Crônicas para Crianças

Cerca de 394 crônicas para Crianças

Tempos de Criança

as vezes fico com saudades, do tempo em que eu cabia num carrinho de supermercado, que eu ficava olhando o leite pra não derramar, quando tentava subir pelo escorregador, de andar segurando a saia da mãe, de pregar peças nos amigos, de chorar quando amigos se mudavam, de disputar a garota mais bonita da sala com os amigos, escolher um brinquedo e desejar-desejar-desejar até ganhar, de passar a noite jogando com os irmãos, andar de bicicleta ao entardecer, de fazer “cola” para as provas e se gabar muito depois, de matar aula e sentar na escadaria da escola, de acordar cedo pra assistir desenho, de não se preocupar com nada, de “roubar bombons da caixa da minha avó, saudades de jogar bola na rua, de gastar todo dinheiro que tinha com doces no mercado, saudades das garotas que eu jurava que me casaria quando era pequeno, saudades dos brinquedos velhos, saudades do primeiro beijo, saudades do antigo melhor time de futebol da escola, e até das professoras que a gente zoava, saudades de tantas coisas, que não se perderão jamais na noite dos anos, memórias guardadas no palácio da memória, incrustadas por boas sensações; minha mente jubila e exalta todos esse tempos, relembra com uma saudadinha que faz bem, por toda uma vida. tempos de criança …

Handys Klaus

Em meio à toda essa polêmica, tive vontade de escrever...como nos velhos tempos.
Então me dei conta de que embora tenha uma opinião fundamentada sobre o tema, não entendo a essência dos dois lados.
E sobre isso, vejo-me como o pequeno príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry, achando todas essas discussões de adultos, em pleno século 21, um tanto “engraçadas”.

Então pergunto-lhes:

Sobre cotas...
O que difere um aluno negro, de uma escola pública de ensino precário, de um branco em iguais condições. E se a explicação é uma dívida história social ou até mesmo as “estatísticas de mercado”, por que não temos cotas para mulheres?

Ainda sobre racismo...
-Por que não é sequer considerado ofensa chamar um branco de branco e fazer brincadeiras sobre a cor dele , enquanto é crime chamar um negro de negro, como se fosse algum tipo de ofensa/humilhação?
-Por que é racismo ter preferência por brancos (as) e “valorização da raça” preferência por negros(as)?
-Por que temos que ter consciência da quantidade de melanina que temos, e separar as provas, se somos iguais?

Pergunto pois não entendo, e acho que as crianças também não entendem...
E eu, gente grande que me tornei, torço para que meu sobrinho de 8 anos nunca “aprenda” que a cor dele o torna diferente de alguém.
Talvez solucionássemos essa segregação se fossemos um pouco menos “adultos”, e não levássemos para o futuro, o passado de escravidão que não vivemos.


"Todas as pessoas grandes foram um dia crianças, mas poucas se lembram disso.(O Pequeno Príncipe)"

Raysa Lima

Desde antes da primeira aula de catecismo,
Detrás daquela janela uma voz já lhe dizia:
- Deus não sabe de latim.

Que se quisesse Lhe falar, dispensasse os tradutores.
Amasse e pronto!
(Receita incompleta).

De pronto, já na segunda aula,
Pôs-se disposto a praticar e de tanto
Olhar o enrolado cabelo de Mariazinha,
Que dourado refletia a luz do vitral da torre,
Viu sua orelha de repente na mão da professora.
- Beijo tem idade menino!

Levou toda a vida para aprender que
Todo mundo tem um medo,
Que amor não é desejo,
Que a língua de Deus muito mais se parece
Com o silêncio calmo nos olhos recém-iluminados de Davi,
Seu filho que nada sabe de qualquer catecismo.

Paulo R. Lebiedziejewski

Sou a floresta e o rio preso naquela pintura,
Sou a parede branca suja por crianças,
Sou o hotel das pessoas de ontem,
Sou a música, sou a alma, tenho alma
[E um lápis
Sou um profeta do futuro,
Sou a casa da vizinha, você olha, mas não quer ver,
Sou a luz acesa, mas às vezes apago,
Sou o vaso quebrado e jogado e colado,
Sou da cor do céu, mas meu humor define qual tom,
Sou a poesia sem poeta,
Sou o cheiro que não senti da flor,
Sou intenção, me inventei e agora sou.

