Convites para Festa de 70 anos de Idade

Cerca de 1865 frases e pensamentos: Convites para Festa de 70 anos de Idade

Tatuagem

Há algo mudando...
Sinto umas borboletas adentrando
O clima é de festa
Alegria e curtição
Sabe que dia é hoje?
Hoje é o dia do EVA
Dia de vestirmos nosso abada
Esquecermos nossos problemas
Dia que iremos ser felizes
E Evoluiremos em Vibrações e Alegrias
Hoje é o dia de nos esbaldar no Axé
E pularmos como se fosse o ultimo dia de nossas vidas
Sem nos importar com os sotaques
Fazermos um coro na vibração da alegria
Com músicas que relatam nossas histórias...
Sermos felizes!
Sonharmos que somos capazes de viver da magia do carnaval
Aproveitarmos e registrarmos cada segundo, cada sorriso, cada aceno e olhar
Sempre nos lembrando de respeitar o próximo
E absorvermos toda a energia boa que só o EVA sabe exalar
Iluminando nosso coração, Saulo estará
Com Hudson, Ênio e Toreba na percussão
Iremos dançar
Alcione e Celus no naipe
A nos alegrar
Ronaldo, Adriano, Léo
Nos purificar
Fábio e Renan
Irão compor nosso Lugar da Alegria
Cantando, pulando, colorindo...
Estaremos lá
Vibrando
Amando
Eternizando
Verdadeiras
Amizades
Enobrecendo nossos corações
Viajando nas canções
Almejando a paz!

Saulo Fernandes

Eu bebo pra comemora e pra chorar sem medo.
me mostro .
dando festa dentro do meu ser
tentando curar a dor
tentando fingi que ela passa
bebo por vc
e agora caio por mim mesmo

PauloRockCesar

Eu acho a páscoa um momento para pensar no ensejo da festa cristã. O ovo de chocolate e toda aquela parafernália são detalhes que o comércio agregou nas famílias.
Renove-se,este é o momento.
Feliz Páscoa.
Beijos sabor chocolate com pimenta.

Marta Felipe

Um dia o ser humano será tão esperto(FELIZ) que não fará só festa de ano novo... fará todo dia uma festa... festa de dia novo!

FELIZ DIA NOVO À TODOS!

Cristiano de Campos

Que a alegria de seu Natal não seja apenas a festa e suas roupas novas. Que esse natal seja para todos motivo de amor, partilha e união.

Claudiney Ribeiro

Os príncipes são sapos numa festa a fantasia.

Kléber Novartes

Quase nada é tão redundante quanto chamar uma eleição de festa democrática, num país onde o voto é obrigatório.

Demétrio Sena - Magé-RJ.

Quer saber quantos amigos você tem?!
Faça uma festa. Aquelas do tipo vascão.

Quer se decepcionar com 99,5% deles?!
Fique doente.

Kléber Novartes

Passado, Presente, Futuro... e o preço para entrar na festa

Eu sempre digo muitas coisas bobas...

Eu costumava dizer: - Olha, um dia talvez, nós olharemos para trás ( o passado ) e descobriremos que de fato fomos felizes, mas quando isso acontecer já será o futuro e se no futuro dissermos isso significa o quanto esse futuro se tornou infeliz...

Isso é uma tragedia muito grande, você olhar para o seu passado e pensar nele como o ponto de felicidade em sua vida, por que para seu passado ser esse ponto de felicidade, isso quer dizer, que seu presente é infeliz e seu futuro... não lhe agrada... agora se você olha para seu passado e olha para o seu presente e acredita do fundo do seu coração que está melhor... que o mundo e as coisas lhe fizeram melhor e talvez, talvez sinta saudades de alguns momentos de seu passado, mas não pensa que seu passado foi o único ponto de felicidade que teve em sua vida, sim, posso lhe dizer, cara, você é feliz, conseguiu, alcançou a felicidade... se está rico... ótimo, se está pobre ótimo também, o que importa é que você sabe, que está melhor e que está feliz.

Eu tenho olhado para meu passado recente e a cada lembrança que ele me trás eu compreendo como esse passado foi significativo para mim a ponto de me fazer olhar para meu presente e me ver preso na tragedia que tanto evitei, a tragedia de ter encontrado uma tristeza tão grande que ela se prende em meus pensamentos tornando as coisas frias a ponto de fazer tudo se tornar negro como as trevas, e acredite em mim isso é algo assustador.

