Declaração para Filha

Cerca de 809 frases e pensamentos: Declaração para Filha

Quando eu tiver uma filha, vou ensinar a ela que príncipes encantados existem sim, mas não como nos livros e contos de fadas.
O verdadeiro príncipe encantado, na maioria das vezes, não tem um cavalo ou até mesmo um carro, mas isso não importa, ele vai até a sua casa a pé, só pra ver você. O príncipe encantado não precisa ter as melhores roupas ou roupas de gala pra ser um príncipe. Ele tem que tratar uma garota bem, com respeito, sem magoá-la. Vou ensinar a minha filha, que o príncipe deve ser gentil e tratá-la com carinho. Que o verdadeiro príncipe é fiel, não trai, não machuca o coração da princesa. Direi a ela, porém, que encontrar um príncipe é muito difícil, não irei iludi-la, como fizeram comigo.
E se ela perguntar se já conheci um príncipe, terei a felicidade de dizer que sim, e que ela pode ter orgulho em chamar o meu príncipe de PAI.

Amor nao se escolhe...acontece

Eu Só Digo Uma Coisa,Papai Noel Velho Filha Da Puta Capitalista

Léo Raposa

Filha, Vida.

Durante nove meses no ventre de tua mãe você ficou escondida,
Seus pulos, mexidas, mostravam que ali tinha vida.
No ultra-som se via um pontinho que piscava rapidamente;
Era seu pequeno coração que batia lindamente.

Quando você nasceu senti uma imensurável emoção.
Enrolada num pedaço de pano, segurei você em minhas mãos.
Seu rosto tão pequenino, meigo, sensível.
Meus olhos brilhavam, a felicidade era visível.

Os anos passam rapidamente, você cresce e a gente nem sente,
Você estuda, dança, canta, faz arte. É uma menina inteligente.
Tens força demasiada, que me surpreende e me encanta.
Nos dias difíceis, não desanimas. Sacode a poeira e levanta.

Tens um imenso futuro, mas não espere por ele para viver.
Seja sempre iluminada, amada, amiga e as dificuldades vais vencer.
Quando precisar estarei por perto, mesmo estando afastado.
Nas tuas conquistas e soluços quero estar sempre ao teu lado

Nivaldo Joaquim

Hoje não sou só esposa ou filha
Sou pai, mãe, arrimo de família
Sou caminhoneira, taxista,
Piloto de avião, policial feminina,
Operária em construção...
Ao mundo peço licença
Para atuar onde quiser
Meu sobrenome é COMPETÊNCIA
E meu nome é MULHER!!!!

Débora Pacheco Pereira

Sorriso entre o pai e a filha
Abraços entre amigos e irmãos
Paisagens de união no verão
Do mundo e seus encontros profundos...
Do beijo molhado, do abraço suado
Do olhar de uma mãe para um filho...
Do vento no rosto.
Da formatura esperada e venerada
Da corrida...
Da chegada de uma vida para esta vida...
Das esquinas
Da neblina
E até da partida, que pensa que terá outro encontro...
na verdade era só despedida.
Os momentos correm como o vento
E o tempo escorre por entre o vão da porta...
Mas tem uma máquina, a máquina do tempo que para qualquer
doce
amargo
lento
forte momento...
Fotografa, retratando o retrato da vida de todos...
Deixando transparecer até sentimentos...
Assim é a fotografia, como a poesia...
Eterna, eterna...

Camila Senna

Sou uma filha da puta orgulhosa que não sabe pedir colo, quero que adivinhem.
Luto contra um ego chato, que muitas vezes me passa a perna. Tem dias que me acho o máximo, em outros me acho um lixo.
Mas sei que mulheres são assim.

Erika Antonelli

Cabelos do Sol,
Filha de Apolo,
Uma Semi-Deusa,
Mulher Encantadora e Charmosa.

