Cartoes Religiosos

Cerca de 180 frases e pensamentos: Cartoes Religiosos

Cartões de Natal
coloridos, tão iguais!
Mas este, ah... o amor...

Teruko Oda

Devemos nos esforçar para melhorar nossos valores interiores, independente de religiosos ou não.

Dalai Lama

Humildade e cortesia são atos religiosos.

Textos Islâmicos

O amor comeu meu nome, minha identidade, meu retrato
O amor comeu meus cartões de visita
O amor comeu minhas roupas, meus lenços, minhas camisas
O amor comeu meus remédios, minhas receitas médicas, minha dieta
O amor comeu todos os meu livros de poesia
O amor comeu meu Estado, minha cidade
O amor comeu minha paz, minha guerra, meu dia e minha noite
Meu inverno, meu verão
Comeu meu silencio, minha dor de cabeça
O meu medo da morte

João Cabral de Melo Neto

Há religiosos que são como médicos doentes: são capazes de indicar a cura, mas não usam para si o remédio que oferecem.

Augusto Branco

Um depois do outro
Chegam os cartões de Natal
- Saudade dos amigos.

Mary Leiko Fukai Terada

Um depois do outro
Chegam os cartões de Natal
- Saudade dos amigos.

Mary Leiko Fukai Terada

Nós assinamos nossos cartões com as letras BFF*
Você tem um milhão de maneiras de me fazer rir
Você olha por mim, você me protege
É muito bom ter você por perto

Você conhece os segredos que eu nunca poderia contar
E quando eu estou quieta, você atravessa meu silêncio
Não sinto a necessidade de dar um grito rebelde
Porque você mantém meus pés no chão

Você é um verdadeiro amigo
Você está aqui até o fim
Você me ajuda
Quando alguma coisa não está certa
Conversa comigo agora e à noite
Até tudo estar bem de novo
Você é um verdadeiro amigo

Você não fica bravo quando eu mudo os planos
De alguma forma suas segundas chances nunca acabam
Não diz "Eu te avisei" quando eu estou errada de novo
Eu sou tão sortuda por ter achado...

Um verdadeiro amigo
Você está aqui até o fim
Você me ajuda
Quando alguma coisa não está certa
Conversa comigo agora e à noite
Até tudo estar bem de novo
Você é um verdadeiro amigo

Amigos verdadeiros vão até o fim do mundo
Até eles acharem o que você precisa
Amigos aguentam durante os altos e baixos
Porque eles têm alguém em quem acreditar

Um verdadeiro amigo
Você está aqui até o fim
Você me ajuda
Quando alguma coisa não está certa
Conversa comigo agora e à noite
Não precisa fingir
Oh, você é um verdadeiro amigo
Você está aqui até o fim
Você me ajuda
Quando alguma coisa não está certa
Conversa comigo agora e à noite
Até tudo estar bem de novo
Você é um verdadeiro amigo
Você é um verdadeiro amigo
Você é um verdadeiro amigo

Brunna miley cyrus

Homens adultos não existem. O que existe são garotos grandes com cartões de crédito.

Leon Oliveira Martins

Não sou religioso. Respeito todas as crenças, mas os religiosos não têm nenhum respeito pelas pessoas sem fé.

Drauzio Varella

O deus de muitos religiosos não passam de deuses manipulados por seus demônios senhores

Cleiton Ferreira Rocha

Ele merece uma família. Merece colorir cartões no Dia das Mães, brincar com os primos num final de tarde.
Merece que os pais o levem nas festinhas juninas, nos zoológicos, nos circos e em tudo o que possa fazê-lo sorrir.
Sorrir muito, muito, até a solidão estar completamente superada. Ele não merece chorar até dormir em algum berço frio. Não merece aprender as palavras vovó, tio, família, sem ter noção do que elas representam.
Merece colocar estrelas numa árvore de Natal, merece ser amado sem nenhuma distinção se veio da barriga ou de um abrigo.
Merece sorvetes e algodões doces, pipocas, estreia de filminho infantil no cinema, balões, animais de estimação.
Merece um bolo de chocolate saído do forno no final de um dia de muitas brincadeiras.
Merece beijos e mordidas. Balanços, escorregadores e rodas gigantes.
Conhecer a praia, brincar no mar e dormir de exaustão no colo da mãe com a cara suja de chocolate.
Merece tantas coisas e o que podemos fazer é rezar para que cada dia mais corações optem pela adoção e que a fila ande.
Assim ele conhecerá outras filas muito mais divertidas, segurando nas mãos de pessoas que o amam, protegem e que ele teve o poder de completar o que lhes faltava: UM FILHO

joana paes

Geração Bonecos

Somos a geração dos cartões de crédito,
dos aparelhos celulares, da alta tecnologia e da internet.
Somos a geração do "conhecimento" diplomado,
do clique, copie e cole.
A geração do trânsito, dos fast-foods, do meio ambiente
e do ecologicamente correto.
A geração do umbigo, do desacerbado auto-engano.
Questionamos pouco, pensamos pouco, sabemos pouco,
mas falamos muito e queremos tudo pra ontem
ou no máximo pra agora.
Somos a geração das mentes cauterizadas,
que finalmente descobriu a tão esperada tolerância,
que por sua vez é irresponsável, resultando na já
desavergonhada impunidade.
Um viva ao século XX - mais conhecido como Negro
por ter sido Vermelho. Outro ao século ao XXI
que por peso e medida - queira Deus - seja lembrado como
o século da Consciência. E por terceiro e último um
Viva a Todos nós! Afinal de contas evoluímos muito se comparado
aos homens das cavernas, não é? !

