Comemoraçao de Namoro

Cerca de 618 frases e pensamentos: Comemoraçao de Namoro

Se eu morrer...

Se eu morrer...
Quero comemoração
Não o clima de velório
Quero fogos de artifícios
Um samba canção me homenageando
Cerveja gelada para acompanhar
Uma bandeira do meu time para eu levar
Brincadeiras a minha volta a me velar
E sorrisos por finalmente eu me libertar...

Se eu morrer...
Não se deixe entristecer
Nem ouse por mim chorar
Porque estarei sorrindo e cantando
Por onde a morte me levar...

Se eu morrer...
Estarei partindo feliz
Por saber que aqui não é meu lugar
Porque aqui nunca fui feliz
E me sinto egoísta por não agradecer
A vida que eu tenho e que me cobram
Louvar a Deus a todo instante
Pela minha saúde constante...

Se eu morrer...
Terá enfim chegado ao fim
A grande misão que me foi destinada
E com a qual fui predestinada
A viver num tempo que não gosto
E por isso me confundem com amarga...

Se eu morrer...
Não faça drama por mim
Porque o morto é reposto
No novo que vai nascer
E o tempo te fará me esquecer...

Elian VS

A mais antiga comemoração dos dias das mães é mitológica. Na Grécia antiga, a entrada da primavera era festejada em honra de Rhea, a Mãe dos Deuses.

O próximo registro está no início do século XVII, quando a Inglaterra começou a dedicar o quarto domingo da Quaresma às mães das operárias inglesas. Nesse dia, as trabalhadoras tinham folga para ficar em casa com as mães. Era chamado de "Mothering Day", fato que deu origem ao "mothering cake", um bolo para as mães que tornaria o dia ainda mais festivo.

Nos Estados Unidos, as primeiras sugestões em prol da criação de uma data para a celebração das mães foi dada em 1872 pela escritora Júlia Ward Howe, autora de "O Hino de Batalha da República".

Mas foi outra americana, Ana Jarvis, no Estado da Virgínia Ocidental, que iniciou a campanha para instituir o Dia das Mães. Em 1905 Ana, filha de pastores, perdeu sua mãe e entrou em grande depressão. Preocupadas com aquele sofrimento, algumas amigas tiveram a idéia de perpetuar a memória de sua mãe com uma festa. Ana quis que a festa fosse estendida a todas as mães, vivas ou mortas, com um dia em que todas as crianças se lembrassem e homenageassem suas mães. A idéia era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais.

Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. A primeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o governador de Virgínia Ocidental, William E. Glasscock, incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. Rapidamente, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração.

Finalmente, em 1914, o então presidente dos Estados Unidos, Woodrow Wilson (1913-1921), unificou a celebração em todos os estados, estabelecendo que o Dia Nacional das Mães deveria ser comemorado sempre no segundo domingo de maio. A sugestão foi da própria Anna Jarvis. Em breve tempo, mais de 40 países adotaram a data.

"Não criei o dia das mães para ter lucro"

O sonho foi realizado, mas, ironicamente, o Dia das Mães se tornou uma data triste para Anna Jarvis. A popularidade do feriado fez com que a data se tornasse uma dia lucrativo para os comerciantes, principalmente para os que vendiam cravos brancos, flor que simboliza a maternidade. "Não criei o dia as mães para ter lucro", disse furiosa a um repórter, em 1923. Nesta mesmo ano, ela entrou com um processo para cancelar o Dia das Mães, sem sucesso.

Anna passou praticamente toda a vida lutando para que as pessoas reconhecessem a importância das mães. Na maioria das ocasiões, utilizava o próprio dinheiro para levar a causa a diante. Dizia que as pessoas não agradecem freqüentemente o amor que recebem de suas mães. "O amor de uma mãe é diariamente novo", afirmou certa vez. Anna morreu em 1948, aos 84 anos. Recebeu cartões comemorativos vindos do mundo todos, por anos seguidos, mas nunca chegou a ser mãe.