Nathan Eduardo Costa

AS BRUXAS
Ninguém nunca perguntou a versão delas: Por que tanta maldade minha filha? E esses olhos grandes de inveja? Usando preto num calor desses? Compra um carro quatro portas é bem mais confortável que essa vassoura tão dura? Sabia que seu plano de saúde cobre a retirada dessas verruguinhas? Me empresta teu livro mágico de receitas...Tô precisando aprender a prender um homem! Ah, desencana desse príncipe ele não tá com nada? Essa tal Branca de neve nem é tão bonita assim mesmo?
Simplesmente, na nossa infância, época em que acreditamos em tudo e quase não questionamos ... Quando líamos ou ouvíamos as história de contos de fadas ou também conhecidas como histórias da carochinha . Já que a realidade é beeeemm diferente e pena a gente só descobre isso quando chega aos 30 mais ou menos.. Ou não! Nos apresentaram a figura da bruxa como uma mulher feia, má, ressentida da beleza delicada das mocinhas , desesperadas já que os príncipes jamais casariam com mulheres fora do padrão de beleza imposto na época, diga –se de passagem ainda é assim em todas as épocas.
Mas a bruxa moderna anda meio disfarçada. Ela pode vir como sua chefe, sua mãe, sua SOGRA ( essa é consenso quase que universal), sua vizinha fofoqueira, aquela ex – amiga galinha ( termo da década de 80, substituído atualmente por “piriguete”) que roubou seu namorado , sua professora que faz as provas mais difíceis de responder...Só para quem tem um olhar bem apurado consegue descobrir versões mais elaboradas as quais elas tomaram forma: Seu marido pão – duro, seu namorado ciumento, seu chefe, aquele vendedor desgraçado que te influenciou a comprar aquela bolsa caríssima que logo depois entrou na promoção pela metade do preço...!
Mas como seria a humanidade sem o lado RUIM de qualquer história? Que graça teria se o feliz para sempre fosse do começo ao fim da narrativa? Se a princesa de pele alva não tivesse uma celulitezinha sequer nem soubesse o que é TPM? Se ninguém soubesse onde mora a magia. E como combinar os elementos cetos que deixaria qualquer um dormindo por anos para depois ser acordada com um beijo? Quem instauraria as diferenças entre o bonito e o feio?
As bruxas sempre foram minhas preferidas. Assim como nós mulheres do século XXI, tiveram que conquistar seu lugar no mercado de trabalho, arranjar um parceiro mesmo não sendo a mais linda do baile , ter jornada tripla de trabalho... Mas o que me diverte mesmo nelas é o sexto sentido apuradíssimo e a capacidade de enfeitiçar...
Sem elas não teríamos também sentimentos que escondemos por pura convenção social. Claro que você percebe aquele olhar de cima a baixo de uma fulana que vive te tratando por “amiga”. Nem desejaria estar no lugar daquela sorridente garota que exibe a foto do namorado lindo no pescoço, nem esboçaria o sorriso amarelo quando viu no Orkut as fotos da viagem à Paris de sua chefe enquanto você não tem dinheiro nem para conhecer um museu em São Paulo...
As bruxas são seres enigmáticos por natureza. Mulheres poderosas. Há quem diga que já conquistaram até mesmo a presidência de países emergentes, vivem trocando de marido, compram carro do ano, sabem muito sobre sexo, são super inteligentes, procriam passando seus dons de geração a geração. Já são até mesmo maioria em muitos lugares Vestem – se super bem e retocaram o nariz com a equipe do Pitanguy. Cuidado conosco...Ops, acho que falei demais!

Maria Carolina Oliveira

Filha, vai ter bebida?
- Não mãe, não vai!
Tem certeza?
- ABSOLUT mãe, fica TEQUILA, VODKARRO!
Com quem?
- Com o JOSÉ, o JHONNIE e o JACK!

Vanessa Pimentel

" Com Você Sinto Vontade De Grita "Eu Sou Feliz" essa e a mina que eu sempre quis, ela e a vida que eu sempre quis viver e ser feliz , com ela me sinto assim rimando até o fim." dedicada pra você Sabryna Fernandes que eu amo até depois do fim

Declaração de amor

" pra nos não tem limite não tem fim , só tem início e o comeso agente não vive de falsidade agente , vive de realidade viva a nossa liberdade , que nos trás felicidade , agente combina de noite e dia minha querida eu te amo todo dia, sem mentira agente vive de alegria." dedicada ao meu amor ''Sabryna Fernandes"

Declaração de amor

" chama o amor pra nos a campanhar nessa jornada de amor que agente vai realizar , sem dor por que nos se amamos e não pensamos em dor, agente se beija com amor até quem ver sabe que isso e verdadeiro amor, sem caor isso e puro amor { eu e você } te amo meu bebé ." dedicada ao meu amor #Sabryna Fernandes#

Declaração de amor

" eu sozinho com os meus pés em terra firme , mais com ela em outra dimensão, vivendo bem sem medo de ninguém, por ela faço rimas com coração rindo até o além, por ela sinto amor e carinho sem medo de demonstra oque sinto.'' Dedicada pro meu amor #Sabryna Fernandes#

Declaração de amor

Ela é o meu cabelo curto, o esmalte descascado na minha unha, as olheiras no meu rosto.
Ela é o brinquedo espalhado pela sala, é o melado no controle remoto,
Ela é o farelo no sofá, as tesouras e quadros no alto.
Ela é a marca de mão nos móveis, o embaçado nos vidros.
Ela é o ventilador desligado,
a porta do banheiro fechada, a gaveta da cômoda aberta.
Ela é as frutas fora da fruteira, os plasticos amarrando os armários.
Ela é o valor do trabalho, a vontade de aprender, a minha força, a minha fraqueza, a minha riqueza.
Ela é o aperto no meu peito diante de uma escada, é o cheirinho no meu travesseiro.
Ela é o vazio triste no silêncio de dormir,
o meu sono leve durante a noite.
Ela é o meu ouvido aguçado enquanto durmo.
Ela é o arrepio quando me chama, a paz quando me abraça, a emoção quando me olha.
Ela é meu cuidado, a minha fé, o meu interesse pela vida, a minha admiração pelas crianças, o meu amor por Deus.
É o meu ontem, o meu hoje,
o meu amanhã.
Ela é a vontade, a inspiração, a lição, o dever.
Ela é a presença, a surpresa
a esperança.
A minha dedicação.
A minha oração.
A minha gratidão.
O meu amor mais puro e bonito.
Enfim a minha vida...amo vc filha!

a minha filha

A Morte é a unica certeza do fim ...