Kléber Novartes

Em versos rimados, beijos roubados
Cartões guardados, sonhos empoeirados
Abraços apertados, sorrisos escancarados
Mãos entrelaçadas, promessas renovadas
Será que já te disse alguma vez que eu te amo sem rimar?
E o mal de poeta, querendo impressionar.

xXBrunoXx

DEPUS

Minha alma são cartões postais
De amor explícito
Varais de panos coloridos
Ou quintais de milho verde.
Mas sei perfeitamente quando penso
Que quem me põe feliz e aventureiro
Pode me elevar aos ares de repente
Voando com as asas de mim mesmo.
E em meio a todo o caos desta história
Eu sei perfeitamente
Quando vivo.
E vou morrer berrando
Urrando pela boca das palavras.
O que me toma o tempo
E me constrange
São as relações dos homens
Com o salário
A relação dos bois com o matadouro.
O que me seca o jarro de acácias
Amarrado num gesto inútil.
Mas você é uma quitanda exposta à Ilha
Onde amanheço
E volto pelo avesso
Com a barriga cheia de sorrisos.
Um anjo, louca das profundezas do paraíso
Das cavernas dafelicidade, amém.

Naeno Rocha

Existem poucas coisas que o dinheiro não pode comprar... Para todas as outras cartões de crédito e talões de cheque.

daniel XX

VOCÊS SE LEMBRAM?
COLECIONÁVAMOS CARTÕES DE LIGAÇÕES TELEFÔNICAS. E HOJE COLECIONAMOS LIGAÇÕES REJEITADAS DA PESSOA AMADA...
LEMBRAM?
COLECIONÁVAMOS SELOS DE CARTAS. E HOJE COLECIONAMOS CARTAS SEM SELOS, ENVIADAS LOGO NO COMEÇO DIZENDO GOSTO MUITO DE VOCÊ..
COLECIONÁVAMOS SORRISOS AO LADO DA NAMORADA. E HOJE COLECIONAMOS FRASCOS DE LAGRIMAS EM MEMORIAS DO PASSADO...
AH VOCÊS SE LEMBRAM?
COLECIONÁVAMOS SAUDADE, PARA QUE QUANDO CHEGASSE A HORA DE VER A PESSOA AMADA, A EMOÇÃO SER MAIS FORTE. E HOJE COLECIONAMOS A SAUDADE DE UM JEITO TORTURADOR, POR QUE SABEMOS QUE AQUELE GRANDE AMOR NÃO VEREMOS MAIS...
COLECIONÁVAMOS TAMBÉM, PALAVRAS COMO EU TE AMO E ATE QUE A MORTE NOS SEPARE. E HOJE COLECIONAMOS PALAVRAS COMO ME ESQUEÇA, POR QUE A MORTE NÃO VEIO MAIS O AMOR MORREU...
O PASSADO GUARDA SEGREDOS EMOÇÕES E INFELIZMENTE DECEPÇÕES...
O AMOR SIMPLESMENTE VIROU UM DESEJO QUE TA DIFÍCIL DE SACIAR..
MUITA GENTE AGORA SE LEMBROU DE TEMPOS PASSADOS E BUSCOU EM SUA MEMORIA ANTIGOS CONVÍVIOS DO PASSADO...

Guilherme Eudes

Eu gosto de cartões feito a mão. Gosto de olhares e momentos que falam por si só -sempre que possível dispense palavras. Gosto de encontrar bilhetes com frases singelas ou observações da noite anterior -Isso dispensaria qualquer ligações, mas ligue assim mesmo só para reforça a ideia de que foi lindo e que mais algumas rodadas cairiam bem. Isso causaria uma aquelas pequenas perturbações nos cantos dos meus lábios. Me faça rir sempre que houver uma oportunidade.
Gosto de gentilezas -Puxe a cadeira,abra a porta do carro,me ofereça o casaco (Lembre-se eu sou quase romântica)
Gosto de livros, do cheiro, gosto e personalidade, então, escreva uma dedicatória em um livro, coloque uma foto nossa e deixe na minha porta com uma rosa -fazendo isso, nada vai tirar o sorriso do meu rosto pelo resto do dia.
Observe as cores do dia e me convença de que realmente se importa com isso.
Gosto de presentes fora de datas comemorativas. Surpreenda-me porque o inesperado atua no mais fantástico e complexo do nosso ser... Na memória!
Saiba ouvir e se souber me ensine. Eu gosto de aprender... E de sorvete de morango.
Gosto de cachorros, gatos e odeio pássaro enjaulados.
Gosto de tardes modorrentas no sofá, com coberto, pipoca e um filme antigo.
Gosto de perder a noção do tempo, andar descalça, do cheiro da maresia e odeio panos de prato e vassouras.
Gosto de arvores grandes, sentimentos grandes, pensamentos grandes, espelhos grandes, famílias grandes, quartos grandes, vocabulários grandes,camas grandes, cães grandes, pratos grandes, sonhos grandes e realizações maiores ainda.

Isabel Rocha

"A vida é feita de dívidas, boletos bancários, cartões de créditos , conta de luz, água, telefone, gás, compra do mês, alimento do dia, trabalho e pagamentos"

Everton Legari