Declaração para Filha

Cerca de 950 frases e pensamentos: Declaração para Filha

Nao chores, filha. Pq o Leao da tribo de Judá, a raíz de Davi venceu. E pode abrir o livro e os selos. Ap 5:5. Praise God!

Belkis Braz

Ver minha filha grudar em minhas pernas diante de uma suposta ameaça faz-me sentir um porto seguro ancorando um coraçãozinho pulando...

Josyas

Sorriso entre o pai e a filha
Abraços entre amigos e irmãos
Paisagens de união no verão
Do mundo e seus encontros profundos...
Do beijo molhado, do abraço suado
Do olhar de uma mãe para um filho...
Do vento no rosto.
Da formatura esperada e venerada
Da corrida...
Da chegada de uma vida para esta vida...
Das esquinas
Da neblina
E até da partida, que pensa que terá outro encontro...
na verdade era só despedida.
Os momentos correm como o vento
E o tempo escorre por entre o vão da porta...
Mas tem uma máquina, a máquina do tempo que para qualquer
doce
amargo
lento
forte momento...
Fotografa, retratando o retrato da vida de todos...
Deixando transparecer até sentimentos...
Assim é a fotografia, como a poesia...
Eterna, eterna...

Camila Senna

Filha

No momento em que me veio,
pude sentir seu perfume em meus poros.
Pequenina e cheirosa em um embrulho delicado,
emocionado e atrapalhado me deixou.
Cresceu e floreceu,
seu perfume se espalhou, já não sou mas o único que te olha apaixonado.
Sou somente teu pai;
que te ama para sempre.
Nas frases rudes que digo
sinto dor,
que para mim é meu castigo.
Tenho medo e sofro calado,
que um dia me abandone,
pelo seu novo amado.
Sou feliz por ser pai dela,
que é meiga, singela e carinhosa.

José Alberto Ramalho

Filha, Vida.

Durante nove meses no ventre de tua mãe você ficou escondida,
Seus pulos, mexidas, mostravam que ali tinha vida.
No ultra-som se via um pontinho que piscava rapidamente;
Era seu pequeno coração que batia lindamente.

Quando você nasceu senti uma imensurável emoção.
Enrolada num pedaço de pano, segurei você em minhas mãos.
Seu rosto tão pequenino, meigo, sensível.
Meus olhos brilhavam, a felicidade era visível.

Os anos passam rapidamente, você cresce e a gente nem sente,
Você estuda, dança, canta, faz arte. É uma menina inteligente.
Tens força demasiada, que me surpreende e me encanta.
Nos dias difíceis, não desanimas. Sacode a poeira e levanta.

Tens um imenso futuro, mas não espere por ele para viver.
Seja sempre iluminada, amada, amiga e as dificuldades vais vencer.
Quando precisar estarei por perto, mesmo estando afastado.
Nas tuas conquistas e soluços quero estar sempre ao teu lado

Nivaldo Joaquim

Quando eu estiver velha e minha filha me perguntar quem foi meu primeiro amor, eu não quero pegar meu álbum de fotos antigas. Eu quero ser capaz de apontar para o outro lado da sala e dizer: ele está sentado bem ali.

