Cronicas sobre Futebol

Cerca de 132 cronicas sobre Futebol

Há poucos dias eu disse que era hipocrisia tirar foto comendo banana só porque um jogador de futebol rico e famoso foi vitima de uma banana voadora, mas eu mudei de ideia.

Tem muita gente sendo vitima de racismo todo dia e toda hora, não precisa ser no futebol, tem gente sendo humilhada na rua, tem gente perdendo emprego e oportunidades na vida por causa de racismo e eu não vejo tanta revolta nos formadores de opinião, acho que o problema é que essas vitimas do dia a dia do racismo não são famosas e não vão ajudar ninguém a ganhar "Likes". Pra ser sincero, se eu ganhasse o que estes jogadores ganham jogando futebol, eu nem me importaria se jogassem uma bananeira inteira por cada escanteio que eu fosse bater, eu comeria todas as bananas e a bananeira junto!!

Hoje volto pra dizer que tirar foto comendo banana é uma hipocrisia³ (Elevado ao cubo), afinal, se a regra é ser solidário, eu não vi artistas ou "subcelebridades" fazendo gracinha na internet depois de uma mulher, mãe de família, pobre, ter sido assassinada violentamente por uma ignorância imensurável de um grupo de pessoas que simplesmente acharam que ela parecia com a mulher de um retrato falado divulgado pela PM, eu não vi artistas e nem sub celebridades dizendo: "TODOS NÓS JULGAMOS AS PESSOAS SEM CONHECER" eu vi poucas pessoas revoltadas com tanta animalidade, e pra piorar, a pobre coitada não era a tal mulher procurada pela PM.

Estamos em um país que quer mais saúde, educação, segurança e é legitima a busca por estas melhorias...
Estamos em um país que quer trocar COPA DO MUNDO por INFRA-ESTRUTURA e que bom seria se não fosse em muitos casos mais um discurso hipócrita e oportunista de gente que só sabe repetir igual papagaio o que ouve por ai, é um discurso sem força, que se perde em poucos dias, INFELIZMENTE, como eu queria que isso fosse 365 dias por ano, como eu gostaria que isso realmente fizesse parte de uma ideologia da massa.
Mas afinal, onde esta a coerência? neste mesmo país "os formadores de opinião" se revoltam mais com uma banana jogada na direção de um jogador de futebol a se revoltarem com um um ato que juntou crueldade, violência, maldade, equivoco...

Eu fico imaginando se essa banana tivesse acertado o tal jogador, teríamos muitas pessoas por aqui fazendo discurso contra a violência, afinal, em um jogador da "Seleção Brasileira de Futebol" não se bate nem com uma rosa e muito menos com uma banana.

Em que mundo estamos? todo mundo é macaco mas ninguém é "humano"?

William Carvalho

não é que eu não gosto de futebol, pelo contrário, sou apaixonado por esta arte, o problema é se importar mais com isso do que com educação, saúde e um país melhor.
Será que o país do futebol pode ser também o da educação ? será que ao invés de se preocupar com "6 estrelas" no futebol não poderíamos ser um país "6 estrelas"?

LUCAS GABRIEL

Pão e Circo

A gente não quer só futebol
A gente quer futebol, justiça, educação e saúde
A gente não quer só ganhar
A gente quer ganhar segurança e paz.

A gente não quer só um gol
A gente quer um gol prá balançar a rede
A gente não quer só lançar
A gente quer lançar fora a corrupção.

A gente não quer só ser Hexa
A gente quer ser Hexa sem politicagem.
A gente não quer só a Copa
A gente quer a copa sem malandragem.

A gente não quer só jogada
A gente quer jogado fora o homicídio.
A gente não quer só vencer
A gente quer vencer o infanticídio.

A gente não quer só o circo
Que nos oferecem sem compaixão
A gente quer dignidade
E um emprego prá ganhar o pão.

Angela Natel

PROFESSORES X FUTEBOL

Demétrio Sena, Magé - RJ.