Cravos: símbolo da maternidade

Durante a primeira missa das mães, Anna enviou 500 cravos brancos, escolhidos por ela, para a igreja de Grafton. Em um telegrama para a congregação, ela declarou que todos deveriam receber a flor. As mães, em memória do dia, deveriam ganhar dois cravos. Para Anna, a brancura do cravo simbolizava pureza, fidelidade, amor, caridade e beleza. Durante os anos, Anna enviou mais de 10 mil cravos para a igreja, com o mesmo propósito. Os cravos passaram, posteriormente, a ser comercializados.

No Brasil

O primeiro Dia das Mães brasileiro foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou a data no segundo domingo de maio. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica.

Origem do dia das mães

As mulheres são tão especiais que não merecem apenas um dia de comemoração, mas sim toda a eternidade...

Vitor Durão

O Três de Copas, significava a comemoração, exuberância, amizade, companheirismo - a formação de um laço em busca de um objetivo comum. Porém, as cartas podem ser tomadas em sentido contrário, e a comemoração se transformar em autocontemplação e isolamento.

Anthony E Zuiker

Sem pressa
Depois dos atribulados preparativos e da breve comemoração o negócio agora é tirar o pé do acelerador.
Acabou-se 2.011 numa fração de segundo.
O foguetório durou um pouco mais.
Bem vindo 2012, com toda a riqueza que é viver e com toda a complexidade que é viver bem.
Não gosto de excesso de otimismo e menos ainda de pessimismo.
Num dos raros casos que o meio termo é a melhor opção fico com o realismo.
Tem gente que vai começar o ano com um horroso show de pagode.
E tem gente que vai dar continuidade a uma vida que é já é um show.
De horrores.

Marinho Guzman

Acho que seria inteligente considerar adiar sua comemoração por um momento.

Van Kleiss Mutante Rex

Não haverá comemoração
Nem viagens, nem planos
Não existirão mais sonhos...
Só o vazio, a vida real e uma certeza
Também não haverá desilusão

Tuca Tomaz

Me desculpem os que amam o carnaval, mas não consigo me simpatizar com uma comemoração que máscara a libertinagem.

Gabriela Stacul

tudo oque vem facíl que não tem luta, não existe motivos para comemoração...

Guto Frantz

O dia dos namorados.

Não vou repetir quantos e quais são os dias que têm comemoração programada, mas é um tal de viver às voltas com a obrigação de fazer alusão, comemorar, lembrar de parabenizar, presentear e recriminar ou ser recriminado por esquecer da tal data, que me pergunto, para que existem os outros dias.
Se você se lembra ou se esquece de presentear a sua namorada,só no dia dos namorados, no aniversario dela e no natal, está correndo o sério risco de não festejar o prazer de fazê-lo todos os dias, todas as horas, a semana inteira, o mês todo e ano a ano, cada vez com mais intensidade.
Dia dos namorados são todos os dias de duas pessoas que se amam e não deve haver nenhuma preocupação em marcar dia, hora ou mês.
O melhor presente que você pode dar ou receber da sua namorada é saber que você é dela e ela é sua, e cada palavra que você dá ou recebe com amor é o maior presente.

Marinho Guzman

Era dia de comemoração em nosso relacionamento, queria me declarar, mas estava totalmente sem inspirações. Resolvi então abrir a bíblia e li sobre uma juíza chamada Débora. Meditei sobre sua vida e então decidi que lhe escreveria uma carta. Foi quando desci ao pomar, sentei-me sob a sobra de uma Nogueira; desenvolvi ali, naquele papel, a mais linda das declarações que você poderia receber um sua vida. Por que? Simplesmente pelo fato de tais palavras terem sido extraídas do meu coração e não de um simples romance ou seja lá de onde for. Mas, contudo, o que importa é que ninguém, nem mesmo um da Silva mudará isso. Já está escrito. A carta já foi selada. Não tem mais volta. Embarcamos em uma nave de amores e paixões, onde o piloto jamais erraria o destino. Onde? Destinatário: Débora Nogueira da Silva.
Você recebeu a carta e, com o coração aos pulos, abriu-a. Mensagem: "Eu te amo, minha eterna namorada!".

Renan Peres Ferro

Onde estão os fogos?

A cada natal que passa,
Menos se solta fogos de artifícios
Em comemoração ao nascimento do Nosso Senhor
E Salvador Jesus Cristo.

Será que o povo está dividindo
A glória de Deus por outros deuses?
Será que estão depositando as suas confianças
Em quem não pode salvar?