Desconhecido

Antes e acima de tudo, sou filha de Deus, capturada, adotada e consciente de que essa foi a escolha mais importante da minha vida. Também não abro mão deste posto por nada nem ninguém. Sou alguém que tem compreendido o quanto Deus me ama e o que Ele fez pra demonstrar isso, mas estou longe de alcançar a “estatura completa”. Sou feliz, muito mais do que sou triste, e a valorização da minha felicidade é totalmente dependente e inversa às tristezas que passam pela minha vida. Já andei pelo deserto (lugar de treinamento), mas também já descansei no Senhor (lugar de paz e tranqüilidade). Já me machuquei pela vida. Já machuquei outras vidas. Mas também curei e fui curada. Já me senti sozinha quando rodeada de amigos. Já esqueci e fui esquecida. Errei e erro tentando acertar, nunca premeditando o mal. Chorei e fiz chorar. Me humilhei e fui humilhada. Mas nada disso me diminuiu. Sou calada e discreta, à primeira vista. Extrovertida, à segunda vista. Meu sorriso é fácil. Não preciso de muitos esforços para me comunicar e a simpatia não me custa caro (não me custa nada). Tenho muitos sonhos e já realizei vários. Mas também já me frustrei com alguns e desisti de outros tantos. Mas os sonhos sempre se renovam, amadurecem, se engrandecem e os lugares e personagens mudam, mas o protagonista e alvo continuam os mesmos. Já dividi meus sonhos. Já sonhei sonhos alheios. Mas guardo comigo sonhos que não podem nem nunca foram contados, mas que por mim, são perseguidos há muito tempo. Vivo meu presente às vezes no passado, às vezes no futuro. Não consigo usufruir totalmente do “agora”, mas sei que as curvas e desvios de meu passado se devem a momentos que agi sem pensar. Sou calculista. Mas nem por isso atraso minha vida ou perco meu tempo, apenas uso ele da melhor forma possível, sabendo sempre que não posso agir conforme quero ou sinto, pois estou rodeada de pessoas que me amam, me cuidam, e outras que nem tanto. Por isso, minhas atitudes pensadas são todas em homenagem àqueles que estimo, e nunca em detrimento dos que me fazem mal. Acredito que todos os erros são dignos de perdão, e o meu tem esse alcance. Mas sei (e saiba) que as conseqüências de um erro são inevitáveis. Já me arrependi, tanto de ter errado na situação certa, como de ter acertado no momento errado. Já errei pela falta e pelo excesso. Sou ponderada e totalmente flexível, e busco mudança assim que vejo um motivo ou justificativa que realmente valham à pena. Mas meu maior motivo de viver é saber que, a cada manhã, tenho uma nova oportunidade de construir minha vida, e posso prolongar a felicidade ou interromper o sofrimento do dia anterior. Quem me permite isso?! O meu Pai do céu, em quem confio, mesmo que, às vezes, com a fé abalada, mas que está sempre perto e presente na minha vida. Todos os dias Ele me diz que “está comigo e que o melhor ainda virá”. Tudo o que sou devo a Ele. Tudo o que preciso ser, dependo Dele!!!
Sei que Deus não me criou para que me sentisse derrotada pelos problemas que a vida me apresenta. Deus não me criou para o desânimo que insistente bate à porta de meu coração, sempre que alguma coisa não dá certo. Ele não quer ver esta ruga que aparece em meu rosto, refletido no espelho, sinal de toda a preocupação que ocupa minha mente. Ele sabe que se hoje as coisas não me parecem bem, amanhã, à luz de um novo dia, elas me parecerão menos graves, do que o impacto que me causaram. Ele sabe, que não obstante, à pequenez de minha fé, sinto que posso contar com a Sua proteção. Sabe que tenho a certeza absoluta de que não colocará em meus ombros peso maior do que eu possa suportar. Sabe que entendo que essas experiências desagradáveis pelas quais passo em minha vida, servirão apenas para evoluir e fortalecer meu espírito e enriquecer meus conhecimentos. E é por tudo isso, que não devo esmorecer, não devo dar ao meu inimigo, seja ele quem for, físico, moral ou espiritual, o gosto da vitória sobre mim. Deus me criou para ser amada, principalmente por mim mesma! DEUS ME CRIOU PARA VENCER... SEMPRE!