Quando nós, educadores, protestamos pura e simplesmente conta o sucesso financeiro dos atletas, em especial dos jogadores de futebol, depomos contra nós mesmos ao demonstrarmos desprezo pelo talento. Da mesma forma contradizemos nossos discursos contra exclusão; desigualdade; falta de oportunidades para os mais simples.
Aquelas pessoas que neste momento de suas vidas ganham milhões, são quase todas de origem bastante humilde. Filhos de pedreiros, serventes, lavradores, balconistas e afins, todos visionários e atentos aos sinais de que seus filhos têm algo especial: talento. Esses pais atentos apostam; dispõem de todos ou quase todos os seus poucos recursos, até marcarem o gol definitivo, acertando em cheio na grande chance dos filhos. No futuro com que nunca sonharam para si próprios.
Nas salas de aula, falamos quase o tempo inteiro em talento; no entanto, somos elitistas: não aprovamos o talento dessa gente humilde que de uma hora para outra pode ser detentora de uma fortuna que nos dá inveja, sem terem passado por ensino médio, faculdade, às vezes nem mesmo pelo ensino fundamental completo.
Mas esses atletas não chegam lá sem esforço. E muito esforço. Sacrifício. Renúncia. Ainda bem novos deixam famílias, brincadeiras, amigos de infância, e vão trabalhar duro: fazer muitas horas diárias de preparação física, treinos com e sem bolas, educação alimentar e outros cuidados criteriosos com saúde, o que inclui não ter vícios, vida sedentária ou promíscua. Tudo isso, além de aprenderem regras rígidas de convivência. Coleguismo. Ética desportiva. Recolhimento. Meditação. Autocontrole. Respeito por quem está do outro lado. Uma verdadeira universidade que os prepara para viver dignamente, como cidadãos que quase sempre não sabem falar, mas sabem agir. Sabem ser quem são. E quase nunca renegam suas origens.
Temos preconceito desses atletas, porque não foram nossos colegas de faculdade; porque venceram pelo talento sem aprender gramática e raiz quadrada. Porque não foram modelados pela educação formal. Porque ganham mais do que nós, que não percebemos o quanto eles geram em recursos, movimentação financeira, patrocínios de produtos e marcas que eles fazem vender, somados às vendas de ingressos, audiências de rádio, televisão e web, circulação de impressos e influência nas bolsas de valores.
Os milhões que esses jogadores ganham honesta e merecidamente são centavos diante das fortunas dos seus patrocinadores e o sistema que os cerca. Esses, nunca são alvos de nossos protestos, a não ser no aspecto político-partidário, que de nossa parte é sempre questionável: Temos, invariavelmente, uma bandeira partidária que tentamos substituir pela que está no poder.
Quanto ao mais, não conheço nada, além da educação formal, que seja mais educativo do que o esporte. O esporte educa bem mais do que a própria arte, se compararmos o exemplo pessoal obrigatório do esportista com o do artista. O artista, por exemplo, se for sedentário, fumante, promíscuo, viciado em droga ou álcool, continuará artista. O atleta, não. Se ele quiser ser e permanecer atleta, não poderá jamais, ser um exemplo negativo em nenhum destes aspectos. E uma criança ou um adolescente, quando imita uma pessoa que admira, o faz na sua totalidade.
Quem está com o dinheiro do professor na sua conta pessoal não é o jogador de futebol. É o político corrupto deste país, em especial, que desconhece os políticos honestos. Quem nos rouba todos os dias não é o Neymar nem o Thiago Silva. Também não é o jogador de futebol que decide as alíquotas de impostos. Ele pode estar dentro deste sistema, como todos nós que compramos, vendemos e vivemos, mas não é ele quem decide.
Nós, educadores, merecemos ser muito mais valorizados; ter salários muito melhores; ter condições muito mais humanas, dignas e honestas de trabalho, mas nosso grito de basta e de protesto tem que ser por nós. Não contra o outro. Temos que lutar pelo que é nosso, sabedores de que esse tesouro é usurpado pelo poder público e pelos poderes econômicos que mandam neste pais e estão muito acima dos jogadores de futebol. Quero ter mais, sem desejar que nenhum deles tenha menos, pois isto seria possível se os poderes constituídos não estivessem inchados de corrupção e os grandes grupos econômicos não estivessem fechados com os tais poderes.
Porém, se mesmo assim queremos protestar contra os esportes, que tal se fôssemos menos elitistas e voltássemos nossos protestos contra a fórmula 1, o golfe e outros esportes de ricos que sempre foram ricos e cujas riquezas não sabemos de onde vieram?

Demétrio Sena - Magé-RJ.

Intensamente cada segundo.