Jerry Dias

Conheço muitos adultos que ficam desconcertados quando as crianças pequenas fazem perguntas científicas. Por que a Lua é redonda? (...) "Como é que você queria que a Lua fosse, quadrada?" As crianças logo reconhecem que esse tipo de pergunta incomoda os adultos. Novas experiências semelhantes, e mais uma criança perde o interesse pela ciência. Porque os adultos têm de fingir onisciência diante de crianças de seis anos é algo que nunca vou compreender. O que há de errado em admitir que não sabemos alguma coisa? A nossa auto-estima é assim tão frágil?
(do livro 'O mundo assombrado pelos demônios')

Carl Sagan

Sorrir sempre e muito
ganhar o respeito de pessoas inteligentes
e o afeto das crianças;

saber apreciar as críticas honestas
e enfrentar a traição de falsos amigos;

apreciar a beleza
encontrar o melhor nos outros;

deixar o mundo um pouco melhor
seja através de uma criança feliz,
de um jardim cuidado
de uma sociedade melhor;

saber que pelo menos uma vida respirou melhor
por sua causa.

Isso é ter tido sucesso"
(Ralph Waldo Emerson)

Ralph Waldo Emerson

“Espírito Natalino”

“Houhouhou...
É véspera de natal, as crianças despertam mais cedo
para desfrutar do momento que ainda está por vir.

A manhã se cala diante da natureza encantadora dos pequeninos.
Sua sutil inteligência age conforme seus sonhos, como
Papai Noel, desequilibrando os corações na busca de
um novo acontecer.

Os avôs observam atentamente o percurso dos tão aclamados, sentem a saudade bater a porta.
Relembram com orgulho seu passado...

Os pais vêem a hora chegar, quando então!!!
no sublime instante...
As lágrimas caem, como um riacho de felicidade.

A voz dos pequeninos soam profundamente, como
um piano a tocar, ao mesmo tempo destroem com seus
gritos ensurdecedores quando notam a presença do senhor
de barba branca entrar.

A lareira se esconde com tantos presentes, dando espaço
para o aconchego familiar.
São os gestos mágicos natalinos, indo de encontro com o
toque diferenciado, coberto de esperança, de amor.

Mas no final daquela noite a surpresa...
Um pequenino deslumbra a irradiante comoção.
Ele, olha com seus olhos singelos nos olhos vivos da
vida dos avôs e diz:

- Feliz Natal...”

Roberto dos Anjos

Um certo dia um homem foi em uma escola falar de DEUS. Chegando lá perguntou se as crianças conheciam a Deus, e elas responderam que sim. Continuou a perguntar e elas disseram que Deus é o nosso pai, que ele fez o mar, a terra e tudo que está nela, que nos fez como filhos Dele, etc. E o homem se impressionou com a resposta dos alunos e foi mais longe: “Como vocês sabem que Deus existe, se nunca ninguém O viu?”
A sala ficou toda em silêncio, mas Pedro, um menino muito tímido, levantou as mãozinhas e disse: “A minha mãe me disse que Deus é como o açúcar no meu café com leite que ela faz todas as manhãs. Eu não vejo o açúcar que está dentro da caneca no meio do café com leite, mas se não colocá-lo , fica sem sabor. Deus existe, e está sempre no meio de nós, só que não O vemos; mas se Ele sair de perto, nossa vida fica sem sabor...” O homem sorriu e disse: “Muito bem Pedro, eu agora sei que Deus é o nosso açúcar e que está todos os dias adoçando a nossa vida...” Deu a bênção e foi embora da escola surpreso com a resposta daquela criança. Deus quer tornar a nossa vida muito abençoada, mas para que isso aconteça é necessário deixarmos que Deus faça milagres e uma grande transformação em nosso coração. Pense nisso, hoje e não esqueça de colocar "AÇÚCAR" em sua vida!

Charlesk

Lembra de quando eramos crianças, e não nos importávamos se nosso cabelo estava bonito, se nossa roupa estava limpa, se alguém iria pensar que você é louca. Eu gostava daquele tempo, as coisas eram mais fáceis, o mundo era perfeito aos meus olhos. Eu acreditava que um homem distribuia presentes para todas as crianças do mundo, em apenas uma noite. E também acreditava que existia, em algum lugar por ai, um coelho que fazia ovos de chocolate. Eu acreditava que em baixo na minha cama, existiam perversos monstros, e que escondido no meu guarda-roupa estava o pior deles. Eu lembro, que se eu fechasse os olhos eu poderia ir a Marte conversar com alguns alienígenas, ou então seria uma super-heróina, como nos desenhos do Super-Man. Eu podia ser quem eu quisesse, o presidente, o superman ou a mulher maravilha, eu podia ser a dona do Mundo e também da loja de doce do shopping. Hoje já me falaram que Papai Noel era apenas uma historia, que quem faz os ovos de chocolate é uma fábrica, que em baixo na minha cama, tem apenas sujeira, e no meu guarda-roupa, roupas, hoje minha imaginação é controlada, eu não voo mais nem vou a Marte, eu aprendi que pra tudo tem que ter dinheiro, pra ser presidente precisa de uma campanha, pra ser a dona do mundo preciso ter o triplo do dinheiro que o Bil Gates tem, e pra ser dona da loja de doce preciso de um financiamento. Antes tudo era mais fácil, mais bonito e divertido.
Sabe, eu sinto saudade de ser criança...