Esse passado de tantos pequenos detalhes, que hoje compreendo bem, não me deixa dormir em paz, fazem com que o ultimo pensamento em minha mente antes de fechar os olhos seja esse passado, simples, mas que tanto, tanto significava para mim, uma razão para viver, uma razão para co-existir em meio a tantas coisas.

Não quero que minha idéia de felicidade, seja uma festa onde varias pessoas que não se importam comigo fingem estarem felizes presas em seu próprio passado buscando preencher o rombo que já existe em suas vidas, minha idéia de felicidade tem uma cor, um cheiro, um sorriso as vezes vários sorrisos e tem pequenos gestos, que seriam traduzidos na mais pura prova de paciência e perseverança em dias melhores que as pessoas podem ter, em uma única palavra, esses gestos seriam de esperança de dias melhores.

Eu acreditei durante anos, que no fim da estrada que eu escolhi, tudo daria certo, eu queria tanto, tanto estar correto, queria tanto que a estrada que segui, me levasse ao final que tanto sonhei.

Mas essa noite, esse final tem apenas vários copos vazios de café, enquanto minha mente vaga em palavras que não consigo sequer pronunciar, mas consigo ver a luz desse computador ainda, e estou escrevendo isso.

E eu tenho certeza de que eu não te disse tudo que queria te dizer, nem ouvi tudo que queria ouvir, mas eu tenho certeza que o ferimento em meu peito não para de sangrar, por mais que eu me negue a deixar o sangue de minha alma escorrer pelos meus olhos é muito sangue para ser represado por um único homem.

Você queria saber o quanto eu te amo... sempre quis saber... eu te amo tanto, tanto que não durmo a dias, que não como a dias, que meu coração se rompe o ar não passa em minha garganta e não consigo emitir um som enquanto as lagrimas escorrem por meu rosto.

Eu te amo tanto que tremo enquanto choro, que olho para o nosso passado e choro no chão gelado que já esta quente, eu te amo tanto que tenho medo de jamais ser feliz...

Eu te amo tanto que preferia morrer, mas estou preso a uma promessa... e ela me mantem vivo... eu te amo tanto que choro por mim... e choro também pela sua incapacidade de compreender o que fez... e isso quer dizer que não choro apenas por mim... quer dizer que choro por ti também... e isso é terrível... terrível chorar por alguém incapaz de compreender o peso de uma lagrima...

Preciso... dormir.

Avalon Haizengard

Se não houvesse carnaval, nem futebol e nenhuma festa que ludibriasse o povo brasileiro, O Brasil já era um país de primeiro mundo.

Cello Vieira

TODO MUNDO TEM SEUS BASTIDORES...
Chegamos lindas à festa, somos elogiadas, as outras mulheres se rasgam de inveja ( todas possuem visão de raio X que detecta marcas de roupas, sapatos, bolsas , detalhes de uma maquiagem bem feita, sabem a diferença entre bege e nude). Mas para que o conjunto esteja completo você passa H-O-R-A-S se preparando. Sem falar que pode voltar pra casa acompanhada ou não.
Hoje vendo uma revista ,dessas de celebridades, notei que a nova princesa tem que estar sempre bem vestida e sorridente, de mãos dadas com o marido ( mesmo se estiverem brigados ou ela com o pé doendo de ficar horas em pé acenando e distribuindo simpatia) . A coitada nunca poderá deixar transparecer o menor descontentamento em qualquer situação. A revista anunciava uma simples repetição de um modelito! A manchete era em letras maiúsculas e em negrito.
Já imaginaram uma atriz daquelas de novela acordando de mau hálito, soltando pum ou tirando meleca? Ou aquele ator lindo de sorriso perfeito fazendo cocô?
A gente morre de inveja do marido rico daquela amiga e num belo dia ela desabafa, depois da quarta taça de vinho, que ele é o maior pão – duro e que não anda comparecendo tanto assim..
Você vive elogiando sua amiga que nunca repete uma roupa e que vai a todas as festas badaladas e ela vive devendo no cartão de crédito e cheque especial. Só descobre isso quando a compulsiva te liga pedindo dinheiro emprestado.
A gente se encanta com o discurso eloqüente daquela palestrante tão séria e tão admirada e não é que navegando na internet aquela belíssima apresentação de slides que ela usou já tinha dono?
Aquele gato sarado e marrento que todas suspiram.... Ele é noivo mas tem um caso secreto com um advogado famoso de outra cidade. Sempre desconfiei daquelas roupas e celulares caros...
Aquela vizinha barraqueira e vista por todos como A LOUCA tinha seus motivos. O marido era o maior mulherengo e ainda por cima não colocava nem sequer um realzinho em casa.
Aquela magrela e sem graça com aquele gatão? Ela é mestre, super cabeça , bem resolvida. Ele ainda faz cursinho!
O gato chega com o carro do ano mas quem paga a conta é a namorada e o carro é dela! Como aquele Deus grego tá com aquela gordinha? Ele geralmente passa a noite toda calado pois os amigos dela têm um nível de conversa que ele não acompanha.
Aquele rapaz com cara de bom moço e jeito educado . Galanteador ...Tem duas queixas na polícia por agressão.( Não se iluda baby, quem bate em uma bate em TODAS é só uma questão de tempo).
Somos movidos pelas aparências, adoramos e priorizamos os que são bonitos por fora, julgamos , condenamos e rotulamos: Os feios, os gays , as gordas, os burros, os interesseiros... em questão de segundos. Somos julgados e condenados também nas nossas mínimas ações. Mas qualquer espetáculo tem seus bastidores e nem sempre é tão glamouroso assim. Uma sábia amiga sempre diz: “Vai comer um quilo de sal junto”.