Hei, vamos jogar futebol de rua
Pegamos aquela bola
Da época do Pelé
Reunimos a galera
Vocês já sabem como é (sacoméné)

Os cacos de tijolo
Eram os gols
E também servia para marcar o campo
Ligamos o som para dar ritmo ao jogo
Sempre naquele estilo Black

A felicidade transbordava
Em cada emoção
“Brigas, risadas, canelas machucas”
Marcadas em cada sensação

A partir de quatro amigos
Tudo foi se multiplicando
Por vários meses
Passamos então da pré historia
Para a modernidade
Nem tanta modernidade assim (rsrsrsr)

Mas tudo ia se transformando
As pedras deram lugar
Para as balizas de ferro
Tempos em que ninguém pensava em nada

Aquelas noites não era somente futebol
Passávamos momentos de fraternidade
Amizade e alegria
E se falava de tudo

Virou o centro de reuniões
O som incomodava os vizinhos
Que ficavam loucos
Policia era nossa companhia diária

Hoje o que resta, é o silêncio, a escuridão
E uma simples rua
Nada mais do que isso
Até os vizinhos sentem falta

Esse filme acaba
Quando atravesso a rua.

Diony Peroli

Eu tenho a minha opinião formada.
Das quais inclui: Política, música, futebol e religião.
Não falo muito sobre elas, também não há muito o que falar.
Se te deixa feliz achar que vai me influenciar. Tudo bem. Pode tentar... Pois as vezes quando a idéia é boa as opiniões mudam. Mas por enquanto elas são minhas, somente minhas.

Renilmar Fernandes

JABULANIS? PRO FUTEBOL AMERICANO!

Julio Cesar ataca bola da Copa:
‘Parece com as compradas em mercado’’.
Mal sabe ele, que de fato topa,
Com um grande acordo negociado:

A FIFA envolveu todos ‘mafifosos’,
Onde correu solta uma dinheirama,
Para se vingarem destes ‘ardorosos’,
“Que querem seu time com bastante fama”!

Por isto usaram só as JABULANIs
Que chutadas acertam os torcedores,
Fazendo galos nas cucas dos romanis
Que com VUVUZELAS querem escores.

Moral: Se até na distração há safo,
Só nos resta torcer, como desabafo!
_________________________
pinfo@drmarcioconsigo.com

Marcio Funghi de Salles Barbosa

Homem e Mulher
O homem faz a massa que edifica prédios,casas,campos de futebol; a mulher faz a massa que mantém o homem, que o alimenta, que lhe dá energia.O homem tem a força física, a mulher a força do pensamento. O homem quer ser o máximo e hoje a mulher também. Hoje a mulher também faz a massa que edifica e hoje o homem também faz a massa que alimenta e que dá energia à mulher. Hoje, homem e mulher, seres confundidos e muitas vezes sem características próprias. Homem/Mulher;Mulher/Homem. Como identificá-los? Hoje são apenas seres, anjos caídos do céu que buscam uma identidade que em algum momento lhes foi tirada. Mas nunca deixarão de ser anjos.
07/07/2010

Silvia Aparecida Maia

O futebol para mim.

Quem foi que disse que intelectual não torce,
Que quando seu time perde, ele não se retorce,
Quem foi que disse quem falou?

Quem que disse que futebol não é coisa de gente,
Que o desporto não torna contente,
O pobre ou o rico torcedor?

Quem o disse certamente fez por maldade,
Não conhece a autoridade,
Quem tem um treinador

E quem o disse jamais entrou num estádio
Jamais ouviu o golo no rádio
E gritou a afastar o torpor

O Futebol, o britânico desporto
Alegra a gente da selva ao porto
A unir o povo por um único amor.

A minha equipa jamais me desaponta
Por vezes ela me apronta
Mas não esqueço seu valor.

Arthur Xenofonte

Jogando futebol com os amigos,eis a situação:

-Pô,cara.Você está jogando muito mal.Teu desempenho està péssimo...hahaha.

Minha resposta:
-O meu desempenho pode estar mal dentro das quatro linhas,mas dentro de quatro paredes meu desempenho é perfeito e sua mulher nunca reclamou,ao contràrio de você...

E o silêncio reinou,logo veio as gargalhadas e o tal criticador?Foi embora puto da vida tirar satisfações com a mulher.

Dom Islon De Gouveia

Querido Jesus
Tem meninos que sonham em ser jogador de futebol, alguns meninos sonham em seguir o trabalho de seu pai, outros querem ter um belo carro quando crescer, já outros querem ser ricos… Eu só tenho apenas um sonho ! Ficar ao seu lado sempre Jesus, para que você possa me abraçar e me tocar com todo o seu amor, não preciso ter o emprego que meu pai sempre sonhou que eu tivesse, não preciso ter um belo carro em minha garagem e nem ser rico. Apenas preciso ter uma única coisa, o seu carinho, o seu sorriso… o seu amor! Afinal, o meu sonho é simples de algum modo, não faço questão de como, ou quando, e de que modo vou viver, apenas quero que você esteja comigo, não há nada melhor do que acordar de manhã após sonhar com você e te ter ao meu lado, me espere porque eu quero ser feliz ao teu lado Jesus, eu te amo Querido Jesus..

