De Sobrinho para Tia

Cerca de 160 frases e pensamentos: De Sobrinho para Tia

Descuida-te, e te perderás em tí..a vida te precisa atenta!!

Fatima Mileo

bom to aqui pra falar o que aconteceu agora
eu tava na rua e de repente começa a briga de tia e sobrinho
são crianças pequenas começa um a xingar o outro
dai o menino joga um monte de areia só que não bate nela só bate em mim no meu tio e no meu vizinho dia ele só fala "POXA" ai ele tira toda areia do corpo
o menino vai joga areia nele de novo
ele se arreta e jogar a areia pra cima dai a areia cai em cima do menino que jogou primeiro ele sai chorando e vai dizer ao pai dele que o menino bateu xingou e jogou areia no olho dele dai o pai do menino vem gritando com o menino
uma criança ele não é de falar palavrão nem de ta xingando as pessoas o pai do menino tome a esculhambar o menino fica calado sem dizer nada quase chorando o pai do menino fala "VOCÊ É MUITO GRANDE PRA TA JOGANDO AREIA NELE JÁ PENSO SE TIVE-SE VIDRO E TIVE-SE SEGADO O OLHO DELE QUEM IA PERDER A VISÃO ERA ELE EU VOU FALAR COM SEU VIU QUE VOCÊ NUM TEM DIREITO DE TA FAZENDO ISSO COM O MENINO NÃO VOCÊ JÁ É CRESCIDINHO PRA TA FAZENDO ISSO COM O MENINO"
eu olho pra ele e digo "SEU FILHO É GRANDE PRA BATER E FAZER AS COISAS COM OS OUTROS MAIS QUANDO VAI FAZER COM ELE ,ELE É PEQUENO NÉ AGORA VEJA JÁ PENSOU DE TIVE-SE VIDRO NA AREIA E CORTA-SE O MENINO? VOCÊ SÓ PENSA NO SEU FILHO VOCÊ NUM SABE NADA DO ACONTECEU POR ISSO VÁ FALAR NESSE TOM COM A MÃE DELE DO MESMO JEITO QUE SEU FILHO TEM PAI E MÃE ELE TAMBÉM TEM ELE NÃO É CÃO SEM DONO NÃO PRA VOCÊ TA GRITANDO DESSE JEITO NÃO " o pai do menino vai embora e fica lá na dele queto a prima do menino passa e diz coisa com ele também e o pai dele vai dizer que o errado é o menino mais velho

o errado é seu filho que meu primo tava queto no canto dele e seu filho vem e faz isso com o menino é claro que ele vai devolver na mesma moeda

"QUEM É O ERRADO DA HISTORIA GENTE ESCREVE COMO COMENTARIO

Anonimo 12

Minha tia Iris tem um hábito que só há pouco tempo descobri. Todo dia pela manha ela vai até o quintal da nossa casa e sobre um tronco de um velho pé de jambo ela coloca restos de comida ou pão para os bem-te-vis que costumam visitar nosso quintal. Mas como nesses dias ela tem sentido muitas dores e não está andando direito, no sábado pela manha, acordei cedo para fazer o café e ouvi alguns passarinhos na porta da nossa cozinha gritando ...Eu, fazendo o café, nem dei muita atenção, mas, ela lá da sala falou: Já vou !! E veio andando no seu passinho lento, e eles ficaram ali olhando, até ela aparecer e colocar a comida naquele lugar combinado.
E nesta cena comum do nosso dia-a-dia eu pude enxergar lealdade,liberdade, respeito, cumplicidade, carinho, cuidado.
Acredito que liberdade não é agir desta ou daquela forma, é como nossa amiga Cecília Meireles diz, "é uma palavra que o sonho humano alimenta, não há ninguém que a explique e ninguém que não a entenda".
Acho que estamos precisando mesmo ouvir os bem-te.vis e aprender que mesmo livres precisamos do outro, e que liberdade é a possibilidade que temos, mesmo depois de se desapegar de tudo e sermos dono de nós mesmos, escolher sempre seguir pelo caminho do bem !!

Mara Simone da Silva

Minha mãe
"Filho manda uma mensagem no face pra tua tia por mim."
- Tudo bem mãe depois eu mando.

- 5 min depois
"Filho já mandou a mensagem pra tua tia?"
- Mãe vou entrar na internet agora.

