Condenação

Cerca de 102 frases e pensamentos: Condenação

Neste mundo onde os erros são constantes e já fazem parte da nossa rotina, a condenação é a virtude dos fracos, o perdão dos fortes, o orgulho dos tolos e a humildade dos sãos.

Afonso Allan

Deveras, não há maior condenação.
Todo o resto é disfarce, e só aqui regurgitarei os estilhaços cravados por dentro.
Como pontas de vidro dilacerando a carne se esquiva em tempo ambíguo, encontra final vago, ou representa recomeço de histórias repetitivas, da dor esquecida, eterna atormentação.
E as vozes se perdem e se confundem atiradas ao silêncio um segundo antes do pânico.
Estúpida existência, esvazia-se os sentidos e preenche-se de nada todo o vácuo que subsiste por tanto tempo.
Faça dos gemidos obscuros coragem para resignação. Das vazias lembranças desgosto, e todo o sono frenesi perdurável mesmo após amanhecer.
Que toda hesitação seja dilacerada e se perca no pretérito; todas as ruas chãos de remorso, onde a morte se esquive e todos os minutos sejam representação do tormento.

Itarcio A. L.

Escrever as vezes parece alívio, outras condenação.

Itarcio A. L.

E cada erro meu , parece uma condenação atrás da outra , e isso me entristece , me desanima , e sei que em ti eu posso ser forte , sei que sou pobre pecador , mas perdoa - me Senhor . Pai amado , tenha misericórdia de mim . Devo lhe agradecer com todo o meu coração pela minha vida , pela minha família , cada parente meu , seja o mais próximo ou o mais distante , que o Senhor possa enviar os teus anjos ao lar de cada um , que possa entrar com providência nos problemas deles que eu não sei quais são , mas tu sabes ó Pai . Que o Senhor guarde todas as pessoas que eu amo , isso inclui minha vida , a vida dos meus familiares , a vida do meu namorado , a vida dos meus amigos , e até a vida dos que eu não tenho muita afeição , e se existir alguém Senhor que não vá muito com a minha cara , eu peço que abençoe Senhor , pois eu amo o meu próximo , e eu jamais desejaria mal . Por isso Deus , que estou aqui de coração aberto , ouve a minha singela oração Paizinho , guarda o MUNDO de tanta maldade , livra , cura , liberta , o senhor é Deus dos impossíveis . Que a cada dia , o Senhor possa me dar entendimento e sabedoria , que a cada dia mais eu possa me prostrar na tua presença .. e me perdoa Senhor , pelas vezes que eu não busquei a tua face , pelas vezes que não guardei um momento contigo , me perdoa Senhor .. Me perdoa , pois sei que sobre a minha vida , o teu amor é infinito , e por não ser merecedora de tanto amor , eu lhe peço perdão Pai . Obrigada por me aceitar assim , do jeitinho que sou , me ajude a melhorar naquilo que preciso , me renova mais e mais , me quebra e me molda outra vez . É o que eu te peço Senhor , e te agradeço em nome de Jesus .

Lais Oliveira

A DEUS-ROMANOS OITO ®

A grande vida debaixo da graça de DEUS
Nenhuma condenação á para aquele que esta em Cristo Jesus
Que não andam segundo a carne
Mais segundo o espirito. (de JESUS)

Porque Jesus te livrará, do pecado e da morte
Porque Deus o Enviou em semelhança de carne
Pelo pecado condenou, o pecado na carne
Para que a justiça de Deus estivessem em nós.

Porque quem anda segundo a carne
Inclinam-se para as coisas da carne
Mas quem andam segundo o espirito
inclinam-se para as coisas do espirito.

Porque a inclinação da carne é a morte
Mas a inclinação do espirito é a vida e paz
Porque a inclinação da carne é a iniquidade contra Deus
Então ame o espirito. (de JESUS)

Porque Jesus te livrará, do pecado e da morte
Porque Deus o Enviou em semelhança de carne
Pelo pecado condenou, o pecado na carne
Para que a justiça de Deus estivessem em nós.

bY: banda OVER HEAVEN
LETRA: Rafael Justino

Rafael Justino da Silva

Julgamento é ferramenta de apuração, condenação é ferramenta de contundência.

Murillo Leal

No âmbito da religião a condenação é pior do que o castigo final.

Jackson Oliveira

PORTANTO, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito.

