Cartas de Tristeza

Cerca de 1330 cartas de Tristeza

Pra você.

Ei, calma, relaxa...
vá vivendo que tudo se encaixa.

Até me assusto
vendo logo você,
que se encanta
com todo conto doce que lê,
que chora com quem canta o amor mesmo sem ter,
de repente se entristecer
com algo bobo que lhe acontecer.

Preste atenção,
não sofra em vão.
Corre pra felicidade,
pois a tristeza,
essa,
voa com destreza.

Marco Paschoal

O QUE NUNCA VAI LER...

Pensando na vida lembrei de você...
Lembrei de momentos juntos
Dos carinhos, abraços teus...
Dos embaraços e desencontros
Bem como dos encontros desembaraçados...

E chorei...

Chorei porque no amago nasceu a duvida
No peito germinou a incredulidade
E tudo o que se fez notório foram as
Interrogações, que insistem pairar em minha mente.

Se és tão lindo e belo o amor;
Por que nunca acontece;
Por que tantas dificuldades;
Perseguições, lamuria???

Se plantamos o amor; e por ele vivemos
Deveras colheríamos de seu fruto;
E não o ódio ócio e nada fugaz.

Se acredito que ele é mais forte
Por que baixa a guarda o amor
E sobre ele tripudiam
Os que não amam???

Ah, amor!!! Quem um dia irá
De ti conseguir explicações;
Para tantos infortúnios
Daqueles que só queriam AMAR.

Ou quem sabe nas entrelinhas da vida
Entender por que abrimos mão do amor
Se o fazemos por amarmos demais...

Mas enfim... Se verdade for que
O sofrer inspira o poeta;
A solidão, sua principal companhia
E a tristeza seu refugio...

Verás aqui transcrito
Tudo o que diz meu coração...
Todavia jamais lerás
QUE POR UM SEGUNDO
EU DEIXEI DE TE AMAR.

A.S.F

Calaram o poeta
e o poeta se calou...
Cortaram seu desejo de poeta
e aquele seu grande amor!
Engoliu o seu talento
e fez clamar em sofrimento.
a solidão daquele ser,
e no silêncio da tristeza,
e na calada da noite,
ele grita por um poema
e com tanta sabedoria,
ele rima o proprio lema.
Mas pra onde foi o poeta?
que no coração lamenta,
o grande amor que perdeu.
E espera na janela,
a sua amada que é tão bela,
mas sabe que não mais
beijará os labios dela!

Ana Kika

Ontem fui à uma festa (não vou em festas). Aniversário de minha amiga. Me diverti tanto, dancei tanto. Quando acabou, voltei para casa, pra minha realidade (que, de fato, não tenho do que reclamar). Mesmo assim, fiquei triste. Dormi triste, acordei triste. Mas por que tanta tristeza? Me diverti tanto num dia, junto a tantas pessoas. Senti falta de gente, de compartilhar alegria. Cheguei em casa e estava sozinha. No dia seguinte, continuei sozinha. Gosto de ficar sozinha, mas fiquei triste por estar. Queria estar com alguém mais que tudo. Queria companhia. Alguém pra ficar sozinho comigo, junto. O problema de se acostumar com a solidão, é que depois que tu prova o gostinho de estar junto, de compartilhar, de conhecer novas pessoas, sente falta de tudo isso. Eu senti. Estou sentindo.
Vai passar, eu sei.

Laura Cabeda.

Lados da vida

Por que complicamos tudo?
Ao bem somos mudos
Enquanto louvamos o mal
Não parece normal

Levamos os problemas a sério
E prendemos as alegrias
Com todo o nosso mistério
Pioramos nossos dias

Adoramos o errado
Reprimimos o certo
Estamos do outro lado
Do fundo estamos perto

A vida depende de nós
Pode ser leve ou atroz
Escolhemos a nossa visão
Que seja a clara então

Somos nosso próprio mestre
Se escolhermos o melhor lado
Por mais que a vida nos teste
Teremos sempre a amado.

Rodolfo Mair Coelho

Estrada vazia

Como se escuta o coração
Se ele é mudo e sem beleza
Como se segue a razão
Se ao coração ela está presa

Ó grande treva
Que meus olhos cobre
Talvez não seja nobre
Digno de uma trégua

Seguindo essa estrada
Meu sonho se apaga
Incerto a caminhar
Talvez chegue a algum lugar.

Rodolfo Mair Coelho

Homem bom

O grande homem
Cujos anos não morrem

De filósofo a razão
De poeta o coração

A mão do escultor
Os olhos do pintor

Profundos os valores
Verdadeiros os amores

Coragem de um leão
Céus de um falcão

Crepúsculo do conhecimento
Aurora do tempo

Uma nova ilusão
Uma bela invenção.

Rodolfo Mair Coelho

Podridão

Falsos profetas
Enviados a sua vida
Cumprindo suas metas
Alegria prometida

Cobras imundas
Amam na presença
E odeiam na ausência
Pouco profundas

Podres megeras
Com um sorriso pior
Que o coração de pedra
De sangue e suor

A mão da besta
Vestida de branco
Acaricia a cabeça
Num torto encanto

Tentam o afastar
Do seu nobre caminho
Sua defesa é lutar
Quebrar os espinhos

Tome muito cuidado
Não caia nas graças
Do mal tão amado
Das malditas traças.