- 10 min depois
"Filho já almoçou?"
- Já sim mãe
"E a mensagem pra tua tia, já mandou?"
...

- Mães sempre com o costume de perguntar a mesma coisa 1001 vezes no mesmo dia.

Mas vale a pena obedecer porque um dia elas vão
partir mas poderemos dizer que fomos bons filhos.
Te amo mãe!

Josieool Souza

Versos de amor denotam meus sentimentos, afogam meu peito,
Nessa força que vem de ti.a caricia meu coração . . .Me Trazendo paz!!

Hoje,delicio em seus doces versos de amor,e assim, perdura toda essa forte expressão de amar . . .

Invade nossos corações amados, e entregam-se a
esse amor,que já faz parte de nós . . .

São versos, são mimos, lindas palavras, cartas de amor, ditas em poemas, . . .
Te agradeço por me amar assim . . .

Amo seus versos!Amo você . . .

A vida só é vida .quαndo é vividα por duαs vidαs em umα só vidα.

Diogo Oliveira

Dia 24/01/2010
Ontem minha noite foi perfeito eu minha tia minha irma dani e tuco ai a gente foi a festa chegamos la 00;00 hras ai chegando la não tinha muitas pessoas ,mais tinha um garoto muito gato ele fikava me olhando e eu olha para ele ai fikamos quase a festa toda assim ele me olhando e eu olhava para ele ,hummm ele e muito gatinho ele e moreno alto forte humm uma delicia ,ai quase no finalzinho da festa ele parou do outro lado da pista e eue esta no outro ai ele fikava me olhando e eu olhava ele ai depois minha tia chegou nele e perguntou se ele queria me conheçer ,ai ele falou que queria sim me conheçer ,ai quando minha tia estava chegando perto de mim com o menino ,eu acho que fikei vermelha ,ai minha tia foi e falo com assim’’essa daki e minha sobrinha ‘’ ai a gente fiko conversando ai eu beijei ele fikamos mo tempao depois ai depois a gente paro fiko conversando ,depois a gente de conversa e ele me beijo ,ai minha tia me cutuco pq tinha um carro igual do meu pai la fora ai ela me aviso ,ai eu fui e falei com ele assim’’aki minha tia esta achando que e meu pai ali fora entao daki a pouko a gente encontra ‘’ ai ta eu fui e fikei sentada conversando com minha irma ai passo um tempo ai a gente foi ve que não era meu pai que era um cara que tava de olho na minha irma ,ai eu tava mo distraida conversando com minha irma contando ele o que eu e ele estava conversando aia derepente minha irma levantou a sambrancelha fazendo sinal para mim olhar pra traz,ai quando eu olhei para traz ele estava sentado na cadeira que estava do meu lado,ai ele começo a conversa comigo ai ele foi e começo a acariciar o meu rosto começo a beijar minha bochecha ,ai nisso minha irma me chamo pra ir la pra fora pq o carinha que queria pegar, ele chamo ela pra conversar com elaa ,ai foi eu o todinho e minha irma , ai minha irma fiko conversando com o rapaz la eu eu fikei conversando com meu todinho ,ai eu tinha dito com o todinho que eu odiava que me chamava de ailla,ai eu e ele paramos perto do portao ai ele começo a me chama de ailla ai fikava falando ailla bem baixinho no meu ovido ai isso me deixava doidinha,ai teuma hora que jessica me pediu para pidir minha tia chiclete, ai eu fui e dei o chiclete a jhe ,qi eu fui e sai pra rua ai ele foi e fiko no portao ai eu fui e falei assim’’me deixa entrar ‘’ ai ele foi e fallo assim’’ eu não deixo ‘’ ai eu fui e disse assim’’entao ta eu vou embora’’ ai eu fui e dei ass coosta para ele ai ele foi e me puxo e me abraço por traz e me deu um bjo no pescoso ,ai eu fui e encostei na parede ai ele foi e fiko me beijando,ai minah tia foi e me chamo pra ir embora ai ele não queria deixar ai eu fui e falei com ele assim ‘’vc não vai despedir de mim não ‘’ ai ele nen falo nda so me agaro ele e me beijo,ai eu fui e falei assim ‘’deixa eu ir’’ ai eu dei um selinho nele e fui embora

Fim..