Romanos 8:1

O crente é tão acostumado com uma mensagem carregada de condenação que tem prazer de falar "O salário do pecado é a morte", mas o versículo não termina ai, ele continua com o "escape" de Deus em seu filho; mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor. Troque as palavras de condenação pelas palavras de vida eterna.

Tiago Belinha

Você me condenou a te amar, e quero cumprir essa condenação eternamente.

Adriane Victal

Enquanto a voz da condenação for maior que a voz do amor eles não vão conseguir ouvir Jesus.

Sim, Jesus é modelo de retidão. Só que se esquecem que suas marcas registradas também são a mansidão e o perdão.

Tainah Ferreira

Se existe ainda qualquer argumento de condenação este morreu na cruz de Cristo!

gilberto angelo begiato

Pelo visto, todos sairão impunes por falta de provas convincentes para embasar a condenação dos supostos Réus do Mensalão. Fiquem de olho!

Luiz Maria Borges dos Reis

Num mundo repleto de condenação e morte,
Ouso ter voz evangélica, profética, poética
E afirmar que família é lugar de união e ressurreição.
Família é solo divino em terras humanas...

Néreo Wilker

A profundidade da aflição é para nos livrar da profundidade da condenação. Que nós sempre justifiquemos a Deus; quando a nossa condição exterior for a pior possível, que possamos dizer: “Ainda assim, Deus é bom”.

Thomas Watson

É a dor de carregar alguém conosco. É a condenação eterna por um erro do qual não temos culpa. É sentir que tudo o que possuis é uma perda incalculável. É olhar para o céu e conseguir enxergar mais do que nuvens ou estrelas. É correr sem parar e não conseguir se cansar. É tomar banhos de chuva cada vez mais demorados, e agir como se não sentisse nenhuma gota tocando sua pele. É sussurrar palavras suaves sobre alguém que talvez você nem conheça tão bem. É um nome no meio da infinidade. É um desafio no meio do inalcançável. É uma perda no meio das conquistas. É uma rosa que brota em um deserto povoado pelo vento. É uma conseqüência no meio dos riscos não sentidos. É um momento que poderia ser ignorado como tantos outros. É uma lembrança de uma conversa que nunca acontecera. É uma memória que se tem de um momento nunca vivido. É sobrepor consigo o retorno de quem nunca partiu de fato. É ver um filme e chorar não pela história, mas pelo impacto que a dúvida de quem se ama está sentindo o mesmo por você ou não. É escrever coisas absurdas pensando em alguém que talvez nunca leia. É olhar para alguém que senti no começo apenas uma atração, e ver se a mesma pessoa carrega uma aliança em seu dedo. É passar todos os dias em frente ao lugar que viu aquela pessoa pela primeira vez, na esperança de poder revê-la, mesmo sem muita coragem de cumprimentá-la. É ouvir uma música e sentir que está dançando com a pessoa que você tanto cobiça. É uma coisa que vale mais do que qualquer diamante, até mais do que uma vida. É uma coisa que sabe que sem ela, você perde um pouco os sentidos. É uma sensação de liberdade que te prende. É uma forma inusitada de chamar loucura de sentimento. É uma forma meio perdida de se fazer o que quiser na direção que leva o vento. É uma esperança que nunca morre. É uma coisa que você sabe que nunca te trairá, e se acontecer, você irá perdoar. É um momento que você nunca esquece, apesar de substituí-lo várias vezes por momentos sem significado algum, mas que você encara como uma forma sensata de viver a vida sem algemas. É um momento que você implora para ter todos os dias. É uma sensação que te livra do mundo por instantes. É acima de tudo, uma conseqüência formada de carne e sonho.

Denis Scarpa

REFÉM

Algemada, fruto do meu coração
Consumada, minha própria condenação...
Viver sem ti, é estar sem mim
Mesmo sabendo aonde estou
Certo de que nada sou.
Certo demais,
De que não sou capaz.