Luan Bigon

Um bilhão e meio para a reforma de um estádio de futebol nós temos. Um bilhão e meio para ajudar famílias carentes nós nem ao menos lembramos.
Um bilhão e meio para mostrar ao mundo que somos capazes de ser um país que tem um grande porte nós temos. Um bilhão e meio para pagar melhor o salário dos professores que tanto merecem nosso respeito nós simplesmente esquecemos.
Que país é esse onde famílias, educação, segurança são coisas despercebíveis para nossos governantes enquanto a grandiosidade dos grandes eventos, o futebol, os estádios são mais importantes do que o nosso próprio povo?

Pão e circo já chega!

Francisco Hallison Freire

Foda-se o futebol
Quero igualdade, justiça e liberdade
Foda-se se você é mongol
Nós somos o gigante, somente unidos vamos a diante
Pela própria natureza, somos bravos, somos fortes
Somos a mistura das raças, a união em um brado retumbante.

Nada nos comprará, não se esqueça
Somente a justiça nos libertará, somos uma democracia
Nossos antepassados lutaram por isso
Pelo fim do regime militar em 1985, eu sempre ouço
Não é à toa que somos o tal impávido colosso
O grito de Ordem e Progresso vai ecoar
Somos a massa, não vamos nos abalar

Aprendi com System of a Down
Que a televisão e os computadores hipnotizam o povo
Em sua maioria ofuscada, lutam sempre para ter um pão com ovo
Agora me diz, presidenta Dilma Rousseff
Como vamos ter Paz no futuro e glória no passado
Se formos alienados?


Viva a igualdade, viva a revolução!

Matheus Zucco

Ontem, fui feliz!

Sentado no banco
de um campo de futebol
contemplei as estrelas,

de mäos dadas
caminhei a beira mar,
deitei-me na areia da praia,

debaixo de uma mafureira,
vivi beijos de novela,
aqueles de tirar o fólego,

Por ela,
inventei viagem
pra conhecer
onde eu,
ja conheci,

e vezes sem conta,
vi a meia noite
regressando a casa
depois de um jato
de felicidade,

Mas a distância foi cruel,
arrancou-me
a metáde da felicidade,

dilacerando em pedaços
este meu nobre,
mas agora,
pobre coraçäo,

que entäo vive
feito catavento,
seguindo o vento,

sem saber
quando vai
mudar de direcçäo

ai, coitada!
coitada das cebernaútas,
que veem em mim,
alguém pra sonhar junto

Pois näo sabem
que em mim
näo mais vive o coraçäo

que mora nele
um vazio medonho,
um
vazio de afugentar
aos que o descobrem,

Pois coraçäo
ja forá,
pela distäncia,
dilacerado em pedaços

e pedaços ninguem abraça.

Domingos Mariano

Mulher de verdade é aquela que não briga de você ir jogar um futebol ou até mesmo ir ao boteco com os amigos tomar uma cervejinha, aquela que está sempre disposta a te acompanhar quando você quer fazer uma viagem de ultima hora, quando você quer sair por aí sem destino.
Mulher de verdade é aquela que sente ciúmes,mas confia no seu taco
Que pros outros homens ela faz questão de mostrar que está ao seu lado, que não precisa brigar com todas as suas amiguinhas, pq ela se garante. Mulher de verdade é aquela que sabe o que conquista e confia em si mesma.
Que te faz carinho antes de dormir, fica junto, assiste filme, faz pipoca, faz brincadeiras de criança e sabe ser mulher madura. Sabe de todos os seus desejos e o que fazer para que você não tenha olhos para outra.

Mulher de verdade acima de tudo é aquela que compreende que ninguém é igual, que ninguém é perfeito, mas que o companheirismo está em primeiro lugar!

Cristiane Rodrigues

Enquanto ficamos aqui preocupados com a novela, e com o campeonato de futebol, carnaval na Sapucaí, etc... O Congresso arquiteta maquiavélicamente seus planos covardes...E aí eu me pergunto, como vão os nossos jovens? E percebo que alguns deles, apenas uns gatos pingados, estão nas ruas, lutando pra melhorar esse país de corruptos, sendo pisoteados, xingados e massacrados. E os outros, onde estão?? Ah os outros fazem parte, dos desempregados, exilados, drogados, alienados...E mais os outros, que estão na mesma panela, coniventes com a corrupção, no tráfico de drogas, e barganhando campanha de políticos corruptos!
E os mais velhos, os ditos homens maduros???
Ah esses somos" Nós"... Que já "desistimos" há muito tempo...Fazemos de conta que não é comigo, pois estou fazendo a minha parte...Dá-lhe hipocrisia!
Enquanto triste, e solitário , vive o idoso, já abandonado há tempos, por tratar-se de um inútil pra sociedade...
Somos parte desse todo sim, já sem sem força, sem coragem, e de muito hipócrita, e alienado. #VAMOSPENSARCOMCONSCIÊNCIA — com Alcione Alípio.