Será que estão valorizando mais o momento vivido,
em detrimento da Paz Vindoura?
Confesso que não sei, mas sugiro a todos
Que reflitam como andam as suas vidas.

Que tipo de relacionamento
Estão tendo com o Senhor neste momento.
Se a confiança está abalada,
Por causa dos homens vendilhões do templo.

Saibam que Deus não compactua com eles.
Jesus pagou um preço muito alto pela nossa salvação.
Ele não dará nenhum por inocente,
Portanto, volta pra casa enquanto há tempo.

Solte bastante fogos de artifícios,
Assim o Rei renascerá outra vez dentro de você
A paz será algo possível de ser alcançada novamente
E todos a sua volta saberão o real significado do natal.

Djalma CMF

O simples fato de estar vivo e abrir os olhos todos os dias, pede comemoração!Queixas pelas agruras da vida, pedem reflexão. Viver vale a pena,seja qual for a ocasião.

Geise de Oliveira

É interessante notar que todos que se sentem oprimidos queiram ter seu dia de comemoração: dia da criança, dia da mulher, dia do idoso, dia do negro, dia do homossexual e tantos outros. Sugiro que seja criado o dia do mendigo, do gordo, do feio, do analfabeto, do amarelo, do branco, do adulto, do novo, do baixo, do casado, do rico, do sadio, do civilizado etc. Pura bobagem! Enquanto houver esses tristes apelos o mundo será uma estonteante e beligerante droga, um mar de preconceitos. Somos todos irmãos!

Nelson Barh

Feliz dia do homem para você que se comporta como um. Para os demais , favor aguardar a comemoração do dia das crianças!

EdelziaOliveira.

Quero te dar um presente que você poderá abrir agora e sentir o aroma tão especial, porque este presente eu tirei do meu coração, que é o meu amor por você.
Já não sei o que fazer sem o teu carinho, sem tuas palavras e gestos que me fazem sorrir. A cada momento que estou ao seu lado, aprendo que o verdadeiro amor e amizade existem, mesmo quando ficamos distantes um do outro, o seu cheiro está em mim. Ao seu lado aprendi o que é o amor e tantos outros sentimentos que vêm do amor.
Agradeço ao Universo, destino ou coincidência por terem colocado você em meu caminho, que me acolhe, me passa confiança rumo à vida.
Você significa muito para mim, está sempre por perto, fazendo parte da minha história, suaviza o meu caminho, mesmo em sua ausência não sinto a solidão, porque até no soprar dos ventos, te sinto ao meu lado. E nessa grande aventura da vida, caminharemos juntos até o fim, porque eu te amo, mesmo nos dias escuros, tristes e feridos estarei nos teus braços de corações entrelaçados, com toda a força do nosso amor.

Samanta Bernardi

Um pequeno segredo de longevidade no casamento: Namorar todos os dias, o namoro é a fonte de energia para um casamento eterno.

Casamento matrimônio Casal Bodas Namoro Longevidade Energia Eterno

Apesar do que muitos dizem o amor realmente existe. Passamos a vida inteira em busca de pessoas que nos preencham verdadeiramente e passam-se os anos e essas buscas tornam se mais constantes. Até o dia que você encontra alguém que realmente te preencha completamente, te fazendo ser um alguém totalmente diferente do que você imaginava ser.
A vida é sempre uma aventura, e às vezes ficamos com medo de errar, mais nos esquecemos que o medo é necessário para aprendizagem. Portanto não tenha medo de errar, de se machucar porque uma hora as coisas acabam dando certo, pois nada nessa vida é por acaso e sempre há um propósito maior.

Caio Cesar Braz e Jessyca Dantas de Lima Rocha em 28 de Fevereiro de 2013 - 7 meses de namoro

Pensei em centenas de coisas para te dizer quando me pediu pra voltar. Sim. Não. Talvez. Quem sabe. Podemos tentar. Mas, eis: minha resposta:
Partiu novo amor. Partiu novos planos. Partiu. Parti. Tchau!

- Ana Santos

Umavidaentreparenteses.blogspot.com.br

Nunca termine um namoro por desconfiança mas sim comese por uma confiança!!!

eraldo torres