Carolina Langaro Silva

A REVOLTA DO LIXO

(Uma historinha para crianças de 0 a 100 anos)

Uma caixinha de leite condensado já devidamente vazia foi atirada no quintal por Dona Carmem, porque ela estava na varanda preparando um bolo; apressada e desatenta não viu a lixeira por perto. Uma chuva um pouco mais forte logo levou a caixa, que foi parar num córrego pertinho dali. Dona Carmem, que não é de fazer lambança, logo depois da chuva deu por si e foi procurar a embalagem. Não a encontrou, mas também não deu muita importância, porque afinal, era só uma caixinha.
Quando chegou ao córrego, a caixinha deu de cara com um jornal. Fez amizade com ele. Sem demora, um carrinho de madeira que estava logo ao lado se aproximou. Resmungão como ele só, reclamou do mundo e da vida e disse poucas e boas do menino que o desprezou. Pensava, inclusive, numa forma de se vingar, mesmo sendo apenas um brinquedo inutilizado pela falta de peças e por algumas partes quebradas.
Mas ali não havia somente caixa, jornal e carrinho. Além de muitas outras embalagens, impressos e brinquedos, também havia latas, vidros, plásticos, sacolas, garrafas pet, ferro, madeira... Uma infinidade de sucatas que lambões de todas as classes, idades, etnias e religiões atiraram nas ruas, nos quintais e pátios públicos. Isto sem contar com os não lambões, como Dona Carmem, que acabaram deixando a desejar, por causa da pressa e a desatenção que resultou dela.
Foi aí que aconteceu uma coisa inusitada: Toda aquela lixaria, que poderia ter tido sina mais digna, em muitos casos sendo reciclada e voltando a ser algo importante, resolveu se vingar dos cidadãos daquela cidade: Uniu-se à primeira chuva intensa e forte que não demorou a chegar, para punir a todos, até os que não tinham culpa, com uma enchente de proporções catastróficas! O evento gerou muitos danos, encheu as ruas de lama, ratos e doenças, e deixou centenas de pessoas desabrigadas!
O que não se sabe até o presente momento é se aquele povo aprendeu a lição ou se continua deseducado. Gente, desde que o mundo é mundo, é mesmo assim: Demora muito a aprender que a vida é um bem precioso e que ela depende muito do nosso amor por nós próprios e pelo ambiente que nos cerca.

Demétrio Sena - Magé-RJ.

Por todos os depressivos do mundo
Por todas as crianças pobres e esfomeadas
Por todos os negros e humilhados
Por todos os animais e crianças abandonadas
Por todo tipo de agressão verbal e física proposital
Por todo sofredor que sofre por si e pela dor alheia
Mas, principalmente, por todos os amores impossíveis.

Sabrina Niehues

Papai Noel.. passamos por três fases desse lindo conto..
1º Quando crianças em que acreditamos que ele chegaria de trenó enquanto dormiamos, se durante todo o ano tivessemos nos comportado (no meu caso passado de ano na escola..rs).

2º Quando deixamos de acreditar na mágia do Natal... "Aborrecencia".. a luta para sair da infancia e virar "GENTE GRANDE"..rs Faz com que deixemos alguns sonhos adormecidos..

3º E quando passamos a ter a LINDA responsabilidade de "SER O PAPAI NOEL" e tentamos fazer a diferença a uma criança, ajudando a acreditar na magia, no amor e em seus Sonhos... Por isso eu digo.. Papai Noel EXISTE SIM!!! Está dentro de cada um de nós...
Há quem critique dizendo que Papai Noel é capitalista, mas me refiro ao fato de fazer a diferença, ao sonho de Natal..
E, aquela criança que passa junto com sua familia um aperto danado o ano todo e que tem a esperança de que no final do ano tudo pode mudar? E pra ela e por ela que insisto nessa linda magia do Natal!!!.. Repense seus valores e FAÇA A DIFERENÇA!!!!