Alcione Alípio

Eu tbm acho que discutir religião, futebol ou política não seja dos assuntos mais agradáveis. Até pq, eu parto do princípio de que pessoas na minha idade já aprenderam, faz tempo, que respeitar a opinião alheia é fundamental pra viver em sociedade – rss! Mas como eu escrevo pra mim, então me dou o direito de expor as minhas opiniões.

Eu acho muito curioso que alguém se diga ATEU. Sério mesmo, pq mesmo não tendo resposta para todas as perguntas nesse mundo, eu realmente fico surpresa em ouvir que alguém seja ATEU. Mas, talvez, seja mesmo fácil ser um ATEÍSTA quando se tem saúde, quando se tem uma ótima profissão, um excelente emprego, um salário maravilhoso, casa própria, carro maneiro, contas pagas sem dificuldades, uma família que não dá problema... Acho que deva ser um tanto mais fácil mesmo. Mas a minha vontade é de juntar todos os que se dizem ATEUS e encher um “boeing” deles e quando passar das nuvens desligar o motor. Aí é que eu quero ver quem vai praticar o ateísmo. Quero encontrar um ATEU quando ele estiver com um filho entre a vida e a morte. Quero bater um papo com um ATEU quando ele estiver cara a cara com um fuzil. Quero conhecer um ATEU desempregado, cheio de dívidas durante anos. Bem, das duas uma: ou o ATEU vai se suicidar ou vai pedir arrego pra Deus, meu camarada! Não existe meio termo na guerra, no desespero, no caminho da morte... Ou é Deus, ou é Deus! E como esse texto é meu, digo e afirmo: pare de palhaçada, pq Deus é Deus, mesmo vc se dizendo ateu. E é graças a Ele que vc, senhor ateu, tem o fôlego da vida! ;)

Meg Lima

Gosto de futebol porque assim como na vida, as vitórias; mais do que merecidas, devem ser conquistadas.

Só no futebol o pequeno vence o grande com tanta freqüência.

É o esporte provando que a luta e a determinação podem fazer a diferença quando os recursos técnicos são poucos ou já foram esgotados.

Uma partida de futebol é sempre um jogo de surpresas e superação.

Assim como também deve ser a vida.

Luis Felipe Loro

O que eu não suporto no futebol são torcedores modinhas. E não falo apenas daqueles que fingem amar um time quando ele está em um bom momento. Mas também daqueles que fingem odiar um time porque todo mundo odeia.
O meu time é líder do Campeonato e perde uma partida, aí vem 'essaszinhas' que não sabem nem a escalação do próprio time e que por sinal não está nem entre os 10 primeiros da tabela e falam: CHUPA CORINTHIANS! Eu xingo ou dou risada? Sem falar no bom e velho "O Corinthians comprou o campeonato..." ESSE NUNCA SAI DE MODA!
Uma dica para as mulheres que fingem interesse por futebol para atrair machos: VÃO LAVAR CUECAS, assim vocês já agradam e pelo menos entendem do assunto!

Letícia Beppler

Te ensinam a jogar futebol. Dedicam um gol para você; Te chamam de lezada/burra. Te dão abraços sinceros e alias fortes até demais. Jogam vídeo game com você. Sempre pergunta se a sua bff esta solteira, pedem conselhos sobre meninas, nos dão conselhos sobre meninos. Não falam mal da gente nas costas, sempre fala na nossa frente. Sempre te defende dos carinhas estranhos cheios de graça que chegam perto de você. Batem na sua cabeça toda hora. Eles não ligam quando você só fala do menininho que você gosta, não liga em ficar altas horas com você no telefone. Chama o cara que você gosta de idiota. Te fazem sorrir. Mas principalmente, eles ficam sempre ao seu lado, te dão conselhos incríveis e te abraçam forte mesmo que você fale “não é nada”, eles sabem que é algo. Eles são mais que uns amigos, são IRMÃOS!
Ate o dia em que vc vê seu amigo de um jeito diferente...aí papai é GAME-OVER..

LannynhaSousa