Edna Goetten

" Com Você Sinto Vontade De Grita "Eu Sou Feliz" essa e a mina que eu sempre quis, ela e a vida que eu sempre quis viver e ser feliz , com ela me sinto assim rimando até o fim." dedicada pra você Sabryna Fernandes que eu amo até depois do fim

Declaração de amor

" pra nos não tem limite não tem fim , só tem início e o comeso agente não vive de falsidade agente , vive de realidade viva a nossa liberdade , que nos trás felicidade , agente combina de noite e dia minha querida eu te amo todo dia, sem mentira agente vive de alegria." dedicada ao meu amor ''Sabryna Fernandes"

Declaração de amor

" chama o amor pra nos a campanhar nessa jornada de amor que agente vai realizar , sem dor por que nos se amamos e não pensamos em dor, agente se beija com amor até quem ver sabe que isso e verdadeiro amor, sem caor isso e puro amor { eu e você } te amo meu bebé ." dedicada ao meu amor #Sabryna Fernandes#

Declaração de amor

" eu sozinho com os meus pés em terra firme , mais com ela em outra dimensão, vivendo bem sem medo de ninguém, por ela faço rimas com coração rindo até o além, por ela sinto amor e carinho sem medo de demonstra oque sinto.'' Dedicada pro meu amor #Sabryna Fernandes#

Declaração de amor

Eu posso ser mais um
Mais um vencedor
Ou mais um perdedor
Mais um sábio
Ou mais um ignorante
Mais um bonito
Ou mais um feio
Pouco importa...
Eu não quero ser mais um
Para mim basta ser uma metade
Formando junto a ti, meu amor
Uma única identidade.

Ernesto Martins Faria

PAIXÃO

Quando pouso meu olhar
Sobre ti
Contemplo a mais linda imagem
Que já vi
Quando ouço a voz
Que vem de ti
Penso que um anjo ouviu
Quando meus braços
Abraçam a ti
Sinto as melhores sensações
Que já senti
Quando meus lábios
Encontram-se com os de ti
Já não consigo descrever
O que vi, ouvi ou senti,...

MANOEL A. DE ALMEIDA ( Copyright 2010 - Direitos Autorais Biblioteca Nacional - Rio de Janeiro, RJ)

- É verdade!
- O que? - ela me perguntou sorrindo.
Nossa, como o sorriso dela era lindo! E eu disse:
- Quer dizer, talvez mentira. - disse, meio que fechando os olhos, fazendo um charminho para ela.
E ela perguntou:
- Do que você está falando?
E eu disse:
- Se a Patrícia em algum momento chegou para você e disse que eu gostava de você... - parei e respirei fundo. - É mentira, eu não só gosto de você, eu sou louco por você!
E eu estava gaguejando para boné! E eu continuei:
- Você é linda demais!
E ela disse:
- Por que demorou tanto?
Ela abriu um imenso sorriso! Era um sonho! Era como se eu quisesse cantar a música do U2: “Beautiful Day...” E eu lembro como se fosse ontem, eu fiz o movimento para a beijar e ela me disse:
- Você pensa que é assim é? Por que eu deveria te beijar?
Eu quase cantei para ela a música da Marisa Monte: “Beija eu, beija eu me beija”... Estou brincando! Acho que ficaria mais meigo se tocasse Kiss Me (música da banda Sixpence None The Richer). Mas eu respondi:
- Por que? Por que ninguém sente por você o que eu sinto!
E ela respondeu:
- O que você sente por mim?
- Eu sinto que um sorriso pode mover montanhas, eu sinto que vale a pena gaguejar se for para olhar o seu rosto... Eu sinto carinho pela sua doçura, eu sinto arrepios com a sua proximidade, eu...
Até que ela me beijou!



Trecho do capítulo 4 do rascunho do livro Garotos Também Amam(http://www.4shared.com/file/118982513/7748a38/Garotos_Tambm_Amam_preview__at_o_cap_8_.html). Max narrando para Carlos o diálogo que teve com Flávia antes do primeiro beijo deles.