Jiba Vanessa Dias

Ontem foi um dia feliz para todas as crianças. Mas para todas aquelas que tem
uma família, um lar, uma educação, e é bem alimentada.
Com certeza todas sairam com os seus familiares, e amigos, brincaram, se divertiram muito.

Enquanto isso, em baixo de viadutos, em calçadas, em semáforos...
Ainda existem aquelas que vivem da esmola alheia, da boa-má vontade dos que ali passam. Passam a noite toda sem um agasalho, tentando se aquecer apenas com um pedaço de papelão.

Será mesmo que o dia foi feliz para todas as crianças?

(Reflexão sobre o dia 12 de outubro).

Wellington Martins

O mundo das crianças não tem dor

O sorriso singelo o olhar a brilhar,
envolvidos em braços que amparam
Crescendo como uma sementinha,
e faz da sua infância uma magia
Imaginar que é piloto de avião,
e flutuar no céu com seu coração
Brincar de mocinho usando o estilingue,
e prender todos os bandoleiros
Se os brinquedos quebram em pedacinhos,
nunca, jamais perdem a esperança.
Pezinhos no chão chutando as pedrinhas,
brincando na chuva saltando nas poças
Enquanto a chuva molha seu o rosto,
respira fundo a água é gelada
sentindo o cheiro da terra molhada
Nos pequenas detalhes , nos pequenos gestos,
Encontra o amor nas coisas tão simples,
Sua maior riqueza ser uma criança,
Seu maior tesouro sua inocência,
Por isso, feliz o dia em que nasce uma criança.

Maria Vita Pereira

Feliz dia dos pais para os pais que fazem o seu papel na criação das suas crianças.
Feliz dia dos pais para os pais que cuidam e amam seus filhos.
Feliz dia dos pais para aqueles que se preocupam com o futuro dos seus pequenos.
Feliz dia dos pais para os pais que se fazem presente na vida do filho.
Feliz dias dos pais para quem tem pai de verdade.
Feliz dia dos pais para os pais de verdade.
Feliz dia dos pais eu desejo a Deus, pois ele nunca abandona seus filhos e aquele que abadona não pode ser reconhecido como tal.

Diego Belmont

O que ela vê naquele cara ?
Ela é apaixonada por crianças e animais e ele tem alergia a pelo e choro.
Ela adora a luz do dia, faz coleção de óculos de sol, adora uma praia e quer sempre aproveitar ao máximo desde a hora que acorda a hora que vai dormir. E ele? .. ele sai de casa as 10 da noite e dorme para o dia passar mais de pressa.
Ela é frágil e delicada. Ele é sincero demais.
Ela adora tecnologia, celulares, ele acha coisa supérflua.
Ela tem 2 tatuagens, coisa que ele abomina. “ é coisa de maloqueiro!”.
Ela gosta de homens altos, fortes e que tenham pinta de garanhão. Ele é baixinho, e usa bermuda.
Ela se importa com modos, educação, tenta manter a calma, e ele? Ele perde a calma mais do que uma discada perde a conexão.
Ela adora MPB e ele ouve rap.
Alguém me diz por favor o que ela vê nesse cara?
.. vou te contar o que ela vê.
Ela vê um sorriso de uma criança frágil e um encanto que ele quase não deixa transparecer.
Ela nota um bobalhão disfarçado de boa pinta que a deixa com vontade de se aprofundar nesse labirinto.
Ela nota uma orelha diferente da outra, e um caminhar estranho e desengonçado, coisa que estranhamente ninguém nota.
Ela consegue diferenciar seu humor até mesmo por telefone, e isso a deixa com vontade de descobrir cada vez mais coisas sobre esse cara tão misterioso.
Ela vê o quanto ele tem medo de se apaixonar, e se apaixonou pela sua insegurança boba, e é o que a fez querer conquista-lo assim, mesmo sem ninguém entender.

Lu Moraes Xavier

e estou aqui, sem ver o dia passar
e as crianças brincar na rua,
nem sei se está sol ou se chove, mas
o barulho da agua caindo dos canos
e batendo no chão me responde, logo menos
um barulho de trovão acorda os sentimentos
e percebo que ainda estou angustiado,
e chateado, nada está bom nesses dias dificeis
e para ajudar, você inerte olhando lijeiramente
a luz pela janela, e não pode fazer nada
tem a liberdade, porém está preso em você.
Quando você mesmo se torna a sua solidão
e sua salvação do coração, as coisas ficam dificeis,
e por ai é desperdiçado tempo!
e fico achando que todos me esqueceram
quando meu celular toca e tem uma mensagem
de uma velha amiga que lhe diz que nunca te esqueceu.
As vezes parece que não somos importantes para ninguem
E quando menos esperamos aparece alguem que se importa
e nunca lhe esquece!