Ayla

Doce Amargura

A Tia Fia, (ou Graça, Gracinha e agora Vó) sempre foi minha paixão e inspiração. Porque será que vc não foi minha mãe? Se fosse não daria tão certo. Eu a sigo em quase tudo. Torcemos pro mesmo time (Cruzeiro o glorioso). Minha primeira profissão foi a mesma dela. Amamos animais e outras coisitas mais. Quando era criança me alegria era ir para sua casa. Chorava inclusive quando me enganavam. Se hoje sou tudo isso que ela acha que sou, saiba que contribuiu muito pra isso, pelo seu exemplo, sempre forte, ativa, corajosa. Admirava vê-la sempre trabalhando. Mulher independente. Te admiro e te amo muito. E claro ela é isso tudo e ainda minha madrinha.

Tamy Henrique Reis Gomes

parte da letra do que SERIA uma música(mas não foi), para um curta-metragem chamado Tia Clara - de Iris Lima - uma amiga querida


Quero ter você pra mim.
Quero viver a nossa história com começo meio e fim.
Quero os sonhos transformados em realidade.
Não quero mais dormir no braço da saudade.
Quero um beijo estalado em minha boca.
Quero sentir sua pele em mim.
Quero apagar as sombras do passado.
E acordar meus restos de dias ao seu lado.
Passei a vida conversando com as paredes.
Fazendo versos que nunca escrevi.
Relendo um bilhete amassado pelo tempo.
Só para ouvir a sua voz me dizendo,
me espere que eu volto.
Minha tristeza caminhou a passos lentos.
E sem o alento de notícias, eu vivi.
Meu coração aprendeu viver acelerado
e nos pecados de meus pensamentos,
me escondi.
Agora, na frente do espelho, eu me deparo
com uma imagem que o tempo não perdoou,
as minhas lágrimas do passado já secaram,
mas a saudade não me abandonou
Eu quero ter você pra mim
Quero viver a nossa história com começo meio e fim
Quero os sonhos transformados em realidade
Não quero mais dormir no braço da saudade.

Rosa Berg

– Marimbondo a Tia Dilma –
Por AeSSeCÊ


Tava meio assim, meio sem nada pra fazer, quando o telefone tocou.

– Alô! – Fala cara! – Era um colega do tempo da faculdade - Ô meu irmão! Beleza! Quanto tempo! – Beleza, Porra cara! Tô precisando de você. Preciso que você me escreva um texto para ilustrar um trabalho que tenho que apresentar amanhã na facu – Um texto pra ilustrar, não seria melhor um desenho? – Respondi eu – (Antes que me esqueça, deixe-me esclarecer, eu deixei a faculdade e ele continua) – Porra cara! Não sacaneia, tô falando serio – Tudo bem! Mas, de que deve tratar o texto? – Sei lá! Qualquer coisa – Falou ele – Qualquer coisa, como assim cara? – Indaguei perplexo – É, pode ser qualquer coisa, uma crônica, um editorial, só não pode ser uma daquelas poesias bregas que tu escreve – O sacana sabia ser irônico, (mas ao menos ele lia minhas poesias), depois das risadas e xingamentos de praxe voltei a indagar – Finalmente, do que trata o trabalho que você vai apresentar – Trata sobre a atual conjuntura sócio-política brasileira –respondeu ele prontamente – É! Você tem razão, qualquer coisa serve.

Então me lembrei dos tempos da Ditadura, quando receitas eram publicadas no lugar de crônicas e editorias – Não resisti...

- Marimbondo a Tia Dilma –

Ingredientes:

Um Marimbondo de Fogo
Uma Lula Re-Folgada
81 Porções de Raposas bem felpudas
190 milhões de cordeirinhos
Desculpas esfarrapadas a gosto

Modo de Preparar:

Pegue os cordeirinhos e despeje em uma tigela qualquer. Antes você deve amaciá-los bastante, para isso use generosas porções de programas sócias do tipo: Bolsas Família e etc. Carnavais, Futebol e muito BBB também ajuda no processo de amaciamento. Quando estiverem bem macios (teste antes com pesquisas de popularidade), cubra com as Raposas Felpudas e por ultimo acrescente o Marimbondo enrolado na Lula. Regue com bastante desculpa esfarrapadas (Cuidado, não deixe Marinar), leve diretamente ao congresso previamente aquecido a 61,8% de reajuste e deixe por quatro anos. Caso perceba que não esta cozinhando direito regule a temperatura para cima em alguns graus de favores e concessões.