Rodolfo Mair Coelho

Despedida...

Eu preciso ir,
não posso ficar.
Preciso partir,
Infelizmente,
terei que te deixar.

Não digo adeus,
porque não quero
ver nem sombras
de lágrimas tristes
nos olhos teus.

Quero te pedir
um ultimo sorriso
para eu lembrar
a cada vez que
a saudade apertar!

Gui Gouvêa

Gui Gouvea

"Bom dia povao dorminhoco acordaaaaa!!!
Comece o dia fazendo uma limpeza! Varra de seu coração: a tristeza, a angústia, a aflição... Varra de sua vida: a inveja, a maledicência, a fofoca... Varra do seu corpo: a preguiça, o tédio, os maus pensamentos, e tenha um bom dia!"

—By Coelhinha

(Abnizia) By Coelhinha

Não sei quem sou.

Nunca soube quem eu fui.
Mas agora sei quem eu hei de ser!
Serei o vento soprando na noite fria.
Serei o canto dos pássaros traduzindo a tristeza do mundo.
Serei as lágrimas que escorrem sobre o rosto de uma triste menina.
Serei as águas quebrando na beira da praia.
Serei os olhos tristes de alguém descontente.
Serei a boca clamando piedade.
Serei o coração sangrando e pedindo igualdade!

Robson Barreto

HOJE O DIA DO MEU CASAMENTO

Muitas pessoas que acompanham meus poemas sabem que só escrevo quando a tristeza inunda meu coração. Hoje é o dia do meu casamento e estou deveras afogado em uma imensa solidão, desapego, tristeza e dor, porque todos os meus sonhos com aquela pessoa se foi.

Ontem quando fui ao cartório buscar minha certidão de nascimento e cancelar o matrimonio, veio a mim a imagem dos meus sonhos se desmoronando, se quebrando como um vidro atacado por uma pedra. Oh meu Deus me ajude nesses momentos. Essas lágrimas que correm sobre o meu rosto são as mais triste que já chorei por um amor.

Este choro é porque eu acreditei que havia encontrado o amor, porque eu acreditei que tudo seria possível ao lado dela. Mas não. Infelizmente, eu me esqueci do desapego emocional, que a minha felicidade não depende de outra pessoa. Maldita hora que decidir fazer isso aqui:

HOJE TOMEI UMA DECISÃO DA MINHA VIDA!
Eu sei o quanto sofri e o quanto chorei para chegar ao nível de desapego emocional e quando cheguei ao topo, ao clímax, onde eu não poderia mais subir, ou seja, me desapegar mais dos meus sentimentos amoroso... Comecei a perguntar por que comecei isso? Por que não amar ninguém além de mim mesmo? Tsc, tsc.
Hoje, 31 de novembro de 2012, concluo o seguinte: estou cansado de não amar ninguém, de não me preocupar com ninguém, cansado de dizer "ainda bem que eu não sinto isso ai que 'vocês' chamam de amor". Cansei e declaro guerra a tudo que existem sobre o desapego emocional.
Vocês podem até me perguntar, mas Jonh, você que defendia tão ferrenhamente isso, por que vai desistir?
Respondo, "não sou nem contra e nem a favor, meio assim sabe?".
Para entender a minha decisão só lendo isso aqui irá facilmente entender minha decisão: http://pensador.uol.com.br/colecao/jonhjonhcarvalho/
Como dizia o poeta: “Eu quero a sorte de um amor tranquilo, com sabor de fruta mordida...".

Porque meu Pai eu dei ouvidos a esta pessoa que me prometeu estar comigo para sempre? Porque eu acreditei nela? :’(

Não sei como será daqui para frente, só sei como não será, que Deus me ajude!

jonhjonhcarvalho

NÃO FIZ NADA DO QUE NÃO QUERIA FAZER

Não fiz nada do que não queria fazer
E ninguém me obrigou a nada
Gosto do lugar pelos amigos
Pelas experiências vividas
Pelo crescimento pessoal
Tem muita conversa
Muitas pessoas diferentes e encantadoras
Que te fazem querer ser uma pessoa melhor
Confesso que nunca me droguei
Nunca participei de bacanagem
Nem mesmo fiquei porre lá
E mesmo assim amo aquele lugar

Eu sei que as pessoas mudam
As coisas acontecem
E não somos mais as mesmas pessoas que éramos ontem

Não quero que o tempo passe rápido
Muito menos que ele passa devagar
Quero que passe no tempo certo

Viver cada momento saboreando a vida e no fim de tudo dizer: nossa minha vida foi boa demais!
Obrigado meu Rei e Salvador por ter me escolhido e me amado primeiro

jonhjonhcarvalho

Espada de prata

A coroa de prata
Segue a irmã
A espada sonata

A espada imortal
Maior que um clã
Mancha o vitral

O elmo de ouro
Ao sol reluz
É luz do tesouro

Reis sucumbem
Fazem os deuses
Que as terras inundem

Marchando e matando
A estrela do dia
A espada voando

Os homens do mar
Doce ironia
Na água a tombar

O homem dos céus
Bebe o vinho
E cospe o mel

No inferno sozinho
Clama os tronos
Herdeiro de Chronos.