Maria Carolina Oliveira

Na vida nós temos muitas decepções, ficamos de luto e ficamos em festa, mas nós só temos certeza de uma coisa: Que um dia nós iremos embora desse mundo deixando coisas e pessoas para trás. Por isso e por outras coisas que vc nao deve desperdiçar as oportunidades e nem baixar a cabeça para as dificuldades porque só vc sabe o que vc passou todo esse tempo...

Junior Alves

Chama os muleke, cara
Joga as carne na brasa
Chama as amiga e faz a festa lá em casa

Cone Crew Diretoria

A vida é uma festa, mas as vezes me sinto tratado como penetra.

Dario M Farrapo - 10.03.2009

Festa Junina


Com rimas e versículos
através deste poemeto
queremos que todos façam
um animado coreto.

Usando substantivos estudados
de gênero, número e grau
falaremos de uma festa
que todos acharão legal.

Nesta festa vem caravanas
de tertúlias, súcias e camarilhas
vem farândolas curiosos
observar a girândola e a quadrilha.

A rádio da cidadela
está sempre a anunciar
que não faltem à festança,
onde teremos: banda, bandeirolas
e fogueira para pular.

Durante a festa junina
os rapazelhos servirão:
os pés de moleque, as porciúnculas de batatas-fritas,
os guaranás, os champanhas e os quentões.

A multidão está ansiosa.
Os mocetões, as mocetonas e os anciões
ganharam picadas de zângão e,
logo começaram as comichões.

A quadrilha começou
é uma dança de par em par:
o colega com a colega, o aluno com a aluna,
até o frei e a soror dançam sem parar.

As pessoas que dançam
criam uma nova identidade.
Se vestem de farândola e até de panapaná,
deixando fantasiadas a ruela e a cidade.

Na platéia, lá pelas tantas,
debaixo de uma linda constelação,
se ouve um vozeirão.
O batalhão ficou atento,
pois havia uma coorte
querendo acabar com a animação.

O cabeça da coorte foi preso,
o anátema foi feito.
Tudo voltou ao seu lugar
o arraial não foi desfeito.

(Rosa Ângela)

Rosa Ângela Falqueto Gióri

FIM DE FESTA

Se quem você ama vive de ameaças,
A abandonar-te, deixar-te, coisa assim!
E usa sempre isso pra fazer trapaças,
Falando em constância de um provável fim.

Se quem você ama vive de pirraças,
Apenas pra enervar-te ou algo mais alem
E às vezes se desmancha em graças
Fazendo-te inferior a outro alguém.

Se quem você ama, só te vê defeitos
Questionando sempre seus conceitos
E nem mais pedindo tua opinião.

Então se acabou!... Fim!... Final de festa...
Recolha o pouco orgulho que te resta,
E procure abrigo noutro coração.

Jenário de Fátima

De repente a gente se encontra numa esquina, num outro planeta, num meio de uma festa ou de uma fossa, a gente se encontra, tenho certeza.

Caio Fernando Abreu

Amar é ter o coração em riso e festa;

Gonçalves Dias

Meu nome,Eu escolhi,Minha Idade, eh a que me dão,So sigo as regras Que eu Crio.
Vai me julgar??
Pode começar,pena que tenho de viver agora e não posso te dar Atenção!!!

Crê Schroeder

Não somos mais
Que uma gota de luz
Uma estrela que cai
Uma fagulha tão só
Na idade do céu...

Não somos o
Que queríamos ser
Somos um breve pulsar
Em um silêncio antigo
Com a idade do céu...

Jorge Drexler