Não precisa esperar ficar pronto para se servir...

AeSSeCê

Tia Cris -

1 ano sem notícias suas, 1 ano sem o seu cheiro, e o seu riso. Não fui capaz de acreditar quando ouvi pela primeira vez. Fiquei pasma, não reagi. Não sabia o que pensar, eu ainda não tinha passado pela situação de perder alguém tão próximo, alguém que levava junto consigo uma parte da minha felicidade. O vazio em mim era inexplicável. Mais inexplicável ainda, porque eu ainda não havia acreditado. A ficha demorou a cair. Eu chorei, abracei quem chorava ao meu lado, quem sentia especificamente aquela dor, parecida com a minha. Eu sabia que você já não estava aqui, mas ao mesmo tempo, eu não sabia. Não sabia como seria não mais ter o prazer que era te ver. Não imaginei, acreditei e não acreditei, não sei definir o que se passava em minha mente, até porque em alguns momentos, a minha mente separou-se de mim, ela pairou pelo ar poluído, sem rumo, direção, ou sentido. Então eu fui vê-la. Derramei mais lágrimas, toquei seu rosto, rosto de anjo. Você estava ali, mas não ia vir comigo quando eu fosse embora. Seu corpo ficaria lá, eu estaria distante do seu rosto, do toque de suas mãos, eternamente. Ali eu percebi que já não te abraçaria. Eu quis ficar e tentar te tirar dali, eu pedi a Deus que fizesse daquela manhã um pesadelo, ao me beliscar e tentar acordar. Não acordei, mas também não consegui dormir. Pensei onde sua alma poderia estar com o objetivo de me despedir do seu real, mas fui recriminada, então não falei mais, mas eu ainda assim te procurei, eu juro. Eu queria te dizer obrigada. Eu queria pedir desculpas, pois não dei a você a atenção que merecia, alias, dei atenção a você, mas adiei a hora de te dar carinho extra, e acabei que por fim não me despedi. O que dói mais em mim, é que eu te amo. Você e eu nos conhecemos quando eu nasci, e nunca tivemos contato como poderíamos ter tido a vida inteira, mas um período de tempo em torno de 5 anos, foi o suficiente pra que eu passasse a saber de cada defeito e qualidade sua. Eu te conheci, no sentido real da palavra, eu tive raiva de você por me fazer ter obrigações que eu nunca tinha tido antes, eu ri, eu vivi não apenas uma relação de tia e sobrinha, eu vivi uma amizade, eu passei a te amar, eu senti saudade antes mesmo que você entrasse no carro pra voltar pra sua casa, a minha casa deixou de ter 5 moradores, ela passou a ter 6, mesmo quando você ia pro seu verdadeiro lar. Aqui, eu te vi chorar com medo da morte, eu te disse palavras de Deus, toquei o seu rosto, pedi pra que você fosse mais forte que nunca, e depois eu fui chorar escondida com medo da sua morte. Você passou a ser essencial na minha vida, mas eu nunca te falei isso, eu nunca disse a você, tão quanto era, alias, ainda é importante na minha vida, não falei a ti, a imensidão do meu amor. Não falei o quanto seria horrível se acontecesse de eu te perder, ter que te ver ali, com aquele rosto de anjo, e não poder trazer o teu corpo comigo. Não a esqueci depois de 1 ano e também não terei esquecido daqui a 70. Você é inesquecível, e eu tenho grande orgulho de na minha vida ter conhecido alguém assim, com personalidade tão forte, com tanta força. Teimosa, orgulhosa, querida por todos, decidida, alegre, amada. Amada por mim, lembrada por mim. Eu sei que está agora ao lado da mais perfeita das criaturas, você está ao lado de Deus, ele é a grandiosidade, e a humildade, ele é superior, é bom, é digno, mas ainda assim, eu acho que você deveria estar aqui, do meu ladinho, me fazendo rir. Muitas pessoas não compreenderam o meu sofrimento, muitas mesmo, tanto os estranhos, como os mais próximos, mas isso pouco importa, porque o que eu mais queria era o teu bem, e eu não precisava que ninguém entendesse as minhas incontáveis lágrimas além de você, que deixou essa agonia em meu peito. Ouvi muito falarem a frase: “Pelo menos o sofrimento dela acabou”, discordo plenamente, pois você queria viver, e lutou com unhas e dentes para isso, eu estou de prova. Se Deus te levou, infelizmente era a sua hora.