Adicionado em 21/07/2009 por Ernesto Martins Faria (ernestomf@ibmecsp.edu.br)

Ernesto Martins Faria

O nosso amor começou de um jeito inesperado, você me conquistou e ganhou meu coração. Hoje só ficaram as lembranças de um amor bonito, que está vivo e que só espera por uma ajuda do destino, para mais uma vez estarmos juntos como um só. Te amo.

Nathy Rangel

EU PEDI A DEUS QUE ME ENVIASSE UM ANJO, E ELE, COM SEU CAPRICHO, ENVIOU-ME VOCÊ.ESQUECI QUE ANJOS SÃO INTOCÁVEIS, MAS MESMO LONGE DOS OLHOS TE TRAGO NO CORAÇÃO.

DIVINA RIBEIRO ( DIVINA DAS DORES R. DA SILVA - 27082013)

"Foi muito positivo trazer minha Mãe de volta pra casa".Maria Rita-Elis Regina-Mulher-Mãe-Educadora-Artista Obra prima do Brasil.Programa Roberto D'Avila GloboNews.

Bindes, Fá - filha

SONHANDO

Na praia deserta que a lua branqueia
Que mimo! Que rosa, que filha de Deus!
Tão pálida - ao vê-la meu ser devaneia,
Sufoco nos lábios os hálitos meus!
Não corras na areia,
Não corras assim!
Donzela, onde vais?
Tem pena de mim!

A praia é tão longe! E a onda bravia
As roupas de goza te molha de escuma
De noite - aos serenos - a areia é tão fria,
Tão úmido o vento que os ares perfuma!
És tão doentia!
Não corras assim!
Donzela, onde vais?
Tem pena de mim!

A brisa teus negros cabelos soltou,
O orvalho da face te esfria o suor;
Teus seios palpitam - a brisa os roçou,
Beijou-os, suspira, desmaia de amor!
Teu pé tropeçou...
Não corras assim!
Donzela, onde vais?
Tem pena de mim!

E o pálido mimo da minha paixão
Num longo soluço tremeu e parou,
Sentou-se na praia, sozinha no chão,
A mão regelada no colo pousou!
Que tens, coração?
Que tremes assim?
Cansaste, donzela?
Tem pena de mim!

Deitou-se na areia que a vaga molhou.
Imóvel e branca na praia dormia;
Mas nem os seus olhos o sono fechou
E nem o seu colo de neve tremia...
O seio gelou?...
Não durmas assim!
Ó pálida fria,
Tem pena de mim!

Dormia: — na fronte que níveo suar...
Que mão regelada no lânguido peito...
Não era mais alvo seu leito do mar,
Não era mais frio seu gélido leito!
Nem um ressonar...
Não durmas assim...
Ó pálida fria,
Tem pena de mim!

Aqui no meu peito vem antes sonhar
Nos longos suspiros do meu coração:
Eu quero em meus lábios teu seio aquentar,
Teu colo, essas faces, e a gélida mão...
Não durmas no mar!
Não durmas assim.
Estátua sem vida,
Tem pena de mim!

E a vaga crescia seu corpo banhando,
As cândidas formas movendo de leve!
E eu vi-a suave nas águas boiando
Com soltos cabelos nas roupas de neve!
Nas vagas sonhando
Não durmas assim...
Donzela, onde vais?
Tem pena de mim!

E a imagem da virgem nas águas do mar
Brilhava tão branca no límpido véu...
Nem mais transparente luzia o luar
No ambiente sem nuvens da noite do céu!
Nas águas do mar
Não durmas assim...
Não morras, donzela,
Espera por mim!

Álvares de Azevedo

Um nada
Um tudo
Um papel e uma caneta
O meu futuro

Mas o tudo vira nada
E o nada continua sendo o nada
O papel continua em branco
A caneta continua largada
O meu futuro continua enevoado
Como se fosse ilusão
Como se a linha do sonho não chegasse até a realidade

Você, eu peço
Troque a minha linha por um elástico

A Filha de Shakespeare