Rodrigo Rodrigues

Quando eu era criança, sonhava com coisas que não podiam acontecer!
Acho que é normal das crianças.
Eu lembro das coisas mais bizarras que eu queria:
Um gorila de estimação, casar com um principe encantado, loiro alto, olhos claros e cabelo liso, que deveria vir montado em uma cavalo branco escovado.
Ah, eu queria também voar bem alto, e conhecer uma bruxa, mas ela tinha que ter verruga no nariz.
O tempo foi passando e os sonhos de criança meio distorcidos foram se realizando.
Minha mãe não me deu um gorila, mas me deu um cachorrinho que é o meu maior xodó!
Meu principe encantado não veio em um cavalo branco, chegou de caminhonete, eu queria que fosse um cavalo, mas tudo bem, a gente pula essa parte!
Ele não era loiro, alto e de olhos claros, na verdade essas características não passavam nem perto dele, mas ele tinha uma bom humor apaixonante, e eu o coroei principe do meu amor.
Voar .. ah, eu voei altíssimo quando me apaixonei, quando li alguns livros, quando vivi alguns momentos, os meus pés continuaram no chão, mas a minha mente visitou lugares e abraçou pessoas. Esse é o melhor voo que o ser humano pode fazer.
No decorrer dos anos eu fui conhecendo varias bruxas, a primeira foi a professora, depois teve a vizinha fofoqueira e a amiga do papai!
.. elas não tinham verruga no nariz, o que foi uma decepção; Infelizmente esse pequeno detalhe não as fez menos bruxas, e eu fui aprendendo que o mundo está cheio delas, e as vezes atendem por outros nomes.
É, é assim que acontece com todo mundo, Deus amadurece os nossos sonhos e os realiza.
Hoje em dia eu tomei a frente da minha vida, e resolvi não esperar muito dos sonhos, que tem a mania de nunca acontecerem do jeito que eu espero.
Meu pai, eu queria muito trazê-lo de volta do céu, mas me contento em saber que ele está em um bom lugar, e que a sua alma todas as noites me abençoa antes de eu dormir, e zela por mim todos os dias quando eu acordo.
Eu queria também ser uma grande escritora, daquelas que o nome é conhecido por todos, não por glamour, mas por realmente entenderem do que fazem, e fazerem muito bem, mas me contento em ter alguns textos publicados em jornais, internet, e ter pessoas que leem e gostam.
.. depois eu queria um carro, mas me contento em ter dinheiro suficiente para poder pagar um taxi enquanto a mensalidade do carro ultrapassa meu orçamento.
Talvez eu não tenha amadurecido meus sonhos, mas as minhas esperas em relação aos sonhos.
Se não der aqui, a gente ajeita ali na frente, se ali na frente estiver impossibilitado a gente muda o sonho, a espera ..
E assim a vida vai seguindo .. sempre com linha e agulha na bolsa, costurando nossas meias verdades pra sugar algumas realizações.
Essa é a lei, é assim pra todo mundo.

Lu Moraes Xavier

Redescobrir Crianças


entre as flores e espinhos
nuvem de céus azulados
devemos ser únicos aqui,
nos limitis definidos em melodias

encontramos estradas
vazias, livres a andar de mão dadas
em minha face o vento sopra
variados e firmados nas pedras do tempo

E por motivo reflito.
Como é bom viver
Deixar um pouco da brisa tocar por ser diferente
Em fortes ondas mares de esperança, em cada
Criança brilha ternura

Sol e lua.
Motivos mil,
O destino é a distancia em Reinvenção...
Redescobrindo o mundo
De sonhos filtra águas dos oceanos a sombra de vidas infinitas

Thiago Lucas Correia

Quando o assunto é família, no fundo ainda somos crianças não importa o quão velho ficamos sempre precisamos de um lar para chamar de lar, um tio para chamar de tio, um primo para chamar de primo, uma mãe para chamar de mãe e uma família para chamar de minha, por isso eu agradeço a DEUS pela minha família que me ajuda nas horas que mais preciso. Pelos meus amigos, Fiéis, que mesmo com todos os meus defeitos, me escolheram para dividir as suas vidas.
Agradeço o pouco que eu tenho, pois compartilhar do pouco com quem ta comigo é tudo o que eu preciso!
Família não troco por nada, e nem por ninguém, são partes de mim, partes do meu ser. São Pedaços importantes que formam minha historia

iran mnr