Julianna Galvão

A certeza da vitória

Do desprezo da tia,
Do descaso da familia,
Do ódio do pai,
Do amor da prima,
Da incansável luta ...
Da disputa
por um lugar ao sol
contra tudo
e todos
apesar
de duvidar
da certeza da fé
da virada
do abismo
do egoísmo
da inveja
da incerteza
do caminho
perdido
achado
sucumbido
desiludido
e assim
e mesmo assim
seguir em frente
mesmo com tanta gente
contra
do incondicional amor da mãe
que partiu
sem saber
que aqui
a filha
queria
e
sabia
que um dia
estaria aqui para contar esta estória.
E com todas as boas memórias
sorrir
e gritar para o mundo..
EU VENCI
em meio as lutas
as portas na cara dos amigos mais queridos
a dor da solidão
de tanta desunião
de gente amarga
e fria
que apenas queria...
ve-la
no chão.

Dany Araújo

Quem nunca foi visitar uma tia só para ver o primo bonitão, não sabe o que ter segundas intenções.

Vanessa Pimentel

Vi-te tão pequena
O tempo passou
É minha cria
E, me ensinou.
É mãe, é tia.
Sempre com alegria
Mulher de batalha
Pra mim muralha
A deter o dia-a-dia
Mereces margaridas
Pelas horas sofridas.
Minha menina
Cuidei de você
Cuidou das minhas
Amor sem obrigação
Tenho enorme gratidão.
A construção de um lar
É dom de Deus
O casamento o registro.
Que não seja o evento
Sim, o amor, o respeito.
Lealdade e o compromisso
O elo dessa uma união.
Que Deus lhe dê sabedoria
Nos momentos difíceis.
O amor e paciência
Será a fonte da convivência.

Quívia Bispo

Tô na larica, tia, desce aquela empada
E um guaravita, fortalecendo a vagabundagem
Atividade máxima... ainda cedo dá
Pra resolver uns trampo pelo celular

Filipe Ret

***Em continuidade à Suspiro D'Alma !
Em segundo momento de minha vida !

Minha Tia Cicinha ; que me deu seu Afeto , Colo e me Amparou no seu Lar !
Em alguns momentos por imaturidade possa tê-la ferido !
Mas...
Jamais... Esquecerei suas lições...
Que sempre escutei com atenção !
Ela ; acordava cedinho : às 4:00 AM
Hoje eu a imito.
À Ela ; Minha Eterna Gratidão...
Meu Pai ; José Mendes Neto !
Meu Querido ; meu Velho ; meu Amigo
Minha irmã de sangue paterno : Uldime de Lira Mendes !
Que me acolheu no seu Lar !
Quando em São Paulo fui morar !
Jamais ! Esqueço !
Marcos Santtini [ Marcão ] !
Namorado da minha irnmâ ; Uldime
Que me deu sua mão amiga ; me empregou na sua loja-fábrica Verssati !
Em Santanna ! Bairro São Paulo !
À todos que D'us...Maria Santíssima e sua Falange Divina sempre os acompanhe !

Arnaldo Leite Neto

Se fosse que o meu coracao tem chave, eu te dava para poderes abrir e vais encontrar escrito: eu tiamo!
Eu ti adoro!
Eu ti quere ate a morte.

Urdilas

Campanha “escreva à tia – escreva às tantas – escreva à toa”.

André Anlub

Eu amo (mentira, eu odeio) ser tia!

Tania Rosa

Mulher

Avó, Mãe, Tia, Irmã, Filha e Esposa, tão jeitosa e
meiga, é uma flor delicada e graciosa, quando necessário
uma lutadora, uma guerreira, de sua aparência frágil és forte,
de teu jeito meigo és blindada, não para mesmo que o cansaço
tente lhe derrubar, sempre se mantêm de pé cuidando de tudo.
mais existe o momento para o amor, e a mulher também
precisa de carinho, de ser tratada como uma flor.

Neimar Magewiski

Eu ate posso ter nascido para ama-lo, mas você? Você nasceu pra amar a prima, a tia, a menina esquisita, a nerd pequenina, a menina da Vila 86, a desconhecida da Avenida Paulista, a menina que não sai da casa da vizinha, você nasceu pra amar qualquer uma dessas, menos eu, que por você tudo fazia.

Isabel Rainha