Filha da Luz

O teu olhar tão puro
Me leva todos os dias
A um lugar do amor
Que eu não sabia que existia
Na espera
Viajando no teu universo
Encontro a pureza
Querendo ver o teu sorriso
Sorriso quando se abre
Me derrete
Abre uma porta
E por essa porta
Eu entro, demoro, habito.

Ben-Hur

Os magistrados criaram 30 artigos Declaração Universal dos Direitos Humanos, porem eu vos que as gerações futuras só vão ter o ARTIGO 1.º em conta e digo basta:

ARTIGO 1.º - Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para com os outros em espírito de fraternidade.

Os de mais artigos são uma hipocrisia, já que ninguém compre.

Miguel Westerberg - Declaração Universal dos Direitos Humanos

Declaração de Amor



Tentei dizer quanto te amava, aquela vez,
baixinho mas havia um grande berreiro,
um enorme burburinho e, pensado bem,
o berçário não era o melhor lugar.
Você de fraldas, uma graça, e eu pelado lado a lado,
cada um recém-chegado você em saber ouvir,
eu sem saber falar.
Tentei de novo, lembro bem, na escola.
Um PS no bilhete pedindo cola interceptado
pela professora como um gavião.
Fui parar na sala da diretora e depois na rua
enquanto você, compreensivelmente, ficou na sua.
A vida é curta, longa é a paixão.
Numa festinha, ah, nossas festinhas, disse tudo:
"Eu te adoro, te venero, na tua frente fico mudo"
E você não disse nada. E você não disse nada.
Só mais tarde, de ressaca, atinei.
Cheio de amor e Cuba,
me enganei e disse tudo para uma almofada.
Gravei, em vinte árvores, quarenta corações.
O teu nome, o meu, flechas e palpitações:
No mal-me-quer, bem-me-quer, dizimei jardins.
Resultado: sou persona pouco grata corrido a gritos de
"Mata! Mata!" por conservacionistas, ecólogos e afins.
Recorri, em desespero, ao gesto obsoleto:
"Se não me segurarem faço um soneto"
E não é que fiz, e até com boas rimas?
Você não leu, e nem sequer ficou sabendo.
Continuo inédito e por teu amor sofrendo.
Mas fui premiado num concurso em Minas.
Comecei a escrever com pincel e piche num muro branco,
o asseio que se lixe, todo o meu amor para a tua ciência.
Fui preso, aos socos, e fichado.
Dias e mais dias interrogado:
era PC < PC do B ou alguma dissidência?
Te escrevi com lágrimas , sangue, suor e mel
(você devia ver o estado do papel)
uma carta longa, linda e passional.
De resposta nem uma cartinha
nem um cartão, nem uma linha!
Vá se confiar no Correio Nacional.
Com uma serenata, sim, uma serenata
como nos tempos da Cabocla Ingrata me declararia,
respeitando a métrica.
Ardor, tenor, a calçada enluarada...
havia tudo sob a tua sacada
menos tomada pra guitarra elétrica.
Decidi, então, botar a maior banca no
céu escrever com fumaça branca:
"Te amo, assinado.." e meu nome bem legível.
Já tinha avião, coragem, brevê tudo para
impressionar você mas veio a crise, faltou o combustível.
Ontem você me emprestou seu ouvido e na discoteca,
em meio do alarido, despejei meu coração.
Falei da devoção ha anos entalada e você disse
Disse "eu não escuto nada".
Curta é a vida, longa é a paixão.
Na velhice, num asilo, lado a lado em meio a um silêncio
abençoado direi o que sinto, meu bem.
O meu único medo é que então empinando a orelha com a
mão você me responda só: "Heim?"

Patrícia Alves

Declaração de amor.

Você me olha com seu olhar enigmático
Fico sem reação.
Me perco toda vez que te vejo.
O meu coração fica desesperado ao sentir sua ausência.
Com desorientação te procuro,
Porem não te encontro.
Com carência choro,
Por você imploro.
O meu ser lamenta não lhe ter.
Sinto dizer que sem querer em você eu penso,
Te sinto e te desejo.
Esperando que venhas entender o que nesse poema quero dizer.
Te amo mas estou tentando te esquecer.
Só isso queria pessoalmente te dizer,
Sem coragem venho por meio deste a fazer.
Te amo não se esqueça!

Jhennifer Karoline May