Rodolfo Mair Coelho

Sinto-me sufocada por tudo o que me rodeia,
Sinto-me sufocada pela dor que me consome,
Sinto-me uma ovelha desgarrada do seu rebanho sem saber qual rumo tomar,
Sinto-me uma perdedora,
Sinto-me vazia.
É como se gente eu não fosse.
Sinto-me como um problema na vida de todos que me cercam.
A cada dia que se passa perco o restinho de esperança que me resta, não tenho mais certeza de que as coisas vão dar certo.
Estou esgotada, frustrada, angustiada, sufocada.
Sufocada com as perdas,
Sufocada com o presente,
Sufocada pelas mágoas.
Chegando ao ponto de derramar oceanos pelos olhos.
Não sei para que lado devo ir, não sei que rumo tomar, não sei para onde seguir.
Queria apenas um mundo só meu, onde não me sentisse assim nunca.
Estradas e mais estradas.
Quero fugir, correr, andar, por qualquer lugar sem destino. Com apenas a mão de Deus guiando os meus passos.

Stephanie Nunes dos S.

Imóvel sob as longas horas que se tornam anos. Vejo minh’alma entorpecida através de um olhar superior. 
Vejo uma garotinha desorientada. O medo aniquilou suas esperanças. Seus sonhos não morreram, a realidade os enterrou, “apenas”.
Ela já não saía nos dias chuvosos para se divertir em poças. Se escondia e chorava ao ver as lágrimas que a chuva deixava escorrer pela janela. Aquilo alimentava sua amigável solidão, havia acostumado com aquele momento de retraimento.
Sentia proteção longe das pessoas, não que ela as odiasse, era uma fuga constante da intrujice. Se auto-protegia mas sempre acabava fazendo tudo errado. Se machucava como todas as outras experiências mas preferia ser magoada por si própria do que pelos que passaram e que passam. Embora isso seja uma das teorias criadas por ela, sabia que era mentira, doía até mais, mas ela sempre achava ter controle sob si e seus sentimentos.
Se privava de todas as emoções, exceto do dissabor. Se feria mais ao se subtrair. Sempre se escondendo dos riscos e consequências que os sentimentos trazem. Ela preferia assim.
Desperto, vejo em mim a realidade. Sim, isso tudo é efetivo, é real.
-Amanda Fernandes

Amanda Fernandes

seus olhos que me afogam em brilho
seus olhos que já não me olham mais
a necessidade de saber de você
a necessidade de deixar você
gostaria apenas de uma dose de silencio,
seria possível?
da última vez foi me servido amor...
e só me fez afogar...
quem sabe uma garrafa de ódio, bem batido com raiva de si
a ressaca será dura, porém não será dolorosa
dominando a arte de matar tudo de bom que o cerca,
de destruir tudo q lhe tem afeição
simplesmente tudo....

Kelver Machado Vargas

E em meio às incoerentes linhas dessa vida desordenada vou caminhando me contorcendo entre mais espinhos que flores...
Atiro-me ao primeiro choro, me arrisco ao primeiro soluço, me reviro na cama à procura de algo que nunca tive ou esqueci que tive ou quem sabe tenho e não sei conviver com tal.
Entrego-me a primeira música, sem abreviações me faço completa e pergunto a mim mesma que negócio é esse de ficar assim sempre nessa melancolia de doer. Aonde ando que não me encontro?
Mais um dia à procura de mim mesma nos estreitos vãos da vida.

Simone Resende

Escutamos de pessoas únicas, palavras que nos fazem sangrar...
É fato... Quem mais nos ama também nos machuca, às vezes, até mais que qualquer outra pessoa, pois a dor é tão forte que ficamos doentes por algum tempo, enlevados...
E ai refletimos...
Será que também já fizemos um alguém sangrar?
Provavelmente com a mesma ou até maior intensidade.
Tem que ter jogo de cintura e seguir... Não dá pra ficar questionando o tamanho das dores e de que forma ela se estagnou... Pois a vida têm dessas coisas doloridas e cruéis.
A propósito, se esperamos uma palavra de conforto, também temos que doá-la... Afim disso, tende entender que, assim como estamos sentindo a dor, também podemos provocá-la.
Ciclo humano, aonde todos os sentimentos e acontecimentos podem ocorrer...
Bem vindos a bordo nessa embarcação!
Simone Resende

Simone Resende

Ainda não encontrei o lado doce da vida.
Ainda não senti o açúcar melado.
Açúcar pelo qual faria meu paladar.
Sinto o gosto forte do amargo.

O sol nasce cinza
E se põe preto.
Não ouço a benevolência do meu pensamento,
Ouço o fúnebre alarde, um horrível barulho.

Sozinha no escuro,
Sem amparo nem ventura,
Aqui no meu quarto passando apuro,
Deitada na cama tornando-me perjura.

Samanta Bernardi