Confinado, olhos da minha razão
Fustigada fio da minha canção.
lembro os teus olhos
Entre as vidraças
Te acostumando ao pavor
E eu me entreguei ao sabor
Da mesma pena e da mesma dor.
_________________
naeno*comreservas

Naeno Rocha

Cristãos Não São Reprovados por Deus para Condenação

Era de tal ordem a resistência de alguns cristãos coríntios que Paulo disse, no 13º capítulo da 2ª epístola que lhes escreveu, que se valeria do testemunho de duas ou três pessoas, conforme a norma da disciplina evangélica, que confirmariam o modo desordenado de vida dos que deveriam ser confrontados quando ele fosse ter com eles, e que desta vez, não lhes perdoaria, e seriam submetidos à disciplina da aliança que tinham com o Senhor.
Eles estavam lhe tentando a demonstrar que Cristo falava realmente por seu intermédio, apesar de terem visto a forma poderosa como Ele havia operado entre eles através do seu ministério.
O próprio Cristo foi crucificado por meio de sofrimentos suportados pacientemente em fraqueza, no entanto vive agora pelo poder de Deus.
De igual modo os seus ministros, ainda que fracos, vivem manifestando por toda parte o poder de Deus, o qual opera nos seus ouvintes.
Todo cristão deve portanto fazer um auto exame diário, e colocarem à prova não os outros, mas a si mesmos, para verem se têm permanecido na fé.
Os que são de Cristo têm a habitação de Cristo. Caso contrário, é porque já estão condenados.
No entanto, os cristãos verdadeiros não são reprovados para condenação eterna (v. 6).
Mas nenhum cristão deve se gloriar simplesmente nesta verdade, mas fazer valer e manter a vocação para a qual foi chamado por Deus de praticar o bem segundo Cristo, e não viver mais na prática do mal.
Porque se existe uma aprovação por Deus que é incondicional, por pura graça, relativa à nossa filiação e aceitação, no entanto, há uma outra aprovação quanto ao nosso modo de viver, que deve ser segundo a verdade e a justiça.
Viver portanto no pecado é viver de modo reprovado quanto à santificação, ainda que não sejamos reprovados quanto à nossa justificação, porque esta não foi dependente de nossas boas obras, senão dos méritos exclusivos de Cristo, da fé e da pura graça, sem o concurso das nossas obras (v. 7).
Então nenhum cristão terá o seu comportamento aprovado por Deus caso não esteja andando na verdade, porque não se pode ir contra a verdade quando se é de Cristo, senão viver pela verdade.
Paulo não se importava portanto com o que dizia respeito à sua fraqueza humana, ao contrário, se regozijava nisto, porque era por meio dela que se manifestava a graça e o poder do Senhor, que fortalecia os cristãos coríntios, e que lhes aperfeiçoava.
O intuito de tantas admoestações, exortações e repreensões tinham em vista conduzir os coríntios ao retorno à santificação de suas vidas, de modo que o apóstolo não necessitasse usar de rigor quando estivesse com eles, porque afinal, o poder que os ministros receberam de Cristo visa à edificação e não à destruição do Seu rebanho.

Silvio Dutra

Livres da Condenação Eternamente



Deus afirma na Bíblia que tem prazer em salvar e que Seu braço nunca se recolherá para que não possa remir. E nunca lhe faltará poder para livrar do mal.
Então a consequência de falta de atendimento à convocação à reconciliação, o resultado é principalmente morte espiritual, que é a condição de espírito resultante da falta de comunhão com Deus.
Os que buscam o Senhor Jesus sempre receberão dEle palavras boas para instrução e para edificação e consolação porque não fala por Si mesmo, mas pelo Pai. E demonstrou isto fartamente em Seu ministério terreno.
O Pai Lhe sustentou na angústia, especialmente nos momentos que acompanharam a Sua morte, de modo que não recuou, ao contrário, ofereceu-se voluntariamente para ser ferido em suas costas com as chibatadas que recebeu dos soldados romanos, e para que sua barba fosse arrancada e não se envergonhou e não deixou de contemplar corajosamente os rostos daqueles que lhe cuspiam na face.
O Pai lhe amparou naquela hora difícil e por isso não se sentiu confundido, e pôde assim fazer o seu rosto como uma rocha inabalável, porque sabia que não seria envergonhado, antes glorificado e engrandecido pela Sua aflição e morte.
Não foram os homens os seu juízes naquela hora, porque a Sua morte foi injusta da parte dos homens, mas justa aos olhos de Deus, não propriamente por ter cometido alguma transgressão, ou por ter algum pecado, mas porque carregou os nossos pecados sobre Si, e era a ofensa dos nossos pecados que estava sendo visitada pelo juízo de Deus naquela hora de terrível angústia e dor, que o Senhor suportou por nós e em nosso lugar.
Foi o Pai que fez com que Ele fosse feito pecado por nós, para que pudéssemos ser feitos justiça para Deus.
Quem quiser contestar esta justiça divina deve apresentar-se ao próprio Cristo para que juntos sejam julgados por Deus.
Afinal foi justo o que o Pai fez por nós pelo Filho?
O Filho afirma que Ele foi justificado pelo Pai em tudo o que fez. Quem é então o homem para contender com Deus e para contestar tal obra, se apresentado como adversário de Cristo?
Se é o Pai que justifica o Filho, então aqueles que foram alvo da obra do Filho em Suas vidas, convertendo-se a Ele, são também justificados por Deus.
Assim quem intentará acusação contra eles?
Quem os condenará?
Os que ousarem fazer isto perecerão e envelhecerão como um vestido e serão consumidos pela traça do pecado, que destrói oculta, silenciosa e progressivamente.
Então, aqueles que temem a Deus devem ouvir a voz do Messias.
Os que andam em trevas e que não têm luz devem simplesmente confiar no nome de Jesus e se firmarem, não em suas próprias convicções, mas no seu Deus.
Agora, aqueles que não atenderem tal convocação e continuarem se cingindo com o fogo do inferno, permanecerão andando em tais labaredas de tormento e serão atormentados para sempre pelo Senhor na morte espiritual eterna.
Porque o evangelho, é aroma de vida para a vida nos que se salvam, e cheiro de morte para a morte nos que se perdem.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx


A Bíblia não foi produzida pela inspiração do Espírito Santo de Deus com o mero propósito de narrar a história da redenção, mas revelar a nossa necessidade de redenção do pecado, como também o modo de obtê-la. Por esta revelação somos alertados quanto ao perigo de permanecer na condição de não sermos justificados do pecado, pois se há um futuro de glória esperando pelos redimidos pela fé em Cristo, há um destino horrível aguardando por todos os que não forem redimidos.

A revelação foi feita por Deus através da história de Israel no período do Velho Testamento, porque Ele falava por meio desta nação no citado período.
Veja tudo sobre as Escrituras do Velho Testamento no seguinte link:
http://livrosbiblia.blogspot.com.br/

Como a redenção é operada exclusivamente por meio de Jesus Cristo, de quem as Escrituras do Velho Testamento dão testemunho, então, quando Ele se manifestou há cerca de 2.000 anos atrás, não somente a redenção começou a alcançar todas as nações da Terra, bem como o seu testemunho passou a ser dado não mais pela nação de Israel, mas através da Igreja, conforme se vê no Novo Testamento.
Veja tudo sobre as Escrituras do Novo Testamento no seguinte link:
http://livrono.blogspot.com.br/

A Igreja tem testemunhado a redenção de Cristo juntamente com o Espírito Santo nestes 2.000 anos de Cristianismo.
Veja várias mensagens sobre este testemunho nos seguintes links:
http://retornoevangelho.blogspot.com.br/
http://poesiasdoevangelho.blogspot.com.br/

A Bíblia também revela as condições do tempo do fim quando Cristo inaugurará o Seu reino eterno de justiça ao retornar à Terra. Com isto se dará cumprimento ao propósito final relativo à nossa redenção.
Veja a apresentação destas condições no seguinte link:
http://aguardandovj.blogspot.com.br/

Silvio Dutra

Como Agir nos Fracassos



Nossos fracassos não são para que passemos uma condenação em nós mesmos e muitos menos nos outros, mas são uma chamada de Deus para orarmos. Não temos orado o tanto quanto deveríamos, e por isso os problemas se multiplicam ao nosso redor, e parece até mesmo muitas vezes que Deus nos abandonou ou que se esqueceu de nós, quando na verdade, somos nós que temos nos esquecido de Deus, de irmos continuamente a Ele em oração. Por isso Ele permite estas coisas para que voltemos a clamar a Ele por socorro.
Não é fácil prevalecer com Deus em oração quando as coisas se tornam cada vez mais difíceis. Quando vemos que aqueles que deveriam dar bom testemunho de Cristo, se tornam ao contrário, motivo de escândalo para a Igreja e para o mundo. Mas é preciso fortalecer-se na graça do Senhor, revestir-se de toda a longanimidade, conforme nos ordena a Palavra, e nos entregarmos a uma intensa vida de oração para que o poder seja derramado, lá do alto sobre nós.
Se isto não ocorrer, muito do nosso esforço e trabalho será em vão.

Silvio Dutra