insinuante na contramão da disciplina e da virtude, extirpando qualquer garantia de que haverá um alicerce sólido e seguro na construção de uma futura sociedade liberta, crítica e independente, capaz de analisar com um mínimo de fundamento e profundidade seu próprio tempo e espaço, ficando então a deriva e aos sabores do castelo de cartas marcadas, o que ocorre há tempos.
Não queremos aqui atribuir culpa total nos meios de comunicação em massa que tem grande poder de influência no comportamento das pessoas em franca formação como nossos jovens, estamos sim, questionando este modelo que está aí difundido, e se assim está, qual é o propósito?

Sergio Volmir Post

"Meus textos jamais se tornarão antigos ou ultrapassados, eles serão sempre jovens, não me lembro quando os fiz, não me atenho a datas."

João Vitor Rocha

"Se a vida fosse contada somente nos momentos felizes, morreriamos todos tão jovens"

Willyam Diaz

“Nascemos a partir das realizações de nossos pais. Tornamos jovens e começamos a criar projetos para a nossa realização, e depois, quais serão nossos próximos objetivos e projetos para viver esse outro futuro?” Latumia (W.J.F)

Latumia.